Facebook

Textos publicados no Facebook, ainda sem reorganização.

2019-06-04

4 Jun 2019 | 1 min de leitura

https://g1.globo.com/educacao/noticia/2019/06/04/ex-ministros-da-educacao-lancam-carta-em-defesa-das-politicas-de-ensino-do-pais-e-da-autonomia-universitaria.ghtml

continua...

2019-06-04

4 Jun 2019 | 1 min de leitura

Não sei se foi o caso no concurso da OAB, mas já há algum tempo que virou moda em concursos não divulgarem as listas de aprovados em quaisquer das fases, mas apenas franquear aos candidatos o acesso a uma página onde podem verificar suas notas e situação. O problema com estes procedimentos é que impedem verificação independente, ainda que apenas pelos próprios candidatos, da lisura do concurso. Fica tudo oculto por trás do véu de suposta infalibilidade do mais poderoso de todos os deuses modernos: O Sistema. E, como ocorre com qualquer deus, a sua infalibilidade se manifesta na infalibilidade dos seus representantes mundanos. A mesma crítica, claro, é diretamente aplicável aos procedimentos eletrônicos de apuração eleitoral, que todos os ministros do TSE sabem ser infalíveis, já que eles também o são. Mas somente O Sistema é mais sábio. https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2019/06/04/pf-identifica-dois-advogados-aprovados-no-exame-da-oab-com-fraude-de-pagamento-a-hackers.ghtml

continua...

2019-06-04

4 Jun 2019 | 1 min de leitura

https://www.ufpr.br/portalufpr/noticias/pesquisas-em-fonetica-forense-contribuem-com-investigacoes-criminais/

continua...

2019-06-03

3 Jun 2019 | 1 min de leitura

Mais uma balbúrdia da UFPR: vídeos sobre a obra de Shakespeare. http://www.shakespearedigitalbrasil.com.br/

continua...

2019-06-03

3 Jun 2019 | 1 min de leitura

Um excelente vídeo da BBC Brasil sobre a balbúrdia reinante na Educação brasileira, fruto da imbecilidade compartilhada entre o presidente Bolsonaro e o ministro Weintraub. https://youtu.be/Z2-LlZIVN1c

continua...

2019-06-03

3 Jun 2019 | 1 min de leitura

A ideia de haver um Plano Nacional para a Educação é a de haver uma estratégia geral, transcendendo governos: é um plano, tem objetivos, e é nacional e não de um governo específico, qualquer que seja ele. É certo que a situação desastrosa na Educação não foi criada pelo governo Bolsonaro, embora este esteja empenhado em piorá-la. Como eu já disse aqui, a catástrofe vem de décadas. Hoje, paradoxalmente, a sociedade de forma geral tem grande desprezo pela Educação e grande apreço pelos diplomas. A reportagem da BBC Brasil menciona que O ministro da Educação, Abraham Weintraub, citou o PNE em sua audiência recente na Câmara dos Deputados, falando da necessidade de que o plano volte a ser debatido e que os investimentos tenham foco nas etapas iniciais da educação, consideradas prioritárias pelo governo. Em outras palavras: o ministro Weintraub quer um novo PNE, com metas que fiquem para um governo futuro, e cujas metas intermediárias sejam as que ele quer alcançar. É fácil ganhar o jogo quando se mudam as regras dele no meio da partida. É fácil… mas é o recurso dos canalhas. https://www.bbc.com/portuguese/brasil-48439963

continua...

2019-06-03

3 Jun 2019 | 1 min de leitura

https://www.bbc.com/portuguese/geral-48440413

continua...

2019-05-31

31 May 2019 | 1 min de leitura

https://braziljournal.com/conceicao-amava-bulhoes-e-o-que-o-brasil-tem-a-ver-com-isso

continua...

2019-05-30

30 May 2019 | 2 min de leitura

Hoje não foi a primeira vez que fui às ruas protestar contra barbaridades de um governo. Certamente não será a última; como cidadão, é meu dever prestar atenção ao que os nossos governantes fazem, e fazê-los saber o que penso sobre isso – com meu voto e com minha voz. Em algumas das ocasiões anteriores, eu estava protestando contra os infindáveis desastres que os governos do PT nos legaram; hoje, fui protestar contra o desastre que o governo anti-PT está realizando no sistema educacional brasileiro – e os cortes de verbas são apenas a parte mais visível do desastre. Há três anos, fomos às ruas contra o governo de Dilma Rousseff. Em cada protesto, apareciam grupos de lunáticos em carros de som e com cartazes chamativos, defendendo intervenção militar e outras sandices. Também apareciam políticos do extremo oposto do espectro político, tentando aproveitar as manifestações para angariar capital político. As pautas dos lunáticos e dos políticos não eram compartilhadas pela maior parte dos que estavam nas ruas. Ainda assim, uma parte significativa dos meios de comunicação se dedicava a realçar ao infinito a presença destas pessoas, frequentemente para desmerecer a maioria dos manifestantes e, portanto, a sua pauta de reivindicações.

continua...

2019-05-30

30 May 2019 | 1 min de leitura

Como se não bastasse a doutrinação ideológica nas escolas, temos a doutrinação de gênero também. Vejam que estas jovens estão vestindo tons de azul em seus uniformes escolares! Todo mundo sabe que a matemática é só o primeiro passo na perdição. Depois vem coisa muito mais pesada: elas podem chegar a universidades federais, e continuar este caminho até se tornarem pesquisadoras e multiplicadoras destas ideias e conhecimentos. Como eu sou apenas um idiota útil que não se preocupa com este país, desejo ardentemente que isso aconteça. Parabéns a estas jovens e a seus professores. http://www.ofluminense.com.br/pt-br/cidades/pedro-ii-alunas-levam-ouro-em-olimp%C3%ADada-de-matem%C3%A1tica

continua...

2019-05-30

30 May 2019 | 1 min de leitura

Mais uma demonstração prática dos efeitos terríveis da doutrinação ideológica, desta vez nas escolas públicas federais de ensino médio. Juliana Davoglio Estradioto acaba de concluir o ensino médio no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul. Claramente, esta é uma doutrinação que marca vidas para sempre. Felizmente. Parabéns, Juliana; parabéns a você e aos professores que investiram na sua formação. https://www.hypeness.com.br/2019/05/brasileira-vence-concurso-mundial-de-jovens-cientistas-e-vai-virar-nome-de-asteroide/

continua...

2019-05-29

29 May 2019 | 1 min de leitura

Mais uma demonstração cabal de balbúrdia, da desordem e do sucateamento das universidades federais. A doutrinação ideológica agora até leva estudantes brasileiros a conseguirem prêmios internacionais. A que ponto chegamos?????? https://educacaoetransformacaooficial.blogspot.com/2019/05/cearenses-levam-ouro-prata-e-bronze-na.html

continua...

2019-05-28

28 May 2019 | 1 min de leitura

E seguem as trevas.

continua...

2019-05-28

28 May 2019 | 3 min de leitura

Leio entrevista do general Augusto Heleno ao Valor (endereço no primeiro comentário). Destaco inicialmente um trecho, no qual o general compara as manifestações do domingo, dia 26, com as manifestações da quarta-feira, dia 15: As pessoas foram às ruas, nesse domingo, pelo Brasil, e naquele outro domingo [sic] foram para satisfazer suas posições ideológicas. A certa altura, respondendo a uma pergunta da jornalista: Quando o governo fala da doutrinação nas salas de aula, há pesquisas sobre isso, levantamento, relatórios? Nossa senhora! Tem muita coisa, só WhatsApp e vídeo no YouTube tem uns 300. É terrível ler que o ministro chefe do Gabinete de Segurança Institucional recorre a WhatsApp e YouTube para formar suas convicções sobre este assunto. Infelizmente, não é a única coisa terrível a ler nesta entrevista. Ao longo da entrevista, o general Heleno ainda faz outras comparações desfavoráveis a estudantes e professores. Em uma delas, compara as depredações que viu, em suas confiáveis fotos de WhatsApp, nas universidades, com a limpeza e a ordem nas academias militares. A culpa disso, claro, é da ideologia e da doutrinação. Pois muito bem. Mantendo a mesma comparação feita pelo general Heleno: as academias militares baseiam-se, integralmente, na doutrinação dos cadetes na ideologia de amor à pátria.

continua...

2019-05-26

26 May 2019 | 1 min de leitura

Vamos fazer uma pequena lista. Incompleta, sim, mas creio que suficientemente esclarecedora. Paulo Guedes: aluno do Colégio Militar de Belo Horizonte, da Universidade Federal de Minas Gerais e da Fundação Getúlio Vargas. Sérgio Moro: aluno da Universidade Estadual de Maringá, aluno e professor da Universidade Federal do Paraná. Abraham Weintraub: aluno da Universidade de São Paulo e da Fundação Getúlio Vargas, professor da Universidade Federal de São Paulo. Onyx Lorenzoni: aluno da Universidade Federal de Santa Maria. Eduardo Bolsonaro: aluno da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O presidente Bolsonaro e todos os militares do governo, por óbvio, foram igualmente alunos das instituições educacionais militares. Todos alunos e professores de tantas e tão variadas instituições de ensino públicas e gratuitas. Recebedores, por anos de suas vidas, do investimento do seu país. O investimento mais sério que existe. E agora, no poder, vários deles estão mostrando exatamente como querem retribuir este investimento. Cuspir no prato em que comeu é a forma mais delicada de definir esta retribuição. Asco é a forma mais delicada de definir meu sentimento.

continua...

2019-05-26

26 May 2019 | 1 min de leitura

Não vou divulgar o vídeo desta barbárie. A imagem fala por si. O prédio histórico da Universidade Federal do Paraná mostrava, desde as manifestações do dia 15 de maio, uma faixa em cor de luto com dizeres pela defesa da educação, pelo orgulho de ser uma universidade pública. Nenhuma conotação partidária. Os manifestantes que se dizem pró Brasil retiraram a faixa, alegando que um prédio público não pode ter política . Ante esta clara demonstração de violência contra ideias diversas das que perfilam, acho que não devo me surpreender que ignorem que tantos prédios públicos abriguem atividades políticas: de qualquer prefeitura ao Palácio do Planalto, de qualquer câmara de vereadores ao Palácio do Congresso, sem falar em ministérios, secretarias de governo, e tantos outros. Revoltem-se contra maus políticos se quiserem; é certo que há muitos motivos para isso. Mas não condenem a atividade política, nem condenem os lugares onde muita gente se dedica a preparar um futuro que esperamos melhor. Não condenem ideias, por mais que discordem delas. Do contrário, o próximo passo será queimar livros. E a história mostra que este nunca é o último passo.

continua...

2019-05-18

18 May 2019 | 1 min de leitura

Para quem apreciou a moldura que eu coloquei em minha foto da página: www.facebook.com/profilepicframes/?selected_overlay_id=2449400182012966 A frase não é minha. Mas foi a melhor de que tive notícia nas manifestações contra os cortes de dinheiro para a educação.

continua...

2019-05-18

18 May 2019 | 1 min de leitura

A recomendação da oficina é especialmente útil para meus amigos e familiares do Rio de Janeiro. Mas os dois exemplos são para todos, em qualquer lugar. Primeiro exemplo: a honestidade e o profissionalismo do sr. Jorge e da sra. Margarida. Profissionais assim têm que ser muito valorizados, sempre. Segundo exemplo: divulgar o que vemos de bom em nossas vidas.

continua...

2019-05-17

17 May 2019 | 1 min de leitura

Para guardar.

continua...

2019-05-16

16 May 2019 | 1 min de leitura

Especialmente para a @[100003586473500:2048:Kath Trauchinski].

continua...

2019-05-15

15 May 2019 | 1 min de leitura

https://www.curiosidadesdaterra.com/2019/05/avanca-grande-muralha-verde-de-8000-km.html

continua...

2019-05-14

14 May 2019 | 2 min de leitura

Leio um artigo na New Yorker (endereço nos comentários) que comenta o declínio na porcentagem de formandos em cursos de História nos EUA, e os efeitos perniciosos para a sociedade causados por este declínio. Provavelmente não passamos, aqui no Brasil, por uma diminuição do número de licenciaturas em História. Mas as licenciaturas de forma geral, e a História em particular, têm sofrido há décadas com o descaso da sociedade e do governo. Em fins de 1981, quando decidi abandonar o curso de Medicina, minha intenção inicial era prestar vestibular para História. Meu pai ficou chocado com a perspectiva de eu me tornar professor e procurou me dissuadir disso, dizendo que era uma profissão sem futuro. Adelaide relata reações semelhantes em sua cidade, quando ela disse que iria fazer o curso de Letras. Esta visão depreciativa das licenciaturas era e continua a ser generalizada. Nos últimos anos, foi perversamente associada a uma condenação ideológica abrangente, com o fantasma da doutrinação por professores – especialmente de ciências humanas – em todos os níveis da educação. Nas últimas décadas, os alunos que vão para as licenciaturas são frequentemente os piores candidatos aprovados no vestibular. O declínio observado em indicadores de rendimento escolar tem sua origem não nos anos do PT – que em nada melhorou o quadro, e na verdade o piorou –, mas vem de décadas de descaso.

continua...

2019-05-12

12 May 2019 | 1 min de leitura

Pôr a mesa é tarefa singela, cotidiana. Uma das inumeráveis tarefas que tantas mães realizam todos os dias, frequentemente sem que ninguém se dê conta do trabalho e do carinho – às vezes, nem mesmo elas. O coração também bate todos os dias, também nos mantém vivos, sem um pensamento consciente nosso. Usar o coração como símbolo para o amor é mesmo muito adequado.

continua...

2019-05-10

10 May 2019 | 1 min de leitura

https://brasil.elpais.com/brasil/2019/05/07/politica/1557244462_796491.html

continua...

2019-05-09

9 May 2019 | 1 min de leitura

Plágio em escala industrial.

continua...

2019-05-09

9 May 2019 | 1 min de leitura

Boas ideias merecem ser divulgadas. Esta caixa de medicamento traz áreas impressas para anotações de dia de início do tratamento e dos horários para tomar o remédio. Uma ideia simples, de custo muito reduzido para a empresa, mas que ajuda bastante os seus consumidores. Parabéns aos designers responsáveis.

continua...

2019-05-07

7 May 2019 | 1 min de leitura

No dia 26 de abril, publiquei aqui um texto sobre os cortes das verbas para a educação. Naquele momento, o presidente Bolsonaro e o ministro Weintraub fingiam que os cortes atingiriam apenas os cursos de ciências humanas. Após uma sucessão de diferentes mentiras, hoje já sabemos que os cortes alcançam todas as universidades, e também alcançam dotações orçamentárias para ensino fundamental e para ensino médio. No texto do dia 26, assim me referi aos anunciados cortes: Perdão: nenhum governo corta verbas para a educação. O que ocorre é contingenciamento. O fato de o efeito ser o mesmo é mero detalhe fático. Dito e feito. Hoje, no Senado, o ministro Weintraub disse que não há cortes de verbas, mas apenas seu contingenciamento. A diferença é fundamental. Afinal, se fossem cortes de verbas, as universidades ficariam sem dinheiro. Felizmente, como não são cortes, e sim contingenciamentos, as universidades vão apenas ficar sem dinheiro.

continua...

2019-05-07

7 May 2019 | 1 min de leitura

Rafael Rosset traz considerações importantes sobre a farsa da universalização do ensino superior e sobre a perversidade da aprovação automática nos ensinos fundamental e médio. Recomendo a sua leitura. Mas faço dois reparos, importantes, ao seu texto. Ao contrário do que afirmou o ministro Weintraub, o MEC não está remanejando verba do ensino superior e concentrando no básico : está cortando verbas significativas em todos os níveis de ensino. Concordo com a afirmação de que há pesquisas inúteis nas universidades federais, da mesma maneira que há leis inúteis, processos judiciais inúteis, empresas públicas inúteis, etc. Mas – felizmente! – há muitas pesquisas importantes e úteis nas universidades federais, em todas as áreas do conhecimento. Prejudicar as pesquisas úteis para extirpar as inúteis? Então vamos eliminar todas as leis porque há leis inúteis? Cultivamos trigo com carinho nas nossas universidades. Quando colhemos, vem também o joio. Mas não vamos deixar de cultivar o trigo por causa do joio. O joio fica para trás, e o trigo vai nos dar o pão de amanhã.

continua...

2019-05-03

3 May 2019 | 1 min de leitura

https://www.unicamp.br/unicamp/ju/artigos/peter-schulz/doutrinacao-e-repeticao-de-opinioes-sem-evidencias

continua...

2019-04-27

27 Apr 2019 | 2 min de leitura

Nossa sociedade não tem prática ou interesse em debates. Não se debatem ideias, propostas, ou conceitos. Mesmo nos períodos menos autoritários de nossa curta história, a prática do livre debate não era buscada, ou sequer considerada como algo desejável. Pais, professores, sacerdotes, chefes, empresas, e especialmente a nebulosa entidade a que chamamos governo e que consideramos como distinta de nós mesmos: todos estes potentados ditam atos e palavras, ensinam conceitos. São imunes a propostas, são surdos a discordâncias, abominam ideias novas. Manda quem pode, obedece quem tem juízo poderia perfeitamente estar em nossa bandeira. Não vemos debate de ideias em campanhas políticas ou em nossos órgãos parlamentares. Alguns lamentam que seja assim, mas não vemos debate de ideias sequer nas universidades! Se o debate nunca é fomentado ou aprendido, não é de surpreender que o que passa por debate por aqui seja um conjunto mal-ajambrado de ataques a pessoas e não a ideias, e de falácias as mais gritantes disfarçadas de argumentos sólidos. Profissionalmente, muitas vezes testemunhei a total ausência de debate. Escrevi inúmeras minutas de pareceres e votos a projetos de lei, apresentando argumentos a favor ou contra alguma proposta, para que os argumentos fossem depois completamente ignorados: o que importava era saber quem havia apresentado o projeto, o que importava era saber se havia algum interesse relevante a ser atendido com a sua aprovação ou rejeição.

continua...

2019-04-26

26 Apr 2019 | 2 min de leitura

Leio reportagens indicando que o presidente Bolsonaro e o ministro Weintraub querem reduzir a dotação orçamentária para cursos de Humanidades, especialmente os de Filosofia e de Sociologia, que eles aparentemente consideram inúteis ou perniciosos. Ainda que se admitisse como correta esta opinião sobre os cursos, o presidente e o ministro ignoram o que não podem ignorar: o art. 207 da Constituição garante às universidades autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial . É possível que o plano não envolva necessariamente atos normativos inconstitucionais; pode ser que pensem em fazer chantagem institucional com as universidades, como foi feito com o Reuni no governo Lula. Essencialmente, a chantagem é: ou aderem voluntariamente ao nosso programa, ou cortamos as suas verbas. Perdão: nenhum governo corta verbas para a educação. O que ocorre é contingenciamento. O fato de o efeito ser o mesmo é mero detalhe fático. Seja por atos inconstitucionais, seja por chantagem, o fato é que presidente e ministro têm este objetivo em vista. Não concordo, não se pode concordar com este objetivo. Chamo a atenção para o fato de os cursos de Filosofia e Sociologia serem individualizados, mas o interesse nefasto alcança cursos de Humanidades . Como Direito. Ou História.

continua...

2019-04-22

22 Apr 2019 | 1 min de leitura

A tradução podia ser melhor. Mas a entrevista é importante. https://arte.estadao.com.br/focas/capitu/materia/feminismo-nao-pode-ser-lugar-de-mulheres-com-odio-de-homem-diz-camille-paglia

continua...

2019-04-17

17 Apr 2019 | 1 min de leitura

Para ficar por dentro de eventos de jogos de tabuleiro (por enquanto apenas em São Paulo): https://www.agendados.net/

continua...

2019-04-13

13 Apr 2019 | 1 min de leitura

https://jornalismodeguerra.wordpress.com/2019/04/13/meu-amigo-pracinha-por-helton-costa/

continua...

2019-04-12

12 Apr 2019 | 1 min de leitura

Honra aos nossos heróis. Chamo a atenção que a maior parte dos atos heróicos pelos quais o sargento Max Wolff foi homenageado eram ações para realizar o resgate de seus companheiros. Descanse em paz, sargento.

continua...

2019-04-10

10 Apr 2019 | 1 min de leitura

Para que existe toda uma equipe trabalhando, se o presidente do Ibama já sabe a resposta que vai dar a um pedido de paracer? (Ah, sim: a resposta é sim, senhor! ) https://exame.abril.com.br/brasil/presidente-do-ibama-rejeita-analise-e-autoriza-leilao-proximo-a-abrolhos/

continua...

2019-04-10

10 Apr 2019 | 1 min de leitura

https://brasil.elpais.com/brasil/2019/04/07/internacional/1554656259_794620.html

continua...

2019-04-04

4 Apr 2019 | 1 min de leitura

O vídeo é de 2016. Tenho certeza que continua válido.

continua...

2019-04-01

1 Apr 2019 | 1 min de leitura

Sexta, sábado, domingo. Três dias nos quais pude, mais uma vez, me deliciar com o ambiente único do Retiro Lúdico. Sessenta horas de jogos; trinta e quatro participantes, com idades entre os oito e os sessenta; sessenta e nove diferentes títulos jogados, mais várias dezenas de jogos que estavam à disposição… Por mais que estes números sejam impressionantes, eles são apenas uma parte da história, e não a mais importante. Um jogo em sua caixa é apenas um amontoado de componentes e regras; é um jogo em potencial. Ele somente se torna um jogo quando pessoas usam o seu potencial e o transformam em algo muito maior do que a soma daquelas partes. Da mesma forma, o Retiro Lúdico seria apenas um amontoado de pessoas jogando, se não tivesse algo mais: a amizade, a alegria, o esforço, o amor de nossos participantes. Os sorrisos que abrilhantam a nossa foto mostram o que há de melhor no Retiro Lúdico. Até o próximo, meus amigos, e muito obrigado!

continua...

2019-03-31

31 Mar 2019 | 1 min de leitura

O sumário perfeito para o dia 31 de março, por Adelaide Silva.

continua...

2019-03-28

28 Mar 2019 | 1 min de leitura

Amigos, o Retiro Lúdico já começou! Amanhã estarei lá para me unir a esta turma formidável.

continua...

2019-03-27

27 Mar 2019 | 1 min de leitura

Aumentou a chance de chuva… e notem a possível baixa de temperatura na madrugada de sábado. Vale a pena lembrar aos mais friorentos que o hotel tem calefação.

continua...

2019-03-26

26 Mar 2019 | 0 min de leitura

continua...

2019-03-25

25 Mar 2019 | 1 min de leitura

Previsão do tempo melhorando. Provavelmente teremos tempo bom durante o Retiro.

continua...

2019-03-25

25 Mar 2019 | 1 min de leitura

Há alguns momentos em que mesmo os jogadores mais inveterados precisam ir repor as energias…

continua...

2019-03-24

24 Mar 2019 | 1 min de leitura

O Retiro Lúdico não tem este nome à toa. Desde o início, nosso evento foi concebido para funcionar em algum lugar no qual os participantes pudessem esquecer do mundo por alguns dias. Por outro lado, também desde o início pensamos em acolher tanto os participantes quanto seus parentes e amigos. Por isso, escolhemos um hotel no qual jogadores e não-jogadores podem passar dois ou três dias com tranquilidade. Nas edições anteriores do Retiro Lúdico, vimos casais nos quais apenas um dos dois era jogador; casais se revezando entre o quarto e a sala de jogo, para poderem jogar e cuidar de suas crianças; grupos familiares maiores, com três gerações, jogando ou se divertindo nas outras dependências do hotel. Alguns dos nossos participantes começam o dia com uma caminhada pelas trilhas do hotel ou com algumas braçadas na piscina, para depois trilhar o caminho da sala de jogo e mergulhar na jogatina com os amigos. Afinal, o mais importante de qualquer jogo é a alegria… e nada mais alegre do que poder curtir momentos felizes com as pessoas amadas.

continua...

2019-03-24

24 Mar 2019 | 1 min de leitura

Júlio Verne, Alexandre Dumas e Monteiro Lobato foram os meus primeiros autores preferidos. Parafraseando Jacques Chirac quando os restos de Dumas foram transferidos para o Panthéon, em 2002, digo de Verne: Com você, fomos Nemo, Strogoff, Ardan, Lidenbrock, Fogg, indo em viagens extraordinárias do mais profundo oceano até o espaço interplanetário. Com você, nós sonhamos; com você, continuamos a sonhar. Obrigado!

continua...

2019-03-22

22 Mar 2019 | 1 min de leitura

Conforme prometido, mais uma atualização da previsão do tempo aqui para a região de Curitiba.

continua...

2019-03-21

21 Mar 2019 | 1 min de leitura

Desde o primeiro Retiro Lúdico, em 2013, sempre fazemos questão de convidar os demais hóspedes e a equipe de entretenimento do hotel a participarem do Retiro. Alguns jogos fazem sucesso facilmente, como o Bohnanza ou o The Pit. Há alguns anos, passei por uma situação particularmente memorável. Um casal de meia-idade e seu filho pequeno estavam hospedados pelo fim de semana, para comemorar o aniversário de 8 anos do pequeno. O problema era que não havia outras crianças com quem ele pudesse brincar; assim, os pais foram até a nossa sala para ver se havia algo que o interessasse. Ficaram intimidados ao ver aquele monte de jogos desconhecidos, muitos em inglês, e já queriam sair. Comecei a conversar com eles. Quando me explicaram a situação, respondi-lhes que havia jogos muito interessantes ali, e que certamente o menino gostaria de jogar alguns. Apresentei-lhes o Hey, That’s My Fish! Sucesso instantâneo! O pequeno adorou o jogo, e ficamos um bom tempo jogando; experimentamos um ou outro jogo além dele, mas foi o que o encantou. Depois do almoço, ele e o pai ainda voltaram e jogaram mais um pouco. O pai agradeceu-me, feliz, por ter salvo a alegria do filho no seu aniversário.

continua...

2019-03-20

20 Mar 2019 | 1 min de leitura

Para quem ainda não sabe o que rola em um Retiro Lúdico…

continua...

2019-03-19

19 Mar 2019 | 1 min de leitura

Não vou me estender, pois o tema daria um livro. Mas penso que esta viagem do presidente Bolsonaro a Washington tornou-se o maior desastre de toda a nossa história diplomática.

continua...

2019-03-18

18 Mar 2019 | 1 min de leitura

O Retiro Lúdico também tem espaço para testes de protótipos. Aqui, o Romir participa do teste de um dos vários jogos desenvolvidos pelo Paulo Gonzaga.

continua...

2019-03-18

18 Mar 2019 | 1 min de leitura

Capitão Aleksandra Grigoryevna Samusenko (1922-1945), do 1º Exército Blindado de Guardas.

continua...

2019-03-18

18 Mar 2019 | 1 min de leitura

Uma resposta primorosa da profa. dra. Débora Diniz, da minha alma mater, a uma afirmação ultrajante de Olavo de Carvalho. Não me importo com o fato de ser uma resposta a ele, até porque duvido que ele aceite o convite da profa. Débora; lembro que Lula ignorou convite análogo feito por Fernando Henrique Cardoso, em 2010. Prepotência, arrogância, ausência de civilidade e de honestidade intelectual não são monopólio de nenhuma tendência política. Mas o que realmente importa neste texto é a defesa vigorosa da pesquisa acadêmica séria e do método científico – da academia, enfim. É evidente que há maus pesquisadores. Também há maus políticos, maus advogados, maus alunos, maus encanadores, maus catadores de lixo nas ruas, maus moradores da Virgínia. Somos todos humanos; todos nós guardamos o potencial para sermos maus ou bons. Focar e realçar apenas o mau menospreza e desrespeita o bom. Obrigado, professora Débora Diniz, por trazer luz a este assunto. https://epoca.globo.com/venha-debater-comigo-olavo-de-carvalho-23525662

continua...

2019-03-17

17 Mar 2019 | 1 min de leitura

Com tanta gente participando do Retiro Lúdico, a variedade de jogos é muito grande… dos pequenos e rápidos, como o Bellz, até os grandes e demorados, como o Mega Civilization.

continua...

2019-03-17

17 Mar 2019 | 1 min de leitura

Aqui está o link para a matéria do Estadão: https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,autor-de-texto-que-deturpou-declaracao-de-reporter-afirma-nao-ter-conta-a-prestar,70002758374

continua...

2019-03-16

16 Mar 2019 | 1 min de leitura

O Retiro Lúdico é uma excelente oportunidade para alguns jogos que dificilmente vêem mesa em situações mais comuns – por exemplo, os mais pesados, ou os que demandam muitos jogadores. Captain Sonar é um deste último tipo. Idealmente, são oito jogadores… e, com jogadas simultâneas, a tensão é redobrada!

continua...

2019-03-15

15 Mar 2019 | 1 min de leitura

No Canto III da Divina Comédia, Dante lê palavras terríveis sobre as portas do Inferno. Conheci este texto na bela tradução de José Pedro Xavier Pinheiro, publicada em 1888. Não posso vencer a pena de Dante nem a de seu tradutor… mas isso não me impediu de fazer uma adaptação livre do texto, que há alguns anos sempre coloco na entrada da sala de jogo do Retiro Lúdico.

continua...

2019-03-15

15 Mar 2019 | 1 min de leitura

A realidade preocupante é que a imensa maioria dos crimes violentos é cometida por gente saudável, portadora de armas, tomada pelas emoções do dia a dia e é exatamente nisso que os políticos não querem que o país pense. https://www.gazetadopovo.com.br/ideias/por-que-os-psiquiatras-nao-podem-impedir-os-assassinatos-em-massa-bbkb9rlpf1wuw8bnd1cta03y6/

continua...

2019-03-15

15 Mar 2019 | 1 min de leitura

Todo grupo de jogadores passa por isso. Há os jogadores que reclamam de todos os que demoram demais (em sua douta opinião). Há os jogadores que demoram demais (exceto em sua douta opinião). E há os que têm que aguentar a briga… Na Confraria Lúdica, já há muitos anos o meu confrade Marcelo Mello Martins criou uma frase emblemática para estas situações. Fiz um meme com ela, e ofereço-o aqui como um serviço de utilidade pública.

continua...

2019-03-15

15 Mar 2019 | 1 min de leitura

Muita gente conhece o tradicional jogo Detetive (Clue, no original). Mas há algumas releituras do tema muito interessantes. Em Kill Doctor Lucky, os jogadores são os assassinos em potencial, tentando assassinar o dono da mansão. Em Mysterium, os jogadores estão em um tênue contato com o fantasma da vítima, tentando descobrir o culpado, o local do crime e a arma usada. Os dois já fizeram sucesso em Retiros anteriores, e o Mysterium já foi pedido para este ano.

continua...

2019-03-14

14 Mar 2019 | 1 min de leitura

Daniel Polli, levo para enfim jogarmos?

continua...

2019-03-14

14 Mar 2019 | 1 min de leitura

A autora foi motivada a escrever este texto ao refletir sobre uma tragédia anterior à atual. Mas o texto continua atual e urgente. Sou um entusiasta dos jogos há muitos anos. Como a Cassiana, recomendo os jogos de tabuleiro justamente por sua característica social. Nós precisamos uns dos outros, sempre. Precisamos de contato humano direto, não intermediado por máquinas e algoritmos. Assino embaixo, com prazer e com dor.

continua...

2019-03-14

14 Mar 2019 | 1 min de leitura

Um jogo que nunca falta no Retiro Lúdico é o Ticket to Ride, em qualquer de suas versões. Gosto muito desta foto, mostrando três gerações de jogadores na mesma partida.

continua...

2019-03-13

13 Mar 2019 | 1 min de leitura

Estas informações vão ser atualizadas quando a data estiver mais próxima, mas já são úteis para vocês irem se planejando. As condições climáticas têm sido amenas, com chuvas frequentes.

continua...

2019-03-13

13 Mar 2019 | 1 min de leitura

Second Front annotated rules, incorporating errata and rulings.

continua...

2019-03-12

12 Mar 2019 | 1 min de leitura

Alguns jogos são figurinhas fáceis nos Retiros Lúdicos, assim como alguns jogadores. O Niagara é um destes jogos: o desafio de pegar pedras preciosas nas corredeiras do rio, fugindo da queda na grande cachoeira, é muito divertido. E nem precisa ser a versão super-ultra-mega-hiper-hardcore inventada pelo Romir.

continua...

2019-03-09

9 Mar 2019 | 1 min de leitura

Contagem regressiva para o Retiro Lúdico! Como sempre, teremos várias dezenas de jogos disponíveis para jogar o dia todo. E quem se interessa por jogos pesados já está combinando as mesas. Por enquanto, estamos acertando mesas de Mega Civilization e Diplomacy. Falta você!

continua...

2019-02-28

28 Feb 2019 | 1 min de leitura

Eu ainda não havia lido as notícias de hoje quando compartilhei o texto da Cora Rónai. Não vou removê-lo, mas leio agora que o ministro Moro voltou atrás e revogou a nomeação por causa de repercussões negativas . Que enorme decepção, que enorme pusilanimidade, que enorme covardia.

continua...

2019-02-18

18 Feb 2019 | 1 min de leitura

Vinte e quatro participantes já fizeram suas reservas no hotel. Ainda dá tempo de você fazer a sua!

continua...

2019-02-13

13 Feb 2019 | 1 min de leitura

Graças à preciosa ajuda do Antonio De Marchi Nammur, que foi conferir o hotel pessoalmente, conseguimos nos acertar com a gerência do Polo Hotel Fazenda, e o primeiro Retiro Lúdico em São Paulo vai acontecer em outubro. Espero vocês lá! https://retiroludico.com.br/SP

continua...

2019-02-13

13 Feb 2019 | 1 min de leitura

Graças à preciosa ajuda do Antonio De Marchi Nammur, que foi conferir o hotel pessoalmente, conseguimos nos acertar com a gerência do Polo Hotel Fazenda, e o primeiro Retiro Lúdico em São Paulo vai acontecer em outubro. Espero vocês lá!

continua...

2019-02-13

13 Feb 2019 | 1 min de leitura

Magnífico comentário de Ricardo Boechat à época da vergonhosa dedicatória que Bolsonaro fez de seu voto autorizando o impeachment de Dilma Rousseff.

continua...

2019-02-13

13 Feb 2019 | 1 min de leitura

Prezado Mentor Neto, adorei seu texto, mas ainda faço um reparo a ele. Era coisa para o governo tomar vergonha na cara e criar uma legislação específica, dura, que incontestavelmente evitasse novas tragédias … Legislação não impede tragédias. Temos leis de sobra, leis até demais, e algumas são muito boas. Mas o governo não as respeita, não as aplica… e, muito, muito pior, NÓS não as respeitamos e não as aplicamos. Tive um professor que dizia que o tribunal é para o direito o mesmo que o hospital é para a saúde. Nós não dependemos de médicos para nos mantermos saudáveis no dia-a-dia, e não devíamos depender de juízes e polícia para que as leis fossem cumpridas.

continua...

2019-02-12

12 Feb 2019 | 1 min de leitura

https://www.revistaamalgama.com.br/02/2019/donata-meirelles-festa-chilique-lacrosfera/

continua...

2019-02-05

5 Feb 2019 | 3 min de leitura

Recebi ontem uma mensagem de e-mail alarmante. O assunto bradava This account has been hacked! Change your password right now! ( Esta conta foi penetrada! Mude imediatamente sua senha! ). O campo remetente da mensagem ( From: ) continha o meu próprio nome e endereço eletrônico, assim como o destinatário ( To: ). O texto era uma ameaça, escrita em mau inglês. Supostamente, o autor era um hacker , que tinha penetrado meu sistema há alguns meses , e que eu jamais poderia encontrá-lo , já que ele estaria mandando a mensagem a partir da minha própria conta. Ele afirmava que tinha colocado um software espião em uma página de vídeos pornôs que eu visitara, e que a partir dela teria instalado este software em meu computador. Prosseguia informando o número de sua carteira bitcoin, e exigia que eu depositasse mil dólares em sua carteira, ou do contrário ele enviaria a todos os meus contatos um vídeo no qual ele teria feito uma montagem e eu apareceria visitando páginas com vídeos pornôs. Deixo muito claro desde já: isso é um conto-do-vigário dos mais mal feitos. A sua credibilidade é mais ou menos equivalente à de um camarada de bermuda e camiseta que me abordasse na rua e dissesse Amigo, eu tenho uma metralhadora pesada em cada um dos meus bolsos, e vou mandar bala se você não me entregar sua carteira .

continua...

2019-01-28

28 Jan 2019 | 1 min de leitura

Mais um filho de Botucatu a levar luz para o mundo.

continua...

2019-01-18

18 Jan 2019 | 1 min de leitura

Que jogos você quer ver no Retiro Lúdico? Que jogos você quer levar? https://www.boardgamegeek.com/geeklist/251900/jogos-para-o-viii-retiro-ludico

continua...

2019-01-18

18 Jan 2019 | 1 min de leitura

Que jogos você quer ver no Retiro Lúdico? Que jogos você quer levar? https://www.boardgamegeek.com/geeklist/251900/jogos-para-o-viii-retiro-ludico

continua...

2019-01-18

18 Jan 2019 | 1 min de leitura

Já estamos com 19 participantes confirmados!

continua...

2019-01-14

14 Jan 2019 | 1 min de leitura

Isto é profundamente perigoso. Não importa qual seja a motivação: toda a República é vítima deste tipo de comportamento. Opinião e posição política não são crimes! Liberdade de expressão e liberdade de pensamento são direitos absolutamente fundamentais. https://www.oantagonista.com/brasil/dossie-anti-pt/

continua...

2019-01-14

14 Jan 2019 | 1 min de leitura

Sou muito mais candango do que carioca. Mas o Rio não sai da alma.

continua...

2019-01-12

12 Jan 2019 | 1 min de leitura

Apresentação no 6º Foro de Agricultura da América do Sul, realizado em Curitiba, em agosto de 2018. Dados extremamente importantes e relevantes sobre agricultura e meio ambiente.

continua...

2019-01-10

10 Jan 2019 | 1 min de leitura

Edição número 5.295.337.992 da série sempre dá para piorar . https://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2019/01/09/o-que-a-ciencia-diz-sobre-a-terra-ser-o-centro-do-universo.htm

continua...

2019-01-03

3 Jan 2019 | 1 min de leitura

Feliz aniversário, professor Tolkien… e muito obrigado.

continua...

2018-12-31

31 Dec 2018 | 1 min de leitura

Uma visão, em gráfico, da distribuição das línguas pelo mundo. https://i.redd.it/dt7bndqetg721.png (Incidentalmente, nem ideia de porque o FB colocou o link para o site espanhol.ma aí embaixo.) Mas há um pequeno senão no gráfico – ou melhor, em um texto ligado a ele. Embaixo, à esquerda, há um pequeno gráfico subsidiário onde se mostra a quantidade de países nos quais cada língua é falada. O texto que acompanha o gráfico diz A razão pela qual o inglês, o francês e o espanhol encontram-se entre as línguas mais difundidas tem suas raízes no passado imperial das nações onde se originaram. O interessante é que este gráfico mostra o árabe como a segunda língua mais falada, entre o inglês e o francês; e o grupo chinês como a quarta mais falada, entre o francês e o espanhol. Mas a difusão geográfica o árabe e o chinês também se deve ao passado imperial das suas nações de origem! Acho muito estranho – perturbador, mesmo – que tanta gente no Ocidente se envergonhe de seu passado e de sua cultura, ao mesmo tempo que enaltece o passado e a cultura de outros povos, mesmo em traços que consideramos condenáveis.

continua...

2018-12-29

29 Dec 2018 | 1 min de leitura

A história é ótima. Pena que o século era o mesmo dos dois lados da Linha Internacional de Data… Será que alguma embarcação fez coisa parecida na noite de 31 de dezembro de 2000?

continua...

2018-12-27

27 Dec 2018 | 1 min de leitura

Second Front Vassal Module v0.4.

continua...

2018-12-13

13 Dec 2018 | 1 min de leitura

http://razoesparaacreditar.com/animais/paulista-animais-fogos-sem-barulho/

continua...

2018-12-10

10 Dec 2018 | 1 min de leitura

Pessoal, recomendo fazer logo suas reservas no hotel. No evento deste ano, outro evento foi marcado para o mesmo fim de semana e algumas pessoas tiveram dificuldade em conseguir vagas.

continua...

2018-12-07

7 Dec 2018 | 1 min de leitura

https://epoca.globo.com/mark-lilla-esquerda-gosta-de-resistir-nao-de-governar-porque-tem-uma-visao-teatral-da-politica-23272249

continua...

2018-12-07

7 Dec 2018 | 1 min de leitura

https://www.istoedinheiro.com.br/salvem-a-literatura-e-as-livrarias-estarao-salvas/

continua...

2018-12-07

7 Dec 2018 | 1 min de leitura

Mais uma vez, profunda tristeza e revolta com os rumos das pessoas que são a alma da minha querida alma mater.

continua...

2018-12-05

5 Dec 2018 | 1 min de leitura

No Brasil, de forma geral as universidades públicas são sistemas fechados em si mesmos. Tanto por dificuldades legislativas e burocráticas quanto por disposição institucional, é quase impossível interagir com elas para beneficiá-las. Conseguir que aceitem uma doação, por exemplo, é uma tarefa que cansaria Sísifo. Da mesma forma, as decisões nestes sistemas fechados acontecem por meios e procedimentos obscuros e obscurecidos. É profundamente lamentável que uma iniciativa tão importante quanto a Alumni Direito leve uma porta na cara da minha alma mater. Profundamente lamentável, nada surpreendente.

continua...

2018-12-04

4 Dec 2018 | 1 min de leitura

Magnífico texto do @[100000761628032:2048:Cesar Benjamin] – infelizmente atualíssimo.

continua...

2018-12-04

4 Dec 2018 | 1 min de leitura

https://slate.com/technology/2018/11/donald-trump-not-a-scientist-climate-denialism-rhetoric.html

continua...

2018-11-30

30 Nov 2018 | 1 min de leitura

https://www.smithsonianmag.com/innovation/woman-whose-invention-helped-win-warand-still-baffles-weathermen-180970900/

continua...

2018-11-25

25 Nov 2018 | 1 min de leitura

A entrevista completa está aqui: https://www.youtube.com/watch?v=-360amBRhuY

continua...

2018-11-24

24 Nov 2018 | 1 min de leitura

Aqui está o link: https://adelaidesilva.pro.br/

continua...

2018-11-24

24 Nov 2018 | 1 min de leitura

https://www.unicamp.br/unicamp/ju/noticias/2018/11/23/em-busca-do-trem-perdido

continua...

2018-11-24

24 Nov 2018 | 1 min de leitura

Mais uma boa notícia. http://piauihoje.com/noticias/piaui-instala-a-maior-usina-de-energia-fotovoltaica-da-america-latina/

continua...

2018-11-22

22 Nov 2018 | 1 min de leitura

Iniciativa de grande importância. https://oglobo.globo.com/sociedade/cientistas-criam-instituto-para-combater-gastos-publicos-em-pseudociencias-23247547

continua...

2018-11-17

17 Nov 2018 | 1 min de leitura

As últimas unidades do SI que ainda dependiam de artefatos-modelo foram redefinidas ontem. https://www.nist.gov/news-events/news/2018/11/historic-vote-ties-kilogram-and-other-units-natural-constants

continua...

2018-11-15

15 Nov 2018 | 1 min de leitura

Recomendo o canal do Romir com todo o gosto. Além de ser uma pessoa formidável, o conhecimento dele sobre jogos é inigualável.

continua...

2018-11-15

15 Nov 2018 | 1 min de leitura

O totalitarismo vai muito bem, obrigado. Não só na China, mas em muitos lugares do mundo. Causando sofrimento, morte e destruição em todos os lugares que alcança. Há mais de meio século que os totalitários do mundo todo aprenderam a dourar seus cassetetes e escrever neles, em neon, palavras como Democracia , Direitos Humanos , Harmonia , Paz . George Orwell sempre revisitado. Força, poder, despidos de controles ou restrições. Não importa se o caminho extremista começa por uma guinada à esquerda ou à direita, porque o destino é o mesmo. Como eu disse aqui há alguns dias, não faz diferença se a bota que esmaga seu rosto está no pé esquerdo ou no pé direito. http://www.spiegel.de/international/world/an-inside-look-at-muslim-reeducation-camps-in-china-a-1238046.html

continua...

2018-11-11

11 Nov 2018 | 1 min de leitura

In Flanders fields the poppies blow Between the crosses, row on row, That mark our place; and in the sky The larks, still bravely singing, fly Scarce heard amid the guns below. We are the Dead. Short days ago We lived, felt dawn, saw sunset glow, Loved and were loved, and now we lie In Flanders fields. Take up our quarrel with the foe: To you from failing hands we throw The torch; be yours to hold it high. If ye break faith with us who die We shall not sleep, though poppies grow In Flanders fields. – John McCrae, 1915

continua...

2018-11-09

9 Nov 2018 | 1 min de leitura

https://www.noticiasaominuto.com.br/tech/416531/conheca-o-local-no-brasil-atingido-por-asteroide-que-matou-dinossauros

continua...

2018-11-02

2 Nov 2018 | 1 min de leitura

Uma saída digna. Ninguém pode querer mais em sua vida.

continua...

2018-11-02

2 Nov 2018 | 1 min de leitura

Nunca mais.

continua...

2018-11-01

1 Nov 2018 | 1 min de leitura

Para os amigos do Rio de Janeiro.

continua...

2018-10-31

31 Oct 2018 | 1 min de leitura

Caso grave de política partidária misturada com assuntos acadêmicos, acontecendo nos EUA, na área de Estudos de Jogos. A política, assim como qualquer outro assunto, tem sempre que ter espaço para debate na academia. Sempre. O partidarismo, NUNCA. https://motherboard.vice.com/en_us/article/pa9jnn/why-is-steve-bannon-giving-a-keynote-speech-about-nationalism-at-an-academic-tech-conference

continua...

2018-10-27

27 Oct 2018 | 3 min de leitura

Pátria minha A minha pátria é como se não fosse, é íntima Doçura e vontade de chorar; uma criança dormindo É minha pátria. Por isso, no exílio Assistindo dormir meu filho Choro de saudades de minha pátria. Se me perguntarem o que é a minha pátria, direi: Não sei. De fato, não sei Como, por que e quando a minha pátria Mas sei que a minha pátria é a luz, o sal e a água Que elaboram e liquefazem a minha mágoa Em longas lágrimas amargas. Vontade de beijar os olhos de minha pátria De niná-la, de passar-lhe a mão pelos cabelos... Vontade de mudar as cores do vestido (auriverde!) tão feias De minha pátria, de minha pátria sem sapatos E sem meias, pátria minha Tão pobrinha! Porque te amo tanto, pátria minha, eu que não tenho Pátria, eu semente que nasci do vento Eu que não vou e não venho, eu que permaneço Em contato com a dor do tempo, eu elemento De ligação entre a ação e o pensamento Eu fio invisível no espaço de todo adeus Eu, o sem Deus! Tenho-te no entanto em mim como um gemido De flor; tenho-te como um amor morrido A quem se jurou; tenho-te como uma fé Sem dogma; tenho-te em tudo em que não me sinto a jeito Nesta sala estrangeira com lareira E sem pé-direito.

continua...

2018-10-26

26 Oct 2018 | 1 min de leitura

Belíssima foto. Lembra o famoso quadro de Delacroix, La Liberté guidant le peuple (A Liberdade guiando o povo).

continua...

2018-10-23

23 Oct 2018 | 1 min de leitura

Como o FB privilegia a informação falsa da foto e não o texto do Bretas, quando eu compartilho, segue aqui como imagem.

continua...

2018-10-21

21 Oct 2018 | 1 min de leitura

Fernando Haddad pouco tem a oferecer de seu nesta campanha; sua vida pública não teve o destaque que a máquina de propaganda do seu partido insiste em apregoar. Apesar disso, é muito fácil Haddad bater Bolsonaro daqui a uma semana. Basta que ele declare publicamente, claramente, que renega e condena os crimes do PT, que os guerreiros do povo brasileiro são na verdade criminosos, que Lula está merecidamente na cadeia, e que ele quer ver todos os criminosos, do PT e de todos os outros partidos, igualmente presos. Esta seria uma real demonstração de seriedade e de coragem. Desafiar o adversário dirigindo-lhe impropérios não é coragem, é desepero transformado em covardia.

continua...

2018-10-20

20 Oct 2018 | 1 min de leitura

Uma pequena homenagem aos meus colegas controladores de tráfego aéreo, no dia internacional dedicado a esta profissão tão pouco conhecida.

continua...

2018-10-19

19 Oct 2018 | 2 min de leitura

O belo sumário do Erick Bretas me lembrou de um texto que publiquei em outubro de 2016: É voz corrente no pensamento esquerdista que a população, chamada a escolher o seu destino, inevitavelmente escolherá o rumo certo : as propostas progressistas , sempre identificadas com a esquerda . Quando isso não acontece, a população foi manipulada por forças sombrias a serviço da classe dominante . No Brasil, recentemente, estas forças sombrias são usualmente identificadas com os media monopolistas e golpistas . Analisando em termos formais, este raciocínio é completamente falacioso: não apenas cria um argumento circular, como ainda parte de considerações apriorísticas — que são, na verdade, artigos de fé. Saio da análise formal e procuro analisar empiricamente este raciocínio . Desde a Constituição de 1988, os partidos de esquerda conheceram um crescimento gradativo em seu eleitorado. Isso culminou com as duas eleições de Lula e a primeira de Dilma para a presidência, mas a segunda eleição de Dilma já mostrava uma inflexão para baixo nesta tendência. Se aceitamos a tese segundo a qual o eleitor esclarecido vota inelutavelmente na esquerda , podemos concluir que, ao longo da última década do século XX, e da primeira década do século XXI, cada vez mais eleitores brasileiros tornaram-se esclarecidos .

continua...

2018-10-17

17 Oct 2018 | 1 min de leitura

Se você quer uma imagem do futuro, imagine uma bota pisando um rosto humano… para sempre. – 1984, por George Orwell Faz alguma diferença se a bota está no pé esquerdo ou no pé direito?

continua...

2018-10-17

17 Oct 2018 | 2 min de leitura

Segundo turno chegando. Dedos na cara e impropérios se multiplicam, dos candidatos aos seus defensores. Choro e ranger de dentes. Mais uma eleição do fim do mundo – nem sei quantas já presenciei. Pessoalmente, não considero qualquer dos dois candidatos dignos de presidirem nosso país. Por palavras e atos, recentes ou antigos, ambos dão mostras abundantes desta indignidade. Não importa. Uma quantidade suficiente de meus concidadãos os escolheu. Lamento a escolha. Mas uma parte importante – essencial! – da democracia é aceitar as escolhas de outros, mesmo quando discordamos delas. Não é uma escolha de Sofia , como alguns dizem; a personagem interpretada por Meryl Streep em 1982 amava os dois filhos, e eu tenho apenas desprezo pelos dois candidatos. Não vou votar em branco e nem anular meu voto. Para o bem e para o mal, não entrego minhas decisões nas mãos de outros. Vou usar a minha régua moral pessoal para escolher um dos dois candidatos. A minha régua moral provavelmente é diferente da sua. Não importa. Mais uma vez, é da natureza deste magnífico jogo. O importante é lembrar que quem for eleito não será o presidente apenas dos que o elegerem, e sim de todo o país.

continua...

2018-10-13

13 Oct 2018 | 1 min de leitura

Hoje foi dia de um jogo já velhinho, mas nada obsoleto: Advanced Civilization, publicado em 1991 como uma releitura do Civilization, de 1980. Duas jóias da minha coleção, e mais velhos do que a maior parte dos jogadores à mesa hoje… Meus prezados adversários não conheciam o jogo venerável, mas mergulharam de cabeça em uma partida disputada e memorável. Parabéns ao Luiz, que venceu com muita categoria. Obrigado, Daniel Polli, por organizar a partida, e obrigado a todos os participantes. Até a próxima!

continua...

2018-10-13

13 Oct 2018 | 1 min de leitura

Violência não tem cabimento no debate político, venha de onde vier. Simples assim.

continua...

2018-10-13

13 Oct 2018 | 1 min de leitura

Destaco e assino embaixo, com todo o gosto: É exatamente este tipo de atitude arrogante, autoritária, que afasta os eleitores da esquerda […] as pessoas consideram UM INSULTO ser tratadas dessa forma condescendente.

continua...

2018-10-13

13 Oct 2018 | 1 min de leitura

Há três dias fui ao bar com minha família. Houve um problema com nosso pedido, por um erro de quem nos atendeu inicialmente. Quando o erro foi percebido, a equipe se esmerou em corrigi-lo e ainda nos ofereceram um belo desconto. Erros podem acontecer em qualquer lugar, com qualquer pessoa. O que mostra a qualidade de um estabelecimento comercial é a maneira como lidam com os erros. E a equipe do God Save The Beer mostrou toda a sua qualidade aqui. Voltaremos, com certeza. Obrigado!

continua...

2018-10-13

13 Oct 2018 | 1 min de leitura

A comunidade do RPG está enlutada. Faleceu Greg Stafford, fundador da Chaosium e criador do Runequest, Pendragon, e vários outros jogos. Comecei a jogar RPGs em 1987, quando meu confrade Adriano trouxe três RPGs da França. Um deles era a edição francesa do Pendragon. Eu já era apaixonado pela Matéria da Bretanha, e adorei o jogo. Até hoje é um dos meus sistemas favoritos — e estou justamente em meio a uma adaptação da grande campanha dele. Obrigado, mestre Stafford. https://www.chaosium.com/blogvale-greg-stafford-1948-2018/

continua...

2018-10-02

2 Oct 2018 | 1 min de leitura

Meus amigos, tenho a imensa satisfação de convidá-los para a oitava edição do Retiro Lúdico. Ela vai acontecer entre os dias 29 e 31 de março de 2019, no Estância Betânia. Mais detalhes em nossa página: https://retiroludico.com.br/ https://www.facebook.com/events/281814892434538/

continua...

2018-10-01

1 Oct 2018 | 1 min de leitura

Foi um evento bastante instigante. Achei particularmente interessantes as considerações do prof. Breno sobre reações sociais históricas às vacinas, como a Revolta da Vacina no Rio de Janeiro; eu não tinha ideia de que este não era um caso isolado. Os dois temas mostraram de forma muito clara a necessidade de informação ágil e eficaz sobre ciência para a população. As palavras-chave na frase anterior são ágil e eficaz . As informações são abundantes, mas encontrá-las não é um processo trivial ou intuitivo. Dois dias antes do Transpints, um editorial no Estado de São Paulo trazia notícias sobre iniciativas de comunicação do Ministério da Saúde, no Brasil, e do Center for Disease Control, nos EUA, com o objetivo duplo de fornecer informações confiáveis e de combater informações falsas. Divulgação científica não é um problema novo. Os novos meios de comunicação trazem um novo campo para o problema. Continua sendo uma necessidade combater a ignorância e os efeitos da estupidez; o novo desafio é que os novos meios de comunicação deram a esta última um alcance enorme para seus gritos.

continua...

2018-09-30

30 Sep 2018 | 1 min de leitura

Episiotomia é um corte cirúrgico, realizado corriqueiramente em partos naturais nos hospitais brasileiros. Eu já sabia que este procedimento não tem efeitos comprovados, que muitas vezes é realizado pelo obstetra sem consultar a mulher — ou mesmo contra sua vontade expressa. O que era, para mim, mais uma das graves distorções do atendimento médico no Brasil, agora mostra uma face ainda mais grave e canalha: o procedimento também serve como pretexto para deliberada mutilação genital. Isso é rotina. Vai perguntar se faz ou não? Não é decisão dela. Que asco!

continua...

2018-09-27

27 Sep 2018 | 1 min de leitura

Minha família sabe: qualquer dos meus órgãos pode ser doado. Minha esposa e eu somos doadores regulares de sangue, e estamos registrados como doadores de medula óssea. Procedimentos muito simples, que podem fazer toda a diferença para alguém.

continua...

2018-09-26

26 Sep 2018 | 1 min de leitura

https://warisboring.com/hurricane-maria-killed-as-many-american-citizens-as-911/

continua...

2018-09-19

19 Sep 2018 | 1 min de leitura

Texto genial de Nelson Moraes sobre o alcance necessário do humor. O bom humorista tem sempre que ser capaz de rir de si mesmo; ora, se ri de si, por que poupar outros?

continua...

2018-09-18

18 Sep 2018 | 1 min de leitura

https://www.gazetadopovo.com.br/opiniao/artigos/um-premio-para-a-negligencia-nao-podemos-deixar-8yz6g4oejp1gn1o22grywmopw/

continua...

2018-09-18

18 Sep 2018 | 1 min de leitura

@[100000158018771:2048:Sonia Zaghetto] escreve mais um texto brilhante. Um trecho, em especial, me chama a atenção: No nosso país deseducado de 2018, os teóricos de Facebook, incitadores de massas, conduzem o pensamento dos que jamais se dedicaram com seriedade à pesquisa e às ciências humanas, hoje ridicularizadas por causa dos exageros de alguns militantes nas universidades. Existem ciências humanas para além das ideologias rasas. Existe ciência e existem cientistas nas humanidades. Deixar as ciências humanas de lado é tão pernicioso quanto vesti-las com uma ideologia política.

continua...

2018-09-17

17 Sep 2018 | 1 min de leitura

Recebi hoje a notícia triste do falecimento de meu tio Raimundo, irmão de meu pai. Meu tio vinha enfrentando diversas doenças já há anos; ele tinha acabado de completar 78 anos. Para além das consequências da idade avançada, boa parte dos problemas de saúde de meu tio tinham origem bem conhecida. Ele foi oficial da Marinha do Brasil. Era um homem brilhante; foi um dos pioneiros em computação no nosso país. Não conheço os detalhes, mas sei o bastante. Nos anos de chumbo da ditadura, ele recebeu uma ordem ilegal de um almirante, e se recusou a cumpri-la, mesmo quando ameaçado. O almirante ordenou que ele fosse internado na ala psiquiátrica do hospital Marcílio Dias. Ele passou alguns anos lá, sofrendo com o isolamento e com a forte medicação. Foi reformado por invalidez. Ao sair, era uma sombra do homem que fora. Recuperou parte de sua saúde. Após o fim da ditadura, conseguiu reaver, nos tribunais, sua patente e seus proventos. Impossível reaver seus anos perdidos e sua saúde perdida. Sei que o caso dele não foi único. É fácil esquecer que os abutres da ditadura devoravam os seus tão facilmente quanto os inimigos . Mas algumas memórias ficam. Descanse, meu tio.

continua...

2018-09-15

15 Sep 2018 | 1 min de leitura

Muita gente no Brasil tem a ilusão que os EUA são um lugar onde tudo é bom. Curiosamente, nós gostamos de importar o que de pior eles têm em sua cultura. Mas, neste campo, os EUA ainda estão correndo atrás do Brasil. Temos experiência de décadas em menosprezar e desprezar o trabalho dos professores. O link para a matéria da Time está no primeiro comentário.

continua...

2018-08-30

30 Aug 2018 | 1 min de leitura

É hoje! Estarei lá.

continua...

2018-08-16

16 Aug 2018 | 1 min de leitura

No hurry in this… but I’d appreciate if someone could upload high-quality scans of the East Africa maps from WW. I was certain that I had had them scanned before I sold the game…

continua...

2018-08-14

14 Aug 2018 | 1 min de leitura

https://www.gazetadopovo.com.br/opiniao/artigos/ciencia-no-brasil-um-iceberg-que-derrete-5aay8zvxgzoxli2r895o4l3jm

continua...

2018-08-11

11 Aug 2018 | 1 min de leitura

Five years ago, I tried to create a Grand Europa ZunTzu gamebox. It didn’t work out at the time; the file was too big. Perhaps this may be feasible in VASSAL.

continua...

2018-08-11

11 Aug 2018 | 1 min de leitura

I have just uploaded to the files section the SF Errata and Rulings file, which clocks at 166 pages. Quite longer than the original rules.

continua...

2018-08-11

11 Aug 2018 | 1 min de leitura

This is a HTML file with all errata and rulings for Second Front, compiled from errata files, Rules Court and other TEM sections, and mailing list posts by the Europa powers that be.

continua...

2018-08-11

11 Aug 2018 | 1 min de leitura

Friends, I have finished the first version of a Second Front VASSAL module. It does not include charts, tables, rules or OBs. Feel free to download it (link in the first comment), and please send me any comments and suggestions. UPDATE: Lars Wistedt noticed the first bug: American divisions do not flip. The cadres were added as divisions and not as the flip side of the main counters. The next release will have the corrected counters, but I’ll wait a bit more to see what new bugs appear. Thanks, Lars Wistedt! The same error appears in US brigades and regiments.

continua...

2018-08-11

11 Aug 2018 | 1 min de leitura

Leiam. Ouçam. Cantem. Sonhem.

continua...

2018-08-10

10 Aug 2018 | 1 min de leitura

Para que serve pesquisa básica? Para ajudar a economizar água no mundo inteiro, por exemplo. https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2018/08/10/o-que-e-o-salto-hidraulico-o-fenomeno-observado-por-da-vinci-que-so-agora-a-ciencia-conseguiu-explicar.ghtml

continua...

2018-08-03

3 Aug 2018 | 1 min de leitura

Muito interessante a entrevista com o CEO da Hasbro, hoje a proprietária do Dungeons and Dragons. Joguei bastante este sistema. Acho-o fraco, mas o papel dele no mercado e na história dos RPGs é importante. Parte de meus motivos para gostar de RPGs de mesa é como indica o executivo: é um jogo cara-a-cara, imersivo, que gosto de jogar com outras pessoas. Daí vem a minha surpresa: depois de reconhecer isso como um dos motivos que leva o D&D a estar ganhando mercado, o executivo diz que a Hasbro vai criar um conjunto de jogos digitais e investir pesado em esports e jogos online. Claramente, o executivo não vê um jogo e sim uma marca. Boa sorte para a Hasbro. Felizmente, uma das coisas maravilhosas com os RPGs é que eles não dependem das companhias que os publicam para que continuemos a jogá-los. https://www.cnbc.com/2018/07/23/hasbro-ceo-dungeons--dragons-is-having-its-best-year-ever.html

continua...

2018-08-01

1 Aug 2018 | 1 min de leitura

Descanse, professor.

continua...

2018-07-25

25 Jul 2018 | 1 min de leitura

Amigos de Brasília, não percam esta oportunidade.

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

I have just uploaded the six issues of Line of Communications to the files area of the group. The submissions to this magazine were top notch, I was proud to be its editor.

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #6, September 2008

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #5, June 2008

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #4, March 2008

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #3, December 2007

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #2, September 2007

continua...

2018-07-21

21 Jul 2018 | 1 min de leitura

Line of Communications #1, June 2007

continua...

2018-07-19

19 Jul 2018 | 1 min de leitura

Uma das características da UFPR é ter seus prédios espalhados por toda a cidade, ao invés de tê-los todos em um mesmo campus. Os prédios do campus Reitoria, onde tive aulas durante meu mestrado, ficam bem no centro de Curitiba. A segurança é quase nenhuma. Não há qualquer controle de entrada. Os escassos vigias já viram pessoas entrarem nos prédios e irem tomar banho nas pias dos banheiros, arrancando os sifões de saída da água e ficando embaixo das pias. Já houve muitos furtos. Claro que algumas pessoas — professores, alunos e funcionários — defendem a necessidade de mais segurança, ainda que com medidas de pouco impacto — como a instalação de catracas e necessidade de identificação. Estas propostas são sistematicamente derrubadas à força de urros estridentes, que funcionam como a mortalha sonora de um argumento completamente falacioso: a universidade é pública, então ela tem que estar de portas sempre abertas para todos . Ignoro se o mesmo acontece na UFPB. Boa sorte às respectivas comunidades. https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2018/07/19/homem-armado-faz-arrastao-em-sala-de-aula-da-ufpb-em-joao-pessoa.ghtml

continua...

2018-07-17

17 Jul 2018 | 1 min de leitura

Neste fim de semana, fui com a família conhecer Foz do Iguaçu, que ainda não conhecíamos. Adianto as respostas às perguntas que mais nos faziam no local, supondo que também fora de lá se preocupam com isso: sim, fomos ao Paraguai, e sim, fizemos compras. Pouquíssimas, não chegamos nem perto da cota de importação de uma pessoa. Lugar interessante, mas não fomos a Foz em busca de compras, e sim em busca de beleza. Fomos amplamente recompensados! Da majestade das quedas d’água às singelas borboletas, dos marcos de fronteiras que há mais de um século mantêm-se abertas pacificamente à imponência da obra que fornece energia preciosa a tantas pessoas e lugares, sem falar na constante maravilha de ver tantas pessoas, ouvir tantos idiomas, compartilhando maravilhas e maravilhamento. Voltaremos.

continua...

2018-07-11

11 Jul 2018 | 1 min de leitura

Que coisa maravilhosa! São Paulo está de parabéns! https://g1.globo.com/olha-que-legal/noticia/biblioteca-do-parque-villa-lobos-em-sp-concorre-a-premio-internacional-de-melhor-instituicao-publica-de-2018.ghtml

continua...

2018-07-11

11 Jul 2018 | 1 min de leitura

Israel é um dos muitos lugares que ainda espero conseguir visitar. Se você for a Israel, minha forte recomendação é procurar minha amiga Helena, que emigrou para lá há muitos anos. Ela é guia licenciada pelo governo israelense, após um curso puxado e um exame ainda mais puxado. https://www.facebook.com/tourguideinisrael.helena.americano/

continua...

2018-07-06

6 Jul 2018 | 2 min de leitura

Este jogo é bom porque é rápido! Ouvi estas palavras muitas vezes, às vezes dirigidas a mim. Marcelo, meu amigo há quarenta anos, cunhou a frase pela mesma época da criação da Confraria Lúdica. Ele a usava frequentemente, quando achava que um dos seus adversários estava demorando demais a realizar uma jogada. Ouvíamos a frase em qualquer jogo, ainda que um dos mais demorados. Eu a adotei, e frequentemente a usava com outros jogadores, especialmente quando estava ensinando algum novo jogo. Mais de quinze anos após eu começar a ouvir a reclamação, eu estava em uma partida de Diplomacia; alguns de meus adversários já conheciam o jogo, mas eu nunca jogara com eles. Para minha surpresa, a certa altura um dos jogadores solta: Este jogo é bom porque é rápido! Imediatamente quis saber dele de onde havia saído a frase. Sua primeira resposta foi ah, isso é cultura popular de jogadores . Fucei mais um pouco e descobri que ele havia aprendido a frase com a mesma pessoa que lhe ensinara a jogar Diplomacia, e que tinha aprendido comigo… junto com a frase. Marcelo se sentiu lisonjeado quando lhe contei a história. E a frase continua ganhando o mundo. Já a ouvi em algumas outras circunstâncias.

continua...

2018-07-02

2 Jul 2018 | 1 min de leitura

Não entendo uma palavra de sueco. Mas entendo muito de apreciar boa música. Com vocês, mestre Sivuca na Suécia, em 1969. https://www.youtube.com/watch?v=IfQgANPl6Wc

continua...

2018-06-29

29 Jun 2018 | 1 min de leitura

https://g1.globo.com/educacao/noticia/90-das-universidades-federais-tiveram-perda-real-no-orcamento-em-cinco-anos-verba-nacional-encolheu-28.ghtml

continua...

2018-06-27

27 Jun 2018 | 1 min de leitura

As eloquentes palavras do professor Modesto Carvalhosa.

continua...

2018-06-26

26 Jun 2018 | 1 min de leitura

Especialmente para os amigos de Brasília.

continua...

2018-06-23

23 Jun 2018 | 1 min de leitura

É sempre um prazer falar sobre ideias. A conversa com o @[100001351007155:2048:Fernando Henrique] e o @[1787462330:2048:Guilherme Zaffari] foi muito bacana. Obrigado, aos dois, por esta oportunidade. http://www.holodeckdesign.com.br/holodeck-02-tracos-distintivos-de-estrategias-em-jogos/

continua...

2018-06-20

20 Jun 2018 | 1 min de leitura

Uma belíssima iniciativa. Espero que prospere muito mais. https://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/um-clube-para-levar-a-serio-adolescentes-se-reunem-para-pesquisar-e-desenvolver-novos-produtos.ghtml

continua...

2018-06-19

19 Jun 2018 | 6 min de leitura

No dia 30 de maio, um grupo de deputados federais apresentou, à mesa da Câmara, um requerimento para a abertura de uma CPI. 190 deputados assinavam o requerimento. Ostensivamente, o objeto da CPI é a investigação sobre irregularidades contra escritórios de advocacia nas investigações da Operação Lava-Jato. Veladamente, o objeto da CPI é atacar de frente as operações de investigação — Lava-Jato e tantas outras — que estão conseguindo erguer um pouquinho o tapete da sujeira institucional. O requerimento ainda está em tramitação, e ninguém estava preocupado com ele — até que a imprensa percebeu a armação, publicou a lista dos signatários e divulgou o verdadeiro objetivo da pretendida CPI. Depois que a lista foi publicada, diversos deputados vieram a público, para dizer que tinham se enganado, que assinaram sem ler, que não era essa a intenção, que o texto foi modificado depois, que apóiam incondicionalmente a Lava-Jato, etc. etc. etc. etc. etc. etc. ad pra lá de muita nauseam. Também depois que a imprensa começou a fazer barulho sobre o caso, vários deputados pediram que seus nomes fossem retirados da lista de signatários; durante reunião com o presidente da Câmara, reclamaram da divulgação da lista na página da Câmara. Reclamaram, em suma, que a manobra de bastidores tenha sido exposta publicamente — especialmente para seus eleitores…

continua...

2018-06-18

18 Jun 2018 | 1 min de leitura

@[100005347786183:2048:Caetano W. Galindo], esta é especialmente para você. https://www.nytimes.com/2018/06/12/magazine/the-strange-case-of-the-missing-joyce-scholar.html

continua...

2018-06-14

14 Jun 2018 | 2 min de leitura

Quando os Aliados faziam seus planos para o final da 2a Guerra, uma das questões que discutiram foi o que fazer com os líderes das nações agressoras e com seus subordinados. Churchill, Roosevelt e Stalin, em diferentes ocasiões, cogitaram a execução sumária dos principais responsáveis pelas atrocidades cometidas durante a guerra. Terminada a guerra na Europa, os governos aliados adotaram uma posição diferente, e levaram os líderes da Alemanha nazista a julgamento perante o Tribunal Militar Internacional em Nuremberg. Quatro magistrados, representando os principais países vencedores, julgaram 24 réus, indiciados por promotores das quatro nações. Dos acusados, 12 foram condenados à morte, 3 foram inocentados, e os demais receberam penas de prisão variadas. O Tribunal de Nuremberg foi duramente criticado, desde sua criação, por motivos diversos. Muitas críticas vinham dos próprios réus e seus advogados; outras vinham de líderes políticos, de juristas, da imprensa. A maior parte das críticas chega a uma conclusão comum: que o julgamento foi apenas um espetáculo de propaganda, e que não passou do exercício do poder dos vencedores sobre os vencidos. Penso que esta avaliação comete um erro fundamental. As normas processuais do Tribunal foram estabelecidas pela Carta de Londres, publicada em 8 de agosto de 1945.

continua...

2018-06-11

11 Jun 2018 | 3 min de leitura

Outro dia, lendo notícias sobre as leis sauditas sobre a mulher, refletia sobre mudanças acontecidas na situação legal feminina em muitos países do mundo, em um período bem recente da História. Há pouco mais de cem anos, mulheres eram presas por tentarem votar, ou por defenderem a necessidade de métodos de controle de natalidade. O Código Penal, de 1941, já não considerava a prostituição como crime. No início da década de 1960, o Código Civil brasileiro foi modificado; o homem deixou de ser considerado o chefe da família , e as mulheres ganharam o direito de gerir seus próprios negócios sem necessidade de autorização de seus maridos. Na década de 1970, lembro do impacto causado pelo julgamento do assassino de Ângela Diniz. Sua defesa usou o então tradicional pretexto de legítima defesa da honra , e usou a tática ainda tradicional de manchar a reputação da vítima. A dupla canalhice funcionou a princípio, mas o impacto da campanha quem ama não mata levou a um novo julgamento, no qual o assassino foi condenado por homicídio doloso qualificado. Nos anos subsequentes, testemunhamos mudanças legais e jurídicas como as leis de proteção à mulher, reconhecimento de relacionamentos fora do casamento, e outras.

continua...

2018-06-10

10 Jun 2018 | 2 min de leitura

Há alguns dias, li na RPG.net uma resenha, escrita por Endzeitgeist, sobre o RPG Faith (versão 2.0). Mecanicamente parece ter algumas ideias interessantes, mas a resenha deixa claro que o grande apelo do sistema é o ambiente criado para o jogo: um mundo de ficção científica, no qual existem seres sobre-humanos — deuses — e existem evidências empíricas de seu poder. O ponto interessante é o que Endzeitgeist declara sobre a questão da fé. Primeiro, ele comenta que, sendo ateu, estava preocupado com um jogo de ficção científica que lidasse com aspectos sobrenaturais , afirmando — com razão — que a fé não exige evidência empírica. Ele prossegue, elogiando o ambiente do jogo por oferecer esta evidência, provando que aqueles deuses existem e têm poderes reais. Não estou, aqui, preocupado com o jogo, que sequer conheço. Mas considero muito interessante que um autor e jogador tão experiente ficasse preocupado, pouco à vontade, com a ideia de um RPG de ficção científica tratar de fé — aparentemente, porque ele mesmo não tem uma fé religiosa. O interessante é que a fé é um fenômeno muito real! Humanos têm as mais variadas fés e crenças. Há os que acreditam em um único Deus, ou em muitos deuses, ou que não existem deuses.

continua...

2018-06-10

10 Jun 2018 | 1 min de leitura

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/06/01/ciencia/1527888323_707155.html

continua...

2018-06-07

7 Jun 2018 | 1 min de leitura

Como eu dizia hoje, mais cedo.

continua...

2018-06-07

7 Jun 2018 | 2 min de leitura

A votação de ontem, no STF, sobre o voto impresso, foi um absoluto vexame. Não me refiro ao vexame habitual que são os votos ofensivos e canalhas de Gilmar Mendes, mas à posição da corte. Uma parte significativa do sistema foi desenvolvida por uma empresa que se envolveu em fraudes eleitorais em outros países. O TSE cria, há décadas, empecilhos a verificações e auditorias do sistema. Apesar de tudo isso, os peritos da PF conseguiram identificar vulnerabilidades. Nenhuma surpresa: NÃO EXISTE SISTEMA COMPLETAMENTE SEGURO E À PROVA DE FALHAS! E eu não me refiro apenas a sistemas digitais. O corolário da frase destacada é que você sempre precisa de mecanismos de verificação e de controle. Mas as nossas urnas são à prova de falhas, segundo dizem nossos grandes juristas. Nenhum deles tem conhecimentos mais do que superficiais sobre computação, mas sentem-se à vontade em falar que quem critica a urna eletrônica desconhece o sistema eleitoral (Alexandre de Moraes) e que temos o melhor sistema de apuração do mundo (Luís Roberto Barroso). Pessoalmente, acompanho a sustentação oral de Miriam Gimenez, advogada da Associação Pátria Brasil. O escrutínio é um ato administrativo, que deve ser público. Mas há 22 anos ele é secreto, pois não há como verificar os votos eletrônicos.

continua...

2018-06-03

3 Jun 2018 | 1 min de leitura

O exemplo de dona Normália é maravilhoso. Espero que ela ainda aprenda muito em sua vida. O que me deixa mais feliz na reportagem é que ela continua a estudar. Alfabetização não é um processo que se possa declarar encerrado em algum momento. Eu ainda estou me alfabetizando, e espero nunca parar. https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/comecei-a-enxergar-com-os-olhos-da-carne-antes-eu-via-apenas-com-os-olhos-da-fe-diz-idosa-que-aprendeu-a-ler-e-escrever-aos-71-anos.ghtml

continua...

2018-05-30

30 May 2018 | 1 min de leitura

https://www.jota.info/opiniao-e-analise/artigos/gdpr-criancas-adolescentes-digital-29052018

continua...

2018-05-24

24 May 2018 | 1 min de leitura

https://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/gda-%e2%94%80-borges-neto-magistral/

continua...

2018-05-23

23 May 2018 | 1 min de leitura

Uma excelente notícia. Mais uma vez, São Paulo merece parabéns. https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/prefeitura-de-sp-proibe-fabricar-vender-e-soltar-fogos-de-artificio-na-cidade.ghtml

continua...

2018-05-19

19 May 2018 | 1 min de leitura

Costumo brincar sobre minha condição de advogado, dizendo que sou advogado não-praticante . Com efeito, nunca militei , como dizem os colegas; minha atuação profissional no campo do Direito sempre foi como consultor legislativo do Senado. A visão que tenho sobre o exercício da advocacia é a mesma que o saudoso Sobral Pinto mais de uma vez externou. É triste, muito triste, verificar que é uma visão incomum e anacrônica. Mais um de meus quixotismos, suponho. A advocacia não se destina à defesa de quaisquer interesses. Não basta a amizade ou honorários de vulto para que um advogado se sinta justificado diante de sua consciência pelo patrocínio de uma causa. https://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/a-falta-que-faz-um-sobral-pinto-3/

continua...

2018-05-19

19 May 2018 | 1 min de leitura

Após publicar tantas notícias ruins da UnB, é muito bom ver uma excelente ideia sendo posta em prática lá. https://www.metropoles.com/distrito-federal/educacao-df/unb-aprova-proposta-que-permite-doacoes-de-dinheiro-e-bens

continua...

2018-05-19

19 May 2018 | 1 min de leitura

Cenas do primeiro dia do Retiro Lúdico.

continua...

2018-05-16

16 May 2018 | 1 min de leitura

Os primeiros participantes chegam amanhã ao hotel. Seremos quase quarenta jogadores. Já temos mais de cem jogos na lista dos que serão levados. https://www.boardgamegeek.com/geeklist/239005/vii-retiro-ludico-que-jogos-levar

continua...

2018-05-16

16 May 2018 | 1 min de leitura

Os primeiros participantes chegam amanhã ao hotel. Seremos quase quarenta jogadores. Já temos mais de cem jogos na lista dos que serão levados. https://www.boardgamegeek.com/geeklist/239005/vii-retiro-ludico-que-jogos-levar

continua...

2018-05-09

9 May 2018 | 2 min de leitura

Repito, aqui, o texto de Sonia Zaghetto sobre o assunto. Fico profundamente entristecido e enraivecido que a UnB esteja neste estado. ================== Dado o silêncio dos jornais de Brasília sobre o assunto, publico o conteúdo da nota e do boletim informativo (foto) do Conselho do Instituto de Ciências Exatas, sobre os fatos ocorridos no período de invasão da Reitoria da Universidade de Brasília. São denúncias muito graves que prejudicam profundamente a universidade. Vão de furto a constrangimento de pesquisadores estrangeiros em visita à UnB, passando por gente armada de faca e intimidação de professores e servidores. O boletim informou que na invasão da reitoria foram furtados objetos dos servidores da UnB e material de escritório; e que agendas e documentos foram manuseados com luvas cirúrgicas. A Nota do Conselho denunciou: bloqueio das entradas do Instituto Central de Ciências (ICC) por pessoas encapuzadas; bloqueio de entradas de salas de aulas e auditórios com carteiras; invasões de espaços comuns tais como: secretarias, salas durante as aulas, laboratórios e locais cedidos às Unidades da Reitoria; ameaças e intimidações a servidores técnicos-administrativos, docentes, discentes e dirigentes; circulação de pessoas encapuzadas portando FACAS e pedaços de pau. O Conselho acrescenta que os fatos mencionados foram vivenciados por membros do Instituto e comunicados, em tempo real, por diversos meios de comunicação, à Administração da Universidade.

continua...

2018-05-05

5 May 2018 | 1 min de leitura

Minha alma mater, onde passei tantos bons anos. Dói-me a alma.

continua...

2018-04-23

23 Apr 2018 | 1 min de leitura

Descobri agora há pouco a notícia do falecimento, em 8 de setembro passado, do dr. Jerry Pournelle. Primeiro, fiquei surpreso por não ter sabido disso; mas, após procurar — e não encontrar — qualquer notícia em jornais brasileiros, minha surpresa mudou de lugar. Pournelle foi responsável por alguns dos textos mais instigantes nas cinco últimas décadas em três campos principais: ficção científica, tecnologia e política. Era um homem extremamente capaz e bem informado, ao mesmo tempo que podia ser insuportavelmente ácido, sem qualquer paciência com qualquer um que considerasse idiota. Tenho especial apreço por A Step Farther Out, Inferno, West of Honor, e — especialmente — The Mote in God’s Eye (em co-autoria com Larry Niven). As últimas palavras que escreveu, na véspera de seu falecimento: Freedom is not free. Free men are not equal. Equal men are not free. Gente assim sempre faz falta.

continua...

2018-04-09

9 Apr 2018 | 1 min de leitura

Mais detalhes: https://www.media.mit.edu/projects/alterego/frequently-asked-questions/#faq-what-is-alterego

continua...

2018-03-30

30 Mar 2018 | 1 min de leitura

Garimpado pelo João Bosco… um evento na terra de Tio Sam que tem muito a ver com o nosso. http://www.icarustours.com/

continua...

2018-03-30

30 Mar 2018 | 1 min de leitura

Garimpado pelo João Bosco… um evento na terra de Tio Sam que tem muito a ver com o nosso. http://www.icarustours.com/

continua...

2018-03-27

27 Mar 2018 | 2 min de leitura

A denúncia é grave, o problema é urgente. Mas a forma de sua apresentação, só para variar, é enganosa. As obras inacabadas são mostradas, os estudantes reclamam, e as manifestações das universidades são reportadas, quase que uniformemente, como segundo a universidade, faltam recursos. Em meio à reportagem, relata-se que o MEC identificou mais de duzentas obras paradas; ao final, ouvimos que o MEC investiu , nos últimos dois anos, quase quatro bilhões de reais nas instituições federais de ensino superior (IFES), mas que a aplicação dos recursos é responsabilidade das universidades e que o seu papel é de apenas fiscalizar como os recursos são empregados. Lindo. O que não se fala é que, nos últimos três anos, apesar da letra da lei no orçamento federal, as IFESs recebem a informação de que seus recursos estão contingenciados e que não há previsão de se, quando e quanto serão liberados. Notem que isso inclui todos os recursos das IFESs, e não apenas os destinados a obras. Sâo os recursos para as chamadas despesas de custeio — que, em qualquer país sério, não seriam chamados investimento —, para as despesas com movimentação de pessoal acadêmico, para as pesquisas, para financiar as atividades discentes… e para as obras.

continua...

2018-03-22

22 Mar 2018 | 1 min de leitura

Por doloroso que seja ver manobras e chicanas na mais alta corte da República, esta é apenas a ponta vistosa de um gigantesco iceberg, formado pelas lágrimas congeladas de milhões de vítimas. https://brasil.elpais.com/brasil/2018/03/21/politica/1521649986_468307.html

continua...

2018-03-22

22 Mar 2018 | 1 min de leitura

This may be of interest. After collecting all the errata and rulings on Second Front that I could find, I created this annotated rulebook.

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Vamos? https://www.facebook.com/events/746386385567338/

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Criei a lista para combinar e pedir jogos a levar: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/239005/vii-retiro-ludico-que-jogos-levar

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Criei a lista para combinar e pedir jogos a levar: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/239005/vii-retiro-ludico-que-jogos-levar

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Pessoal, confirmada a data do Retiro Lúdico de 2018: 18 a 20 de maio. https://www.facebook.com/events/746386385567338/

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Pessoal, confirmada a data do Retiro Lúdico de 2018: 18 a 20 de maio. https://www.facebook.com/events/746386385567338/

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Pessoal, confirmada a data do Retiro Lúdico de 2018: 18 a 20 de maio. https://www.facebook.com/events/746386385567338/

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Pessoal, confirmada a data do Retiro Lúdico de 2018: 18 a 20 de maio. https://www.facebook.com/events/746386385567338/

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Este ano, o Retiro Lúdico está sendo organizado pelo Romir Paulino e pelo Daniel Polli. Com a palavra, Romir: https://www.youtube.com/watch?v=XDSRp7gyyAw

continua...

2018-03-15

15 Mar 2018 | 1 min de leitura

Este ano, o Retiro Lúdico está sendo organizado pelo Romir Paulino e pelo Daniel Polli. Com a palavra, Romir: https://www.youtube.com/watch?v=XDSRp7gyyAw

continua...

2018-03-07

7 Mar 2018 | 1 min de leitura

Fico extremamente feliz em ver uma iniciativa desta natureza, especialmente por acontecer na minha alma mater, a Universidade de Brasília. Ao contrário do que acontece em muitos outros países, no Brasil a legislação torna quase impossível realizar doações para as universidades federais. A associação Alumni conseguiu driblar isso, indo direto a alunos. Uma ideia excelente, que espero ver dar bons frutos no futuro. https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/ex-alunos-da-unb-compram-computadores-e-livros-para-calouros-de-baixa-renda.ghtml https://www.facebook.com/alumnidireitounb/

continua...

2018-02-27

27 Feb 2018 | 1 min de leitura

Quando cheguei à UnB, em 1981, já estava lá o Gilson Queiróz, em sua banca de jornais. Fui frequentador diário de sua banca por muitos anos, mesmo depois que acabei minha graduação. Gilson sempre foi um grande amigo e excelente profissional. Por meio dele, conheci vários amigos que ainda me acompanham. A última vez em que o encontrei pessoalmente foi há coisa de quatro ou cinco anos, em uma de minhas visitas a Brasília. Fui à UnB e fiz questão de visitá-lo. Recebeu-me com o sorriso e o carinho de sempre. Mas avizinha-se o momento em que Gilson vai nos deixar. Ele está há tempos enfrentando um câncer muito sério, e agora a quimioterapia foi suspensa; ele está internado no HUB, desenganado. Meu amigo vai agora percorrer o caminho que todos percorreremos. Que seja um percurso tranquilo, embalado pela alegria e carinho que ele sempre prodigalizou a tantos. ATUALIZAÇÃO: Gilson faleceu na tarde de hoje, 27 de fevereiro. (Foto de Beto Monteiro/Secom UnB)

continua...

2018-02-27

27 Feb 2018 | 1 min de leitura

Aude et effice. https://brasil.elpais.com/brasil/2018/02/23/ciencia/1519391635_401299.html

continua...

2018-02-26

26 Feb 2018 | 1 min de leitura

https://veja.abril.com.br/blog/lillian-witte-fibe/emma-gabriela-e-stephany/

continua...

2018-02-21

21 Feb 2018 | 1 min de leitura

Assino embaixo das considerações da juíza Vanessa Felix.

continua...

2018-02-13

13 Feb 2018 | 2 min de leitura

Aproveitei o Carnaval para ir a Brasília rever amigos e família — especialmente meus filhos, Lilah, Thalia e Arthur. Fiquei muito feliz em poder passar um pouco mais de tempo, desta vez, com Arthur e Thalia. Os dois estão descobrindo e criando seus percursos, e isso é maravilhoso de ver. Quando Thalia nasceu, compramos um berço bastante grande para ela. O estrado para o colchão do berço podia ser abaixado à medida que ela crescia. Como a profundidade e o comprimento eram bons, o berço foi sua cama até os dois anos de idade, quando começamos a preparar ambos — berço e Thalia — para a chegada de sua irmã Lilah. Como o berço era fundo, mesmo aos dois anos de idade Thalia não conseguia sair dele sozinha. Quando ela acordava, pela manhã, me chamava, feliz: Papai! Acordei! Meu escritório ficava perto do quarto dela, e eu ia abrir o seu quarto, dando-lhe beijos de despertar e ajudando-a com a rotina matinal. Sua nova cama foi colocada ao lado do berço que ia agora receber sua irmã. A cama tinha guardas laterais até a metade, então ela poderia sair sozinha. Mas ela manteve a rotina do despertar, iniciada com seu chamado, e continuou a fazer o mesmo por muitos meses.

continua...

2018-02-12

12 Feb 2018 | 1 min de leitura

Palavras de uma mulher, representante de uma cultura duramente vitimizada pela apropriação cultural.

continua...

2018-02-12

12 Feb 2018 | 1 min de leitura

Palavras de uma mulher, representante de uma cultura duramente vitimizada pela apropriação cultural.

continua...

2018-01-23

23 Jan 2018 | 2 min de leitura

Retomando a questão do gênero gramatical, sob a perspectiva do chamado machismo da língua , hoje eu estava pensando em um ângulo da perspectiva histórica. Estudos em linguística comparada mostram muito claramente que os pressupostos que embasam discussões sobre este machismo da língua não fazem sentido: por exemplo, há línguas que não marcam gênero e são faladas em sociedades extremamente machistas, há línguas nas quais considerações de sexo não se refletem nos gêneros gramaticais, etc. Mesmo estudos em linguística dentro de uma mesma língua desmentem estes pressupostos — penso nos estudos do prof. Luiz Schwindt, da UFRGS, por exemplo. Historicamente, a associação entre sexo e gênero gramatical foi uma invenção de Protágoras, um filósofo pré-socrático (aprox. 490-420 aC) — e de uma maneira retomada pelos ativistas de hoje! Aristóteles conta, na Retórica (1407b6-7), que Protágoras afirmava que o gênero gramatical de uma palavra tinha que refletir o seu sentido. No verso que abre a Ilíada ( Cantai, ó deusa, a cólera de Aquiles ), Protágoras dizia que cólera não podia ser uma palavra do gênero feminino (no português como no grego), porque se referia a um sentimento que é peculiar a homens e não a mulheres… Protágoras não logrou sucesso em sua tentativa de reformar a língua grega para que fizesse sentido .

continua...

2018-01-17

17 Jan 2018 | 1 min de leitura

Há alguns meses, fomos jantar em casa de um casal de amigos. Ela é professora do ensino fundamental; leciona em uma escola pública, em uma das regiões mais carentes de Curitiba. Durante a conversa, ela nos contou que muitas das crianças sonhavam que um dia poderiam comer as coisas lindas que viam na televisão — doces, sanduíches, frangos, biscoitos, refrigerantes, … Como tantas coisas na vida, e como diz Pazzianoto em seu texto, a fome tem gradações. A fome faz parte do cotidiano destas crianças, destas famílias. Elas não estão morrendo de fome; estão condenadas a morrer enquanto sobrevivem. https://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/geografia-da-fome/

continua...

2018-01-12

12 Jan 2018 | 2 min de leitura

Hoje é o aniversário da minha querida filha Thalia. Ela estuda cinema, e pediu aos amigos recomendações de filmes, livros, séries e outros para este novo ano. Os amigos já deram recomendações muito interessantes, embora todas muito contemporâneas. Assim, resolvi meter minha colher e, aproveitando a condição emprestada pela idade, fazer recomendações cinematográficas que vão bem mais para trás… As recomendações estão aqui por motivos variados, e são de gêneros e períodos também variados. É exatamente esta a minha ideia; embora o foco dela esteja em outro gênero, é sempre importante ter uma visão mais ampla da arte cinematográfica. 2001: A Space Odyssey (1968) Alexander Nevsky (1938) Apt Pupil (1998) The Big Country (1958) Brazil (1985) Bringing Up Baby (1938) Cyrano de Bergerac (1990) Dangerous Liaisons (1988) Denial (2016) Dogma (1999) Duck Soup (1933) The Elephant Man (1980) Fahrenheit 451 (1966) A Fish Called Wanda (1988) A Funny Thing Happened On The Way To The Forum (1966) Galaxy Quest (1999) Good Morning Vietnam (1987) The Great Race (1965) Hair (1979) High Noon (1952) The Illusionist (2006) Inherit the Wind (1960) It’s a Mad, Mad, Mad, Mad World (1963) Judgement at Nuremberg (1961) Kill Bill (2003-2004) The Last of the Mohicans (1992) The Lion in Winter (1968) Lost Horizon (1937) Man of La Mancha (1972) Man on the Moon (1999) Men of Honor (2000) The Name of the Rose (1986) A Night to Remember (1958) Oh!

continua...

2018-01-08

8 Jan 2018 | 3 min de leitura

No dia 5 de dezembro último, tive o prazer de assistir às palestras de um evento muito interessante — Sentidos: Negociações e Diálogo —, organizado pelo Departamento de Literatura e Linguística da UFPR. Duas das palestras trataram de assuntos que tangenciam propostas e afirmações politicamente corretas . Estas palestras foram proferidas pelo professor Luiz Carlos Schwindt, da UFRGS, e pela professora Maria Helena de Moura Neves, da UNESP. A primeira discutia a percepção comum de que a língua é machista ; a segunda discutia a própria ideia do discurso politicamente correto, colocando o foco em exemplos literários. É interessante chamar a atenção para a própria expressão politicamente correto — political correctness , no original em inglês. Ela começou como uma expressão pejorativa, usada como uma referência direta ao discurso aprovado pelo partido ( party line ) dos comunistas históricos. O uso desta expressão ganhou o mundo a partir da década de 1980. Por mais que a expressão seja relativamente recente, a ideia que a fundamenta é mais antiga. Em sua palestra, a professora Moura Neves mencionou uma situação familiar aos que acompanham a política brasileira: o uso da forma de tratamento Vossa Excelência nos discursos parlamentares. Esta forma de tratamento é determinada pelos regimentos das nossas casas legislativas, já há muitas décadas.

continua...

2018-01-05

5 Jan 2018 | 1 min de leitura

Leio muitas notícias dando conta das manifestações, protestos e ocupações que o PT incentiva e patrocina na capital gaúcha, no próximo dia 24. Manifesto, aqui, a forte esperança de que a Brigada Militar (a PM do Rio Grande do Sul) não trate os manifestantes com o mesmo respeito, com o mesmo espírito democrático e pluralista, sempre tão demonstrados pela polícia venezuelana, tão elogiada por Lula e pelo PT. Espero, ao contrário, que a Brigada Militar atue de forma digna, respeitando a lei… porque há sério risco de os manifestantes espontaneamente agirem contra ela.

continua...

2018-01-04

4 Jan 2018 | 1 min de leitura

O falecido Robert A. Heinlein é um de meus perenes autores favoritos. Concordando ou discordando do que escrevia, seus textos eram sempre extremamente provocadores. Heinlein era também um homem fiel a seus amigos, e tinha um respeito gigantesco por seus colegas. O artigo abaixo mostra, muito claramente, esta faceta importante de sua vida. http://www.lettersofnote.com/2012/10/help-from-heinlein.html

continua...

2017-12-26

26 Dec 2017 | 1 min de leitura

https://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/j-r-guzzo-arte-pense-duas-vezes/

continua...

2017-12-19

19 Dec 2017 | 1 min de leitura

https://veja.abril.com.br/blog/lillian-witte-fibe/privilegios-dos-outros/

continua...

2017-12-18

18 Dec 2017 | 1 min de leitura

Nada sei sobre estas pessoas, exceto pelo que li aqui. Não importa. Toda pessoa tem uma história, e textos assim nos lembram disso.

continua...

2017-12-17

17 Dec 2017 | 1 min de leitura

Uma das minhas memórias musicais mais marcantes é a de uma apresentação da Orquestra Sinfônica Brasileira, em um concerto do Projeto Aquarius (acho que em 1981 ou 1982), sob regência do maestro Isaac Karabtchevsky. O concerto aconteceu ao ar livre, no parque da cidade — hoje parque Sarah Kubitschek, na época chamado parque Rogério Pithon Farias —, na Praça das Fontes. A peça final foi a Abertura 1812, de Tchaikowsky. Canhões cerimoniais do 32º GAC deram os tiros previstos na partitura, e o final apoteótico foi coroado por fogos de artifício sobre o público. Um momento inesquecível. O vídeo abaixo mostra o final de uma apresentação semelhante, com a Boston Pops. https://www.youtube.com/watch?v=zlbCakDfXfE Uma breve história do Projeto Aquarius: http://memoria.oglobo.globo.com/institucional/promocoes/projeto-aquarius-9261712

continua...

2017-12-17

17 Dec 2017 | 1 min de leitura

Já vi alguns vídeos muito bons de flashmobs. Este aqui não é um dos mais empolgantes — mas a obra-prima de Beethoven sempre vale a pena. Conforme os créditos, este evento marca o início das comemorações do centenário da primeira apresentação da Sinfonia nº 9 na Ásia. Trata-se, evidentemente, de um caso manifesto de apropriação cultural. Músicos japoneses, usando trajes ocidentais, em um shopping center inspirado no modelo americano, tocando a música de um compositor alemão, em instrumentos europeus, e cantando em alemão os versos de um poeta também alemão. Espero que as apropriações continuem… sempre! https://www.youtube.com/watch?v=3lNaajK3Scc

continua...

2017-12-16

16 Dec 2017 | 1 min de leitura

Eu ainda era muito criança em 1967, quando o III Festival de Música Popular Brasileira consagrou a belíssima Ponteio, de Edu Lobo e de Capinam. Mas lembro do encanto que senti anos depois, ao comprar um fascículo de alguma coleção sobre MPB e, no disco que o acompanhava, ouvir a música na versão original (com Edu Lobo, Marilia Medaglia, Quarteto Novo, e Conjunto Momento Quatro). Esta é, para mim, a música que define e sintetiza uma fase brilhante da música brasileira. https://www.youtube.com/watch?v=B9rLispdqio https://www.youtube.com/watch?v=eaSPUWH9ua0

continua...

2017-12-11

11 Dec 2017 | 3 min de leitura

Na semana passada, tive a oportunidade de mestrar uma aventura de Trail of Cthulhu para um grupo de cinco jovens, todos acabando agora o ensino médio. Selecionei uma aventura singular, The Dwellers in the Dunes, publicada no livro Mythos Expeditions. Nesta história, os personagens são participantes de uma expedição científica nos anos 1930, procurando fósseis na região mongol do deserto de Gobi. Mais abaixo, faço um sumário com alguns spoilers; recomendo que quem tenha o potencial de jogar esta aventura em algum momento do futuro não ultrapasse a linha de aviso. Para estes, em todo caso, posso dizer que a partida foi uma das preciosas ocasiões em que consegui criar um nível quase insuportável de tensão e angústia entre os jogadores — e eles amaram! Os spoilers seguem abaixo da linha. A aventura conta com um conjunto de personagens não-jogadores relativamente grande, formado essencialmente pelos outros membros da expedição. Nas cenas introdutórias, os jogadores conhecem estes NPCs — alguns com personalidade bastante desagradável — e tomam contato com suas idiossincrasias. Durante a viagem de Pequim até o acampamento-base, os jogadores presenciaram diversos portentos sinistros, o que foi criando o clima adequado. Quando chegaram ao destino, descobriram que bandidos haviam saqueado o acampamento e levado quase todos os suprimentos.

continua...

2017-12-09

9 Dec 2017 | 1 min de leitura

Brasília não é só — nem de longe — um valhacouto de governantes criminosos ou coniventes. https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/brasilia-completa-30-anos-como-patrimonio-cultural-da-humanidade.ghtml

continua...

2017-12-08

8 Dec 2017 | 1 min de leitura

Minha cidade natal é o Rio de Janeiro… a tristeza que me toma quando penso no Rio dispensa explicações. Minha cidade de adoção é Brasília… e, nas últimas vezes que a visitei, fiquei chocado com muita coisa que nunca havia visto por lá. Esta é mais uma.

continua...

2017-12-07

7 Dec 2017 | 1 min de leitura

Palestra sobre uso de jogos em sala de aula, para uma turma da disciplina de Educação, Tecnologia e Cultura das Mídias (do curso de graduação em Pedagogia, na UFPR). Foi no dia 24 de novembro, atendendo a um gentil convite da professora Andréa Cordeiro. Além da palestra, fiz algumas atividades práticas com a turma, e fiquei muito satisfeito com o interesse a a participação. Obrigado pela oportunidade, professora Andréa.

continua...

2017-12-05

5 Dec 2017 | 1 min de leitura

Para os que não conhecem os personagens: SME é a Secretaria Municipal de Educação da cidade do Rio de Janeiro. Cesar Benjamin é o seu titular. SEPE é o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação do Rio de Janeiro. Os interessados podem ir ver, como eu fiz, na página do SEPE (seperj.org.br), a visão deles sobre os acontecimentos narrados pelo secretário. Não tenho experiência direta com quaisquer dos envolvidos. Mas, baseando-me em minha experiência com sindicatos — ESPECIALMENTE os da área de educação — aposto minhas fichas na maior veracidade do relato e do desabafo do secretário Cesar Benjamin.

continua...

2017-12-04

4 Dec 2017 | 1 min de leitura

Atividades acadêmicas de final de ano… No dia 24, apresentei uma palestra, sobre o uso de jogos em sala de aula, em uma disciplina da graduação em Pedagogia/UFPR. Já no dia 30, participei da última aula de uma disciplina da pós-graduação em Linguística/UFPR, discutindo os jogos como sistemas, em especial no que toca a complexidade e emergência. Nas duas ocasiões fui muito bem recebido; realizei alguns exercícios práticos com as duas turmas, para evidenciar alguns dos temas discutidos.

continua...

2017-12-02

2 Dec 2017 | 1 min de leitura

Furo jornalístico das empresas Globo: a primeira magistrada zumbi.

continua...

2017-12-01

1 Dec 2017 | 1 min de leitura

Música de Heitor Villa-Lobos. Letra de Ferreira Gullar. Apresentação de dezenas de jovens. Empenho de centenas de pessoas. Emoção para todos os que vêem o belíssimo resultado de tanto trabalho.

continua...

2017-11-23

23 Nov 2017 | 1 min de leitura

O vídeo da primeira edição do Curitiba RPG está aqui: https://youtu.be/qS2a9GOrSNU Vejamos se consigo ir neste também.

continua...

2017-11-23

23 Nov 2017 | 1 min de leitura

https://www.facebook.com/events/177244912844245/

continua...

2017-11-19

19 Nov 2017 | 1 min de leitura

https://youtu.be/L8DPeaSw1Fc

continua...

2017-11-17

17 Nov 2017 | 1 min de leitura

Vale a pena ler isso, escrito por um colega de trabalho de William Waack. http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/gil-moura-quem-e-william-waack/

continua...

2017-11-11

11 Nov 2017 | 1 min de leitura

Hoje é o Dia do Armistício. Em 11 de novembro de 1918, os canhões se calaram e a Grande Guerra chegou ao fim. Em muitos países beligerantes, esta data é a oportunidade para cerimônias de memória e lembrança para honrar aqueles que, hoje e no passado, interpõem seus corpos entre seus entes queridos e a desolação da guerra. O Brasil não tem uma data assim; nossos veteranos são fugazmente mencionados apenas no 7 de setembro, perdidos em meio às comemorações da data nacional, e rapidamente varridos novamente para baixo do tapete. Mas homens e mulheres de nosso país lutaram e morreram por nós. Fica aqui a minha homenagem aos que serviram e aos que servem.

continua...

2017-10-29

29 Oct 2017 | 1 min de leitura

Já fui um leitor mais dedicado, mesmo ávido. Hoje leio menos livros, tanto por dispor de menos tempo quanto por razões de saúde. Mas confesso-me muito triste, chocado até, ao ver que, em nosso país, almejar ler cem livros em um ano vira notícia de jornal.

continua...

2017-10-19

19 Oct 2017 | 2 min de leitura

Em 1982, um dos melhores longa-metragens com a tripulação original da Enterprise chegou aos cinemas. Em meio à história principal, fomos apresentados ao Kobayashi Maru, o foco de um exercício de comando na Academia da Frota Estelar. O exercício é um no-win scenario ; o objetivo do teste é avaliar como um cadete se comporta em uma situação que não tem solução. Durante o filme, descobrimos que o capitão James T. Kirk, comandante da Enterprise, foi o único cadete a vencer o exercício, reprogramando o computador que o controlava…. trapaceando, em suma. O filme não dava maiores detalhes. Alguns anos depois, em 1989, foi publicado o livro Kobayashi Maru, de Julia Ecklar, no qual ela oferece uma narativa detalhada de como o cadete Kirk enfrentou o exercício. Recomendo o livro, de leitura muito agradável. Mas o ponto que me interessa hoje é o método usado na trapaça. Depois de reprogramar o computador, o cadete Kirk apresentou-se para repetir o exercício. Quando as naves inimigas apareceram, ele surpreendeu colegas e examinadores quando entrou em contato com o comandante inimigo. Ao receber o ultimato do inimigo, ele respondeu apenas Quero informar a vocês que eu sou o capitão James T. Kirk. O comandante inimigo responde, atordoado: O quê?

continua...

2017-10-18

18 Oct 2017 | 1 min de leitura

Alguns amigos meus ficam chocados com as incessantes notícias sobre as quadrilhas que nos governam, e anseiam por um golpe militar. Sua esperança é a de que os militares trarão ordem e honestidade, onde hoje reina a desordem e o crime. Peço licença para lembrar alguns fatos históricos: José Sarney, Paulo Maluf, Moreira Franco, Fernando Collor, Íris Rezende, Edison Lobão, Romero Jucá, Agripino Maia, Raimundo Lira… as carreiras políticas destes cidadãos começaram, ou ganharam impulso, durante os governos militares e graças a eles. Olhando para além de nossas fronteiras, noto que Hugo Chávez foi militar; tentou um golpe de Estado em 1992. Após ser eleito, em 1998, começou o processo de transformação da Venezuela no país que vemos hoje. Seu sucessor somente se mantém no poder graças, precisamente, ao apoio dos militares. Tenho grande respeito por nossos militares. Mas envergar a farda não faz de ninguém uma pessoa honesta ou competente. Nós elegemos estes criminosos. Vamos deselegê-los no ano que vem, ao invés de pedir que outros limpem a sujeira que nós deixamos acumular.

continua...

2017-10-06

6 Oct 2017 | 1 min de leitura

Uma das consequências de leis racistas é a necessidade de se criarem tribunais raciais. https://g1.globo.com/pr/parana/educacao/vestiba/2017/noticia/ufpr-libera-ensalamento-para-candidatos-cotistas-que-passarao-por-banca-de-validacao.ghtml

continua...

2017-10-03

3 Oct 2017 | 1 min de leitura

Em novembro, eu e meu amigo Thiago Uhlmann vamos apresentar um artigo no SBGames 2017. Para esta edição, a organização pediu que os autores criassem vídeos com chamadas para seus artigos. Este é o nosso. https://youtu.be/nEc8nJTZAmE

continua...

2017-10-02

2 Oct 2017 | 1 min de leitura

O mundo passa, mais uma vez, por um momento de xenofobia, de grande resistência a migrantes. Basta um pouco de reflexão histórica para mostrar que esta é uma posição irracional… mas racionalidade, infelizmente, geralmente não é uma consideração para muitas pessoas. Mas, quem sabe, exemplos como o destes senhores possam mover alguns. http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2017/10/soldados-da-coreia-do-norte-se-refugiaram-no-brasil-ha-60-anos.html

continua...

2017-10-01

1 Oct 2017 | 2 min de leitura

Há coisa de vinte anos, fui professor substituto no curso de História, na UnB. Uma das disciplinas que ministrei foi História Social e Política Geral. Embora oferecida pelo departamento de História, era uma disciplina para alunos de outros cursos, e seu objetivo era apresentar uma visão panorâmica da história moderna e contemporânea. Preparando o curso, lembrei de um problema que sempre me perturbou no ensino regular de História: a falta de correlações entre os diversos acontecimentos. Por exemplo, raros são os livros, ou professores, no ensino médio ou fundamental, que associam as invasões holandesas do Nordeste à guerra de independência da Holanda e à guerra dos Trinta Anos — mas aquelas invasões estavam dentro do contexto destas duas guerras. Pensando nisso — e por ser aquela uma disciplina que pretendia, justamente, oferecer uma visão panorâmica —, adotei uma metodologia que partia do geral para o específico. Dividi o programa em períodos aproximadamente seculares. Em cada um destes períodos, a primeira aula era uma aula panorâmica, na qual eu desenhava um mapa-múndi no quadro, e mostrava os locais mais relevantes daquele período, enfatizando as relações entre eles. As aulas subsequentes eram mais especializadas, e colocavam a ênfase em um daqueles locais ou culturas identificados na aula panorâmica.

continua...

2017-10-01

1 Oct 2017 | 2 min de leitura

Amigos, tive um insight sobre uma proposta de reforma política que vai resolver metade dos problemas do país, de uma tacada só! Sabemos que o que Suas Excelências mais querem é o foro privilegiado — ou, para ser técnico, o foro determinado por prerrogativa de função… Por outro lado, manter o foro privilegiado para os principais postos governamentais está sendo um desastre para o país. Minha proposta combina os anseios de Suas Excelências com as necessidades do país. Primeiramente, proponho que o foro privilegiado seja extinto para todos os cargos governamentais. Segundo, proponho que o foro privilegiado seja adotado para síndicos de condomínios. Terceiro, os síndicos de condomínios ficam impedidos de exercer qualquer outro tipo de atividade ou mandato. Quais os resultados práticos desta ideia revolucionária? Para começar, o povo que ganha codinome em planilhas de propina vai correr para se candidatar a síndico, ao invés de correr para se candidatar a outras coisas. Como síndicos, eles podem continuar roubando à vontade, e as campanhas são muito mais baratas! Para os condôminos, não faz diferença ser roubado pelo Seu João do 502 ou por Sua Excelência Aécio Hoffmann Calheiros da Silva; o roubo é o mesmo — e é muito mais fácil tirar um síndico e colocar outro do que fazer isso com um deputado ou presidente.

continua...

2017-10-01

1 Oct 2017 | 2 min de leitura

Amigos, tive um insight sobre uma proposta de reforma política que vai resolver metade dos problemas do país, de uma tacada só! Sabemos que o que Suas Excelências mais querem é o foro privilegiado — ou, para ser técnico, o foro determinado por prerrogativa de função… Por outro lado, manter o foro privilegiado para os principais postos governamentais está sendo um desastre para o país. Minha proposta combina os anseios de Suas Excelências com as necessidades do país. Primeiramente, proponho que o foro privilegiado seja extinto para todos os cargos governamentais. Segundo, proponho que o foro privilegiado seja adotado para síndicos de condomínios. Terceiro, os síndicos de condomínios ficam impedidos de exercer qualquer outro tipo de atividade ou mandato. Quais os resultados práticos desta ideia revolucionária? Para começar, o povo que ganha codinome em planilhas de propina vai correr para se candidatar a síndico, ao invés de correr para se candidatar a outras coisas. Como síndicos, eles podem continuar roubando à vontade, e as campanhas são muito mais baratas! Para os condôminos, não faz diferença ser roubado pelo Seu João do 502 ou por Sua Excelência Aécio Hoffmann Calheiros da Silva; o roubo é o mesmo — e é muito mais fácil tirar um síndico e colocar outro do que fazer isso com um deputado ou presidente.

continua...

2017-09-30

30 Sep 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico: Aline conta a sua experiência em quatro participações no Retiro Lúdico. https://youtu.be/Q6isz5RV6B4

continua...

2017-09-29

29 Sep 2017 | 1 min de leitura

Paulo Rónai veio para o Brasil fugindo do nazismo. Aqui, tornou-se uma luz brilhante no nosso panorama cultural. Para nossa felicidade, sua família continua a abrilhantar o nosso país. Leio os textos de Cora Rónai desde os tempos em que editava o Info etc., há quase trinta anos. É sempre uma alegria. E algumas experiências dela, como a que aqui compartilho, soam bem próximas… Em tempo: quem quiser saber um pouco mais sobre o prof. Rónai pode ler uma minibiografia em http://opiniaoenoticia.com.br/opiniao/biografias/paulo-ronai/

continua...

2017-09-28

28 Sep 2017 | 1 min de leitura

O mercado brasileiro para os jogos modernos está em expansão, e o Pedro Schmitt é um dos empresários com grande visão neste novo segmento. Ele está com um novo projeto, e acho que tem tudo para dar certo. Vale a pena conferir. http://qtabu.com/

continua...

2017-09-26

26 Sep 2017 | 1 min de leitura

Querido Portugal, que em breve vai receber de volta parte de nossa família… ainda vou conhecer a terrinha!

continua...

2017-09-25

25 Sep 2017 | 1 min de leitura

Lembro de minha família parar muitas vezes no Belvedere, no caminho entre o Rio de Janeiro e Petrópolis. Era um lugar muito agradável. Estive lá muitos anos depois, e vi o local fechado e abandonado. Ignoro como está hoje.

continua...

2017-09-25

25 Sep 2017 | 2 min de leitura

Na crônica de José Mário Pereira sobre Carlos Drummond de Andrade, podemos ler as descrições de breves momentos cotidianos e mundanos do poeta e cronista. Mas, a meus olhos, não é isto o mais importante. Quando descreve a relação de Drummond com suas crônicas semanais, José Mário mostra duas facetas importantes do trabalho de um escritor, e que se contrapõem a duas ilusões muito comuns. A primeira faceta: por mais que Drummond as considerasse obras menores , quase descartáveis, ele levava a sério a sua produção, com atenção a detalhes. Elas eram trabalhadas, e não fruto apenas de um fulgor de inspiração. A segunda: o gênero crônica tem servido ao ensino de Português vivo nos colégios. Isso resulta em livro, e em algum lucro pecuniário para o cronista, que não é acionista da Petrobrás e precisa viver Quanto às ilusões correspondentes… Há os que acreditam que qualquer obra criativa decorre apenas da inspiração, e que esta é suficiente. Isso muitas vezes aparece sob variações da frase Ah, você tem um dom! Já vi artistas enfurecidos com esta frase, pois sentem que ela ignora e menospreza todo o trabalho que tiveram para ali chegar. Thomas Edison disse que o gênio alcança seus resultados graças a um por cento de inspiração e noventa e nove por cento de transpiração.

continua...

2017-09-21

21 Sep 2017 | 1 min de leitura

Parabéns à jovem Sophia Spencer, aos pesquisadores que a acolheram, e especialmente à sua mãe, que não se deixou abalar e que apoiou a filha. Nosso papel, como pais e mães, não é escolher o caminho que nossos filhos vão trilhar, mas ajudá-los a escolher e apoiá-los no caminho. https://g1.globo.com/educacao/noticia/apos-sofrer-bullying-na-escola-por-querer-estudar-insetos-garota-de-oito-anos-vira-co-autora-de-artigo-academico.ghtml

continua...

2017-09-18

18 Sep 2017 | 1 min de leitura

Olá, amigos. Hoje publiquei esta nota, e logo a seguir achei o grupo. Um abraço a todos! Pinguim

continua...

2017-09-18

18 Sep 2017 | 1 min de leitura

Ontem à noite, o Fantástico mostrou uma reportagem sobre um lugar absolutamente fascinante: o Buraco do Inferno, em Goiás. https://globoplay.globo.com/v/6154804/ Conheço bem o local. Há trinta anos, durante uma descida em rappel no paredão sobre o lago, meu cinturão se abriu e quase despenquei de uma altura de 15m. Eu teria morrido, mas meus companheiros do Gregeo conseguiram me salvar. Nesta época, ainda éramos muito inexperientes em matéria de segurança; no mesmo dia, outros incidentes graves aconteceram, mas felizmente não houve nada além dos sustos. De qualquer maneira, tive muitas aventuras com meus amigos do Gregeo, tanto nas cavernas quanto fora delas. Coloco aqui algumas das poucas fotos que tenho de nossas expedições, lembrando sempre destes amigos. Obrigado, pessoal!

continua...

2017-09-14

14 Sep 2017 | 2 min de leitura

Ao fim e ao cabo, a divulgação dos julgamentos de tantos criminosos graúdos pela imprensa termina por funcionar como uma aula de direito processual criminal. Para ser exato, funciona como uma aula sobre um tema de direito criminal que nunca aparece nas salas de aula: a natureza epistemológica das evidências com as quais o juiz deve trabalhar. Provas periciais são falhas e incompletas, provas documentais são falhas e incompletas, provas testemunhais são falhas e incompletas… mas, na universidade, estas falhas não são discutidas de forma aprofundada, e nem existe qualquer orientação sobre a pesquisa lógica que se faz necessária para deslindar estes quebra-cabeças. Sei muito bem que muitas coisas não cabem em uma sala de aula. Por exemplo, aprender a ignorar a audácia, a provocação, a canalhice, a infâmia de réus e advogados que buscam desestabilizar juízes e procuradores; isso só vem com a prática, por dolorosa que seja. A feliz contrapartida disso é que, nas salas de aula, tampouco se ensina aos futuros advogados como devem praticar audácia, provocação, canalhice e infâmia para desestabilizar juízes e procuradores. Também aqui isso será aprendido na prática, e sempre há mestres ávidos em ensinar. Mas reitero algo que outros, mais doutos, já disseram: o nosso Direito é por demais amarrado às letras de uma linguagem que nunca foi falada em país nenhum.

continua...

2017-09-13

13 Sep 2017 | 2 min de leitura

Ontem à noite, a convite do meu amigo Thiago Uhlmann e do prof. Fabiano, coordenei uma atividade na FAC, como parte das comemorações pelo dia do Administrador. Cerca de 50 alunos do curso participaram, divididos em vinte equipes; seis professores acompanharam a atividade, para ajudar e avaliar o desempenho das equipes. A atividade foi uma partida do jogo Pechincha ( Haggle ), desenvolvido por Sid Sackson em 1963, e que eu adaptei inspirado em um conjunto de regras encontrado na Internet. Cada equipe recebeu um envelope. Dentro de cada envelope, havia doze a quinze cartas, sorteadas entre cinco diferentes bens ( commodities ): argila, madeira, trigo, vacas, ouro. As cartas de bens não incluem informações sobre o valor destes bens. Além das cartas de bens, cada envelope tinha ainda duas cartas com parte das regras de valor dos bens. Nesta adaptação, há um total de vinte destas regras. Algumas são simples ( madeira vale 2 pontos ), outras são mais complexas ( a equipe que conseguir mais argila triplica o valor do seu ouro ), e algumas são bastante problemáticas ( a equipe que entregar mais de 18 cartas fica com 0 pontos ). Isso quer dizer que saber quais são as regras é, no mínimo, tão importante quanto ter os bens.

continua...

2017-09-12

12 Sep 2017 | 1 min de leitura

O princípio da liberdade de expressão é um dos pilares da democracia. Muito recentemente (junho passado), a Suprema Corte dos EUA reafirmou este princípio em dois casos importantes. A posição da maioria foi escrita pelo Justice Samuel Alito: O direito de expressão não pode ser coibido com a justificativa de proibir ideias que ofendem. São justamente as ideias que ofendem, que chocam, que contestam, que devem ser defendidas e protegidas. Consenso não precisa de defensores.

continua...

2017-09-10

10 Sep 2017 | 1 min de leitura

A tradução, infelizmente, não foi bem feita; mas é perfeitamente possível apreciar o brilho de Sir Christopher Lee nas diversas entrevistas desta página. Atualmente, estou conduzindo um grupo de excelentes jogadores de RPG por uma Terra Média alternativa; na última sessão, o grupo caiu em uma armadilha em Orthanc e o confronto com Saruman ficou para a próxima, em um cliffhanger extremamente tenso. Sir Christopher Lee fala, com grande propriedade, de como Saruman é um personagem rico, com grande profundidade dramática. Certamente meu Saruman não será tão impressionante quanto o dele… mas espero, ao menos, que esteja à altura dos caros amigos que jogam comigo. Até quarta! https://www.valinor.com.br/49922

continua...

2017-09-07

7 Sep 2017 | 1 min de leitura

Vi o filme hoje. Excelente, excelente, excelente. Saí aturdido do cinema.

continua...

2017-09-05

5 Sep 2017 | 1 min de leitura

Hoje foi dia de palestra. Fui convidado por meu amigo, Thiago Uhlmann, a ir fazer uma palestra no curso de Administração da FAC, onde ele leciona. O tema da palestra: jogos sérios, ou serious games , para usar uma expressão da moda… Professores e alunos que participaram pareceram gostar bastante da palestra e da atividade que se seguiu: uma partida de Container, jogada por cinco alunas do curso. Infelizmente não houve tempo para acabar a partida, encerrada pelo meio; mas a discussão durante e após a partida foi muito rica e instigante. Como um complemento, fui convidado a realizar uma atividade na próxima terça-feira, como parte das comemorações pelo dia do Administrador, que cai no próximo sábado. Já estou fazendo os preparativos.

continua...

2017-09-05

5 Sep 2017 | 1 min de leitura

Mais um depoimento sobre o Retiro Lúdico, com o meu querido confrade Adriano. https://youtu.be/tdzkQaJtwaM

continua...

2017-09-04

4 Sep 2017 | 1 min de leitura

Sábado, dia 2 de setembro, joguei a primeira partida de um novo protótipo desenvolvido pelo Paulo Gonzaga. Trata-se do Konkeri, um jogo de cercamento de áreas com tabuleiro modular. Rápido e fácil, mas nada ingênuo. Parabéns, Paulo!

continua...

2017-09-04

4 Sep 2017 | 1 min de leitura

Em 2012, ainda antes de ingressar no mestrado em Design, fui aluno de uma disciplina ministrada pelo meu futuro orientador, o prof. André Battaiola. Durante a disciplina, conheci Thiago Uhlmann, que já cursava o mestrado, e seu projeto de pesquisa. Comentei com Thiago que alguns jogos de tabuleiro poderiam ser interessantes para o projeto dele, e ele quis conhecê-los. O primeiro que jogamos, em 10 de novembro de 2012, foi Container (criado por Franz-Benno Delonge e Thomas Ewert, e publicado em 2007 pela Valley Games). Naquela ocasião, a partida teve cinco jogadores; não anotei a pontuação, mas venci — e Thiago lembra que ficou em último. Passados quase cinco anos, no último sábado (dois de setembro) tive a oportunidade de jogar Container novamente com Thiago. Desta vez, éramos quatro jogadores; Kath, a esposa dele, que participou da primeira partida, também estava presente a esta, e mais Paulo. Como disse o próprio Thiago ao final, ele perdeu um trauma. Venceu muito bem a partida ($204 e eu, em segundo, com $133). Kath também comentou que, desta vez — especialmente por ter conhecido vários jogos modernos neste meio tempo — conseguiu pegar muito melhor o fluxo do jogo. Obrigado pela oportunidade, meus amigos!

continua...

2017-08-30

30 Aug 2017 | 5 min de leitura

No dia 15 de junho de 2016, a convite do prof. Adriano Holanda, ministrei uma aula no departamento de Psicologia (UFPR), no encerramento da disciplina Fenomenologia 3. O tema geral da disciplina eram dinâmicas de grupo. Adriano é meu amigo há anos, e um dos mais antigos membros da Confraria Lúdica; durante um almoço, tivemos a ideia de usar jogos para evidenciar diferentes dinâmicas de grupo. Inicialmente, eu estava tendendo a usar vários jogos, cada um deles mostrando diferentes dinâmicas. Este foi o método que usei em um curso de extensão sobre jogos cooperativos, do qual resultou um artigo publicado no SBGames 2015. Pensei em vários jogos: Two Rooms and a Boom, Ultimate Werewolf, Haggle,… havia possibilidades interessantes em cada um deles. Mas um pouco de reflexão mostrou que este formato seria completamente inadequado para uma atividade de uma hora e meia. A explicação das regras de cada jogo, bem como seus preparativos, me tomariam bem quinze minutos. Três jogos consumiriam metade da aula sem qualquer conteúdo. Eu teria que escolher apenas um jogo, e quanto mais simples melhor. O Ultimate Werewolf se prestaria bem a este papel, e eu o selecionei. Comecei a preparar o material. O jogo tem três papéis básicos (humano, adivinho e lobisomem), e dezenas de papéis adicionais (prefeito, vampiro, maçons, …).

continua...

2017-08-28

28 Aug 2017 | 1 min de leitura

Última partida da campanha Horror on the Orient Express, para o RPG Call of Cthulhu, que tive a oportunidade de mestrar para um grupo extraordinário em 2009: Ricardo, Eugênio, Sérgio, Rafael e Janary. Obrigado, meus amigos!

continua...

2017-08-17

17 Aug 2017 | 1 min de leitura

O Álvaro de Moya era um grande pesquisador de quadrinhos, desde o tempo em que isso ainda não era social ou academicamente aceitável. Vai fazer falta.

continua...

2017-08-13

13 Aug 2017 | 1 min de leitura

Feliz dia dos pais!

continua...

2017-08-12

12 Aug 2017 | 1 min de leitura

Hoje concluí a divisão entre minha página pública (esta aqui) e minha página pessoal no Facebook, que muito pouco será usada ou atualizada a partir de agora, e continua existindo principalmente para poder gerenciar esta aqui. Obrigado por seu interesse, amigos!

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, de Brasília. Os comentários dele podem interessar a quem gosta de jogos pesados, como alguns wargames que conheço… https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, do Heavy Games Brasília, velho conhecido de muitos aqui do D30… https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, do Heavy Games Brasília. https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, do Heavy Games Brasília. https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, do Heavy Games Brasília. https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-10

10 Aug 2017 | 1 min de leitura

Novo depoimento sobre o Retiro Lúdico. Desta vez, quem fala é o Sérgio, do Heavy Games Brasília. https://youtu.be/tdw6vBu9IB8

continua...

2017-08-07

7 Aug 2017 | 1 min de leitura

Um belo trabalho do Clube do Tabuleiro de Campinas: http://clubedotabuleirocampinas.blogspot.com.br/2016/01/ferrovias-de-sao-paulo-do-projeto.html

continua...

2017-08-04

4 Aug 2017 | 1 min de leitura

A razão é má propaganda quando a ela se opõem as mentiras gritadas e incessantes de homens astutos, maus e egoístas. — Robert A. Heinlein

continua...

2017-07-28

28 Jul 2017 | 1 min de leitura

Lasciate ogni speranza voi che entrate (Inferno, III, 9) As palavras terríveis que Dante leu às portas do Inferno foram traduzidas por José Pedro Xavier Pinheiro como Deixai, ó vós que entrais, toda a esperança! Como muitos que leram a Divina Comédia, fui muito mais marcado pelo Inferno que pelos outros livros. As palavras do pórtico infernal me ficaram na memória, e na verdade podem ser encontradas em contextos bastante diferentes. Um dia, inspirado, decidi-me a unir as palavras belas e terríveis de Dante à brincadeira que chama viciados os amantes dos jogos de tabuleiro. Passei do pensamento à ação, e este texto hoje ornamenta a porta de entrada da minha sala de jogos. Meu texto se baseia nas linhas 1-3 do Canto III, que dizem o que se vai encontrar além das portas do Inferno. Na tradução de José Pedro Xavier Pinheiro: Por mim se vai das dores à morada, Por mim se vai ao padecer eterno, Por mim se vai à gente condenada. Como acredito que outros podem querer aproveitá-lo, segue aqui. Peço apenas que me mandem fotos se o colocarem em outras salas de jogo…

continua...

2017-07-19

19 Jul 2017 | 1 min de leitura

É importante ressaltar que Anamaria é ex-aluna da Adelaide; o pedido é muito real.

continua...

2017-06-06

6 Jun 2017 | 3 min de leitura

Esta postagem serve como um complemento à anterior, sobre o jogo Second Front. O Rafael Weibel comentou que, comandando o Eixo, gosta de abandonar a Sardenha e a Córsega. Respondendo a isso, o Luiz Augusto P. Silva disse Só para complicar: abandonar a Sardenha e a Córsega significa expor toda a costa oeste da Itália e o sul da França ao alcance aéreo aliado e assim à uma invasão. Sim e não. Isso é verdade, e a ocupação da Córsega foi relevante para a operação Dragoon, em agosto de 1944. O problema é que a Córsega não está assim tão perto da costa sul da França para permitir a operação dos caças de curto alcance — por exemplo, os Spitfires, que são a espinha dorsal da armada aérea dos Aliados. Eu já fiz algumas invasões fora da zona de combate dos caças de curto alcance. Em alguns casos, até consegui formar uma cabeça-de-praia decente; mas, sem os caças, é impossível ganhar as batalhas para expandir as cabeças-de-praia, ou mesmo defendê-las. Parte deste efeito se deve à escala do Second Front. Neste jogo, a escala é de 16 milhas para um hexágono. Sejam três aeronaves com alcances de 8, 10 e 12 hexágonos.

continua...

2017-05-29

29 May 2017 | 2 min de leitura

Um vídeo muito interessante, e que confirma — com a tecnologia moderna — um dos mais belos experimentos de Galileu. O experimento de Galileu é um dos grandes momentos da ciência, e ele também tem uma dimensão muito pessoal para mim. Eu estava a poucos dias de meu 14o aniversário quando tive as primeiras aulas do primeiro ano do segundo grau. Uma destas aulas foi a minha primeira aula de Biologia, com o professor Corádi, um dos professores veteranos do Marista. Na aula, o professor Corádi discorreu sobre o método científico: hipóteses, experimentos, etc. Depois de expor o assunto, ele perguntou se alguém podia dar um exemplo de aplicação do método científico. Ergui a mão e expliquei o experimento de Galileu: que ele quis pôr à prova a afirmação aristotélica de que pesos diferentes caíam com velocidades diferentes e, para eliminar a variável da resistência do ar, usou corpos com mesmas forma e dimensões, mas com massas diferentes. (Somente anos depois é que eu soube que ele usou planos inclinados em seu experimento; à época, eu acreditava na lenda que ele teria feito o experimento na torre de Pisa.) O professor Corádi ouviu atentamente a explicação, e, ao final, disse É uma história muito interessante, pena que completamente fictícia.

continua...

2017-05-25

25 May 2017 | 2 min de leitura

Participei de muitas manifestações públicas contra a ex-presidenta Dilma Rousseff. Estas manifestações eram, em geral, convocadas com antecedência, por várias organizações. Lembro que, especialmente nas primeiras, havia o temor de que se infiltrassem, entre os manifestantes, pessoas que queriam usar a violência. As organizações davam orientações claras: se houver violência, sentem-se! Isso ajudará a polícia a identificar e prender os baderneiros. Felizmente nada disso aconteceu. Em uma das manifestações — e que não foi convocada com antecedência, diga-se — vi um homem subir a um carro de som e pregar uma chula violência contra a presidenta. Não foi aplaudido, ao contrário de outros que falaram. Muitas organizações vêm convocando manifestações contra o governo do presidente que elegeram. Ao contrário das manifestações de que participei, nestas sempre lemos notícias de caravanas de ônibus que são organizadas para levar pessoas para engrossar a massa; ao contrário daquelas, nestas não se vêem a bandeira e as cores nacionais, mas sim uma profusão de bonés, camisetas e bandeiras das organizações que montam as caravanas. Ao contrário das manifestações de que participei, nestas a organização não dá qualquer orientação que procure impedir a violência. Estas manifestações bloqueiam ruas e estradas, vandalizam lojas, depredam orelhões e placas de trânsito… e, mais uma vez, invadem, quebram e incendeiam prédios da capital do NOSSO país — o país que é tanto deles quanto de todos os demais brasileiros, mas que eles querem que seja apenas deles, e especialmente para eles.

continua...

2017-05-24

24 May 2017 | 2 min de leitura

Leio que várias das medalhas olímpicas, cunhadas pela nossa Casa da Moeda, e entregues a atletas em 2016, estão enferrujando. A Casa da Moeda está recebendo e reparando as medalhas danificadas e, segundo a reportagem, estes reparos não são pagos com dinheiro público. Procuro e encontro, com facilidade, matérias do início de 2016 entoando loas ao trabalho da Casa da Moeda, na confecção das medalhas. Encontro, sem surpresa, a primeira reportagem sobre problemas com as medalhas, já em novembro de 2016. A reportagem minimiza o problema, dizendo que apenas 15 medalhas voltaram à Casa da Moeda para reparos. Hoje, já são 137. Então, como agora, a explicação é que a culpa é dos atletas. Voltando à reportagem sobre a confecção das medalhas, publicada em 29 de junho, leio que o ouro provém de uma mina brasileira, mas que o seu proprietário exigiu que seu nome não fosse divulgado, e nem a localização da mina. Mais abaixo, a matéria informa que as medalhas recebem um verniz fosco, para protegê-las da oxidação. As medalhas da Rio 2016 são mais pesadas do que as medalhas das competições anteriores. Custaram mais de dezesseis milhões de reais, e a própria Casa da Moeda as pagou. Presumivelmente, também é ela quem paga os custos dos reparos.

continua...

2017-05-24

24 May 2017 | 1 min de leitura

http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/um-medico-chora-pelo-hospital-agonizante/

continua...

2017-05-23

23 May 2017 | 2 min de leitura

Ainda sou, de coração, candango. Por isso, fico ao mesmo tempo feliz e triste ao ler as notícias da prisão de Arruda, Agnelo e Filipelli. A parte da tristeza fica ainda maior quando leio, em uma das reportagens sobre Arruda: Depois de um discurso na tribuna em que chorou e jurou inocência em nome da família, ele acabou admitindo depois a irregularidade. Mesmo assim, voltou ao Congresso em 2003, eleito como o deputado mais bem votado do Brasil. (Congresso em Foco, 23/05/2017) Arruda não foi, em 2002, o mais votado do Brasil, em número de votos; foi o mais votado em proporção de eleitores (26,53% dos votos válidos no DF). Teve, realmente, uma votação expressiva: 320.692 votos. Em outras palavras: mais de trezentos mil eleitores da minha terra adotiva não se incomodaram minimamente com a canalhice confessa de Arruda — e, quatro anos depois, pouco mais que o dobro deste número de eleitores deram-lhe a vitória, em primeiro turno, quando foi candidato ao governo do DF. Três anos depois, desta vez sem choro na tribuna, foi preso. Não sei se Arruda usa a desculpa da moda e se declara ingênuo . Mas sei que as centenas de milhares de meus conterrâneos não foram ingênuos.

continua...

2017-05-22

22 May 2017 | 2 min de leitura

Escrevi o texto abaixo no dia 23 de março do ano passado. Há pouco, ouvia um procurador de contas defendendo a necessidade de uma reforma na maneira como os tribunais de contas funcionam, para remover as indicações políticas. Quaisquer que sejam os méritos ou deméritos da proposta, há uma questão subjacente. O estabelecimento do controle do Executivo pelo Legislativo não foi invenção da constituição de 1988, e nem mesmo é privilégio do nosso ordenamento jurídico. Este é um dos principais mecanismos dos freios e contrapesos , que orientam o direito público na maior parte das democracias ocidentais. Foi esta medida que precipitou a Revolução Francesa. Nossa legislação não inova nisso. Na verdade, nossa legislação é extremamente avançada em muitos pontos. Temos leis que coíbem o abuso de autoridade, que determinam a celeridade dos processos judiciais, a exoneração de funcionários públicos ineficientes. Temos leis que poderiam fazer grandes diferenças em nossa vida, se fossem aplicadas — se fossem levadas a sério. Nosso problema não é que a lei mande políticos fiscalizarem o Executivo. Nosso problema é que vigilantes e vigiados se mancomunam para ludibriar o eleitor. Nosso problema não é que advogados canalhas usem chicanas absurdas para prolongar indefinidamente os processos. Nosso problema é que os juízes e tribunais não usam o poder que têm para coibir isso.

continua...

2017-05-22

22 May 2017 | 1 min de leitura

Ontem, após reunião com o presidente Temer no palácio da Alvorada, o deputado André Moura falou à imprensa, procurando desqualificar a gravação da conversa que revela crimes do presidente. Suas palavras: Se fizeram isso com o presidente, imagina o que não podem fazer com cada um de nós? Eu imagino, deputado. Mais do que imagino: espero, torço, anseio por isso, que o façam com todos os criminosos que dividem o poder na nossa República.

continua...

2017-05-21

21 May 2017 | 1 min de leitura

Por conhecer alguns acadêmicos de Filosofia, isso não me espanta nem um pouco…

continua...

2017-05-20

20 May 2017 | 1 min de leitura

Perguntinha inocente. Se a delação do Joesley Batista estava sob grande sigilo, de quem e por que ele recebia as supostas ameaças de morte?

continua...

2017-05-20

20 May 2017 | 1 min de leitura

O presidente Temer tem razão ao apontar que aquele que o delatou é um criminoso da pior espécie. Nisto estamos de acordo. O presidente Temer também exigiu do STF o acesso à gravação, que ouviu com todo o cuidado, desde ontem. Curioso que somente depois que a Folha de São Paulo apresentou um laudo, feito às pressas e sob encomenda, afirmando que houve edição na gravação, foi que o presidente Temer afirmou a mesma coisa. Ele não se lembra mais do que disse e do que ouviu? Já mencionei que a sua afirmação sobre terem discutido a família de Eduardo Cunha não se sustenta, e nem mesmo ele a mantém. Lamento. Da mesma forma que o senador Aécio Neves, o presidente Temer vai mudando a sua versão, conforme vão aparecendo novos elementos. Nem um nem outro demonstram merecer nossa confiança.

continua...

2017-05-19

19 May 2017 | 2 min de leitura

Vejamos uma rápida cronologia: 7 de março de 2017: o presidente Temer recebe um empresário investigado em cinco inquéritos. O encontro é na residência oficial do presidente, à noite, de forma reservada. A conversa é cordial, e Temer ignora que foi gravada pelo criminoso a quem abriu as portas do Palácio do Jaburu. Na conversa, o criminoso confessa abertamente a prática continuada de diversos crimes, e recebe, em resposta, frases como ótimo, ótimo ou tem que manter isso, viu . 17 de maio de 2017: após ter a natureza da conversa revelada na imprensa, o presidente fala a seus ministros que concedeu a audiência após dezenas de pedidos, e acrescenta: O que vocês queriam que eu falasse? O cara tinha dito que estava com dó da família de Eduardo Cunha e estava dando uma ajuda a eles. O que eu ia dizer? ‘Não, não ajuda?’ 18 de maio de 2017: em pronunciamento em rede nacional, o presidente afirma Ouvi realmente o relato de um empresário, que por ter relações com um ex-deputado, auxiliava a família do ex-parlamentar. Não solicitei que isso acontecesse e só tive conhecimento deste fato nesta conversa que tive com este empresário. 18 de maio de 2017: poucas horas após este pronunciamento, a gravação propriamente dita é divulgada.

continua...

2017-05-11

11 May 2017 | 3 min de leitura

Volto a escrever um pouco sobre a minha experiência com o CNA, a pedido do Tássio Lima Tavares. A primeira notícia que eu tive do Campaign for North Africa foi na coleção Todos os Jogos, publicada pela Abril em 1978-1979. A coleção trouxe as primeiras publicações de wargames no Brasil: Batalha das Quatro Horas (Task Force One, da SPI), Yom Kippur (jogo original do Mário Seabra)*** e Wurzburg (de um Quad Game da SPI). Estes jogos me cativaram, e eu e meus confrades os jogamos exaustivamente. (*** Pensei isso durante muito tempo, mas recentemente o Carlos Seabra, filho do Mário Seabra, me corrigiu: o Yom Kippur foi criado pelo Aldo Pereira, falecido em 2017.) Cada fascículo da coleção incluía uma nova edição da Revista dos Jogos. Uma das edições trazia uma nota sobre o recém-lançado jogo da SPI, e dava os dados impressionantes sobre o tamanho do monstro. Aquilo me acendeu o interesse, mas, na época, era extremamente difícil importar um jogo pelo Correio. Dei sorte: o pai de um amigo viajou, a serviço, para os EUA, em fins de 1979, e comprou o jogo — para o filho, mas ele desanimou quando viu o tamanho do jogo e o vendeu para mim.

continua...

2017-05-07

7 May 2017 | 2 min de leitura

O presidente João Figueiredo, último dos presidentes de nosso mais recente período autoritário, frequentemente demonstrava a crueza que alguns oficiais da Cavalaria prezam. Não foi um grande presidente, mas ele carrega o mérito de ter conduzido o desmantelamento da ditadura militar — a abertura —, contra os desejos da perigosa ala dura do regime. Foi a eles que se referiu, ainda antes de tomar posse, com a frase É para abrir mesmo (politicamente o país), e quem quiser que não abra, eu prendo e arrebento! Lembro-me que, à época, muitos o criticaram, dizendo que uma verdadeira democracia permitiria que alguns não quisessem aquela abertura, e certamente não lhe permitiria arrebentar com quem quer que fosse. Mas o general Figueiredo falava como futuro comandante-em-chefe das Forças Armadas, onde se escondiam forças capazes de mergulhar novamente o país nos anos de chumbo — e, como comandante, ele podia e devia mandar prender quem não obedecesse suas ordens. Quanto ao arrebentar … ele próprio tinha passado pelo comando dos órgãos de informações do Estado, e provavelmente sabia bem que apenas a força da Lei talvez não fosse suficiente para domar os profetas fardados do caos. Bem ou mal, o presidente Figueiredo conduziu o processo de abertura, e legou-nos a volta a um regime civil, a lei de anistia, o retorno de tantos exilados.

continua...

2017-05-05

5 May 2017 | 1 min de leitura

Para os pouco versados no idioma falado no Brasil, em meios políticos, empresariais e jornalísticos, apresento a tradução da manchete, em bom português: Depoimentos de criminosos mostram como eles e seus cúmplices cometeram crimes gigantescos.

continua...

2017-05-05

5 May 2017 | 2 min de leitura

Leio matéria sobre uma análise dos temas abordados em provas passadas do Enem. Ocorrem-me alguns comentários. Primeiro, apesar do que afirma o subtítulo da matéria ( Temas do ensino fundamental são os mais comuns ), o texto da matéria fala em conteúdo do ensino fundamental apenas na matemática. É verdade que, em muitas outras disciplinas, o ensino médio retoma e, às vezes, aprofunda assuntos que já foram estudados no ensino fundamental. O caso da matemática é um tanto diferente, pois o currículo desta disciplina pressupõe uma progressão do conhecimento. (Os ditames da nova matemática , que impera desde meados do século passado, criam problemas todos próprios.) Ocorre que cobrar preferencialmente o conhecimento matemático do ensino fundamental mostra a completa falência do sistema curricular desta disciplina. Ao final da matéria, o professor convidado a comentar a pesquisa diz que a prova de matemática do Enem procura se concentrar nos assuntos que têm a ver com o cotidiano dos candidatos, e por isso há poucas questões sobre geometria analítica e sequer aparecem questões sobre matrizes ou determinantes. Mas também se poderia dizer que questões sobre organização científica do trabalho (Sociologia) não têm qualquer relevância para o cotidiano dos candidatos. Ou questões sobre mecânica ondulatória (Física), ou atomística (Química), ou quase tudo da História.

continua...

2017-05-01

1 May 2017 | 2 min de leitura

Uma das principais características das manifestações do dia 28 de abril, chamadas greve geral pelas organizações que as convocaram, foi o bloqueio de ruas e avenidas, bem como a greve de algumas companhias de transporte público, ainda que em flagrante desrespeito a ordens da Justiça do Trabalho — a mesma Justiça do Trabalho à qual correm as mesmas organizações quando elas são esbulhadas em seus direitos. Mas a questão aqui é outra. Muitos, como eu, criticaram esta forma de fazer greve geral como uma cínica manipulação e, pior, como ação criminosa contra o direito de ir e vir, e contra o direito de trabalho, dos que não desejavam participar das manifestações. Cito, em particular, as palavras de duas autoridades da República: Obstruir é crime. Obstruir, afetar a economia popular é crime. Manifestar é algo absolutamente legal. É da democracia. É algo que faz bem ao pais e à democracia. […] Reivindicar, nesse país, é um direito de todo mundo. Então reinvindicação, no Brasil, há muito tempo não é crime. Nós construímos a democracia para não ser crime. Agora, esse país é um país responsável. Interditar estradas, comprometer a economia popular, desabastecendo com alimentos ou combustíveis, isso tem componentes de crime.

continua...

2017-04-28

28 Apr 2017 | 1 min de leitura

Se eu ainda tivesse um átomo de simpatia pelos protestos dos sindicatos, realizados hoje, este átomo teria sido pulverizado pela leitura de uma reportagem na Carta Capital, com data do dia 26 (quarta), e que leva o título Centrais sindicais apostam em Renan Calheiros para barrar reforma trabalhista . Cito: Sem força para impedir o avanço da reforma trabalhista na Câmara dos Deputados, as centrais sindicais apostam em um novo aliado para tentar barrar a pauta no Senado. Trata-se de Renan Calheiros (AL), líder do PMDB. […] Na tarde desta terça-feira (25), Renan Calheiros usou o gabinete da liderança do PMDB no Senado para receber os representantes dos trabalhadores. Estavam presentes centrais de todos os lados: CUT, Força Sindical, CSB, CTB, Nova Central e até a Contag. Reverenciado pelos sindicalistas como ‘líder de todos nós’, o peemedebista ouviu os representantes de cada entidade antes de fazer uma dura fala contra a proposta do governo federal. […] O encontro com sindicalistas foi articulado pelo deputado Paulinho da Força (SD-SP) e pelo senador Paulo Paim (PT-SP), além de ter contado com a participação da senadora Kátia Abreu (PMDB-TO). ‘O Renan é a garantia de que a reforma vai parar no Senado’, comemorou Paulinho.

continua...

2017-04-28

28 Apr 2017 | 2 min de leitura

Nesta última quarta, dia 26, o ex-presidente Lula concedeu longa entrevista ao jornalista Kennedy Alencar. A entrevista foi exibida no SBT. Para começar, a entrevista mais uma vez demonstra que Lula só tem coragem de falar com jornalistas amistosos ou amestrados. Mas não é este meu principal ponto. A certa altura, o ex-presidente fala: Você já foi à loja com sua mulher comprar sapatos? Você viu que às vezes ela pede para o cara da loja descer 40 caixas, ela bota os 40 no pé, depois ela fala que não quer nenhum, levanta e vai embora? Em março do ano passado, muitas feministas fizeram grandes ginásticas verbais para dizer que, quando Lula falou nas ativistas de grelo duro do PT, não foi machista. À época, perguntei o que aconteceria se outra pessoa qualquer usasse a mesmíssima expressão. Repito a pergunta. O que nossas feministas e as redes sociais da Internet diriam se o presidente Michel Temer falasse exatamente as mesmas palavras ditas pelo ex-presidente? ======= Quero deixar claro que machismo e feminismo não devem ser as únicas réguas para medir a adequação ou capacidade de um político. Esta é uma questão por demais complexa — especialmente em se tratando de líderes nacionais — para ser resolvida com base em apenas um critério.

continua...

2017-04-28

28 Apr 2017 | 1 min de leitura

Leio que a Advocacia-Geral da União conseguiu uma medida liminar, na Justiça, ontem à noite, garantindo que uma ponte entre o Paraná e o Mato Grosso do Sul não seja bloqueada por caminhoneiros durante as manifestações de ontem. Direito a greve e direito a fazer manifestações NÃO É DIREITO DE TURBAR O DIREITO ALHEIO! Nem faz qualquer sentido que o poder público precise mendigar aos tribunais o direito de usar o poder de polícia para impedir que estas pessoas usem a força para perturbar a população.

continua...

2017-04-26

26 Apr 2017 | 1 min de leitura

No próximo dia 6, vou apresentar uma palestra na Megacon 2017. O tema: jogos de tabuleiro (surpresa, surpresa!). A palestra acontecerá às 13:00 h, no auditório do 1º andar (sala da pós-graduação). https://www.facebook.com/events/408700866141487/

continua...

2017-04-24

24 Apr 2017 | 2 min de leitura

A cachorrinha Joy, que resgatamos ontem, está sob os cuidados do pessoal da Clinivet. Cuidados profissionais, com a excelência que os caracteriza; e um grande carinho e interesse pessoal, que também são característica da equipe deste excelente hospital veterinário. Não sabíamos ontem, mas o resgate aconteceu bem a tempo. Hoje, Joy deu à luz a seus filhotes. Eram cinco, mas três foram natimortos. Os outros dois – um macho e uma fêmea – aparentam estar bem, e estão sendo cuidados. Quanto à Joy, o estado dela inspira preocupação. O exame de sangue mostra que ela abriga algum foco infeccioso, de origem ainda não determinada. Além do corte fundo em sua pata traseira esquerda, ela apresenta cortes simétricos em suas orelhas, e um ferimento na cauda. Está muito magra, completamente desnutrida. Após o parto, ela foi submetida a novos exames, mas ainda não temos os seus resultados. As boas notícias são: ela já está livre de carrapatos e outros ectoparasitas, e os ortopedistas têm esperança de salvar a sua pata ferida! Agradeço as manifestações de carinho e de apoio que recebemos. E aproveito para fazer um pedido: divulguem a situação desta pequena família canina, pois eles vão precisar de lares – lares onde aprendam que há humanos capazes de um carinho maior do que a crueldade que, até agora, conheceram.

continua...

2017-04-24

24 Apr 2017 | 1 min de leitura

Vejam o vídeo. Não preciso acrescentar nada. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/04/17/cultura/1492412360_237040.html

continua...

2017-04-23

23 Apr 2017 | 1 min de leitura

Sintomático que o nefando projeto de lei sobre abuso de autoridade seja relatado por uma autoridade em abuso. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/requiao-e-randolfe-trocam-ofensas-por-causa-de-projeto-de-abuso-de-autoridade/

continua...

2017-04-23

23 Apr 2017 | 2 min de leitura

Hoje fomos a um sítio na vizinha cidade de Colombo, o sítio Gasparin. É um lugar muito agradável, com uma horta colha-e-pague, na qual sempre encontramos verduras e legumes de excelente qualidade. Mas hoje nossa colheita foi diferente. Enquanto caminhávamos pelos canteiros, notamos uma cadela mancando. Que era uma cadela era bem óbvio, pois é visível que não vai demorar a dar à luz. O que não era tão óbvio era o motivo de estar mancando. Descobrimos quando nos aproximamos dela. A foto mostra que a parte traseira da pata dela foi cortada, com um instrumento bastante afiado. O corte é fundo, e impede totalmente que ela use a pata. Ela é extremamente dócil, e aceitou mansa ser apanhada e carregada. O pessoal do sítio nos disse que ela vive na região há algum tempo, e nos ajudou a recolhê-la. Nós a levamos para a Clinivet. Ela foi tranquila no carro, parecendo aliviada; às vezes gemia um pouco. Tinha muitos carrapatos; moscas e outros insetos recobriam a sua ferida. Foi atendida com todo o cuidado pelo pessoal da emergência. Nós lhe demos o nome de Joy — alegria — porque achamos que ela vai ficar alegre ao ganhar uma nova chance de sobreviver e de amamentar seus filhotes.

continua...

2017-04-18

18 Apr 2017 | 1 min de leitura

As importantes atividades dos três gatinhos para os quais procuramos adotantes.

continua...

2017-04-17

17 Apr 2017 | 1 min de leitura

No último sábado, nossa família resgatou três gatinhos, bastante dóceis, que estavam em situação de risco. Já não temos condição de abrigar ainda mais gatos, então estamos procurando quem queira adotá-los. Alice, Dinah e Orion aparentam ter cerca de 60 dias de idade, e já receberam vermífugo; medicação antipulgas terá que esperar crescerem mais um pouco, mas não identificamos parasitas externos neles. Somente serão doados para casas ou apartamentos com telas nas janelas, sem acesso à rua, e para adotantes que se comprometam a dar-lhes boa ração e levá-los ao veterinário quando necessário. Peço aos amigos de Curitiba que ajudem a divulgar isso. Os interessados podem me enviar mensagem aqui pelo Facebook.

continua...

2017-04-15

15 Apr 2017 | 1 min de leitura

Agradeço, penhorado, a toda a equipe de oncologia do Hospital Sírio Libanês de São Paulo. Agradeço não apenas pelo magnífico trabalho cotidiano, que os transformou em um centro de reconhecida excelência, mas em particular pelo tratamento concedido ao ex-presidente Lula. Se Lula tivesse morrido há alguns anos, estaria hoje no mesmo panteão de ídolos de pés de barro onde estão Vargas, Perón e outros canalhas. Seu nome estaria sendo disputado a tapa por inúmeros legítimos herdeiros . Mas ele continua vivo. Está vendo quarenta anos de canalhice e de crime desmoronarem à sua volta. Está sentindo o desprezo e o ódio de gente que confiou nele. Está com medo de ir às ruas, no meio do povo que jura defender. Vê a canalha de que se cercou roer a corda, abandonar o navio, fugir às pressas. Acorda todos os dias temendo a campainha que anunciará a sua prisão. Lula está vivendo no país que criou e não na ilusão que vendeu. Ainda falta a merecida cadeia. Ainda falta a devolução de tudo o que roubou. Pode ser que estas faltas sejam corrigidas. Mas sempre vão faltar as vidas destruídas e ceifadas em decorrência de seus atos.

continua...

2017-04-15

15 Apr 2017 | 1 min de leitura

Conforme a coluna da Débora Bergamasco, na IstoÉ, os políticos em Brasília tiveram uma notícia que os deixou certos de que é o fim do mundo. Assim como dinheiro de propina, empreiteiras cortaram outro mimo de políticos: a ‘Bolsa Panicat’, disse um parlamentar à coluna. ‘Agora, quem quer acompanhante tem que pagar do bolso’, explicou. Importante: ‘panicat’ é apenas referência a garotas de programa ‘famosas’, não a integrantes do programa ‘Pânico’. Em todo caso, podemos perceber a consistência e coerência de comportamento de Suas Excelências, pois agem com as profissionais da mesma forma que agem com o país. E com a mesma origem de financiamento.

continua...

2017-04-15

15 Apr 2017 | 1 min de leitura

Senador Romero Jucá, em entrevista à Rádio CBN, no dia 14 de abril: Não tem sentido alguém pensar que vai se vender aqui uma medida provisória por R$ 150 mil. R$ 150 mil não se vende medida provisória nem na Feira do Paraguai. É uma piada dizer um negócio desses e sabendo da relação que eu tenho com a classe econômica do Brasil. Senador, é justamente por sua relação com a classe econômica que acredito em suas palavras. Mas peço um esclarecimento, que faltou em sua entrevista: qual é o preço de tabela para a aquisição de uma medida provisória, na Feira do Paraguai ou no Congresso? Vossa Excelência passa cartão?

continua...

2017-04-15

15 Apr 2017 | 1 min de leitura

Os vídeos de Emilio Odebrecht são reveladores para quem se interessa pela história. Pensando na conversa que teve com o general Golbery, presumivelmente antes de sua saída do governo Figueiredo (em 1981), as palavras de seu interlocutor aumentam a verossimilhança das afirmações de Romeu Tuma Júnior sobre ser Lula um agente duplo para o regime militar (segundo o livro Assassinato de Reputações ). De qualquer maneira, e ainda mais grave, tanto o fato de Lula ter se vendido, há quase quarenta anos, para a Odebrecht (e, suponho, outros empresários graúdos), quanto as revelações dos criminosos sobre a forma como compraram a Força Sindical e a CUT, revelam uma face profundamente perversa do sindicalismo. Estudiosos do tema sabem que a estrutura sindical brasileira remonta ao Estado Novo, criado por Getúlio Vargas, e foi inspirada no Estado fascista italiano. Nesta estrutura, o sindicato é entendido como um braço do Estado; a representação dos interesses dos trabalhadores é uma bela fábula, mas nem passa pela cabeça de nossos sindicalistas agirem para atender estes interesses. Lula e os outros sindicalistas não passam de pelegos.

continua...

2017-04-14

14 Apr 2017 | 1 min de leitura

A manchete é enganosa. O ex-presidente não foi obrigado a devolver o dinheiro ilicitamente percebido; foi condenado a isso, mas recorreu da sentença e ela ainda não foi executada. Juntando a sua idade avançada e os infindáveis recursos permitidos pela legislação processual, talvez seus bisnetos tenham que devolver estes valores. Ah, sim: é essencial colocar nesta conta do atraso também as chicanas e falácias de meus colegas advogados. Conforme a reportagem, o ilustre causídico que representa o ex-presidente consegue argumentar simultaneamente que o teto não se aplica nem aos vencimentos do servidor em atividade, nem aos seus proventos na aposentadoria. Data maxima vênia, acredito que o nobre colega poderia ter sido menos prolixo e ido direto ao ponto, formulando o argumento de outro modo: O teto somente pode ser aplicado aos outros, não ao meu cliente. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/exclusivo-sarney-briga-na-justica-por-aposentadorias-de-r-73-mil-depois-de-obrigado-a-devolver-dinheiro/

continua...

2017-04-13

13 Apr 2017 | 2 min de leitura

A dialética é um método filosófico, aplicável a um confronto entre ideias. Em nossos dias, a multimilenar história deste termo fica, frequentemente, eclipsada pelo uso particular que Marx, Lenin e outros lhe deram. Marx, na verdade, criticou veementemente a abordagem que Hegel fez da dialética, e declarou, essencialmente, que dialética era o que ele (Marx) fazia, o resto era o resto. Algo semelhante a um ex-presidente da República dizer que nada do que foi feito antes dele teve valor, mas que tudo o que ele fez foi superlativamente bom. Isso deixa tanto mais interessante o texto de uma carta, com data de 15 de agosto de 1857, escrita por Marx e endereçada a Engels. O autor estava discutindo um artigo que escrevera recentemente, sobre uma crise na colônia britânica da Índia: Quanto ao caso em Delhi, quer me parecer que os ingleses devem começar sua retirada assim que a estação das chuvas se estabelecer em definitivo. Já que, atualmente, estou ocupando o seu lugar como o correspondente militar do Tribune, decidi escrever isso. Veja bem, estou aqui supondo que as notícias recebidas até agora são verdadeiras. É possível que eu quebre a cara. Mas, neste caso, sempre posso resolver o caso com um pouco de dialética.

continua...

2017-04-12

12 Apr 2017 | 2 min de leitura

Leio as notícias, estarrecido. Há alguns anos, referi-me ao nosso governo como uma cleptocracia. À época, um conhecido meu, que trabalhava no Palácio do Planalto, ficou ofendido. Não sei o que ele pensa hoje. Mas sei que eu estava errado. Não era o governo de então que era a cleptocracia. Todo o nosso Estado é uma cleptocracia. Reflito sobre as acusações incessantes. É da natureza deste tipo de acontecimento que inocentes sejam levados pelo arrastão da opinião pública, que condena todos igualmente. Quem são estes inocentes? Ignoro. Espero que isso seja revelado. Mas uma coisa salta aos olhos. Sem exceção, a defesa de todos – TODOS – os acusados usa os mesmos argumentos: os brados de inocência; a desqualificação das acusações e dos acusadores; as defesas técnicas que buscam invalidar provas, ao invés de se apresentarem provas de inocência, bem como estender e anular processos na Justiça. Também salta aos olhos que os acusados nunca se incomodam com as acusações contra os outros, aliados ou – claro! – adversários. Não há solidariedade entre ladrões, ao que parece; e também parece que, mesmo quando os acusados bradam inocência, não se surpreendem com as acusações contra seus colegas. Talvez tenham informações que ignoramos…

continua...

2017-04-11

11 Apr 2017 | 1 min de leitura

Divulguem. Assinem. https://secure.avaaz.org/po/petition/Ministerio_Publico_Federal_Brasil_Investigue_as_teles_operadoras_de_servicos_de_telecomunicacoes/?cuDuXlb

continua...

2017-04-10

10 Apr 2017 | 1 min de leitura

Alain Sokal: Acho que, infelizmente, boa parte do ensino de ciências nas escolas se parece muito com o ensino de catecismo, e assim, desta maneira, a verdadeira atitude científica acaba sendo traída. Eu queria que as escolas ensinassem menos e ensinassem melhor. O professor Sokal tem toda a razão. Ensinam-se resultados, como questão de fé, mas não se ensina o método científico — nem nos colégios, nem nas universidades. Não é de surpreender que a ciência simplesmente não exista para a maior parte das pessoas. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/04/05/ciencia/1491416759_691895.html

continua...

2017-04-05

5 Apr 2017 | 2 min de leitura

Um novo documentário sobre o maio de 1968, na França. Parece que é bem interessante. Chamaram-me a atenção, em particular, estas palavras do seu diretor, na entrevista a El País: P. Em resumo, seu filme é uma crítica aos que aqui em Paris, no Brasil ou em qualquer lugar tentam viver de uma visão que você considera não realista de 1968. R. Eu acho que a história anda, a fila anda. A nostalgia mata. Por que buscar em maio de 1968 as energias? Tem tanta coisa importante acontecendo hoje em dia, tantas lutas importantes. Por que buscar exemplos de um tempo que foi deslumbrante? A sociedade era diferente, a sociedade. O (um dos principais líderes de Maio de 1968, Daniel) Cohn-Bendit diz isso muito bem e é considerado um canalha por muita gente. O Cohn-Bendit diz que 68 acabou, e isso não quer dizer que não teve importância capital. Assim como a Revolução Francesa foi uma revolução capital, mas ninguém sai na rua pensando em Robespierre. Sai pensando nas questões contemporâneas. Tem um apego desmesurado com algo que começou tantos anos atrás que impede, às vezes, de: número 1, enfrentar fatos da história; e, número 2, perceber que há de novo forças neste momento que exigem outro tipo de enfrentamento, outro tipo de luta.

continua...

2017-04-04

4 Apr 2017 | 1 min de leitura

Motivo de orgulho para os brasilienses, sem dúvida. Mas, como a própria reportagem indica, a iniciativa pioneira de 20 anos atrás não foi acompanhada de outras iniciativas, com as quais formasse uma sinergia e aumentar ainda mais a segurança do tráfego. Pensando em minha nova cidade: os curitibanos orgulham-se, com razão, do sistema de transporte urbano legado por Jaime Lerner. Mas, nestes trinta anos, não houve quaisquer atualizações ou modificações do sistema, que já se mostra de todo insuficiente ou inadequado para as condições atuais. A gestão da coisa pública tem que resolver os problemas do agora, mas não pode ignorar o futuro, nem deixar de se planejar para ele. Muito menos jogar os problemas do agora para que os próximos governantes resolvam. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/orgulho-brasiliense-respeito-a-faixa-de-pedestres-completa-20-anos/

continua...

2017-04-04

4 Apr 2017 | 1 min de leitura

Um programa do governo que já vai tarde. Nas palavras de um participante: Viajei para o exterior por conta do Balada Sem Fronteiras. http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2017/04/ciencia-sem-fronteiras-chega-ao-fim-por-falta-de-dinheiro.html

continua...

2017-04-03

3 Apr 2017 | 1 min de leitura

Bernard De Koven é um dos grandes pesquisadores na área de estudos de jogos. Infelizmente, ele não o será mais dentro de pouco tempo. Vale a pena ler a sua mensagem — não de despedida, mas de incentivo. http://www.deepfun.com/hello-my-name-bernie-friends-call-blue-have-cancer-what-id-like-you-to-do-about-it/

continua...

2017-04-03

3 Apr 2017 | 1 min de leitura

http://www.bbc.com/portuguese/salasocial-39462016

continua...

2017-04-03

3 Apr 2017 | 3 min de leitura

Leio a entrevista de José Mário Pereira, colaborador de Roberto Campos na preparação de suas memórias. Chama-me a atenção o relato que faz de conversa com Darcy Ribeiro: Quando finalizava as suas memórias, já doente, Darcy me chamou várias vezes ao seu apartamento para conversar, e ajudá-lo a rever ‘Confissões’, que afinal teve edição póstuma. Uma vez, assim que entrei na sala, ele me olhou e disse: ‘Você está com uma cara boa. Soube também que ficou rico!’ Eu ri, e perguntei que história era aquela. Ele então disparou: ‘Ora, você deve ter recebido muito dinheiro do Departamento de Estado americano, ou de algum outro órgão pretensamente cultural deles, para editar o enorme volume de memórias do Roberto Campos! Eles também devem ter ajudado na pesquisa, não?’ Eu caí na gargalhada, e passei a contar as dificuldades que tive para levantar o dinheiro necessário para editar ‘A lanterna na popa’. ‘Mas o Roberto Campos é muito rico, Zé Mario! Ganhou muita comissão servindo aos interesses americanos no Brasil! Ele então pagou a edição?’ Eu tornei a dizer que não, que até pegara dinheiro emprestado para editar o ‘Lanterna’, e que Roberto Campos não me parecia tão rico assim, pois testemunhara as dificuldades dele para quitar dívidas de campanhas eleitorais, chegando até a vender quadros que tinha ganho de amigos, como Di Cavalcanti.

continua...

2017-03-29

29 Mar 2017 | 1 min de leitura

O VI Retiro Lúdico foi um sucesso! Tivemos 29 participantes, vindos de vários pontos do Brasil (CE, RN, DF, RJ, SP, SC, PR). Ano que vem tem mais… e provavelmente teremos novidades. (Na foto do @[1722466799:2048:Paulo Gonzaga], abaixo, uma das partidas com os meus confrades).

continua...

2017-03-28

28 Mar 2017 | 1 min de leitura

Já lá se vão vinte e três anos… Criei o BBS Cliffhanger em 1994, usando minha linha de telefone fixa, e com funcionamento em horário parcial. Logo consegui uma segunda linha, e o Cliffhanger passou a funcionar 24 horas. O Cliffhanger durou dois anos, e somente desisti dele porque os ventos começavam a soprar na direção do acesso comercial à Internet. Na época, era inviável arcar com os custos de ligação 24h com a Internet, e preferi desativar o BBS. A arte foi de meu compadre Eduardo De São Paulo, que resgatou esta preciosidade.

continua...

2017-03-28

28 Mar 2017 | 2 min de leitura

Nos últimos dias, li notícias que mostram, claramente, excessos e crimes cometidos por pessoas que pretendem combater crimes. Refiro-me, primeiramente, à violação do sigilo profissional de Eduardo Guimarães. Sim, ele é um notório integrante dos blogs sujos. Sim, ele claramente não pretende ser isento , e tudo o que publica em seu blog tem o claro propósito de servir à causa da canalha. Não importa. Sabe-se que não existe imprensa neutra ou isenta . Julgar, sem o devido processo legal, que a proteção constitucional não se estende a alguém, com base na qualidade ou no conteúdo do que escreve, é trilhar um caminho extremamente perigoso. O segundo caso é o da exposição pública do vídeo gravado durante a condução coercitiva do ex-presidente Lula, em março de 2016. Pesam graves acusações contra o ex-presidente, e — pessoalmente — acredito ser ele um criminoso. Não importa. Ele tem os mesmos direitos à sua privacidade e à inviolabilidade de seu lar que quaisquer outras pessoas têm. Violar estes direitos, mais uma vez, é trilhar um caminho que pode não ter volta. Combati e combato, com minhas palavras, os criminosos que estiveram e que estão no poder. Da mesma forma que não admito que esta canalha use o Estado de Direito para acobertar e favorecer seus crimes, não quero ver os agentes do mesmo Estado de Direito cometerem crimes, ainda que em combate aos primeiros criminosos.

continua...

2017-03-23

23 Mar 2017 | 2 min de leitura

No dia 20 último, uma das correntes internas do PT publicou a terceira parte de um artigo com o tema Corrupção no Brasil . Desde ontem, a página não está mais no ar, e o site archive.org está sendo bloqueado para não mostrar o conteúdo arquivado da página. Felizmente o Google mantém em cache o texto original, e pode ser visto neste endereço: https://goo.gl/9xApjj Por que esconder a página e fazer uma força louca para fingir que nunca existiu? Cito o texto suprimido: As eleições brasileiras historicamente foram feitas mediante contribuições não contabilizadas, vulgo caixa dois. […] Enquanto as regras eleitorais não fossem modificadas para todos -, seria quase impossível disputar em condição de obter uma vitória em qualquer nível da federação, seja no Executivo ou no Legislativo, não utilizando as regras do jogo que sempre foi jogado. Então, o Partido dos Trabalhadores, provavelmente, se utilizou das mesmas regras que os demais usavam. […] Sob essa lógica, vale resgatar uma das leis da guerra. O contendor que se dispõe a investir mais fortemente contra o seu adversário será quem determinará o ritmo do combate [1] . Em outras palavras, se o adversário se dispõe a utilizar armas ainda mais pesadas, cabe igualar as condições deste ou se retirar do conflito.

continua...

2017-03-22

22 Mar 2017 | 1 min de leitura

Confesso: da mesma forma que, muitas vezes, tenho a impressão de estar me expressando em uma língua estrangeira, certas notícias (e os debates delas decorrentes) dão-me a sensação de eu ter-me tornado em um estranho numa terra estranha. https://www.cartacapital.com.br/sociedade/turbantes-e-apropriacao-cultural

continua...

2017-03-18

18 Mar 2017 | 1 min de leitura

Menos de uma semana… Estive no hotel na quinta passada, para acertar detalhes da organização. Tudo pronto para começarmos as atividades no dia 24, logo cedo. Ainda há vagas, tanto para hospedagem quanto para day use. Vamos aproveitar?

continua...

2017-03-17

17 Mar 2017 | 1 min de leitura

http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/no-video-lula-louva-a-reforma-da-previdencia/

continua...

2017-03-15

15 Mar 2017 | 2 min de leitura

Como é de amplo conhecimento, ontem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva depôs, como réu, perante o juiz federal Ricardo Soares Leite, da 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília. O réu dirigiu-se ao juiz com a devida cortesia. Os trechos abaixo, logo do início do depoimento, assim o demonstram. Eu não sei, eu tou tentando chutar aqui, doutor […] depois o advogado manda pro senhor aí. […] Eu queria aproveitar a oportunidade, doutor Ricardo, para dizer ao senhor […] A parte interessante é contrastar a cortesia do réu com algumas de suas manifestações passadas. ‘Tá vendo? Eu não tenho mesmo curso superior, mas quem carrega papel para mim tem… todos eles têm curso superior’, disse Lula a um ministro, depois de receber um discurso das mãos de um assessor. (conforme o livro Viagens com o Presidente, de Eduardo Scolese e Leonêncio Nossa). A profissão mais honesta é a do político. Sabe por quê? Porque todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir pra rua encarar o povo e pedir voto. O concursado, não. Ele se forma numa universidade, faz um concurso e está com o emprego garantido. (discurso do réu em 14 de setembro de 2016).

continua...

2017-03-15

15 Mar 2017 | 1 min de leitura

Ouvi na CBN que o prédio do Ministério da Fazenda, em Brasília, foi invadido durante a madrugada. A Polícia Militar foi acionada, mas quando chegou os invasores já estavam dentro do prédio e não fez nada a respeito. Pergunta: em qualquer outro país do mundo, como as forças policiais responderiam a uma invasão, durante a madrugada, de um ministério? Qualquer país: da democracia mais livre à ditadura mais escancarada. Há alguns anos, um conhecido meu ficou ofendido porque eu chamei o nosso governo de cleptocracia. Mantenho a classificação, e acrescento outra: anomia.

continua...

2017-03-12

12 Mar 2017 | 1 min de leitura

Uma borboleta pousada em uma flor do campo. Adelaide identifica esta flor como capitão . Não é um lírio do campo. Mas toda a glória de Salomão continua emudecida ante a beleza singela da borboleta e da flor selvagem.

continua...

2017-03-11

11 Mar 2017 | 1 min de leitura

A escravidão formal, como instituição legal, já não existe no mundo. Como sempre, a realidade diz coisa distinta da lei. Como sempre, os mais vulneráveis — pela idade, pela instrução, pelo sexo, pela pobreza — são as vítimas mais frequentes. O ponto mais importante, e que não é discutido pela reportagem: este tráfico imundo existe porque há consumidores — muitos! — dispostos a pagar aos traficantes. A Inglaterra se jacta de ter sido um dos primeiros países a tornar ilegal a escravidão, ainda no século XVIII, e de ter colocado sua Armada a apresar navios negreiros no século XIX. Que triste, ver tantas bandeiras mais uma vez servirem de mortalha. http://www.bbc.com/portuguese/internacional-39186929

continua...

2017-03-07

7 Mar 2017 | 1 min de leitura

Tenho a grande satisfação de anunciar a chamada de trabalhos para a primeira edição da revista LUDICA - International Journal of Game Studies. O prazo de submissão começa hoje, 7 de março, e vai até 15 de abril. A primeira edição deve ser publicada em junho. https://ludicajournal.com

continua...

2017-02-27

27 Feb 2017 | 2 min de leitura

Na noite de domingo, dia 19 de fevereiro, aconteceria uma partida de futebol entre os dois principais times de Curitiba, o Atlético e o Coritiba. Desde a manhã daquele domingo, houve registros de brigas entre torcedores, por toda a cidade. À tarde, torcedores do Coritiba se concentraram no estádio do clube, para seguirem de lá até o estádio do Atlético, onde aconteceria a partida. A Polícia Militar do Paraná providenciou uma força policial para escoltar os torcedores. Houve uma briga entre torcedores e os policiais que estavam lá para defendê-los. Um sargento da PM deu um tiro no peito e matou um torcedor. O jogo não aconteceu. Quando li, no dia seguinte, a manchete falando do cancelamento do jogo, imaginei que os times estariam protestando, ou em luto, pela morte do torcedor. Ledo engano. Os times estavam discutindo com a Federação Paranaense de Futebol, com a Rede Globo, com o juiz, com meio mundo, pelos direitos de transmissão do jogo. Depois de quarenta minutos de embromação, concluíram o locaute e saíram de campo. Os cartolas, a Federação e a Globo divulgaram notas discutindo a importante questão de transmissão de direitos de um evento esportivo. A morte de uma pessoa é, aparentemente, um mero incidente, e como tal não mereceu qualquer atenção dos que se dedicavam àquela alta questão.

continua...

2017-02-27

27 Feb 2017 | 1 min de leitura

Reforço um dos trechos do excelente artigo: Contudo, o que existe é uma distorção entre o que é obrigação do governo e o que é dever do cidadão. Inúmeras são as iniciativas populares de suma importância para o país que não recebem um único centavo do dinheiro público e que são bancadas por cidadãos com doações espontâneas. http://congressoemfoco.uol.com.br/opiniao/quer-carnaval-pague-por-ele/

continua...

2017-02-26

26 Feb 2017 | 2 min de leitura

Nos últimos dias, li dois textos bastante impressionantes. Um, de Mario Vargas Llosa, no qual pede desculpas a seu filho Álvaro, de quem se afastou por continuar a acreditar na honradez do ex-presidente peruano Alejandro Toledo — hoje um foragido internacional, mais um dos muitos políticos comprados pela corrupção brasileira. O outro, um mea-culpa de natureza diversa, foi de Fernando Gabeira, lembrando que, quando jovem, ironizava o lema da antiga UDN O preço da liberdade é a eterna vigilância (uma frase do político irlandês John Philpot Curran, no fim do século XVIII). Gabeira reconhece que não é possível baixar a guarda contra ladrões de todos os pontos do espectro político. As retratações de Mario Vargas Llosa e de Fernando Gabeira não são novidade; muitos, antes como agora, são os que engajaram suas almas e, muitas vezes, seus corpos, em prol de ideais que podem ser chamados socialistas (pelo menos em certos contextos), e que depois publicamente renegaram os líderes que antes seguiram, ou os ideais que antes professaram, ou ambos. Vamos voltar um pouco no tempo. Durante a Guerra Fria, notícias sobre pessoas que fugiam dos países socialistas para o Ocidente eram comuns. Bem menos comuns eram notícias sobre pessoas que faziam o caminho inverso.

continua...

2017-02-24

24 Feb 2017 | 1 min de leitura

A deputada Maria do Rosário defende ideias políticas das quais discordo frontalmente. Não faz diferença. O comportamento dos responsáveis por este tipo de ação é mais do que criminoso: é de uma vileza impressionante. Em 1989, fiquei chocado com a baixaria que Fernando Collor usou contra Lula na reta final da campanha. Se, nesta época, já existisse a Internet comercial, tenho certeza que o caçador de marajás teria usado com gosto estas armas sujas contra seu adversário. Não faz diferença, reitero, e não faz diferença que a canalha ao redor dos recém-apeados do poder use corriqueiramente estas mesmas armas. São muito corajosos em vilipendiar uma jovem sem mostrar os nomes e os rostos. Que asco! http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/maria-do-rosario-vai-a-pf-para-punir-responsaveis-por-exibicao-de-fotos-intimas-da-filha/

continua...

2017-02-22

22 Feb 2017 | 1 min de leitura

Falta pouco mais de um mês para o VI Retiro Lúdico. Já confirmaram presença 32 participantes, vindos do CE, DF, MG, PR, RJ, RN, SC e SP. O hotel ainda tem vagas!

continua...

2017-02-22

22 Feb 2017 | 1 min de leitura

http://brasil.elpais.com/brasil/2017/02/16/politica/1487263344_802616.html

continua...

2017-02-19

19 Feb 2017 | 1 min de leitura

A primeira imagem mostra um texto, em inglês, que me apareceu aqui no Facebook. Ele não faz qualquer sentido, e fiquei bem perplexo com o que era… até que me dei conta que devia ser uma tradução automática. Cliquei sobre o link See original e vi o texto na segunda imagem. Tradutores automáticos ainda estão em um estágio bem anterior aos livrinhos de frases prontas.

continua...

2017-02-18

18 Feb 2017 | 1 min de leitura

Nenhuma crítica a Raduan Nassar por aproveitar um momento de notoriedade pública, como o oferecido pela sua premiação, para apresentar o seu protesto. Discordo da posição que ele defendeu, mas ele deve ter os seus motivos, ainda que — suponho — tenha ajudado a eleger o presidente Michel Temer. Mas condeno vigorosamente a sua atitude de cuspir no prato do qual recolheu cem mil euros, dos quais cinquenta mil euros foram concedidos pelo governo que ele considera ilegítimo. Em situações análogas, outros já recusaram honrarias, mostrando que praticavam o que pregavam. Raduan Nassar mostrou que não é este o seu caso. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/raduan-nassar-fala-em-golpe-e-freire-sugere-que-escritor-devolva-premio/

continua...

2017-02-16

16 Feb 2017 | 1 min de leitura

Feliz aniversário, música brasileira. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/02/14/cultura/1487085880_979499.html

continua...

2017-02-14

14 Feb 2017 | 1 min de leitura

https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-02-14

14 Feb 2017 | 1 min de leitura

Nova arte para divulgação do Retiro Lúdico. Compartilhem! O Deco Da Viola (André de Freitas) gentilmente autorizou o uso de seu mapa do Brasil para o Ticket to Ride.

continua...

2017-02-13

13 Feb 2017 | 1 min de leitura

Temos, até o momento, 26 participantes confirmados, mais sete pendentes. Teremos jogadores de vários lugares do país: Brasília, São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro – e, claro, do Paraná. Ainda há vagas, pessoal.

continua...

2017-02-13

13 Feb 2017 | 1 min de leitura

As informações sobre o custo de deslocamento do aeroporto para o hotel foram atualizadas na página do evento. A melhor opção é o UberX.

continua...

2017-02-12

12 Feb 2017 | 1 min de leitura

Por todas as mulheres que ouviram, que ouvem, que vão ouvir desista , isso não é para você , você não dá conta . #ShePersisted

continua...

2017-02-12

12 Feb 2017 | 1 min de leitura

Que continuem, sempre, persistindo. #ShePersisted http://brasil.elpais.com/brasil/2017/02/10/internacional/1486723564_007151.html

continua...

2017-02-10

10 Feb 2017 | 1 min de leitura

Vergonha da cidade que adotei. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/artista-chilena-e-detida-por-cantar-em-estacao-do-metro-de-brasilia/

continua...

2017-02-09

9 Feb 2017 | 1 min de leitura

O Facebook tem formas honestas e desonestas de financiar os serviços que oferece gratuitamente . Uma das formas menos desonestas é a inserção de propagandas nas páginas; claro que elas são inseridas de forma a parecerem ser textos de amigos ou de grupos nos quais estamos interessados. A foto abaixo é de uma destas propagandas. Não faço ideia de qual é a firma anunciante. Já começamos mal, pois ela usa um logo que plagia o logo da Apple, e usa o nome fantasia Macsoftware; a combinação das duas manobras certamente permite a desavisados suporem que é a própria Apple a originária da propaganda — e o texto da propaganda sugere que é um texto postado no Facebook, e que o incauto que nele clicar lerá o restante do texto. Mas um detalhe mais sutil mostra que a patifaria vai ainda mais além. É claro que a foto da moça não está lá para mostrar o computador no qual ela trabalha… mas este computador não é um dos notebooks da Apple, como se pode ver pela sua carcaça. Obrigado, Facebook, por nos brindar com uma propaganda sem deixar claro que o é, e especialmente por permitir a propaganda de uma empresa que não aparenta qualquer honestidade.

continua...

2017-02-09

9 Feb 2017 | 3 min de leitura

Leio, há pouco, uma notícia sobre a demissão de Gabriel Vaz, estagiário de engenharia civil, em Maringá, por publicar comentários sexistas na Internet. Não vou me dar ao trabalho de discutir os comentários em si, e muito menos de repeti-los; eles não merecem uma coisa ou outra. Meu interesse diz respeito a três pontos entre os atos do responsável. Primeiro, conforme a reportagem, ele retirou os comentários de sua conta. Segundo, ele disse que foi uma brincadeira mal interpretada, dirigida a amigos que pensam como ele, e que não tinha a intenção de ofender ninguém. Terceiro, ao ser interpelado pela empresa na qual trabalhava, teria argumentado que tudo o que estava no Facebook era privado e que ele exercia a garantia constitucional de liberdade de expressão; para mais, como os comentários já haviam se espalhado, ele não poderia apagá-los. O primeiro ponto tem sido quase que cotidiano. Alguém escreve uma canalhice, uma asneira, uma ofensa, ou qualquer outro texto reprovável. O texto é divulgado, as condenações abundam, e o responsável apaga o texto. Às vezes pede desculpas e diz, como o estagiário aqui, que não queria ofender ninguém. Eu costumo dizer que erros e problemas acontecem com todos. O que mostra a seriedade de uma pessoa, ou empresa, é a forma com que lida com o problema e procura corrigi-lo.

continua...

2017-02-07

7 Feb 2017 | 3 min de leitura

Ao longo de meus estudos, adquiri conhecimentos de duas áreas distintas, mas muito úteis em nossa sociedade moderna. Uma delas é o Direito; não advogo, mas meus conhecimentos jurídicos já me ajudaram bastante em muitas situações. Especialmente com a crescente judicialização de nossa sociedade, são conhecimentos essenciais. A outra área é a Informática. Não cheguei a concluir um curso de graduação, mas entre o curso não concluído e vários anos de atuação profissional, tornei-me um técnico bem capacitado. Procuro me manter atualizado em vários aspectos da área, e sou no mínimo um power user . Trabalhei, por alguns anos, na área de suporte técnico. Pode-se dizer que até hoje o faço, mas já não profissionalmente. Existem muitas profissões que são invisíveis, salvo quando algo não funciona. Geralmente é o caso dos serviços de infraestrutura, como as pessoas que fazem trabalhos domésticos, ou as que mantêm o fornecimento de água e energia em nossas cidades. O mesmo acontece com o suporte técnico. Já me ocorreu ser chamado para resolver problemas os mais diversos, de uma pane geral em um sistema operacional até simplesmente ligar um computador na tomada. Mas o bom profissional de suporte não fica parado, à espera de um chamado.

continua...

2017-02-06

6 Feb 2017 | 2 min de leitura

No início do governo Castelo Branco, o embaixador brasileiro nos EUA, Juracy Magalhães, pronunciou uma frase tristemente célebre: O que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil . Na política, o impacto deste tipo de alinhamento é conhecido, pelo menos pelos que se são ao trabalho de raciocinar um pouco. Preocupo-me, aqui, com o impacto de pensar assim na pesquisa e na ciência. Leio que a Organização Mundial de Saúde divulgou um estudo, realizado em vários países do mundo, reavaliando os padrões de crescimento fetal. No Brasil, a instituição responsável pela pesquisa foi a Unicamp. Como a reportagem indica, a tecnologia da ultrassonografia foi desenvolvida nos EUA, e por isso os padrões de crescimento fetal foram também desenvolvidos lá. Antes desta tecnologia, era impossível conseguirem-se informações precisas sobre o tamanho e o crescimento de fetos saudáveis. Mas o que acontece nos EUA não acontece necessariamente no Brasil, ou em outros lugares do mundo. Assim, a pesquisa patrocinada pela OMS redefiniu estes padrões, avaliando pessoas em diversos países. A reportagem, claro, não dá todos os detalhes sobre a metodologia adotada pelos pesquisadores; mas o que indica mostra o necessário cuidado para evitar distorções nos dados coletados. Mais uma vez, uma das nossas poucas instituições de pesquisa de ponta realiza um trabalho sério e necessário.

continua...

2017-01-29

29 Jan 2017 | 3 min de leitura

Começo este texto com uma lembrança histórica. Em julho de 1938, uma conferência internacional aconteceu na cidade francesa de Évian-les-bains. A conferência foi uma iniciativa do governo dos EUA, e as principais nações democráticas do mundo enviaram representantes. O aprazível local, uma das estações de águas mais imponentes da França, permitia aos delegados se distraírem da urgente gravidade do tema da conferência. A conferência fora convocada para discutir a questão dos refugiados judeus. A perseguição nazista aos judeus já estava em pleno funcionamento na Alemanha, embora nesta altura o Holocausto ainda não estivesse sendo implementado. Outros países, especialmente no Leste europeu, também implantavam políticas de perseguição aos judeus. Dezenas de milhares de refugiados procuravam asilo em outros países, especialmente nas grandes democracias. Nos EUA, o governo de Franklin D. Roosevelt, do partido Democrata, estava propositalmente ignorando a lei de imigração, e as quotas de imigração não estavam sendo preenchidas, apesar da situação desesperada dos judeus. Essencialmente, o que Roosevelt queria com a conferência era que outros países aceitassem receber os judeus. Por sua vez, o Reino Unido, tendo Neville Chamberlain como primeiro-ministro, administrava a Palestina. A política britânica criava todo tipo de entrave à imigração de judeus para a Palestina, e Londres não via motivos para mudar.

continua...

2017-01-27

27 Jan 2017 | 1 min de leitura

Outro dia da memória. Como devem ser todos os dias. http://g1.globo.com/mundo/noticia/comi-cascas-de-batata-do-lixo-e-me-cobri-com-cadaveres-para-nao-morrer-diz-sobrevivente-do-holocausto.ghtml

continua...

2017-01-25

25 Jan 2017 | 1 min de leitura

Já escrevi sobre a gigantesca falácia, vendida com gosto pelos que elegemos, de que bastam leis para resolver problemas da sociedade. Há muitas leis inócuas; mas o diabo é quando a lei — ou a sua aplicação — torna-se iníqua. Concordo, absolutamente, com a ministra portuguesa Maria Clara Sottomayor, citada no texto: por mais injusto que seja, para um adulto, enfrentar uma falsa acusação de assédio sexual, isso não se compara à temeridade de entregar a guarda de uma criança ao abusador. Há muito que o Estado vem criando problemas gravíssimos para as famílias, especialmente os seus membros mais vulneráveis. Este é apenas um deles. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/lei-da-alienacao-parental-expoe-criancas-a-abusos/

continua...

2017-01-25

25 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data está chegando… mas ainda dá tempo de participar. https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

Obrigado, ex-presidenta Dilma, por mais este mimo. http://g1.globo.com/economia/seu-dinheiro/noticia/indenizacao-a-transmissoras-pode-causar-alta-media-de-9-nas-contas-de-luz.ghtml

continua...

2017-01-24

24 Jan 2017 | 1 min de leitura

Isto é também o Rio de Janeiro. Esta é a cidade que teima em ser maravilhosa, apesar de seus habitantes fazerem dela. há séculos, a cloaca do país. http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/transcarioca-veja-imagens-e-mapa-da-trilha-de-180-km-que-cruza-o-rio-pela-mata.ghtml

continua...

2017-01-22

22 Jan 2017 | 1 min de leitura

Já não sou cristão há muitos anos. Mas tudo o que vejo sobre o Papa Francisco me impressiona de forma muito positiva. Em entrevista a El Pais, fiquei particularmente abalado com uma de suas frases: Estamos na Terceira Guerra Mundial em pedacinhos. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/01/21/internacional/1485022162_846725.html (O texto original, em espanhol, pode ser lido em http://internacional.elpais.com/internacional/2017/01/21/actualidad/1485022162_846725.html )

continua...

2017-01-15

15 Jan 2017 | 1 min de leitura

Ao ler notícias sobre violência sexual, lembro de um ensinamento precioso de meu pai, quando eu era ainda jovem: Meu filho, não se preocupe em ser macho. Machos há muitos. O que o mundo precisa é de homens. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/01/13/internacional/1484311272_506081.html

continua...

2017-01-12

12 Jan 2017 | 1 min de leitura

A data se aproxima…

continua...

2017-01-12

12 Jan 2017 | 1 min de leitura

Há poucos dias, tive a alegria de ver a publicação de um artigo, escrito por mim e por meu confrade Adriano Holanda. O assunto é um pouco árido, mas de grande importância para muitos pesquisadores nas universidades. Discutimos em nosso texto os regulamentos que exigem aprovação de comitês de ética para quaisquer pesquisas que envolvam seres humanos. Quem já procurou esta aprovação provavelmente enfrentou um verdadeiro calvário burocrático. Estes regulamentos fundamentam-se em normas do Conselho Nacional de Saúde (CNS). Em nosso texto, demonstramos que o CNS não tem qualquer poder para exarar estas normas. Convido os interessados a debater o assunto. Espero que nosso texto possa servir como um bom ponto de partida. https://gradusjournal.com/index.php/gradus/article/view/11

continua...

2017-01-11

11 Jan 2017 | 1 min de leitura

Esta é uma oncinha recém-nascida. Nasceu no dia 29 de dezembro, juntamente com uma irmãzinha, no refúgio biológico de Itaipu. A irmãzinha dela não sobreviveu; os biólogos que estão cuidando do caso acreditam que a mãe a sufocou, provavelmente quando tentava proteger as filhotes dos ruídos dos fogos de artifício. Mortes de filhotes, na natureza, são muito comuns. Nena, a mãe, já tem três anos, e a sua inexperiência pode ter colaborado para a morte da oncinha. Homens levaram a espécie de Nena e suas filhotinhas à beira da extinção. Alguns — poucos! — homens estão tentando salvar a espécie. Enquanto isso, outros — muitos! — homens acham que fazer ruídos intensos, com explosões perigosas, em uma noite de festa, é mais importante do que o bem-estar de uma oncinha. Ou de outros, inúmeros, animais. Ou de filhotes de homens. Boa sorte, pequenina.

continua...

2017-01-11

11 Jan 2017 | 1 min de leitura

John é conhecido nosso, e recomendo para o pessoal aqui de Curitiba.

continua...

2017-01-06

6 Jan 2017 | 2 min de leitura

Recordações de um passado que não acabou. No dia 15 de dezembro de 2010, o então presidente Lula registrou, junto à Associação dos Notários e Registradores do Brasil, uma publicação, com 2.200 páginas em seis volumes, intitulada Balanço de Governo 2003-2010 . Palavras são muito mais fáceis do que obras. Desde que o mundo é mundo, todo político prefere o falar ao fazer. Mas nosso tempo inovou. Devemos isso aos papas da Análise do Discurso nos últimos cinquenta anos, acompanhados em procissão pelos sequazes do Relativismo e aplaudidos pelos pulhas do Políticamente Correto. Graças a estes luminares das Ciências Humanas, hoje um político pode bradar sofismas, veleidades e mentiras da forma mais descarada, porque sempre encontrará uma quadrilha de intelectuais , afinados com seus preconceitos, capazes de trajar a canalhice em brancas vestes de seda. São os que aplaudem a súcia esquerdopata, decerto. São também os que justificam as barbaridades vomitadas pelo clero evangélico e outros criminosos que se escondem atrás de suas religiões. São os que defendem o absurdo de uma intervenção militar constitucional . Há loucos e estúpidos de todos os matizes. A Internet deu voz a todos. Pena que, como em qualquer agrupamento social, os que mais berram são os que menos têm o que falar.

continua...

2017-01-06

6 Jan 2017 | 1 min de leitura

Pessoal, compartilho esta campanha, a um dia de seu final, para ver se mais pessoas a ajudam. A 64oz Games produz kits que adaptam jogos para cegos. Já tive oportunidade de adquirir alguns, e são muito bem feitos. https://www.indiegogo.com/projects/lasercutter-for-blind-materials#/

continua...

2017-01-05

5 Jan 2017 | 1 min de leitura

Felicito a Câmara dos Deputados por, mais uma vez, mostrar que é a casa de todos os brasileiros, e que se preocupa especialmente em acolher aqueles que as pessoas de bem não receberiam em suas casas, para que não fiquem desabrigados. Imagino o primeiro discurso do nobre deputado no plenário: Eu podia estar por aí, trabalhando para ganhar a vida, sendo honesto, mas com a ajuda dos meus eleitores e dos meus pares estou aqui, pronto para cometer crimes bárbaros e dizer que são benesses sociais. http://g1.globo.com/politica/noticia/condenado-por-exploracao-sexual-de-menor-irmao-de-garotinho-assume-como-deputado.ghtml http://oglobo.globo.com/rio/apos-sete-anos-de-investigacao-14-sao-condenados-por-abuso-sexual-de-meninas-19478024

continua...

2017-01-04

4 Jan 2017 | 1 min de leitura

Os meios de comunicação — os media , ou a mídia — trazem informações verdadeiras e informações falsas. Na Era da Comunicação, uma habilidade essencial para a vida em sociedade é aprender a distinguir umas das outras. Nem basta apenas aprender: é imprescindível exercitar esta habilidade todo o tempo. Esta habilidade traz muitas semelhanças com uma parte importante do método científico, o ceticismo construtivo. Exemplo prático. Muitos provavelmente já ouviram falar de lemingues se suicidando em massa. Mesmo um ótimo jogo para PC (do tempo do DOS) usava este conceito. Ora, não apenas é uma lenda, mas foi conscientemente utilizada em uma fraude premiada. Vale a pena ler. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/01/02/ciencia/1483349391_822433.html

continua...

2017-01-04

4 Jan 2017 | 1 min de leitura

http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/prefeitos-entregam-cidades-a-deus-e-cancelam-pactos-com-qualquer-outra-entidade-espiritual/

continua...

2017-01-01

1 Jan 2017 | 4 min de leitura

O primeiro dia de um novo ano na Era da Informação. Aos nossos olhos, o mundo continua encolhendo, limites e fronteiras continuam desmoronando, cada vez mais pessoas nos alcançam. A quantidade de informação colocado ao meu alcance ainda estarrece o menino que se maravilhou com as primeiras bibliotecas escolares que conheci. Da mesma forma como eu me deleitava em explorar aquelas estantes, hoje me deleito em explorar os meandros e becos da arcologia virtual. Mas a consciência histórica não me deixa esquecer que a Era da Informação é apenas a veste contemporânea da Era da Comunicação, que engatinhou com a imprensa, começou a andar com a ferrovia, e desatou a correr com o telégrafo. Chegando ao início de sua idade adulta, a Comunicação ganhou um emprego, com um bom salário, e passou a ser a Era da Propaganda. Em nossa língua, propaganda designa tanto a publicidade que tem fins comerciais quanto a publicidade que tem fins políticos. Outras línguas, como o inglês, distinguem uma da outra; mas penso que neste ponto andamos bem. Vendem-se ideias como se vendem sabonetes, ou esperanças, ou dinheiro, ou almas. Mesmas técnicas, mesmo público-alvo, mesma falta de escrúpulos. A Era da Comunicação é contemporânea de outra, aparentemente sua prima distante.

continua...

2016-12-29

29 Dec 2016 | 1 min de leitura

Para encerrar bem um ano difícil, nada como bons números. http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/o-balanco-da-lava-jato-anuncia-a-morte-da-era-da-canalhice/

continua...

2016-12-07

7 Dec 2016 | 1 min de leitura

Hoje, o Supremo Tribunal Federal criou, para Renan Calheiros, uma norma diversa da que aplicou a Eduardo Cunha. Com isso, aceitou a bofetada que a Mesa Diretora do Senado lhe aplicou, e ofereceu a outra face ao escárnio da canalha e ao desprezo das pessoas de bem. Em nossa república, nada é de graça, nada acontece por acaso. A notícia que menciono, abaixo, ainda não foi confirmada. Se de fato se verificar, permitirá a suposição que ao menos alguns dos ministros do Supremo Tribunal Federal já não se comportam como magistrados da mais alta corte da Justiça, mas sim como outros tantos vendilhões no átrio da Praça dos Três Poderes. Fecham o perímetro do mercado das almas instalado no logradouro criado por Costa e Niemeyer, escancaram as portas da infâmia. http://m.congressoemfoco.uol.com.br/noticias/mantido-no-cargo-pelo-stf-renan-suspende-projeto-que-amplia-casos-de-abuso-de-autoridade-do-judiciario/

continua...

2016-12-06

6 Dec 2016 | 1 min de leitura

Fotos do V Retiro Lúdico, em abril de 2016, pela equipe do Hotel Estância Betânia.

continua...

2016-12-06

6 Dec 2016 | 1 min de leitura

Fotos do V Retiro Lúdico, em abril de 2016, pela equipe do Hotel Estância Betânia.

continua...

2016-12-05

5 Dec 2016 | 1 min de leitura

Já temos onze jogadores confirmados para o evento! A lista de pedidos e combinações de jogos já está funcionando, e pode ser encontrada em https://www.boardgamegeek.com/geeklist/217993/pedidos-e-promessa-para-o-vi-retiro-ludico

continua...

2016-12-05

5 Dec 2016 | 1 min de leitura

Já temos onze jogadores confirmados para o evento! A lista de pedidos e combinações de jogos já está funcionando, e pode ser encontrada em https://www.boardgamegeek.com/geeklist/217993/pedidos-e-promessa-para-o-vi-retiro-ludico

continua...

2016-12-04

4 Dec 2016 | 1 min de leitura

O 1º Curitiba RPG foi um evento muito bom, com um grande público. Parabéns aos organizadores. Minha participação foi como mestre de uma partida de Space: 1889, usando as regras do FUDGE. Obrigado aos participantes Pedro, Luis Olavo Dantas, Fernando, Tharlie, Henrique, e Tatiana (na foto abaixo, da esquerda para a direita). Foi muito bom jogar com vocês.

continua...

2016-12-03

3 Dec 2016 | 1 min de leitura

Prestigiando meu amigo @[100000251039318:2048:Valter Cardoso] no 1º Curitiba RPG.

continua...

2016-12-01

1 Dec 2016 | 1 min de leitura

A ação obscena dos nossos parlamentares, com o silêncio público cúmplice do Executivo (e, suspeita-se, com sua ativa conivência nos bastidores) não vai passar em branco. No dia 4 de dezembro, vamos novamente demonstrar nosso desprezo por esta súcia que elegemos. Merece também condenação, mas de outra natureza, a atitude dos membros do Ministério Público, que ameaçaram abandonar as suas atividades na operação Lava-Jato, por rejeitarem a ação parlamentar. Senhores procuradores, cumpram seu dever! Este é um dever funcional, é um dever moral, é um dever patriótico. Há mais de dois anos que os apoiamos; não se comportem agora como meninos birrentos, querendo apanhar a bola e deixar o campo porque o outro time está trapaceando. A ninguém deve surpreender que criminosos recorram a meios vis para combater o avanço da Justiça. O desespero força a canalha a deixar cair as máscaras, ao mesmo tempo que se procuram usar a nossa bandeira para esconder o sol e encobrir seus crimes. Tanto melhor; combateremos à sombra.

continua...

2016-11-30

30 Nov 2016 | 2 min de leitura

Conheci há pouco a página Humanos da UFPE. Estou me divertindo vendo a verve e a criatividade da autora, e posso entendê-la perfeitamente quando reclama que os colegas de exatas interpretam muito melhor os seus textos do que os colegas de humanas, supostamente especialistas nisso. Um exemplo claro. A imagem abaixo mostra uma foto do restaurante universitário (da UFPE, suponho), e foi compartilhada pela autora da Humanos UFPE com clara intenção humorística. Uma das leitoras da página critica o compartilhamento, dizendo que fazer piada com quem não sabe a gramática normativa é preconceito linguístico . Há aqui um claro problema de interpretação de texto. Com efeito, a leitora crítica não percebe que a piada não é com o (desconhecido) autor do erro, mas com o erro em si! Se o autor do erro não é identificado, como se pode enxergar uma piada com ele? Como toda ferramenta, a análise do discurso pode ser útil. Mas, também como toda ferramenta, ela de nada serve se o resultado é predeterminado. De que me adianta medir uma distância com uma régua, se eu sei antecipadamente que a distância é de 8,5cm? De que me adianta usar a análise do discurso para avaliar a existência de preconceito em um texto, se eu sei antecipadamente que o texto é preconceituoso?

continua...

2016-11-30

30 Nov 2016 | 1 min de leitura

Leilão no ar: http://ludopedia.com.br/lista/6584/leilao-de-dezembro

continua...

2016-11-30

30 Nov 2016 | 1 min de leitura

Leilão: http://ludopedia.com.br/lista/6584/leilao-de-dezembro

continua...

2016-11-28

28 Nov 2016 | 1 min de leitura

Chamo a atenção para a justificativa apresentada pelo senador Roberto Requião para continuar recebendo dois salários: ele precisa do dinheiro para pagar muitas indenizações a que foi condenado em razão de suas declarações. É sabido que o senador Roberto Requião fala o que lhe apraz, especialmente quando não apraz a seus inimigos do momento. Que ele seja condenado pela Justiça a pagar indenizações a pessoas que ofende resulta da aplicação da lei — e podemos ter certeza de que qualquer condenação sua sempre terá sido objeto de todo tipo de recursos processuais, até a última possibilidade. Mas, apesar de todos os presumíveis recursos, tantas sentenças terão transitado em julgado que o ilustre senador precisa pagar muitas indenizações. Aos interessados, traduzo o juridiquês em bom português: o senador Requião quer que nós paguemos as indenizações que ele deve às pessoas que ofendeu. Faço agora uma profecia: o senador ainda será condenado em outros processos, e terá que pagar ainda mais indenizações. Imagino que, mais uma vez, ele vai arrumar uma maneira de fazer com que outros paguem o que ele deve. Sei que ele dificilmente perderá a pensão paga pelo estado do Paraná, mas espero ardentemente que ele deixe de ter mandato popular na próxima eleição.

continua...

2016-11-11

11 Nov 2016 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2016/11/paratleta-desabafa-ao-ser-ofendida-por-motorista-que-ocupava-vaga-especial.html

continua...

2016-11-06

6 Nov 2016 | 1 min de leitura

Infelizmente não sei quem é o criador deste vídeo, para dar-lhe o devido crédito. Apreciarei se alguém puder indicar a referência. O autor não tece uma discussão profunda, e não é este o seu objetivo. Pensem no vídeo como uma aula — digamos, uma aula para uma turma de ensino médio. Uma aula de disciplinas que já não são ministradas, como Moral e Cívica ou Organização Social e Política do Brasil. Democracia é muito, muito mais do que a maioria decide . Também é muito mais do que qualquer maioria de qualquer grupo decide e todos os outros têm que respeitar suas decisões . A aula deste vídeo é só o início de um aprendizado longo, como todos os que valem a pena.

continua...

2016-11-03

3 Nov 2016 | 2 min de leitura

Uma das boas políticas dos governos do PT foi o incentivo à adoção de software livre por parte dos órgãos federais. As razões técnicas são muitas, mas — especialmente em tempos de dinheiro curto — a economia é extremamente importante. Li que a CGU estimou que o Portal do Software, do governo federal, economizaria seiscentos milhões de reais com a adoção de software livre. A adoção de software livre nunca foi uma política federal determinada, mas apenas um incentivo. Ainda assim, foi um passo importante. Há alguns dias, a Microsoft inaugurou um Centro de Transparência em Brasília. Segundo a empresa, o espaço foi construído para promover a computação confiável e segura, um fator crítico para a transformação digital, e atender a necessidades específicas de segurança do setor público. A parte importante da história: No Brasil, a parceria será estendida com a adesão ao Programa de Segurança do Governo pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, em protocolo de intenções assinado pelo Secretário de Tecnologia da Informação, Marcelo Pagotti. Traduzindo: o governo federal decidiu voltar a comprar software da Microsoft. Segundo Marcelo Pagotti: A iniciativa da Microsoft de abrir aqui um centro de excelência em transparência e segurança vai diretamente ao encontro do que pensamos para estabelecer um governo digital.

continua...

2016-11-01

1 Nov 2016 | 4 min de leitura

Uma vez que Curitiba é uma capital de estado, embora não tenha o protagonismo nacional que os locais imaginam, não se pode analisar isoladamente o resultado das eleições municipais. O atual prefeito, Gustavo Fruet, teve um bom desempenho como deputado, ao tempo que estava no PSDB, especialmente na CPI do Mensalão. Candidatou-se ao Senado em 2010, mas bateu de frente com o governador Beto Richa, também do PSDB, e não conseguiu se eleger. Saiu do PSDB para o PDT, e conseguiu se eleger em 2012 como prefeito de Curitiba, vendendo a alma para conseguir o apoio do mesmo PT que vergastara na Câmara. O atual governador, Beto Richa, embora seja do PSDB, nunca fez oposição ao governo federal do PT, preferindo a passividade conivente. Diversos escândalos criminosos estão atingindo seus agentes políticos, tanto na capital do estado quanto em seu reduto eleitoral , mas até agora ele está conseguindo se esquivar de indiciamentos. Especialmente para sua reeleição, em 2014, praticou sobejamente o mesmo tipo de estelionato eleitoral praticado por Dilma Rousseff. Seu comportamento habitual é o de se esconder por trás de seus subordinados, manobrando nas sombras, nunca assumindo publicamente qualquer tipo de responsabilidade. A batalha do 29 de abril de 2015, quando ele ordenou o violento ataque da polícia contra grevistas, está indelével na memória paranaense.

continua...

2016-10-29

29 Oct 2016 | 1 min de leitura

Com a palavra, o insigne professor doutor Modesto Carvalhosa: http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/opiniao-2/modesto-carvalhosa-a-milicia-de-calheiros-e-o-abuso-de-poder/

continua...

2016-10-26

26 Oct 2016 | 3 min de leitura

Tenho procurado acompanhar notícias sobre as invasões ( ocupações ) de instituições de ensino. Diversos pontos me chamam a atenção: . As invasões são realizadas à revelia da maioria dos estudantes. Isto ficou patente no caso de uma escola estadual de São Mateus do Sul (PR), na qual uma assembleia rejeitou a proposta de invasão. Apesar disso, e contrariando frontalmente a decisão de seus pares, um grupo de estudantes tentou forçar a invasão, e foram impedidos pelos colegas. . Aceitando, por hipótese, que estudantes do ensino médio queiram invadir suas instituições de ensino, forçando-as à inatividade, fica a pergunta: por que as atividades de ensino infantil e fundamental também são paralisadas por eles? Especialmente por serem escolas públicas, muitas famílias precisam deixar seus filhos nas escolas durante o horário de aulas. A invasão torna-se em uma violência contra estas famílias. . Li, há pouco, uma nota do movimento que invadiu o prédio D. Pedro I da UFPR. Há um ano, a invasão fora no prédio vizinho, que abriga a Reitoria e os órgãos administrativos da universidade. Desta vez, escolherem o prédio D. Pedro I, que tem principalmente salas de aula. Motivo: A ocupação do prédio administrativo da Reitoria não impactaria o cotidiano da Universidade.

continua...

2016-10-25

25 Oct 2016 | 1 min de leitura

Não tenho ideia de quais são as posições defendidas pela doutoranda Sinara Gumiere. Provavelmente nem concordaria com elas, porque é comum que se digam muitas bobagens em discussões sobre gênero. Mas minha hipotética discordância não é relevante no caso. O que é relevante é que o docente Samuel Milet comportou-se como um canalha. Faço ainda ver ao docente que, se é verdade que todos podem expor sua opinião em uma democracia, a forma de expressão é suscetível de controle, e o que ele disse pode ser considerado injúria, um dos crimes previstos na nossa lei penal. Isso não é direito. Isso não é comportamento digno de um professor — nem de qualquer pessoa civilizada. http://g1.globo.com/ro/rondonia/noticia/2016/10/professor-universitario-diz-em-aula-que-palestrante-da-unb-e-vagabunda.html

continua...

2016-10-25

25 Oct 2016 | 1 min de leitura

http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/caixa-zero/nas-ocupacoes-richa-quer-atribuir-responsabilidades-e-no-29-de-abril/

continua...

2016-10-24

24 Oct 2016 | 2 min de leitura

Ja tive oportunidade, em textos anteriores, de denunciar falácias e mentiras, que têm um solo fértil e nutritivo nas comunicações pela Internet. O artigo de Javier Ayuso segue pela mesma linha, e mostra como se criou uma indústria ao redor da mentira. Os paralelos com as máquinas de propaganda dos regimes extremistas de meados do século passado são extremamente preocupantes. Ayuso faz eco a estes paralelos, ao repetir a frase que a mentira, quando muito repetida, transforma-se em verdade. Esta frase foi cunhada pela propaganda do Terceiro Reich, que a atribuiu — falsamente — a Winston Churchill. Mas falta um fator importante na equação que Ayuso esboça. Toda forma de comunicação envolve dois atores, emissor e receptor. Quando a comunicação ocorre nos dois sentidos, temos a possibilidade de diálogo, e os dois atores são, ao mesmo tempo, emissores e receptores. Os meios de comunicação de massa — textos impressos, rádio, televisão, cinema — nos acostumaram a sermos atores passivos, e agirmos apenas como receptores da comunicação. Reservamos, por muito tempo, a nossa capacidade de emissão para os nossos próximos. Agora, a tecnologia nos traz duas ferramentas inéditas. Primeiro, a mesma Internet que nos bombardeia com informações escolhidas por outros — a propaganda — também nos oferece os meios de aferir a validade e a veracidade destas informações.

continua...

2016-10-24

24 Oct 2016 | 1 min de leitura

A tragédia de Santos, com a morte por enforcamento do jovem Gustavo, assustou muitos. Mas não se devem esquecer outros riscos. A responsabilidade dos pais, como em qualquer época, sempre é a de acompanhar as atividades de seus filhos. http://brasil.elpais.com/brasil/2016/10/04/tecnologia/1475578401_460930.html

continua...

2016-10-22

22 Oct 2016 | 1 min de leitura

As notícias infindáveis sobre criminosos que usam a política como cobertura para suas atividades ilegais às vezes nos fazem esquecer que existem outros grandes criminosos — muitas vezes, insuspeitos. http://brasil.elpais.com/brasil/2016/10/21/politica/1477083654_412438.html

continua...

2016-10-19

19 Oct 2016 | 2 min de leitura

Leio hoje, no Congresso em Foco, artigo de Fábio Flora, com o título Eta, mundo bom A impressionante resignação atual das multidões de camisa amarela . No texto, o autor critica o que percebe como a omissão das multidões que pediram o impeachment da ex-presidenta Dilma, frente a decisões do governo Temer das quais discorda, e frente ao crescimento do eleitorado de partidos que abrigam corruptos. Ignoro quem seja o autor, e ignoro qual tenha sido a sua posição com respeito aos protestos de rua contra a ex-presidenta. De minha parte, participei, nas ruas, de quase todos os grandes protestos, e sou assim parte integrante das multidões de camisa amarela a que ele se refere. Por isso, sinto-me à vontade para expor por que não estou em protesto nas ruas agora. Não votei no atual governo, ao contrário de mais de 54 milhões de pessoas. Tampouco votei nas chapas vencedoras nas três eleições anteriores. Não faz diferença. Lula, José Alencar, Dilma e Temer foram eleitos pela maioria do eleitorado. Ao tomarem posse, não eram mandatários apenas para os que os elegeram, mas para toda a nação. Discordei de muitos de seus atos, mas eles foram legítimos. Qualquer decreto, projeto de lei ou de emenda à Constituição de Lula, Dilma ou Temer tem exatamente o mesmo fundamento e a mesma legitimidade de qualquer ato de Fernando Henrique Cardoso, de Itamar Franco, de Fernando Collor, ou de José Sarney.

continua...

2016-10-19

19 Oct 2016 | 2 min de leitura

Ouvi há pouco, no rádio, a notícia da prisão do ex-deputado Eduardo Cunha. Há um ano, um dos líderes políticos mais importantes do país; hoje, prisioneiro à disposição da Justiça. Conversando sobre a notícia, eu refletia que o efeito mais pernicioso dos crimes cometidos por toda a súcia que ocupa a República — e não me refiro apenas ao PT, nem apenas à última década — não é o assalto ao nosso bolso, ou mesmo o efeito desastroso sobre os serviços e a economia. O efeito mais pernicioso destes crimes é o conformismo. É o conformismo que leva muitos a supor que as coisas são assim, sempre foram assim, e sempre serão assim. O argumento, profundamente canalha, que diz todos fazem, então não se pode condenar só alguns , faz uso consciente deste conformismo, e ao mesmo tempo o alimenta. O homicídio é um dos raros crimes que provavelmente foi condenado em todas as sociedades humanas, desde que estas sociedades se formaram. Muitas vezes as penas para os homicidas foram bárbaras e cruéis; mesmo hoje, em muitos lugares o homicida paga seu crime com sua própria vida. Esta longa história cruenta não fez com que os homicídios deixassem de existir. Se fosse aplicado ao homicídio o mesmo argumento canalha citado acima, teríamos que desistir de perseguir e condenar homicidas.

continua...

2016-10-13

13 Oct 2016 | 4 min de leitura

Luiz Ruffato escreve sua coluna na edição brasileira de El País, já há algum tempo. Ele tem sistematicamente condenado o processo de impeachment da ex-presidenta Dilma e muitas das ações contra o ex-presidente Lula, utilizando recorrentemente o termo fascista para referir-se aos atos e pessoas que condena. Em coluna publicada no dia 5 último, ele lamentava os resultados das urnas, na eleição municipal. Na coluna de ontem, ele traça um perfil do analfabeto político : O analfabetismo político viceja onde falta consciência política e consciência política é a relação vital que se estabelece entre mim e meu próximo. O analfabetismo político é o desinteresse manifestado pelos cidadãos para o rumo que a classe dirigente empurra a sociedade. Esse desinteresse se dá por ignorância ou por arrogância ou, pior ainda, por uma mescla de ignorância com arrogância. Nada pior para um país do que indivíduos que desdenham da política governados por políticos que desdenham dos indivíduos este é o espaço privilegiado para a expansão da mentalidade fascista. Ele não faz diretamente a ligação entre seu artigo da semana passada e o desta; mas, no parágrafo citado acima, o texto sobre o rumo empurrado pela classe dirigente remete a uma reportagem em El País sobre os riscos da PEC 241/2016.

continua...

2016-10-13

13 Oct 2016 | 1 min de leitura

Meu comentário, abaixo, já tem três dias. Nenhuma notícia sobre o suposto atropelado. A página da UPES, no Facebook, já não tem mais notícias sobre o protesto de domingo, durante o qual teria acontecido o atropelamento. Reescrever a história é prática corrente em sistemas autoritários. Muito triste ver que jovens estudantes estão se aplicando em aprender isso tão bem.

continua...

2016-10-13

13 Oct 2016 | 1 min de leitura

Enquanto existir, nas leis e nos costumes, uma condenação social que cria infernos artificiais, em plena civilização, juntando ao destino — que é divino por natureza — um fatalismo que provém dos homens; enquanto não forem resolvidos os três problemas do século: — a degradação do homem pela pobreza, o aviltamento da mulher pela fome, a atrofia da criança pelas trevas; enquanto continuar em certas classes a asfixia social; ou por outras palavras e sob um ponto de vista mais claro: — enquanto houver no mundo ignorância e miséria, os livros desta natureza não são de todo inúteis. — Victor Hugo, prefácio a Les Misérables, 1862 (edição Lello e Irmão, s/d) http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/o-pais-quer-saber/os-algozes-da-menina-estuprada-na-cadeia-do-para-estao-livres-ela-desapareceu/

continua...

2016-10-11

11 Oct 2016 | 1 min de leitura

Um olhar sobre uma época na qual computadores não eram máquinas, e sim pessoas — muitas delas, mulheres, desbravando caminhos. http://www.smithsonianmag.com/science-nature/nasas-rocket-girls-are-no-longer-forgotten-history-180958791/

continua...

2016-10-10

10 Oct 2016 | 3 min de leitura

Algumas notícias causam estranheza por alguns detalhes que não fazem sentido entre si. Trato aqui de notícias referentes a um acidente, ontem, durante uma manifestação contra a medida provisória da reforma do ensino. Antes de passar a tratar do ponto principal, um comentário preliminar é necessário. Considero os protestos contra esta MP absolutamente legítimos, e também concordo com parte das críticas. Assim como aconteceu nas grandes manifestações contra a ex-presidenta Dilma, sempre há os pescadores de águas turvas que querem se aproveitar dos protestos legítimos para incluir pautas ilegítimas. No caso daquelas manifestações, eram os que defendem intervenção militar. No caso de muitas das manifestações contra o governo Temer ou contra suas medidas, o principal problema é que os próprios organizadores das manifestações querem sempre incluir pautas estranhas à causa imediata da manifestação. Ignoro se a maioria dos que protestam contra a MP endossa a tese do golpe e do Fora, Temer . Suspeito que muitos do que protestam não a endossam. Finda a preliminar, passo à notícia. Ontem à tarde, houve uma manifestação contra a MP 746/2016 e a PEC 241/2016, aqui em Curitiba. A manifestação começou na praça Santos Andrade, em frente ao prédio histórico da UFPR, e os manifestantes seguiram em passeata até a Boca Maldita , na rua XV de novembro.

continua...

2016-10-10

10 Oct 2016 | 2 min de leitura

Os pronunciamentos do ex-presidente Lula e de sua equipe de advogados, tanto em público quanto nos autos dos processos em que é acusado de uma variedade de crimes, têm-se pautado por uma constante rejeição da legitimidade da justiça brasileira para julgá-lo, além de contestarem a imparcialidade de quem quer que o acuse ou julgue. Por exemplo, em peça encaminhada ao juiz Sérgio Moro, para requerer maior prazo para a defesa preliminar, os advogados escreveram: É importante salientar, desde logo, que os peticionários não reconhecem a competência deste E. juízo para processar e julgar a presente ação, tampouco a isenção do ilustre magistrado e do órgão ministerial. Fazem parte da mesma estratégia de negação de legitimidade as constantes tentativas de condenar o Brasil e seus órgãos governamentais no exterior. Esta postura já é condenável por si só, além de revelar-se profundamente canalha, ao dirigir um requerimento a um magistrado e, no requerimento, explicitar que não o respeita e não respeita a sua posição. Isso não ocorreu apenas em petições ao juiz Sérgio Moro, mas mesmo em manifestações sobre o Supremo Tribunal Federal. Esta postura fica ainda pior quando se recorre à história. Ao contestar a validade do nosso sistema jurídico, Lula continua a obra que teve um momento marcante em 1988, quando se recusou a assinar a Constituição que ele ajudou a criar, e que permitiu seus dois mandatos presidenciais.

continua...

2016-10-10

10 Oct 2016 | 2 min de leitura

Ontem, lendo um artigo sobre questões políticas, fui relembrado de uma frase atribuída a Tim Maia: Este país não pode dar certo. Aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúme, e traficante se vicia. Existem versões que acrescentam mais algumas contradições, mas estas três estão sempre presentes. Não consegui certificar nem a autoria, nem a versão original. Mas estas três bastam. As três indicam situações nas quais alguém mistura a sua vida pessoal com a sua vida profissional. Vou além: mistura a sua vida privada com a sua vida pública. Não importa que, das três atividades profissionais ali indicadas, a primeira seja malvista por imoralidade e as outras duas sejam atividades criminosas. Assim como acontece com outras atividades, quiçá menos imorais, a comunidade na qual a atividade se desenvolve tem expectativas sobre o desempenho ideal de um profissional. Estas expectativas são frustradas quando o profissional mistura sua atividade com sua vida privada, especialmente quando esta passa a determinar a sua conduta naquela. A dimensão mais geral desta reflexão é a constatação de que isso é corriqueiro na nossa cultura. Não sei se isso é uma característica humana geral, se é da alma latina , se é da cordialidade brasileira . Outros, com maior experiência internacional, poderão debater o caso.

continua...

2016-10-09

9 Oct 2016 | 1 min de leitura

Muito boa reflexão. Chamo a atenção para um fato, conexo ao tema discutido pelo autor, mas no qual ele não toca. Não sei como são calculados os salários médios de servidores públicos , dos quais frequentemente se diz serem superiores aos salários equivalentes na iniciativa privada. Mas sei que a grande maioria dos servidores públicos tem vencimentos muito reduzidos (até pouco tempo, muitos professores primários recebiam menos que um salário mínimo). Por outro lado, há servidores públicos que recebem salários muito altos — especialmente se, a par dos seus vencimentos, forem contadas as gratificações acumuladas, as benesses complementares, os auxílios-qualquer coisa, etc. etc. etc. Assim como no caso das aposentadorias, o problema não está na base, e sim no topo. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/outros-destaques/os-bodes-expiatorios/

continua...

2016-10-08

8 Oct 2016 | 4 min de leitura

Leio hoje uma manchete, reproduzida com algumas variações em vários noticiosos: Representatividade LGBT nas urnas cresce quase 2000% em 20 anos . A matéria original parece ser do Estado de São Paulo; li na página Bahia Notícias. O dado numérico que permite a conclusão da manchete é este: Se considerados todos os candidatos, inclusive os que não foram eleitos, a representatividade LGBT nas urnas cresceu 1.916% de 1996 para cá. Naquele ano, eram apenas seis candidatos, segundo levantamento da ABGLT. Em 2016, foram pelo menos 115. ABGLT é a Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais. A porcentagem é o resultado de um cálculo por demais simplista, do estilo que em tempos menos politicamente corretos seria chamado de conta de quitandeiro. Mas não é dela que quero tratar, e sim do pressuposto que fundamenta a reportagem — bem como, presumo, o entendimento da ABGLT, de onde vêm os dados. O pressuposto é o de que as pessoas gays, transsexuais, lésbicas, travestis, e bissexuais (e mais alguns outros rótulos, suponho) somente podem ser adequadamente representadas por políticos que sejam declaradamente gays, transsexuais, lésbicas, travestis, ou bissexuais. A democracia representativa tem este nome porque os detentores do sufrágio escolhem pessoas que vão representá-los em órgãos colegiados.

continua...

2016-10-04

4 Oct 2016 | 3 min de leitura

Os criadores de palavras de ordem e de manifestações espontâneas contra a mídia manipuladora e (muitas) outras asneiras cansam profundamente, entre mentiras, distorções e invenções. Ocorreu-me comparar duas notícias recentes (31 de agosto e 1º de setembro), ambas publicadas pelas organizações Globo (no portal G1). A Globo, claro, é a grande vilã para a canalha que mencionei acima, e para a súcia que segue as ordens das palavras. Mas o argumento que exponho a seguir vale para todos os órgãos de imprensa, que seguem o mesmo procedimento. Primeira notícia: José Dirceu se torna réu pela segunda vez na Operação Lava Jato . No texto da reportagem, os leitores tomam conhecimento de que José Dirceu, criminoso condenado pela mais alta corte do país, e com sentença transitada em julgado (sem falar em outra condenação, da qual ainda recorre), tornou-se réu em novo processo. Após expor estes fatos, a reportagem menciona que entrou em contato com o advogado de José Dirceu, para ouvir a sua versão. Neste caso em particular, o advogado disse que ainda não iria se manifestar. Segunda notícia: Polícia faz nova operação para prender traficante Fat Family no RJ . Nesta reportagem, os leitores são informados que a polícia estava realizando mais uma operação para prender o traficante Nicolas Labre Pereira de Jesus, conhecido como Fat Family .

continua...

2016-09-30

30 Sep 2016 | 1 min de leitura

Pizza saborosa e atendimento rápido. No entanto, há duas semanas, tive um atendimento telefônico extremamente ruim, que causou um grande atraso e ainda resultou em erro na entrega. Erros podem acontecer em qualquer empresa. Mas o tratamento do erro é que distingue as empresas sérias — e nisso a Calenzano falhou redondamente. Reclamações por telefone, pelo formulário de contato da página, e pessoalmente, foram completamente ignoradas, e nenhuma resposta foi dada — sequer um pedido de desculpas. Perderam um cliente de 5 anos.

continua...

2016-09-27

27 Sep 2016 | 1 min de leitura

Saulo Achkar, um dos representantes brasileiros no 2016 Catan World Championship, ficou em 55º no ranking mundial. O outro brasileiro, Urbano Valles, ficou em 59º. Parabéns!

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, já começou a contagem regressiva para o VI Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1786611808276070/

continua...

2016-09-26

26 Sep 2016 | 1 min de leitura

Aproveitem, pessoal: conforme comunicação que recebi hoje do hotel, os preços da hospedagem foram mantidos para o VI Retiro Lúdico, sem correção.

continua...

2016-09-16

16 Sep 2016 | 1 min de leitura

Amigos, escrevi uma pequena resenha sobre um livro, publicado em 2007, que discute a instabilidade das democracias na América Latina. Para os que se interessam: https://lcduarte.com/news/sobre-impedimentos-e-golpes

continua...

2016-09-16

16 Sep 2016 | 3 min de leitura

Meses atrás, o ex-presidente Lula declarou que era a pessoa mais honesta deste país. Comentei, à época, que ele me ofendia pessoalmente, uma vez que atacava a minha honradez, e a da avassaladora maioria dos brasileiros. Ontem, eu seu discurso de resposta ao indicamento pelo Ministério Público Federal, o ex-presidente assim se manifestou: Eu de vez em quando falo que as pessoas achincalham muito a política. Mas a profissão mais honesta é a do político. Sabe por quê? Porque todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir prá rua, encarar o povo e pedir voto. Notem que isso não é uma contradição, ao contrário do que parece. Agradeço ao ex-presidente por ter explicado que, em seu mundo, a palavra honestidade e sua forma adjetiva têm uma acepção diferente da que têm para as pessoas de bem. Entendo, agora, que a minha honestidade (na acepção usual do termo) não foi atacada anteriormente. Na verdade, fico feliz com a sua afirmação anterior; considerando o significado que ele explica para o conceito honestidade , fica evidente que ele é muito mais honesto do que eu. A continuação imediata da fala do ex-presidente toca em um ponto aparentemente tangencial à sua argumentação:

continua...

2016-09-15

15 Sep 2016 | 2 min de leitura

Há três dias, eu conversava, em casa, sobre a operação Lava-Jato, e comentava que os sucessos desta operação se assemelhavam ao processo e condenação de Al Capone em 1931. Responsável por inúmeros crimes graves, o mafioso foi preso pelo crime, aparentemente menor, de evasão fiscal. Mas foi preso. Meu comentário levava a analogia com a situação americana mais adiante. O público americano só ficou sabendo da existência da Máfia em 1963. Eu comentei que ainda fazia falta, nas investigações, a divulgação da estrutura do esquema criminoso, com as relações entre os diversos crimes — que não foram cometidos de forma independente entre si, mas que atendiam a um projeto mais amplo. Dois dias depois, sou brindado com a entrevista coletiva do Ministério Público Federal em Curitiba. Obrigado, senhores procuradores! A primeira notícia que vi sobre a coletiva mostrava o gráfico que apresentaram, colocando Lula no centro do esquema. Outra analogia; em 1963, o FBI apresentou um mapa dos EUA, mostrando a localização territorial das principais famílias mafiosas. Organogramas de funcionamento dos esquemas criminosos tornaram-se lugar-comum em investigações deste tipo. Leio agora que muitos estão fazendo piada com o gráfico do MPF. Pensando em termos de design gráfico, ou em termos de organização da informação, ele é muito ruim mesmo.

continua...

2016-09-11

11 Sep 2016 | 1 min de leitura

É muito bacana ver que a filosofia e a epistemologia despertam tanta alegria… (Para os desavisados: este é o logotipo de uma empresa de Curitiba, especializada em artigos explosivos para festas).

continua...

2016-09-02

2 Sep 2016 | 1 min de leitura

Esta é a chave. Sônia Zaghetto identifica, com precisão, um problema dos mais graves que enfrentamos. A parte mais importante deste texto brilhante não está nele. É a percepção de que este, ao menos, é um problema que nós mesmos podemos resolver, sem necessidade de recursos financeiros, ação do Estado ou qualquer outra coisa. Basta agirmos. http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/feira-livre/sonia-zaghetto-o-fim-de-uma-era/

continua...

2016-08-31

31 Aug 2016 | 1 min de leitura

Muita, muita coisa ainda a fazer. Mas foi um passo positivo.

continua...

2016-08-06

6 Aug 2016 | 1 min de leitura

A história de nosso grande maratonista fez dele a melhor escolha para acender a pira olímpica, por ter sido um exemplo inesquecível de superação e de fair play — esta, uma característica pouco incentivada em nossa cultura, infelizmente. Mas a imagem de Vanderlei Cordeiro de Lima acendendo a pira é mais do que isso. Ele também é a demonstração viva de um sentimento, muito humano, que serve como a base de um samba de Paulo Vanzolini, imortalizado por Beth Carvalho Ali onde eu chorei Qualquer um chorava Dar a volta por cima que eu dei Quero ver quem dava Um homem de moral Não fica no chão Nem quer que mulher Lhe venha dar a mão Reconhece a queda E não desanima Nós levamos muitos tombos. Vamos levar muitos mais. A verdadeira medida do valor não está no cair, mas no levantar. Levanta, sacode a poeira E dá a volta por cima Obrigado pelo exemplo, Vanderlei. Que o fogo de sua alma ilumine o futuro.

continua...

2016-08-06

6 Aug 2016 | 1 min de leitura

Fiquei muito feliz ao assistir o desempenho de Nathalie Moellhausen na esgrima olímpica. O pouco de esgrima que eu pratiquei no passado me permitiu perceber muito da sua capacidade. É muito bom ver uma atleta de um esporte pouco valorizado no Brasil (o caso de quase todos, na verdade) ter um desempenho tão bom. Chegar às quartas de final foi uma bela conquista. Parabéns, Nathalie!

continua...

2016-08-03

3 Aug 2016 | 4 min de leitura

O estado nazista foi responsável por atrocidades grandes e pequenas. Como diz o dr. Erskine, no filme Capitão América - o primeiro vingador , é fácil esquecer que o primeiro país que os nazistas invadiram foi a Alemanha — e, acrescento, com a anuência e a colaboração de grande parte da população. Mas quero tratar aqui de um dos aspectos menos famosos da estrutura do Terceiro Reich. A fundamentação ideológica do nazismo era a noção de existir uma hierarquia de valor nas raças humanas. Os arianos seriam a raça suprema, os judeus seriam a raça mais desprezível, com toda uma gradação entre ambas. (Incidentalmente, os termos entre aspas correspondem a conceitos que não têm correspondência na realidade.) Partindo destas sandices, não é de surpreender que os nazistas tivessem uma série de normas sobre pureza racial . Antes de 1933, as normas se aplicavam apenas aos membros do partido; após a tomada do poder, estas normas foram sendo progressivamente aplicadas a todas as pessoas alcançadas pelo poder do Estado nazista. O regime nazista impôs a exigência de prova ancestral em grande escala. Durante os doze anos do Terceiro Reich, o Estado e as autoridades do partido promulgaram cerca de duas mil normas, que estabeleceram direitos legais com base no status ‘racial’.

continua...

2016-08-03

3 Aug 2016 | 3 min de leitura

Recentemente, os canais de TV estão exibindo uma propaganda oficial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na qual se deplora o fato de serem as mulheres 51% da população, mas menos de 10% dos políticos. A propaganda não apenas pretende incentivar mulheres a se tornarem políticas, mas ainda declara, explicitamente, que isso aperfeiçoaria a democracia — deixando implicito, claro, que a situação atual é menos que democrática. Minha questão: independentemente da justeza destas duas últimas declarações, a explícita e a implícita, por que o TSE escolheu apenas a categorização por sexo como alvo de sua campanha? A população do nosso país pode ser dividida segundo outros critérios. Tomando, para começar, um dos mais populares, e a partir dos dados do censo de 2010, disponíveis nas páginas do IBGE, temos em nossa população 45,7% de pessoas não-brancas (pretos, amarelos, pardos e indígenas). Não vou me dar ao trabalho de procurar dados sobre a demografia racial dos políticos, mas acho improvável que os mesmos números se repitam. Digamos, então, que a nossa democracia estará aperfeiçoada quando 51% dos políticos forem mulheres, e 45,7% dos políticos forem não-brancos. Bem… os dados do censo também indicam que 31,2% das mulheres não têm filhos, e nunca os tiveram.

continua...

2016-07-30

30 Jul 2016 | 1 min de leitura

Mais um leilão, pessoal, com algumas raridades. http://ludopedia.com.br/lista/5189/leilao-relampago

continua...

2016-07-30

30 Jul 2016 | 1 min de leitura

Mais um leilão, pessoal, com algumas raridades. http://ludopedia.com.br/lista/5189/leilao-relampago

continua...

2016-07-25

25 Jul 2016 | 1 min de leitura

Amigos, vou estar neste sábado na Biblioteca Pública do Paraná, a partir das 14:00 h, para mestrar uma aventura de RPG ambientada na Noruega ocupada pelos nazistas. Jogadores novatos são muito bem-vindos.

continua...

2016-07-20

20 Jul 2016 | 2 min de leitura

Prezados colegas: A Lei nº 13.302, de 27 de junho de 2016, reajustou os vencimentos dos servidores do Senado Federal. Quanto o presidente Temer sancionou o projeto de lei que lhe foi encaminhado, vetou o art. 5º, que determinava a entrada em vigor na data de sua publicação, e que determinava ainda que os seus efeitos seriam aplicáveis a partir de 1º de janeiro de 2016. O veto foi amplamente divulgado, geralmente de forma genérica como o presidente Temer sancionou o reajuste, mas vetou a retroatividade . Ocorre que o inciso I do parágrafo único do art. 1º não foi vetado, e ele é explícito ao determinar que a primeira parcela do reajuste deve acontecer a partir de 1º de janeiro de 2016! Além disso, embora a lei tenha sido publicada em junho, a folha de pagamento de julho a ignorou completamente — embora houvesse tempo mais que suficiente para a introdução do reajuste — e o reajuste está prometido somente para agosto, sem qualquer retroatividade. Considerando que o presidente do Senado vem constantemente declarando que o Senado está solvente, não faz sentido pretender que não havia os meios para pagar o reajuste devido já neste mês. Neste sentido, desejo saber dos colegas quais medidas o Sindilegis vai adotar para garantir o pagamento dos valores devidos desde janeiro de 2016.

continua...

2016-07-10

10 Jul 2016 | 4 min de leitura

Agora que uma parte das paixões já serenou, quero aproveitar para comentar um dos fatos mais noticiados e discutidos do processo de impeachment da presidenta Dilma. Refiro-me à votação, no plenário da Câmara dos Deputados, no dia 17 de abril, quando nossos representantes declararam a admissibilidade do pedido de impeachment. O voto nominal dos deputados foi transmitido pelos canais de TV aberta, e ultrapassou os 50 pontos de audiência (somando todas as emissoras). Muitos puderam ver, pela primeira vez, quem são os nossos representantes, e como se comportam no plenário para o qual os elegemos — especialmente quando sabem que estão aparecendo para seus eleitores. Quase todos os que assistiram ao espetáculo ficaram chocados com alguma coisa. Os comentários, durante a votação e nos dias que se seguiram, mostraram claramente uma grande rejeição ao comportamento público dos que elegemos. Não vou tratar de todas as críticas, mas quero aqui tratar de duas delas: Quase nenhum deputado deu um motivo para aceitar o processo. Falaram na educação que receberam, na honra, no exemplo que têm que dar para os filhos, mas isso não tinha nada a ver com o processo. A crítica não procede. A chamada instrução do processo, que é a fase na qual acontece a discussão do seu conteúdo, já tinha acontecido.

continua...

2016-05-31

31 May 2016 | 3 min de leitura

(Peço um pouco de paciência com os fatos apresentados no início do texto. A discussão está mais adiante.) No dia 27 de maio, o jornalista Augusto Nunes publicou um artigo no qual alinha alguns números, disponíveis no site do Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário, que desmentem as alegações que os governos do PT erradicaram a pobreza e a miséria. Conforme os dados de janeiro de 2015, são cerca de 39 milhões de pessoas que ganham até R$77,00 por mês ( extrema pobreza , no jargão oficial), e cerca de 15 milhões as pessoas que ganham mais do R$77,00 e até R$154,00 ( pobreza ). Estas pessoas, somando mais de cinquenta milhões, são as beneficiárias diretas do Bolsa Família. O IBGE estima que a população do Brasil ultrapasse 205 milhões de pessoas. Assim, pouco mais de 20% da população encontra-se em situação de pobreza (~7%) ou extrema pobreza (~15%), segundo os dados oficiais. Ontem, Augusto Nunes recebeu o economista Ricardo Paes de Barros no programa Roda Viva, da TV Cultura. Ricardo Paes de Barros foi um dos principais responsáveis pela implementação técnica do Bolsa Família, durante o governo de Dilma Rousseff, e recentemente foi consultado para ajudar a criar as propostas de políticas sociais do PMDB.

continua...

2016-05-30

30 May 2016 | 1 min de leitura

Meu caro Daniel Espínola, você e seus colegas estão de parabéns. Espírito cívico e profissionalismo. Nosso país precisa, e muito, do trabalho de vocês. Um grande abraço!

continua...

2016-05-29

29 May 2016 | 1 min de leitura

A atualíssima pena de Stanislaw Ponte Preta (Sérgio Porto, 1923-1968): No Brasil as coisas acontecem, mas depois, com um simples desmentido, deixam de acontecer. Quem não conhece, ou quer saber mais sobre este autor, pode descobri-lo em um texto dele mesmo e outro de Paulo Mendes Campos: http://www.releituras.com/spontepreta_bio.asp

continua...

2016-05-28

28 May 2016 | 1 min de leitura

Vamos fazer algo interessante? Acredito que vários aqui ainda não conheçam ferramentas como o Vassal. Faço então um convite. Amanhã, domingo, às 17:00 h, partida via Vassal, especialmente para quem quer conhecer o sistema. Usaremos o Google Hangouts para a comunicação. O que jogar vai depender de quantos aparecerem. Não vamos partir ainda para os pesados de verdade, mas podemos jogar algo como Betrayal at House on the Hill, El Grande, Glory to Rome, Room 25, Shadows Over Camelot. Quem topa?

continua...

2016-05-26

26 May 2016 | 2 min de leitura

Em tempos nos quais tanto se desespera, é sempre bom lembrar algumas coisas. Um dos grandes escritores do século XX, Robert Heinlein, fez sua profissão de fé, pelo rádio, em 1952. Seu texto, intitulado This I believe , remete a muitas circunstâncias de sua época e de seu país, mas não há que se negar que ele mostra claramente a sua fé no espírito humano, que também compartilho. Os últimos parágrafos bem encerram o texto: E, por último, eu acredito em toda a minha raça. Amarelos, brancos, negros, vermelhos, pardos — na honestidade, coragem, inteligência e durabilidade… a bondade… da esmagadora maioria dos meus irmãos e irmãs em toda parte deste planeta. Eu me orgulho de ser humano. Eu acredito que chegamos até aqui sempre no limite, que nós sempre vamos conseguir sobreviver no limite — mas acredito que nós sempre vamos conseguir… vamos sobreviver… vamos continuar. Eu acredito que este embrião pelado, que tem uma caixa craniana dolorosa e aumentada, junto com um polegar opositor, vai perdurar — perdurar mais do que nosso planeta natal, vai se espalhar por outros planetas, para as estrelas, e além, levando consigo sua honestidade, sua curiosidade insaciável, sua coragem ilimitada — e sua essência, decente e nobre.

continua...

2016-05-26

26 May 2016 | 1 min de leitura

Alexandre Frota dirige-se ao ministério da Educação, com o intuito de oferecer suas propostas para as atividades da pasta. Tanto ele quanto o ministro são vilipendiados. Afinal, Alexandre Frota é hoje um mercador da carne, própria e alheia, para o deleite dos devassos, e um ministro de Estado não pode assim se rebaixar. Penso nas palavras, já seculares, de um dos grandes dramaturgos: Nós temos grandes classes de homens prostitutos: por exemplo, os dramaturgos e jornalistas, entre os quais me incluo; para não mencionar as legiões de advogados, médicos, clérigos, e políticos, que diariamente empregam suas melhores capacidades para esconder seus verdadeiros sentimentos — um pecado perto do qual aquele de uma mulher, que vende o uso de sua pessoa por algumas horas, é tão venial que sequer merece menção; pois homens ricos sem convicção são mais perigosos, na sociedade moderna, do que mulheres pobres sem castidade. – George Bernard Shaw, prefácio a Mrs. Warren’s Profession (1902)

continua...

2016-05-24

24 May 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, alguns alunos da USP estão com uma pesquisa sobre o público brasileiro de jogos modernos. Respondam e divulguem, por favor. http://www.tabuleirosbr.rklafke.com/

continua...

2016-05-24

24 May 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, alguns alunos da USP estão com uma pesquisa sobre o público brasileiro de jogos modernos. Respondam e divulguem, por favor. http://www.tabuleirosbr.rklafke.com/

continua...

2016-05-24

24 May 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, alguns alunos da USP estão com uma pesquisa sobre o público brasileiro de jogos modernos. Respondam e divulguem, por favor. http://www.tabuleirosbr.rklafke.com/

continua...

2016-05-24

24 May 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, alguns alunos da USP estão com uma pesquisa sobre o público brasileiro de jogos modernos. Respondam e divulguem, por favor. http://www.tabuleirosbr.rklafke.com/

continua...

2016-05-21

21 May 2016 | 1 min de leitura

Coloque aqui fotos de suas partidas online dos jogos pesados.

continua...

2016-05-21

21 May 2016 | 1 min de leitura

Coloquem aqui fotos das partidas ao vivo dos jogos mais pesados.

continua...

2016-05-21

21 May 2016 | 1 min de leitura

Uma excelente aula de política, com o fino do humor britânico.

continua...

2016-05-20

20 May 2016 | 1 min de leitura

Bem-vindos ao grupo, pessoal. Que expectativas vocês têm, que jogos vocês querem jogar, que jogos vocês querem conhecer? Jogos pesados são meio que a minha especialidade. Aprecio os wargames mais monstruosos, como o Campaign for North Africa ou o Second Front; os jogos da série 18xx; jogos que ofereçam amplas possibilidades estratégicas. Recentemente, participei de partidas pela Internet de Advanced Civilization e de 1856. Apanhei feito boi ladrão nas duas. :) Já joguei várias partidas de wargames da série Europa com um dos participantes aqui do grupo, o Rafael Weibel. Só que, ou eu ensino bem demais, ou ele aprende bem demais, porque eu normalmente também apanho… (A hipótese de eu não ser um bom jogador, obviamente, não se aplica. :D )

continua...

2016-05-20

20 May 2016 | 1 min de leitura

Os jogos de tabuleiro modernos não são mais novidade, e muita gente consegue participar de grupos de jogadores com reuniões frequentes. Dá para jogar muita coisa boa. Só que alguns jogos espantam o pessoal e raramente vêem mesa. Às vezes é pela longa duração, às vezes é pelas regras difíceis, às vezes é por permitirem apenas dois ou três jogadores… Muitas vezes, quem curte um Twilight Struggle ou um 1831 tem dificuldade em conseguir jogar. O mesmo acontece com muitos wargames. Felizmente, a Internet está aí para ajudar. Entre ferramentas de comunicação (Skype, Hangouts) e mesas de jogo virtuais (VASSAL, ZunTzu), dá perfeitamente para jogar os jogos que espantam. Este grupo serve para congregar as pessoas que querem encarar estes desafios. Aqui, podemos encontrar outros interessados, para marcar partidas e para desenvolver as soluções necessárias para os jogos. Interessados? Apareçam em https://www.facebook.com/groups/237293106645110/ .

continua...

2016-05-20

20 May 2016 | 1 min de leitura

Os jogos de tabuleiro modernos não são mais novidade, e muita gente consegue participar de grupos de jogadores com reuniões frequentes. Dá para jogar muita coisa boa. Só que alguns jogos espantam o pessoal e raramente vêem mesa. Às vezes é pela longa duração, às vezes é pelas regras difíceis, às vezes é por permitirem apenas dois ou três jogadores… Muitas vezes, quem curte um Twilight Struggle ou um 1831 tem dificuldade em conseguir jogar. O mesmo acontece com muitos wargames. Felizmente, a Internet está aí para ajudar. Entre ferramentas de comunicação (Skype, Hangouts) e mesas de jogo virtuais (VASSAL, ZunTzu), dá perfeitamente para jogar os jogos que espantam. Este grupo serve para congregar as pessoas que querem encarar estes desafios. Aqui, podemos encontrar outros interessados, para marcar partidas e para desenvolver as soluções necessárias para os jogos.

continua...

2016-05-16

16 May 2016 | 2 min de leitura

Ontem à noite a Rede Globo transmitiu uma entrevista com o presidente em exercício. Li notícias, agora pela manhã, em três noticiosos (G1, UOL e El País) sobre panelaços e apupos durante a transmissão da entrevista. As notícias mencionam bairros onde aconteceram as manifestações. Em São Paulo: Pinheiros, Grajaú, Butantã, Santa Cecília, Vila Madalena, Moema, Perdizes, Pompeia e Bela Vista. No Rio de Janeiro: Jardim Botânico, Botafogo, Lagoa, Copacabana, Flamengo, Catete, Laranjeiras e Barra da Tijuca. Dois comentários me ocorrem ante esta manifestação. O primeiro é que os defensores da presidenta frequentemente atacam e demonizam a Rede Globo. Soa estranho que tenham se interessado em assistir à programação desta rede. Quando houve panelaços contra a presidenta Dilma e o PT, nos meses passados, estes panelaços aconteciam durante transmissões em cadeia nacional, que todos os canais abertos tinham que transmitir. Mas uma entrevista irradiada por um único canal — e especialmente a demonizada Globo — não precisa ser assistida. O segundo ponto remete a uma crítica, frequentemente vociferada a respeito das manifestações contrárias à presidenta. Esta crítica desmerecia as manifestações por serem predominantemente realizadas por pessoas de classe média. Quando houve panelaços contra a presidenta, por exemplo, choveram críticas do tipo na periferia ninguém bateu panela .

continua...

2016-05-16

16 May 2016 | 3 min de leitura

Leio em El País uma peça de opinião, escrita por Carla Guimarães, jornalista brasileira radicada na Espanha, a respeito da situação política no Brasil. Antes de passar ao ponto principal que quero comentar, menciono um trecho do texto dela que merece reparo: A história narrada pelos meios de comunicação e defendida nas ruas foi quase perfeita, se não fosse por um pequeno detalhe: Dilma não é acusada em nenhum caso de corrupção. No entanto, muitos dos responsáveis por levar adiante o processo de impeachment são. A presidenta não é acusada de enriquecimento pessoal ilícito. Mas ela é acusada de ter se beneficiado de dinheiro sujo para suas campanhas eleitorais, em 2010 e 2014. O Tribunal Superior Eleitoral ainda não se manifestou sobre o caso da eleição de 2014, e os depoimentos e provas sobre a eleição de 2010 surgiram apenas recentemente. Isso também é uma forma de corrupção. Mas estas não são as acusações que embasam o pedido de impeachment. Os defensores da presidenta atribuem o processo à vingança do deputado Eduardo Cunha. Ele recebeu dezenas de pedidos de impeachment contra a presidenta, alguns do quais incluíam as acusações que mencionei acima, e não os acolheu. O pedido de impeachment que ele, de fato, acolheu, trata de outro assunto: crime de responsabilidade em razão de desrespeito às leis orçamentárias.

continua...

2016-05-10

10 May 2016 | 1 min de leitura

Brasília é a cidade do meu coração, mas é também muito mais do que isso. É a cidade de todos nós, é a nossa capital. Vamos escolher com cuidado quem nós mandamos para lá.

continua...

2016-05-03

3 May 2016 | 1 min de leitura

Hoje não é 15 de outubro. Mas é um dia letivo, o que quer dizer que é um dos muitos dias dos muitos professores. Algumas vezes tive a honra de integrar este augusto quadro; muitas, muitas vezes tive o privilégio inestimável de aprender com mestres. Muito obrigado.

continua...

2016-04-27

27 Apr 2016 | 1 min de leitura

Colocando fotos em meu leilão, encontrei duas da demonstração do Würzburg em 2005, na Festa do Peão do Tabuleiro. Algum dos colegas paulistas consegue identificar os jogadores nas fotos?

continua...

2016-04-27

27 Apr 2016 | 1 min de leitura

Novo leilão, com alguns jogos bem raros: http://ludopedia.com.br/lista/4011/leilao-de-maio

continua...

2016-04-27

27 Apr 2016 | 1 min de leitura

Novo leilão, com alguns jogos bem raros: http://ludopedia.com.br/lista/4011/leilao-de-maio

continua...

2016-04-27

27 Apr 2016 | 1 min de leitura

Novo leilão, com alguns jogos bastante raros: http://ludopedia.com.br/lista/4011/leilao-de-maio

continua...

2016-04-27

27 Apr 2016 | 1 min de leitura

É tão emocionante ver como a presidenta Dilma leva a sério a alta função para a qual foi eleita — como ela não se cansa de dizer — por 54 milhões de eleitores. A ordem do Planalto é ‘limpar as gavetas’ e deixar um governo ‘desorganizado’ para Temer. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/dilma-admite-que-afastamento-e-inevitavel-diz-jornal/

continua...

2016-04-17

17 Apr 2016 | 1 min de leitura

A esperança venceu o medo!

continua...

2016-04-16

16 Apr 2016 | 5 min de leitura

Há dois dias, escrevi um pequeno texto sobre formas variadas de mentiras. Ocorreu-me discutir algumas outras, também referentes à presente crise, e averiguar a natureza da falsidade em cada uma delas. Começo por uma das mais ostensivas. Na defesa da presidenta Dilma, apresentada à comissão especial da Câmara dos Deputados, o Advogado-Geral da União afirmou que há dúvidas sobre os crimes de responsabilidade imputados à presidenta, e coroou seu argumento declarando que seria um princípio elementar do Direito que, em caso de dúvida, não se processa. Trata-se de evidente truque retórico, uma verdadeira jogada para a plateia. Em caso de dúvida não se condena. Mas o processo serve justamente para dirimir a dúvida. A decisão da comissão especial — e, amanhã, do plenário da Câmara — diz respeito ao início do processo, e não ao seu fim. Se há dúvida, conforme o Advogado-Geral confirma, então é necessário que o processo seja aberto, e que o Senado avalie as provas e as alegações de ambas as partes. Este será o processo, este será o momento de dirimir a dúvida. Surpreende que o Advogado-Geral, supostamente um advogado experiente, assim distorça o conhecido brocardo jurídico in dubio pro reu . Temos, aqui, uma mentira ostensiva, que procura se mimetizar.

continua...

2016-04-16

16 Apr 2016 | 3 min de leitura

Há duas tragédias cujo pivô está no Palácio do Planalto. Uma delas é ostensiva, vitimiza o país todo, e mais um ato dela vai se desenrolar no plenário da Câmara amanhã. A outra tragédia é mais sutil. É pessoal, não nacional. A presidenta Dilma foi ostensivamente, por duas vezes, a candidata do PT à presidência. Mas ela nunca foi uma liderança no partido — como não tinha sido no PDT. O PT, fundado em meio a tantas esperanças, tornou-se em sua segunda década o braço político de um projeto pessoal. Neste ponto, lembra o PRN de 1989; mas a diferença é que, ao contrário de Collor, Lula soube imprimir a sua versão do culto de personalidade a seu partido. Hoje, o PT e Lula são indissociáveis. Após os expurgos da década de 1990 e após o mensalão, já não há, entre os comandados por Lula, ninguém com luz própria. Para um partido que supostamente teria tantas propostas, e ficando em apenas um exemplo, é triste constatar que as manifestações de seu presidente, já há muito tempo, resumem-se a defesas inconsistentes de Lula e seus comandados, ou a ataques incoerentes contra seus desafetos. Dilma, assim, não pertence a um partido, mas a uma pessoa.

continua...

2016-04-16

16 Apr 2016 | 2 min de leitura

O mecanismo de compartilhamento do Facebook não permite compartilhar diretamente um texto que comenta um link. Assim, copio abaixo um texto de Washington Fajardo, que conheci por intermédio da Cora Rónai, sobre o discurso não irradiado da presidenta Dilma. Mais medo, mais terror, mais vitimização. Ou seja, ela não tem responsabilidade nenhuma. Por nada. Por não saber governar. Esqueceu até que fez o diabo pra ganhar a eleição . Esse foi o pacto dela. Foi ela que escolheu o vice. Fez campanha com ele. Andavam juntos. Foi ela que criou inúmeros ministérios. Foi ela que criou o Minha Casa Minha Vida que é a pior política habitacional da história do país, segregando pobres, negros e juventude às distantes periferias urbanas, fazendo com que esta população gaste horas de vida no transporte público que nenhum PAC conseguiu entregar melhorias. Foi ela que usou o BNDES para criar uma nova elite, acima da lei, de empresários campeões nacionais . Por favor, não venha falar em golpe agora. Deixe a democracia agir: domingo pode confirmá-la como presidente, ou afastá-la. Esse recall poderia ter sido entendido como uma oportunidade de remontar o governo mas foi equivocadamente tratado como golpe, com ameaças e medo, semeando intolerância.

continua...

2016-04-15

15 Apr 2016 | 1 min de leitura

http://www.decisoesinterativas.com.br/2016/04/onde-estao-os-golpistas.html

continua...

2016-04-14

14 Apr 2016 | 3 min de leitura

A propaganda é uma atividade que se vale de muitas ferramentas. Uma delas é a mentira. Existem muitos matizes na mentira. A mentira escancarada ( Eu não sabia de nada! ) é um caso extremo, claro; o seu perigo não decorre da sua natureza mentirosa, e sim da sua repetição como se fosse verdade. Algumas mentiras são muito mais perigosas, pois se disfarçam com o manto da verdade. Quase sempre são afirmações que os estudiosos do pensamento chamam de falácias — ou seja, afirmações que parecem ser argumentos corretos, mas que na verdade disfarçam um vício grave. Por exemplo, o bordão Não vai ter golpe! é manifestamente verdade; são (felizmente) muito poucos os que pregam intervenções militares e outros desatinos. A imensa maioria dos que desejam o fim do ciclo do PT no governo quer uma saída constitucional e legal. Assim, a frase é verdadeira. A mentira embutida é a de que qualquer procedimento adotado contra a presidenta e seus áulicos é um golpe de Estado. Não é, mas berrar Não vai ter golpe! sugere — sem afirmar — que está havendo uma trama por um golpe, e que o único recurso dos pobres governantes acuados por sombrios conspiradores é gritar para os seus.

continua...

2016-04-14

14 Apr 2016 | 2 min de leitura

Corre por aí a falsa história que a maioria dos deputados que votaram, na comissão da Câmara, pela admissibilidade do processo de impeachment da presidenta Dilma, teriam pendências na Justiça. Outros já provaram que isto não é verdade, os interessados podem procurar os números reais. Mas há outros números igualmente interessantes neste resultado. Votaram contra o relator 27 deputados, ou cerca de 42% dos membros da comissão. O número total de eleitores que levaram estes deputados a seus assentos na Câmara, em 2014, corresponde a 2.550.948. Já 38 deputados, o que corresponde a pouco mais de 58% dos membros da comissão, votaram com o relator. O número total de eleitores que levaram estes deputados à Câmara, em 2014, foi de 5.153.813. Estes parlamentares representam diretamente, assim, 7.704.761 eleitores. Deste total, 66% elegeram deputados que votaram pela admissibilidade do processo de impeachment. Pretender que o voto dos que têm pendências na Justiça não tem valor é uma imbecilidade, se não for uma canalhice. Todos os candidatos eleitos em 2014 — como em qualquer outra eleição — têm exatamente a mesma legitimidade, todos foram eleitos pelo mesmo eleitorado, seguindo as mesmas regras. Isso vale para todos, da presidenta ao deputado estadual menos votado do país.

continua...

2016-04-12

12 Apr 2016 | 5 min de leitura

Replico, abaixo, uma mensagem que recebi pelo WhatsApp. Meus comentários seguem-se ao final do texto original, que inicia e encerra com uma sequência de asteriscos. Olá, colegas de farda - Conclamação do Ten-Brig Gilberto Burnier. ALERTA BRASIL !!! Estamos na reta final para o Impeachment, a guerra de mentiras está em seu pior momento para que percamos a fé na queda deste governo corrupto. Sobram boatos e Lula está a se proclamar ministro, uma desmoralização para o já sujo e combalido STF. Diz a Bíblia: combati o bom combate e não titubiei na fé. Não é hora de desacreditar, de sucumbir, de cair no jogo sujo dos vermelhos petistas. Somos a maioria e seguiremos na luta, mas temos que nos organizar. Ir às ruas nas grandes manifestações é essencial. Não é carnaval, é manifestação civil pacífica e organizada. Políticos vivem de contar votos, estão desesperados com a possibilidade de perder suas eleições. Quem acredita que apenas a violência resolve, deve rever seus conceitos fajutos. Não atacar quem já apoia o Impeachment, mesmo que este político só tenha mudado de opinião agora. Todos os votos contra Dilma são a nosso favor ! Atacá-los significa fazê-los pensar que, talvez, seja melhor seguir apoiando o governo, pensem nisso !

continua...

2016-04-11

11 Apr 2016 | 1 min de leitura

Muito obrigado a todos os participantes! As fotos do V Retiro Lúdico já estão sendo colocadas em https://retiroludico.com.br/galeria/v-retiro-ludico . Ano que vem tem mais!

continua...

2016-04-11

11 Apr 2016 | 1 min de leitura

Muito obrigado a todos os participantes! As fotos do V Retiro Lúdico já estão sendo colocadas em https://retiroludico.com.br/galeria/v-retiro-ludico . Ano que vem tem mais!

continua...

2016-04-07

7 Apr 2016 | 1 min de leitura

Duas magníficas reflexões. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/imobilismo-de-ideias-imobilismo-de-atitudes/ http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/uma-reflexao-sobre-a-farsa-politica-brasileira/

continua...

2016-04-07

7 Apr 2016 | 1 min de leitura

http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,tcu-paralisa-reforma-agraria-no-pais-apos-identificar-578-mil-beneficiarios-irregulares,10000025214

continua...

2016-04-06

6 Apr 2016 | 2 min de leitura

O professor Bolívar Lamounier tem toda a razão em seu pleito. Mas o que realmente me dói é perceber que, com todas as notícias sobre a compra de parlamentares pelo governo e por seu titereteiro, eu ainda não tinha me dado conta de que era um crime sendo cometido às escâncaras, com farto noticiário, indicando claramente o endereço da boca de tráfico e os seus frequentadores. Tornou-se de tal forma corriqueiro ver a compra e venda de políticos, em negócios pagos com a nossa moeda sonante, que isso já se nos afigura como uma situação normal e mesmo aceitável. Criminosos os que compram, criminosos os que se vendem. Crime grave, e ademais vergonhoso, embora a legislação não o apelide hediondo . Há fortes suspeitas que o passado recente do lulopetismo envolva crimes de sangue, como o assassinato de Celso Daniel. Não sei se é este o caso, mas eu sei que há muito sangue à conta deste movimento: o sangue das pessoas que não são atendidas com os recursos furtados e desviados dos serviços de saúde, o sangue das vítimas das milícias sociais pagas pelo Estado, o sangue suado por tantos que têm que se desdobrar para tentar manter a nação funcionando enquanto somos todos saqueados por aqueles a quem entregamos os nossos destinos.

continua...

2016-04-06

6 Apr 2016 | 1 min de leitura

Uma experiência muito gratificante.

continua...

2016-04-04

4 Apr 2016 | 1 min de leitura

Atenção: a sala do Colóquio mudou. Vamos usar a sala 1100 (11º andar).

continua...

2016-04-01

1 Apr 2016 | 1 min de leitura

A uma semana do início do V Retiro Lúdico, temos 30 participantes confirmados. Lembrem-se que o day use também exige reserva antecipada.

continua...

2016-03-29

29 Mar 2016 | 1 min de leitura

Amigos, muito obrigado pelo excelente material compartilhado aqui. O Kodi está funcionando sem problemas, e consigo acesso a muitos canais bastante bons. Mas tenho uma dúvida. Consigo usar o Kodi como um servidor UPNP/DLNA para ver arquivos em meu computador em aparelhos ligados à minha rede. É possível usar este sistema para ver também os canais da IPTV?

continua...

2016-03-29

29 Mar 2016 | 1 min de leitura

Programação atualizada.

continua...

2016-03-26

26 Mar 2016 | 1 min de leitura

O mestre Umberto Eco oferecia, em 1995, uma reflexão que continua extremamente atual. É fácil procurar (e achar) o Ur-fascismo nos adversários; procurá-lo e achá-lo em nós mesmos, e nos que parecem pensar como nós, é muito mais difícil — mas muito mais valioso. http://www.nybooks.com/articles/1995/06/22/ur-fascism/

continua...

2016-03-26

26 Mar 2016 | 1 min de leitura

Está chegando a hora! Teremos novamente o nosso Mercado das Pulgas. As regras para quem quer vender jogos no Retiro estão em https://retiroludico.com.br/mercado/mercado-das-pulgas

continua...

2016-03-25

25 Mar 2016 | 4 min de leitura

Não vai ter golpe tem sido uma das expressões ( palavras de ordem ) mais usadas pelos defensores dos nossos governantes. O pressuposto por trás do uso desta expressão — implícito ou explícito — é que qualquer ação contrária aos governantes seria um golpe . Como palavra de ordem , a expressão é mais usada de forma genérica; mas, em diversas ocasiões, houve pessoas referindo-se expressamente a ações concretas como sendo golpes . As ações assim condenadas são, geralmente, as decisões do juiz Sérgio Moro e os atos que dizem respeito ao processo de impeachment da presidenta Dilma. Coloco desde já — para os que seguem este entendimento — a pergunta: o que é um golpe , no sentido usado nas situações que referi acima? Gostaria de uma definição — não necessariamente sucinta, ou mesmo completa, mas uma definição! E isso quer dizer que exemplos poderão ilustrar a definição, mas não substituí-la. Além disso, peço ainda, depois de definir golpe , que sejam esclarecidas as características objetivas (não subjetivas) que distinguem a crise de 1992 da crise atual. Minha pergunta se fundamenta em uma posição que adoto há anos. É sempre útil saber, em uma discussão, se estamos falando da mesma coisa.

continua...

2016-03-24

24 Mar 2016 | 1 min de leitura

Não admito combater um extremismo para cair em outro. Não vamos às ruas para instaurar um fascismo diferente. Uniformidade de pensamento não existe, da mesma maneira que não existe monopólio da virtude nem monopólio da maldade. Há criminosos que vestem os trajes do socialismo, mas a imensa maioria das pessoas que têm ideias socialistas não é criminosa. A imensa maioria das pessoas que delas discordam não é criminosa, mas há também criminosos neste campo — e seus atos o evidenciam. Meus respeitos e minha solidariedade a esta docente, meu agradecimento ao colégio que a defende, e meu agradecimento ao Rogério Galindo, mais uma vez mostrando o brilho da pena desta família. http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/caixa-zero/professora-opina-sobre-politica-e-execrada-no-facebook-e-deixa-colegio-medianeira/

continua...

2016-03-23

23 Mar 2016 | 2 min de leitura

Mais cedo vi um texto, de um autor chocado com as incessantes revelações sobre as roubalheiras governamentais e empresariais. Neste texto, ele desabafava que a República acabou, e dizia que melhor seria a monarquia absoluta, com um déspota esclarecido. Se roubar, dizia ele, a gente lhe corta a cabeça e põe outro. Pensando neste texto, e pensando no abaixo-assinado pedindo que o juiz Moro cuide de todos os processos sobre políticos corruptos. É fácil, não é? É fácil atribuir a apenas uma pessoa a responsabilidade por todos os crimes. É fácil atribuir a apenas uma pessoa a responsabilidade por todas as soluções. Afinal, se não gostarmos, é só cortar-lhes a cabeça. Quantas pessoas se recusam a ir a suas convenções de condomínio, e preferem deixar que síndicos ineptos, mal-intencionados, ou mesmo criminosos se perpetuem em seus cargos? Mas são pessoas sérias, que depois vão comentar nos corredores como é absurdo que fulano continue sendo síndico. Dá trabalho acompanhar as contas do condomínio, e fiscalizar o síndico responsável pelo seu patrimônio. É muito mais fácil reclamar pelos corredores. Também dá trabalho manter-se informado sobre o que fazem os políticos que elegemos, e os políticos que pensamos em eleger. Dá trabalho acompanhar as notícias, debater os assuntos que dizem respeito a todos nós.

continua...

2016-03-23

23 Mar 2016 | 2 min de leitura

Está correndo por aí o link para um abaixo-assinado pedindo que o STF não desmembre a operação Lava-Jato e que todas as investigações continuem sob a jurisdição do juiz Sérgio Moro. Não vou assinar esta petição. A capacidade do juiz Moro e de toda a grande equipe de policiais e do Ministério Público, que coleta e lhe leva as provas, está sobejamente demonstrada. Tenho plena confiança neles, pelo trabalho mostrado até aqui. Da mesma maneira, tenho plena confiança que existem muitos outros magistrados, policiais e membros do Ministério Público com capacidade equivalente. Não apenas quero que todos eles tenham a chance de também contribuir para melhorar o país: é o dever deles. Há poucos dias, vi uma entrevista coletiva da equipe do MP que trabalha na operação Lava-Jato, dizendo que eles estão investigando os crimes cometidos na Petrobrás e os crimes conexos a estes. Eles não podem investigar outros crimes, ainda que cometidos por pessoas envolvidas com os crimes que apuram. Se, por hipótese, a investigação revela que o político X recebia dinheiro sujo de Furnas, isso não é da sua alçada. Cabe a eles enviar as provas coletadas para os órgãos competentes, e cabe a estes órgãos dar seguimento às investigações.

continua...

2016-03-23

23 Mar 2016 | 1 min de leitura

Completamente inaceitável. Não me interessa qual é a posição política destas pessoas, este é um comportamento criminoso, tão condenável quanto qualquer outra pressão contra magistrados no exercício de suas funções. Esta prática canalha, covarde, chamada doxing , tem que ser duramente reprimida. Podem discordar da decisão do ministro Teori Zavascki, mas é muito triste que até ontem as decisões dele eram aplaudidas por estas pessoas. Condeno em qualquer pessoa o exigir que todos pensem da mesma maneira em tudo. Não aceito isso nos nossos governantes e seus áulicos, não tenho motivo nenhum para aceitá-lo em quem quer que seja. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/ministro-da-justica-determina-reforco-de-seguranca-para-teori-zavascki/

continua...

2016-03-23

23 Mar 2016 | 1 min de leitura

A Lei de Segurança Nacional, Lei nº 7.170, de 14 de dezembro de 1983, foi promulgada pelo presidente João Figueiredo, o último dos presidentes militares. Nenhum governo civil se movimentou para revogá-la, e ela ainda está em vigor. Um de seus artigos determina: Art. 8º - Entrar em entendimento ou negociação com governo ou grupo estrangeiro, ou seus agentes, para provocar guerra ou atos de hostilidade contra o Brasil. Pena: reclusão, de 3 a 15 anos. Parágrafo único - Ocorrendo a guerra ou sendo desencadeados os atos de hostilidade, a pena aumenta-se até o dobro. À evidência, os atos de hostilidade referidos na lei excluem a guerra (que é mencionada separadamente), mas não são apenas atos violentos — uma vez que outros dispositivos da lei mencionam expressamente atos violentos. Assim, os atos de hostilidade podem incluir, por exemplo, manifestações populares, midiáticas ou de outra natureza, quando fomentadas em outros países e dirigidas ao Brasil. Não são as nossas manifestações populares que me preocupam, sejam contra ou a favor dos nossos governantes. Mas preocupa-me — ofende-me! — que nossos diplomatas promovam ataques ao país que representam, que paga os seus salários, por parte de pessoas no exterior. http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/itamaraty-enviou-circulares-com-alerta-de-%E2%80%9Cgolpe%E2%80%9D-a-embaixadas-diz-jornal/

continua...

2016-03-23

23 Mar 2016 | 1 min de leitura

Golpe é usar o dinheiro da educação para pagar ao marqueteiro que cria o slogan Pátria educadora .

continua...

2016-03-22

22 Mar 2016 | 1 min de leitura

Segundo leio nos noticiosos, a operação Xepa, da Polícia Federal, inclui 28 mandados de condução coercitiva. É certo que as vinte e oito pessoas atingidas são inocentes: ainda não houve o indiciamento, os recursos ao indiciamento, o processo em primeiro grau, os recursos ao processo em primeiro grau, a sentença, os recursos à sentença, a apelação, os recursos à apelação, os recursos ao STJ, os recursos aos recursos ao STJ, os recursos ao STF, os recursos aos recursos ao STF, os recursos à OEA (mas nunca à corte de Haia), e — claro — o recurso às ruas. Face a todo o circo midiático armado em torno ao manifesto sequestro policial de pessoas sabidamente inocentes, estou aguardando as manifestações de indignação, repulsa, ódio e revolta de todos os que defendem os nossos governantes, bem como estou aguardando que a presidenta Dilma realize uma visita de Estado a cada um dos sequestrados. E, se necessário, que os nomeie ministros de Estado, ante a injustificável ditadura judicial que fomenta estes abusos à Constituição Federal, para que escapem da justiça de primeiro grau, e fiquem à disposição de cortes acovardadas. Estou sentado em um sofá confortável, enquanto aguardo.

continua...

2016-03-21

21 Mar 2016 | 2 min de leitura

No âmbito do Direito Penal, é extremamente comum que o criminoso e seus cúmplices utilizem um discurso afinado e enganador, manso e pacífico. Felizmente, no direito brasileiro não existe um peso predeterminado para as provas. O juiz deve avaliar todas as provas produzidas, e formar a sua convicção a partir da análise do conjunto de todas as evidências. Vejamos um exempo prático. No dia 15 de março, o Planalto anunciou que o ex-presidente Lula seria o novo ministro-chefe da Casa Civil. Os áulicos apressaram-se em declarar que a nomeação não era obstrução da Justiça, mas sim uma resposta ao pedido da presidenta Dilma, e que Lula assim poderia assumir o papel de articulador político do governo combalido. Por hipótese, admita-se que o papel de articulador político era, de fato, o fim pretendido — e note-se que este fim não exclui o de subtrair-se à ação do juiz Moro. Fica a pergunta: para realizar articulação política, qual a capacidade ou poder que Lula adquire ao tornar-se ministro, de que já não dispunha como ex-presidente? Várias vezes, em seus dois mandatos, a presidenta Dilma socorrera-se de seu antecessor para esta articulação; uma das mais recentes foi em 2015 ( http://noblat.oglobo.globo.com/geral/noticia/2015/09/lula-tera-papel-ativo-no-varejo-da-articulacao-politica-do-governo.html ). Não vejo qualquer aumento de seu poder de articulação por tornar-se ministro.

continua...

2016-03-20

20 Mar 2016 | 4 min de leitura

No dia 13 de março, estive nas ruas mais uma vez para protestar contra os crimes cometidos por nossos governantes. Naquele dia e nos dias que se seguiram, houve muitas outras manifestações por todo o Brasil, algumas em favor do governo. O grande número de pessoas que foi às ruas no 13 de março ainda não se repetiu. Mas não há dúvida de que as manifestações políticas naquele dia foram um fato político extremamente relevante. Vou fazer um exercício de especulação: suponho que, em um país da Europa ocidental, berço do nosso modelo de Estado, um protesto que levasse às ruas estas multidões seria tratado por seus governos como sinal de que algo vai muito mal. Para surpresa de ninguém, as respostas dos nossos governantes e dos que os apoiam não foram neste sentido, mas em outros dois. Primeiro, a presidenta e outros ocupantes de cargos públicos saudaram a democracia evidenciada nas ruas, de forma bastante protocolar. Com a devida vênia à nossa presidenta, isso consegue ser ainda menos que dizer o óbvio ululante de Nelson Rodrigues. Nossa democracia tem pouco menos de trinta anos, é verdade, mas é uma democracia firme, com instituições plenamente funcionais — as eleições são livres, já destituímos um presidente, e nossos tribunais funcionam tão bem que sua sombra atemoriza até mesmo ex-presidentes.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 2 min de leitura

Os romances do século XIX estão fora de moda, salvo para quem gosta de Literatura com maiúscula, independentemente da sua data e (especialmente) independentemente de serem ou não obras engajadas (palavra já caindo em desuso, eu sei). Muita coisa mudou nestes últimos dois séculos, mas não a natureza humana. Vejam, por exemplo, este comentário que Stendhal coloca a meio de O Vermelho e o Negro (tradução de Paulo Neves): Pois é, senhores, um romance é um espelho que se leva por uma grande estrada. Ora ele reflete a vossos olhos o azul do céu, ora a imundície do lodaçal da estrada. E o homem que transporta o espelho nas costas será por vós acusado de ser imoral! Seu espelho mostra a imundície, e acusais o espelho! Acusai antes o grande caminho onde está o lodaçal, e mais ainda o inspetor de estradas que deixar a água empoçar-se e o lodaçal formar-se. O espelho que revela a imundície não é imundo. Nem o homem que o carrega, e que é por isso amaldiçoado. Ele mostra o que vai aos pés mesmo daqueles que caminham olhando para o azul do céu. E a culpa sequer é do lodaçal, mas daquele cujo descaso, incúria ou malícia o criou.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 2 min de leitura

Um dos problemas com a nossa esquerda (expressão mais do que imprecisa, mas vamos lá) é que ela se definiu como a oposição à ditadura. A ditadura acabou há 30 anos! Quando o PT participou de uma assembleia nacional constituinte, livremente eleita, ficou de mal e se recusou a assinar a constituição, atrás da qual hoje se esconde. O PT e outros movimentos de esquerda tornaram-se governo há quatorze anos e continuam com o discurso do perseguido! Lula bradava todos os dias contra a herança maldita de FHC e dizia que, em seu governo, o que havia de bom era dele e o que havia de mal era do feio inimigo que o antecedera. Por que não corrigiu os males? Por que não nacionalizou a Vale e as teles, por que não recriou o cruzeiro, por que não fechou as agências reguladoras, por que não processou nenhum ex-integrante do governo por corrupção ou por outros crimes? A resposta é simples, e vai além do complexo de oposição. Ela se revela nas denúncias feitas pelo Delcídio sobre o Aécio Neves. O governo sabe há tempos dos crimes do Aécio e do PSDB. Mas prefere guardar as informações, seja para usar como dossiê eleitoral, seja para usar como meio de chantagem.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 1 min de leitura

Cito aqui um texto magnífico, atribuído ao grande filósofo Bertrand Russell. Não fui atrás do original, mas não faz diferença. O valor destas palavras não depende de quem as disse.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 1 min de leitura

Uma mensagem de hoje traz um ponto relevante. Fiquem à vontade para levar jogos para negociar no Retiro Lúdico, e não vejo problema em colocar avisos aqui sobre o que pretendem levar (de forma moderada). Negociações devem ser conduzidas entre as partes interessadas, e não aqui.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 2 min de leitura

Os reitores que assinam esta nota têm razão em um ponto. Usar argumentos pseudo-jurídicos para encobrir interesses político-partidários é inaceitável. Da mesma forma que é inaceitável a realização de um golpe. Exemplos: . Gritar que, como o registro de imóvel tem fé pública, não se pode duvidar que os laranjas de Lula são os donos do seu sítio. A fé pública é presunção no cível, e pode ser contestada — mediante provas — tanto no cível quanto no criminal. . Bradar contra vazamento seletivo de informações que são públicas e estão disponíveis para qualquer interessado. . Rugir que o processo de impeachment contra uma presidenta eleita com maioria dos votos é um golpe de Estado. O impeachment é o meio constitucional exatamente para remover o presidente eleito com maioria dos votos! . Berrar por uma intervenção militar constitucional . Isso não existe! Nossos militares estão a serviço dos nossos poderes constituídos, não a serviço da voz das ruas ou de suas próprias convicções. . Rosnar que a Polícia Federal deve ser controlada e que um magistrado deve ser condenado, ambos por cumprirem suas funções institucionais. Mas é essencial notar que os reitores não representam suas universidades, salvo do ponto de vista administrativo.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 1 min de leitura

Muitos — mesmo a presidenta — falam como se o juiz tivesse chamado repórteres para uma coletiva e tivesse apresentado somente algumas das provas que viu. Como diz o autor desta mensagem: qualquer um pode tomar ciência e fazer cópia do que lhe interessa, e divulgar, pois são informações públicas. Interessa a muitos saber dos desmandos dos poderosos, e as provas sobre estes desmandos são divulgadas. Interessa aos poderosos apresentar PROVAS sobre as suas afirmações. Se nenhuma prova é produzida ou apresentada, não reclamem que muitos não aceitem seus brados de inocência. Perguntem em qualquer presídio quantos dos ali encerrados se declaram inocentes.

continua...

2016-03-18

18 Mar 2016 | 1 min de leitura

Discordo de quem defende os nossos governantes, mas todos têm o direito de se manifestar pacificamente. Nada de confronto.

continua...

2016-03-17

17 Mar 2016 | 1 min de leitura

Os mesmos que hoje condenam, estridentes, a divulgação de atos manifestamente ilegais, ontem condenavam o sigilo das provas nas investigações, e anteontem saudavam as revelações que Edward Snowden fez, contra as leis de seu país.

continua...

2016-03-16

16 Mar 2016 | 1 min de leitura

Amanhã sairei trajando luto. Acabou a cordialidade. Nossa bandeira não vai mais acobertar esta súcia.

continua...

2016-03-10

10 Mar 2016 | 1 min de leitura

Aproveitando a oportunidade: No fim de semana seguinte ao Colóquio, acontece em Curitiba um evento nacional voltado a jogos de tabuleiro. Lúdico, não acadêmico. Nem por isso menos interessante… https://www.facebook.com/events/1649946061942658/

continua...

2016-03-10

10 Mar 2016 | 1 min de leitura

Aproveitando a oportunidade: No fim de semana seguinte ao Colóquio, acontece em Curitiba um evento nacional voltado a jogos de tabuleiro. Lúdico, não acadêmico. Nem por isso menos interessante… https://www.facebook.com/events/1649946061942658/

continua...

2016-03-09

9 Mar 2016 | 1 min de leitura

Cartaz de divulgação do Colóquio.

continua...

2016-03-09

9 Mar 2016 | 1 min de leitura

A programação do Colóquio já está disponível na página do evento. Os pesquisadores que enviaram propostas de trabalhos receberam hoje suas respostas; verifiquem na caixa de spam se necessário.

continua...

2016-03-08

8 Mar 2016 | 1 min de leitura

O site do Retiro Lúdico ganhou uma plástica e uma reorganização, mas o conteúdo continua o mesmo. https://retiroludico.com.br/

continua...

2016-03-01

1 Mar 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, o telefone para fazer as reservas junto ao hotel mudou: agora é (41)3666-4383. Hoje tive uma reunião com a Shimeni, nova encarregada das reservas, e com a Cristiana, nova gerente do hotel. Passei os detalhes de nosso evento. Entre outras informações, uma de grande interesse para todos: a rede do hotel foi toda reformada e prometeram que o sinal wireless vai funcionar a contento.

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Para os que ainda não sabem se virão ao V Retiro Lúdico, estamos começando a fazer a lista de que jogos levar… :) https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Para os que ainda não sabem se virão ao V Retiro Lúdico, estamos começando a fazer a lista de que jogos levar… :) https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Para os que ainda não sabem se virão ao V Retiro Lúdico, estamos começando a fazer a lista de que jogos levar… :) https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Para os que ainda não sabem se virão ao V Retiro Lúdico, estamos começando a fazer a lista de que jogos levar… :) https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Para os que ainda não sabem se virão ao V Retiro Lúdico, estamos começando a fazer a lista de que jogos levar… :) https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

A data do V Retiro Lúdico está se aproximando. Nada melhor para animar do que fazer a lista do que pretendemos levar. :) Vamos ajudar a povoar a lista? https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

A data do V Retiro Lúdico está se aproximando. Nada melhor para animar do que fazer a lista do que pretendemos levar. :) Vamos ajudar a povoar a lista? https://www.boardgamegeek.com/geeklist/205243/jogos-no-v-retiro-ludico

continua...

2016-02-15

15 Feb 2016 | 1 min de leitura

Obrigado a todos que enviaram propostas de apresentação. Em breve vamos anunciar os resultados e divulgar a programação do Colóquio.

continua...

2016-02-12

12 Feb 2016 | 1 min de leitura

Pessoal, diversas propostas já foram submetidas para apresentações no Colóquio, mas ainda há espaço para mais. Lembro que, neste momento, o que deve ser submetido é apenas o resumo estendido. Somente depois da apresentação, em abril, é que será aberto o prazo para a submissão do artigo completo, que será publicado no primeiro número do Cadernos de Ludologia. O prazo para submissão se encerra às 23:59 h do dia 14 de fevereiro, domingo. As normas para a formatação do resumo podem ser encontradas em nossa página.

continua...

2016-02-01

1 Feb 2016 | 1 min de leitura

Mais uma das vezes em que sinto nojo de pertencer à mesma espécie animal que este tipo de animal. Bela luta, Camila, e belo texto, Trevisan.

continua...

2016-01-30

30 Jan 2016 | 1 min de leitura

Novo leilão: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/204478/leilao-de-fevereiro

continua...

2016-01-29

29 Jan 2016 | 1 min de leitura

Por conta de um erro grosseiro da GVT, que é nossa provedora Internet, passamos três dias com conexão de ruim a inexistente. Isso, claro, prejudicou quem queria ver a página do evento. A situação parece estar normalizada agora, mas peço que informem se ainda tiverem problemas de acesso. Acabo de enviar uma mensagem de e-mail para as pessoas que realizaram suas inscrições até agora. Se você fez sua inscrição, e não recebeu um e-mail de confirmação, por favor refaça sua inscrição.

continua...

2016-01-26

26 Jan 2016 | 1 min de leitura

Uma boa notícia: a gerência do hotel não vai aumentar os preços para o Retiro, vamos continuar pagando os mesmos preços praticados em 2015.

continua...

2016-01-08

8 Jan 2016 | 1 min de leitura

Novo leilão, encerra na madrugada de segunda: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/203247/leilao-de-janeiro

continua...

2015-12-16

16 Dec 2015 | 1 min de leitura

Mais algumas reservas nos últimos dias, para o fim de semana e para day use. Quem pretende comparecer pode entrar em contato ( https://retiroludico.com.br/contact ) para ter o endereço de e-mail incluído na lista de informações do evento.

continua...

2015-12-16

16 Dec 2015 | 1 min de leitura

Mais algumas reservas nos últimos dias, para o fim de semana e para day use. Quem pretende comparecer pode entrar em contato ( https://retiroludico.com.br/contact ) para ter o endereço de e-mail incluído na lista de informações do evento.

continua...

2015-12-15

15 Dec 2015 | 1 min de leitura

Minha querida esposa, Adelaide Silva, encerrando com seu brilho habitual o Colóquio Letras e Filosofia: por uma análise naturalista da narrativa . A incapacidade deste fotógrafo disfarça o seu brilho, mas não o apaga.

continua...

2015-12-13

13 Dec 2015 | 2 min de leitura

Uma sugestão para quem ainda está pensando se vale a pena vir ao Retiro Lúdico. Que tal aproveitar a oportunidade para conhecer e jogar alguns jogos de grande porte? Existem jogos que dificilmente temos oportunidade de jogar nos muitos encontros que são organizados pelo Brasil — seja pela sua duração, seja pelo número de jogadores. Geralmente o pessoal prefere aproveitar os encontros para conhecer e jogar jogos mais rápidos… mas não precisa ser assim! :) Afinal, um encontro de longa duração, como é o caso do Retiro Lúdico, é uma oportunidade de ouro para jogar os jogos maiores. Lá teremos o tempo e os jogadores. Querem ver? O John Ibarzabal vai levar o Mega Civilization. O Sergio Moreira Filho deve levar o 1880. Eu mesmo tenho vários jogos de grande porte (mas não devo levar o Campaign for North Africa…). É claro que isso não quer dizer que só se joguem jogos grandes. Mas pode se combinar algo assim: um desses jogos pode começar na tarde de sexta, e continuar na manhã de sábado, deixando a tarde de sábado e o domingo para outros jogos. Ou também se pode combinar um revezamento: alguns jogadores podem deixar o jogo grande e serem substituídos por outros que querem conhecer aquele jogo.

continua...

2015-12-10

10 Dec 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, um leilão com muita coisa: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/200946/leilao-de-fim-de-ano Notem que ainda tenho muita coisa de Ars Magica, que também posso negociar.

continua...

2015-12-10

10 Dec 2015 | 1 min de leitura

Leilão à vista: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/200946/leilao-de-fim-de-ano

continua...

2015-12-10

10 Dec 2015 | 1 min de leitura

Leilão à vista: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/200946/leilao-de-fim-de-ano Notem que ainda tenho muitos livros de Ars Magica, que também posso negociar.

continua...

2015-12-10

10 Dec 2015 | 1 min de leitura

Leilão à vista: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/200946/leilao-de-fim-de-ano

continua...

2015-12-08

8 Dec 2015 | 1 min de leitura

Nos últimos dias, diversos participantes confirmaram suas reservas junto ao hotel. Ainda dá tempo de aproveitar os preços de 2015!

continua...

2015-11-15

15 Nov 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, o Retiro Lúdico vai acontecer sim! Hoje eu apaguei o evento duplicado, que eu tinha configurado incorretamente como privado, e muitos se assustaram quando receberam uma mensagem infomando o cancelamento do evento. Foi só uma página errada que foi apagada, e não o evento! Por favor, divulguem para quem se interessou pelo Retiro Lúdico.

continua...

2015-11-09

9 Nov 2015 | 1 min de leitura

A administração do hotel confirmou que o preço combinado está mantido até o fim do ano, mas que haverá um aumento no ano que vem. Assim, recomendo fazerem logo suas reservas.

continua...

2015-10-09

9 Oct 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, estou vendendo um monte de livros de RPG e alguns boardgames. Interessados podem dar uma olhada em https://luiz.claudio.nom.br/venda

continua...

2015-10-09

9 Oct 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, estou vendendo um monte de livros de RPG. Interessados podem dar uma olhada em https://luiz.claudio.nom.br/venda

continua...

2015-10-09

9 Oct 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, estou vendendo um monte de livros de RPG e alguns boardgames. Interessados podem dar uma olhada em https://luiz.claudio.nom.br/venda (os boardgames estão no final da página).

continua...

2015-09-19

19 Sep 2015 | 1 min de leitura

A baixa participação levou a modificarmos o formato do evento para os próximos encontros. Mais detalhes em nossas páginas https://www.facebook.com/CirculoMagicoUFPR/timeline e https://luiz.claudio.nom.br/node/79 .

continua...

2015-09-14

14 Sep 2015 | 1 min de leitura

Pessoal, o Círculo Mágico agora tem página própria no Facebook: https://www.facebook.com/CirculoMagicoUFPR . Recomendo que os interessados curtam a página, para ficar sabendo de novidades. As fotos dos encontros anteriores já estão lá.

continua...

2015-09-13

13 Sep 2015 | 1 min de leitura

Jogos para o quarto encontro: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/196702/circulo-magico-2015-09-15

continua...

2015-09-13

13 Sep 2015 | 1 min de leitura

Jogos para o quarto encontro: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/196702/circulo-magico-2015-09-15

continua...

2015-09-13

13 Sep 2015 | 1 min de leitura

Semana antes de feriado, greve ainda em andamento… tivemos poucos participantes, mas foi muito bom!

continua...

2015-09-04

4 Sep 2015 | 1 min de leitura

https://luiz.claudio.nom.br/node/81

continua...

2015-08-31

31 Aug 2015 | 1 min de leitura

Lista de jogos para este encontro: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/196029/circulo-magico-2015-09-01

continua...

2015-08-31

31 Aug 2015 | 1 min de leitura

Lista de jogos para este encontro: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/196029/circulo-magico-2015-09-01

continua...

2015-08-30

30 Aug 2015 | 1 min de leitura

Partidas do segundo encontro.

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Lista de jogos: https://boardgamegeek.com/geeklist/195587/circulo-magico-2015-08-25

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Lista de jogos: https://boardgamegeek.com/geeklist/195587/circulo-magico-2015-08-25

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Detalhes das partidas que foram jogadas: https://boardgamegeek.com/geeklist/195206/circulo-magico-2015-08-18

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Detalhes das partidas que foram jogadas: https://boardgamegeek.com/geeklist/195206/circulo-magico-2015-08-18

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Tivemos sete participantes. Muito obrigado a todos. Próximo encontro: https://www.facebook.com/events/414949252045118/ Até lá!

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Tivemos sete participantes. Muito obrigado a todos. Próximo encontro: https://www.facebook.com/events/414949252045118/ Até lá!

continua...

2015-08-20

20 Aug 2015 | 1 min de leitura

Algumas das partidas que aconteceram no primeiro encontro.

continua...

2015-08-13

13 Aug 2015 | 1 min de leitura

Perguntaram sobre o efeito da greve sobre os encontros do Círculo Mágico. Tanto quanto eu saiba, nenhum. É até possível que alguns participantes queiram aproveitar o período mais folgado para jogar um pouco… :)

continua...

2015-08-13

13 Aug 2015 | 1 min de leitura

Querem ver quais jogos estarão disponíveis no primeiro encontro? Querem pedir algum jogo em particular? Dêem uma olhada aqui: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/195206/circulo-magico-2015-08-18

continua...

2015-08-13

13 Aug 2015 | 1 min de leitura

Querem ver quais jogos estarão disponíveis no primeiro encontro? Querem pedir algum jogo em particular? Dêem uma olhada aqui: https://www.boardgamegeek.com/geeklist/195206/circulo-magico-2015-08-18

continua...

2015-07-08

8 Jul 2015 | 2 min de leitura

Prezados aventureiros, convido-os a conhecer um RPG dos mais interessantes: Pendragon. Os detalhes da aventura seguem mais abaixo. Quem quiser conhecer um pouco sobre o Pendragon pode ler uma resenha que escrevi em 2011, em https://luiz.claudio.nom.br/node/49 . Acrescento um detalhe ao que eu escrevi lá, fruto de minha experiência desde então: personagens femininos podem ser muito interessantes em Pendragon também, apenas o seu foco é que é diferente do foco dos cavaleiros. Novatos são particularmente bem-vindos, mas tenho certeza que Pendragon vai ser um sistema bem interessante mesmo para quem já conhece outros sistemas. Mestre: Luiz Cláudio Sistema: Pendragon (edição 5.1) Nome da aventura: A Aventura da Espada Sagrada Quantidade de jogadores: até 6 Horário: pela manhã Prólogo: A festa de Pentecostes é um dos grandes festivais da Bretanha. Desde o início de seu reinado, o rei Arthur segue um costume neste dia: ele não se senta à mesa para o banquete enquanto não ouvir ou ver uma grande maravilha. Muitos outros nobres seguem o costume do rei; este é o caso do conde de Salisbury, suserano dos personagens dos jogadores. A chegada ao pátio do castelo de Sarum de um jovem todo vestido de branco, montando um cavalo igualmente branco, promete trazer uma maravilha para o deleite do conde e de seus convivas.

continua...

2015-07-08

8 Jul 2015 | 1 min de leitura

Prezados aventureiros, convido-os a conhecer um RPG dos mais interessantes: Pendragon. Os detalhes da aventura seguem mais abaixo. Quem quiser conhecer um pouco sobre o Pendragon pode ler uma resenha que escrevi em 2011, em https://luiz.claudio.nom.br/node/49 . Acrescento um detalhe ao que eu escrevi lá, fruto de minha experiência desde então: personagens femininos podem ser muito interessantes em Pendragon também, apenas o seu foco é que é diferente do foco dos cavaleiros. Novatos são particularmente bem-vindos, mas tenho certeza que Pendragon vai ser um sistema bem interessante mesmo para quem já conhece outros sistemas. Mestre: Luiz Cláudio Sistema: Pendragon (edição 5.1) Nome da aventura: A Aventura da Espada Sagrada Quantidade de jogadores: até 6 Prólogo: A festa de Pentecostes é um dos grandes festivais da Bretanha. Desde o início de seu reinado, o rei Arthur segue um costume neste dia: ele não se senta à mesa para o banquete enquanto não ouvir ou ver uma grande maravilha. Muitos outros nobres seguem o costume do rei; este é o caso do conde de Salisbury, suserano dos personagens dos jogadores. A chegada ao pátio do castelo de Sarum de um jovem todo vestido de branco, montando um cavalo igualmente branco, promete trazer uma maravilha para o deleite do conde e de seus convivas.

continua...

2015-05-19

19 May 2015 | 1 min de leitura

Como ainda há quem me procure pelo Facebook, repito a seguir mensagem que escrevi em abril de 2014. Amigos de longe e de perto, vocês não vão mais me encontrar no Facebook. Não chega a ser um completo facebookcídio, pois vou deixar ativo este perfil. Leia mais em https://luiz.claudio.nom.br/node/43 Especificamente: não vou mais atualizar esta página, não vou receber notícias, não vou receber mensagens, nada mais do Facebook. Se vocês quiserem entrar em contato comigo, podem usar a minha página ou o meu endereço de e-mail. So long, and thanks for all the fish.

continua...

2015-04-13

13 Apr 2015 | 1 min de leitura

http://retiroludico.com.br/

continua...

2015-04-13

13 Apr 2015 | 1 min de leitura

http://retiroludico.com.br/

continua...

2015-03-12

12 Mar 2015 | 1 min de leitura

Está chegando a hora! Ainda há algumas vagas no hotel, avisem a quem possa se interessar. A lista com alguns dos jogos que vão ser levados para o evento pode ser encontrada em http://www.boardgamegeek.com/geeklist/185113/jogos-para-o-quarto-retiro-ludico

continua...

2015-03-12

12 Mar 2015 | 1 min de leitura

Está chegando a hora! Ainda há algumas vagas no hotel, avisem a quem possa se interessar. A lista com alguns dos jogos que vão ser levados para o evento pode ser encontrada em http://www.boardgamegeek.com/geeklist/185113/jogos-para-o-quarto-retiro-ludico

continua...

2015-01-21

21 Jan 2015 | 7 min de leitura

A propósito da disputa pelo nome Retiro Lúdico , confesso que fiquei surpreso com a sua repercussão, nas listas e no Facebook. Houve comentários favoráveis e desfavoráveis. Perfeitamente normal; não busco unanimidade e, como disse ontem, acredito que este tipo de discussão seja saudável para a comunidade. Por outro lado, lamento que muitos comentários tenham partido para insultos e ofensas pessoais. Eu já disse em outra ocasião que prefiro atacar ideias e não pessoas. Infelizmente, alguns locais da Internet (como o Facebook) pouco se prestam ao debate de ideias, e são muito mais usados para exposição de ideias, o mais das vezes preconcebidas. As mensagens que enviei para o Ricardo Costa foram publicadas, por mim e por ele. Uma leitura minimamente atenta dos textos revela que, nas mensagens do dia 6 e do dia 19, não pedi a ele que deixasse de usar o nome, nem lhe pedi que cancelasse o evento, ou qualquer outra ação. Ao contrário, eu pedi que ele fizesse uma proposta de adequação. Havia várias possibilidades. O nome poderia ser mudado, por exemplo; ou poderíamos chegar a uma autorização de uso; e tenho certeza de que há outras possibilidades. Mas — naquele momento — eu queria que ele fizesse a proposta.

continua...

2015-01-16

16 Jan 2015 | 1 min de leitura

Este é o cartaz para divulgação do 4o Retiro Lúdico. Copiem e espalhem.

continua...

2015-01-12

12 Jan 2015 | 1 min de leitura

Boa notícia: o hotel que vai sediar o 4o Retiro Lúdico decidiu manter os preços do ano passado. Aproveitem! http://luiz.claudio.nom.br/Home/pt-br/content/4o-retiro-ludico

continua...

2015-01-12

12 Jan 2015 | 1 min de leitura

Boa notícia: o hotel que vai sediar o 4o Retiro Lúdico decidiu manter os preços do ano passado. Aproveitem! http://luiz.claudio.nom.br/Home/pt-br/content/4o-retiro-ludico

continua...

2015-01-12

12 Jan 2015 | 1 min de leitura

Boa notícia: o hotel decidiu manter os mesmos preços do ano passado!

continua...

2014-12-28

28 Dec 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, aproveitem os últimos dias com preços reduzidos para fazerem suas reservas no 4o Retiro Lúdico. Até 31 de dezembro os valores ainda são os mesmos de abril de 2014. Ainda será possível participar depois, já que o Retiro acontecerá em março, mas os preços do hotel vão subir.

continua...

2014-12-28

28 Dec 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, aproveitem os últimos dias com preços reduzidos para fazerem suas reservas no 4o Retiro Lúdico. Até 31 de dezembro os valores ainda são os mesmos de abril de 2014. Ainda será possível participar depois, já que o Retiro acontecerá em março, mas os preços do hotel vão subir. Mais detalhes podem ser encontrados em http://luiz.claudio.nom.br/Home/pt-br/content/4o-retiro-ludico . A página do evento no Facebook está em https://www.facebook.com/events/506630639469341/ .

continua...

2014-12-28

28 Dec 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, aproveitem os últimos dias com preços reduzidos para fazerem suas reservas no 4o Retiro Lúdico. Até 31 de dezembro os valores ainda são os mesmos de abril de 2014. Ainda será possível participar depois, já que o Retiro acontecerá em março, mas os preços do hotel vão subir. Mais detalhes podem ser encontrados em http://luiz.claudio.nom.br/Home/pt-br/content/4o-retiro-ludico . A página do evento no Facebook está em https://www.facebook.com/events/506630639469341/ .

continua...

2014-12-11

11 Dec 2014 | 1 min de leitura

Tomei conhecimento deste programa por conta do chamado de um colega jogador, que tem uma sobrinha na fila para o transplante de medula. Eu sou doador de órgãos, mas não sabia deste programa. Se eu puder ajudar alguém ainda enquanto estou vivo, com certeza vou fazê-lo. Vou me cadastrar aqui em Curitiba. Espero que outros também o façam. Boa sorte, pequena Rebeca.

continua...

2014-09-18

18 Sep 2014 | 1 min de leitura

Importante: é necessário ler a página do evento (veja acima, no cabeçalho) para mais detalhes. Em especial, é imprescindível entrar em contato comigo (pelo formulário de contato na página, não pelo Facebok) para que eu possa cadastrar seu endereço na lista de participantes. Avisos importantes serão colocados nesta lista.

continua...

2014-04-04

4 Apr 2014 | 1 min de leitura

Amigos de longe e de perto, vocês não vão mais me encontrar no Facebook. Não chega a ser um completo facebookcídio, pois vou deixar ativo este perfil. Leia mais em http://luiz.claudio.nom.br/Home/pt-br/artigos/segundo-facebookcidio Especificamente: não vou mais atualizar esta página, não vou receber notícias, não vou receber mensagens, nada mais do Facebook. Se vocês quiserem entrar em contato comigo, podem usar a minha página ou o meu endereço de e-mail. So long, and thanks for all the fish.

continua...

2014-04-04

4 Apr 2014 | 1 min de leitura

All the fun is in the participation. https://www.youtube.com/watch?v=vrO3TfJc9Qw

continua...

2014-04-04

4 Apr 2014 | 1 min de leitura

Ponteio, de Edu Lobo e Capinam. Para mim, a canção que melhor sintetiza a era dos musicais . Ela me impressiona desde que eu era criança. Intérpretes: Edu Lobo, Marília Medalha, Momentoquatro e Quarteto Novo. Nota para os músicos de hoje: não havia playback… https://www.youtube.com/watch?v=B9rLispdqio

continua...

2014-04-04

4 Apr 2014 | 1 min de leitura

Ah, lembranças de meus tempos nos laboratórios da Física na UnB… :) Especialmente para meus amigos engenheiros.

continua...

2014-04-03

3 Apr 2014 | 1 min de leitura

Quando a famosa falta de ter o que fazer ataca as revistas…

continua...

2014-04-03

3 Apr 2014 | 1 min de leitura

http://www.compoundchem.com/2014/04/02/a-rough-guide-to-spotting-bad-science/

continua...

2014-04-03

3 Apr 2014 | 1 min de leitura

A música Hell March, de Frank Klepacki, era a trilha sonora do jogo Command & Conquer: Red Alert (1996). Foi o primeiro jogo RTS que eu joguei, e a música era marcante mesmo. Procurando no YouTube, encontram-se muitas montagens com esta música, geralmente em vídeos de paradas militares. A parada abaixo é do Exército Indiano. Gostei especialmente de ver que todo mundo sabe marchar melhor que os homens e mulheres da nossa FAB… não é, @[100001920631031:2048:Antonio De Marchi] e @[100003805085039:2048:Pedra Do Obaluaê]? :) https://www.youtube.com/watch?v=W9DsvAFDxcE

continua...

2014-04-03

3 Apr 2014 | 1 min de leitura

Que tal essa? http://www.danosse.com/2014/03/agora-sou-um-empresario-de-sucesso.html

continua...

2014-04-02

2 Apr 2014 | 1 min de leitura

Isaac Asimov considerava esta a melhor de suas histórias. Concordo com o Bom Doutor. http://www.thrivenotes.com/the-last-question/

continua...

2014-04-02

2 Apr 2014 | 1 min de leitura

One of the great tragedies of mankind is that morality has been hijacked by religion. – Arthur C. Clarke

continua...

2014-04-02

2 Apr 2014 | 1 min de leitura

The Green Hills of Earth (Robert A. Heinlein) Let the sweet fresh breezes heal me As they rove around the girth Of our lovely mother planet Of the cool, green hills of Earth. We’ve tried each spinning space mote And reckoned its true worth: Take us back again to the homes of men On the cool, green hills of Earth. The arching sky is calling Spacemen back to their trade. ALL HANDS! STAND BY! FREE FALLING! And the lights below us fade. Out ride the sons of Terra, Far drives the thundering jet, Up leaps a race of Earthmen, Out, far, and onward yet — We pray for one last landing On the globe that gave us birth; Let us rest our eyes on the fleecy skies And the cool, green hills of Earth.

continua...

2014-04-02

2 Apr 2014 | 1 min de leitura

http://www.sparknotes.com/mindhut/2014/03/21/mondo-posters-give-disney-a-makeover

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

Certo… este cara precisa de MUITA ajuda. http://www.boardgamegeek.com/thread/1135503/need-some-help

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

http://www.clubedohardware.com.br/artigos/Como-o-Facebook-esta-destruindo-a-Internet/2925

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

Até que a sua surpresa para mim foi mais tranquila… http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/04/estudante-sai-para-passear-e-acaba-surpreendida-por-casamento-surpresa.html

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

Já não era sem tempo. Mas o mais provável é que o Japão simplesmente arrume outro pretexto e continue a caçar baleias. http://gcaptain.com/un-court-orders-japan-end-whaling/

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

http://www.iwm.org.uk/history/8-celebrity-air-aces-of-the-first-world-war

continua...

2014-04-01

1 Apr 2014 | 1 min de leitura

http://www.iwm.org.uk/history/stunning-aerial-artwork-of-the-first-world-war

continua...

2014-03-31

31 Mar 2014 | 1 min de leitura

Pelo que eu me lembro, o senhor disse que já viu coisa parecida…

continua...

2014-03-31

31 Mar 2014 | 1 min de leitura

Project Acoustic Kitty! E outras bobagens bélicas. Pelo menos a história do gato de Sebastopol é boa. https://medium.com/war-is-boring/43789d6c9493

continua...

2014-03-31

31 Mar 2014 | 1 min de leitura

Tive a oportunidade de conhecer anos atrás o Roger Mello, irmão do Marcelo Mello, meu colega no Marista. Roger é um ilustrador de mão cheia, com uma grande sensibilidade. Lembro particularmente de uma de suas obras, A Flor do Lado de Lá , uma verdadeira obra-prima. Parabéns, Roger, você merece. http://www.estadao.com.br/noticias/arte-e-lazer,andersen-reconhece-a-arte-de-roger-mello,1146473,0.htm

continua...

2014-03-30

30 Mar 2014 | 1 min de leitura

Quando a gente acha que já viu tudo… https://en.wikipedia.org/wiki/Emu_War

continua...

2014-03-30

30 Mar 2014 | 1 min de leitura

Momento Hello!

continua...

2014-03-28

28 Mar 2014 | 1 min de leitura

Ciência É fascinante. http://www.phdcomics.com/comics/archive.php?comicid=1691

continua...

2014-03-27

27 Mar 2014 | 1 min de leitura

https://www.youtube.com/watch?v=HV-p-yn6OsU

continua...

2014-03-27

27 Mar 2014 | 1 min de leitura

Ciência é mesmo fascinante. http://opinionator.blogs.nytimes.com/2014/03/23/when-nature-looks-unnatural/

continua...

2014-03-27

27 Mar 2014 | 1 min de leitura

Se houvesse mesmo justiça, ela disse, as pessoas que estão lá fora estariam aqui dentro. O caso acontece no México, como poderia estar acontecendo aqui. http://www.vice.com/pt_br/read/yakiri-rubio-matou-seu-estuprador-agora-ela-pode-acabar-na-cadeia

continua...

2014-03-27

27 Mar 2014 | 1 min de leitura

Quando nos mudamos para lá? :) http://9gag.com/gag/av0vE0n

continua...

2014-03-26

26 Mar 2014 | 1 min de leitura

Muito bom. http://arstechnica.com/science/2014/03/wikipedia-founder-calls-alt-medicine-practitioners-lunatic-charlatans/

continua...

2014-03-26

26 Mar 2014 | 1 min de leitura

Momento Hello!

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, lembrem-se de que é necessário fazer o registro na página http://www.luiz.claudio.nom.br/cursos/ e, depois de confirmar o registro, pedir a inscrição no curso.

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, lembrem-se de que é necessário fazer o registro na página http://www.luiz.claudio.nom.br/cursos/ e, depois de confirmar o registro, pedir a inscrição no curso.

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Quer gastar dinheiro no Kickstarter? https://www.kickstarter.com/projects/1092260710/game-quest-patents

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Tatá, achei um bom computador para você.

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Quer comprar este?

continua...

2014-03-25

25 Mar 2014 | 1 min de leitura

Tio, dá uma olhadinha no meu micro?

continua...

2014-03-21

21 Mar 2014 | 1 min de leitura

Sobre os usos de jogos como ferramentas analíticas. @[100002599117187:2048:Rafael Weibel], você via gostar. http://www.escapistmagazine.com/articles/view/columns/criticalintel/11100-Tom-Clancy-The-Writer-And-The-Wargamer

continua...

2014-03-21

21 Mar 2014 | 1 min de leitura

Sinto um certo ar de familiaridade…

continua...

2014-03-20

20 Mar 2014 | 1 min de leitura

Igualzinho aos dias de hoje… http://catracalivre.com.br/viagem/como-ir-viagem/indicacao/veja-como-era-viajar-de-aviao-nos-anos-50-60-e-70/

continua...

2014-03-20

20 Mar 2014 | 1 min de leitura

Notícias da cozinha. http://qz.com/187743/the-slow-death-of-the-microwave/

continua...

2014-03-20

20 Mar 2014 | 1 min de leitura

High speeds. https://medium.com/war-is-boring/ffcdd8b3fe68

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://www.earthporm.com/7-unbelievable-landscapes-beautiful-real/

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

Um certo suboficial reformado estava caminhando pela praia, durante um dia quente, quando encontrou uma garrafa toda ornamentada. Curioso, ele pegou a garrafa e a abriu. De dentro da garrafa saiu um gênio! O gênio disse ao suboficial Já que você me libertou, vou lhe conceder três desejos. Como o dia estava mesmo muito quente, o suboficial pediu ao gênio uma garrafa de cerveja bem gelada. O gênio fez um gesto e imediatamente surgiu uma garrafa na mão do suboficial. Ele tomou alguns goles, e percebeu que realmente estava estupidamente gelada, e para mais era a melhor cerveja que ele já tinha tomado. O gênio disse Esta não é uma garrafa comum. É uma garrafa mágica! Ela sempre vai estar gelada, e se você a esvaziar ela vai se encher de novo. E o suboficial respondeu Uau! Isso eu quero ver! e bebeu toda a cerveja. O gênio tinha falado a verdade, e a garrafa em poucos segundos estava cheia de novo. O suboficial bebeu tudo de novo, e mais uma vez a garrafa se encheu. Uau! disse o suboficial. Quer dizer que esta garrafa não vai esvaziar nunca? Isso mesmo disse o gênio. E eu ainda tenho mais dois desejos?

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://www.upsocl.com/mundo/15-lugares-famosos-mostrados-junto-a-su-verdadero-entorno/#

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://9gag.tv/p/9zzdA/combine-mozart-james-bond-aleksey-igudesman-hyung-ki-joo-music

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

Three board gamers were sitting around discussing the human body. The first one says: the human body must have been designed by Reiner Knizia. Just think of all the mysterious ways in which elements of the brain work together to produce what we call consciousness. Gotta be Knizia. The second one says: no way, man. Had to have been Martin Wallace. Just think about all the intricate mechanics necessary to allow the body to function, such as the joints - and think of how long it takes for it to develop to maturity. It has Wallace all over it. The third ones say: guys you totally got it wrong. It had to have been Steve Jackson. Who else would put a toxic waste pipeline in the middle of a recreational area? (Retirado desta geeklist: http://boardgamegeek.com/thread/492708/board-game-jokes )

continua...

2014-03-19

19 Mar 2014 | 1 min de leitura

A little knowledge turned out to be a very dangerous thing. https://medium.com/war-is-boring/b4ea845b5d8a

continua...

2014-03-18

18 Mar 2014 | 1 min de leitura

Como diria o meu prezado compadre: já não sou mais um desqualificado, continuo gerúndio. :)

continua...

2014-03-18

18 Mar 2014 | 1 min de leitura

Como muitos aqui no Brasil, eu conheci Carl Sagan por causa da série Cosmos. Nos anos seguintes, tive a oportunidade de ler vários de seus trabalhos, sempre um exercício muito proveitoso.

continua...

2014-03-17

17 Mar 2014 | 1 min de leitura

Claro que isso ainda tem que ser verificado… Mas é certamente significativo.

continua...

2014-03-17

17 Mar 2014 | 1 min de leitura

Em resposta ao desafio de Thalia Duarte. (Tatá, estou respondendo ao desafio, mas não vou indicar mais ninguém. E terei prazer em presenteá-la com um livro de poesia se você quiser…) Existe um povo que a bandeira empresta P’ra cobrir tanta infâmia e cobardia!… E deixa-a transformar-se nessa festa Em manto impuro de bacante fria!… Meu Deus! meu Deus! mas que bandeira é esta, Que impudente na gávea tripudia? Silêncio. Musa… chora, e chora tanto Que o pavilhão se lave no teu pranto! … Auriverde pendão de minha terra, Que a brisa do Brasil beija e balança, Estandarte que a luz do sol encerra E as promessas divinas da esperança… Tu que, da liberdade após a guerra, Foste hasteado dos heróis na lança Antes te houvessem roto na batalha, Que servires a um povo de mortalha!… Fatalidade atroz que a mente esmaga! Extingue nesta hora o brigue imundo O trilho que Colombo abriu nas vagas, Como um íris no pélago profundo! Mas é infâmia demais! … Da etérea plaga Levantai-vos, heróis do Novo Mundo! Andrada! arranca esse pendão dos ares! Colombo! fecha a porta dos teus mares! Castro Alves – Navio Negreiro, Canto VI

continua...

2014-03-16

16 Mar 2014 | 1 min de leitura

Noto uma correção no texto: se não me engano, Audrey Hepburn morou na Holanda durante a 2a Guerra e não na Polônia.

continua...

2014-03-15

15 Mar 2014 | 1 min de leitura

Acho que o comandante logo estará procurando outro emprego… http://gcaptain.com/british-warship-accidentally-fires-dummy-torpedo-into-nuclear-naval-base/

continua...

2014-03-14

14 Mar 2014 | 1 min de leitura

Há 30 anos, eu quase me tornei um controlador de tráfego aéreo. É uma das profissões mais estressantes do mundo; o vídeo que mostra o tráfego aéreo sobre a Europa em um período de 48 h dá uma ideia de porquê. @[100003805085039:2048:Pedra Do Obaluaê], dê uma olhada. http://vimeo.com/88093956

continua...

2014-03-14

14 Mar 2014 | 1 min de leitura

A Apple e a história… http://www.pockettactics.com/news/ios-news/apple-rejects-tank-battle-1942-depicting-germans-russians-enemies/

continua...

2014-03-14

14 Mar 2014 | 1 min de leitura

Como jogos ajudam a entender guerras. @[100002599117187:2048:Rafael Weibel], você deve gostar. http://www.economist.com/news/united-states/21599016-understand-war-american-officials-are-playing-board-games-war-games

continua...

2014-03-14

14 Mar 2014 | 1 min de leitura

Brilhante! Dedico aos meus queridos filhos e aos meus amigos com filhos.

continua...

2014-03-13

13 Mar 2014 | 1 min de leitura

E lá vai Brasília…

continua...

2014-03-13

13 Mar 2014 | 1 min de leitura

Em 2008 fui o coordenador de uma memorável partida de Command at Sea, com o cenário da Batalha do Rio da Prata. Este é o relatório da partida. http://luiz.claudio.nom.br/tiki-index.php?page=A%20Batalha%20do%20Rio%20da%20Prata

continua...

2014-03-13

13 Mar 2014 | 1 min de leitura

A união dos corruptos. Pobre DF.

continua...

2014-03-13

13 Mar 2014 | 1 min de leitura

Sempre!

continua...

2014-03-12

12 Mar 2014 | 1 min de leitura

As grandes potências enfrentam a mesma situação de 1938. Onde será a nova conferência de Munique? http://www.economist.com/news/leaders/21598639-west-can-punish-putins-russia-its-belligerence-ukraine-only-if-it-prepared

continua...

2014-03-12

12 Mar 2014 | 1 min de leitura

Para quem gosta de ilustrações, esta lista é muito boa. @[100002941471269:2048:Thalia Duarte], acho que você vai gostar de alguns dos links. http://www.boardgamegeek.com/thread/1135026/pictures-postlink-to-you-favourite-illustrationspi

continua...

2014-03-12

12 Mar 2014 | 1 min de leitura

Lembrando como a @[100000478353787:2048:Paula Luisa Denicol] esgrimia bem, isso não me surpreende. http://fashionablygeek.com/videos-2/this-armored-lady-won-the-longsword-competition-at-a-world-invitational-tournament/#!zpNSu

continua...

2014-03-12

12 Mar 2014 | 1 min de leitura

Últimos dias! Aproveitem que o hotel ainda tem algumas vagas.

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://www.economist.com/news/essays/21596796-democracy-was-most-successful-political-idea-20th-century-why-has-it-run-trouble-and-what-can-be-do

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Eu devo confessar que não consegui ler tudo. Fico feliz pelo autor ter conseguido se comunicar com seu filho. A dor de não conseguir me comunicar com Lilah é permanente, pois a maior parte do mundo dela estará sempre fora do meu alcance. Isso já me desesperou no passado. Não mais. Hoje é apenas uma dor surda. Mas ela não vai embora. Minha filha querida, eu amo muito você. http://www.nytimes.com/2014/03/09/magazine/reaching-my-autistic-son-through-disney.html

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Últimos dias! Estamos quase na data do 3o Retiro Lúdico. Ainda há vagas; seria muito bom poder contar com os amigos do D30 aqui. http://www.confraria-ludica.org/retiro-ludico/

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Últimos dias! Estamos quase na data do 3o Retiro Lúdico. Ainda há vagas, aproveite. http://www.confraria-ludica.org/retiro-ludico/

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Últimos dias! Estamos quase na data do 3o Retiro Lúdico. Ainda há vagas, aproveite. http://www.confraria-ludica.org/retiro-ludico/

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Precisão.

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

Ah, os signos…

continua...

2014-03-11

11 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://gcaptain.com/amazing-photos-show-true-scale-of-queen-mary-2-ocean-liner/

continua...

2014-03-09

9 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://mondediplo.com/2014/03/16spam

continua...

2014-03-09

9 Mar 2014 | 1 min de leitura

Para quem gosta de se preocupar com boas maneiras. https://medium.com/war-is-boring/2af44d21b98b

continua...

2014-03-07

7 Mar 2014 | 1 min de leitura

Um olhar contrastando a experiência dos submarinistas da 2a Guerra (conforme visto no filme Das Boot) com os submarinistas modernos. @[100003805085039:2048:Pedra Do Obaluaê] e @[100002599117187:2048:Rafael Weibel], acho que vocês vão gostar. http://www.boardgamegeek.com/thread/1134413/the-submariners-life

continua...

2014-03-06

6 Mar 2014 | 1 min de leitura

http://gizmodo.uol.com.br/gerador-artigos-cientificos/

continua...

2014-03-04

4 Mar 2014 | 1 min de leitura

Que tal colocar esta charge em uma prova? :)

continua...

2014-03-01

1 Mar 2014 | 1 min de leitura

Ah, essa arbitrariedade do signo…

continua...

2014-02-28

28 Feb 2014 | 1 min de leitura

Estou chocado, chocado, com a possibilidade que esteja havendo racismo no Paraná. http://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/2014/02/haitianos-dizem-ser-vitimas-de-racismo-no-oeste-do-parana.html

continua...

2014-02-27

27 Feb 2014 | 1 min de leitura

Enfaticamente, faço minhas as palavras do professorIves Gandra da Silva Martins.

continua...

2014-02-27

27 Feb 2014 | 1 min de leitura

Esta é para você, maestro. http://digg.com/video/careless-whisper-as-a-1930s-style-jazz-jam

continua...

2014-02-27

27 Feb 2014 | 1 min de leitura

Respeito a coragem deste senhor.

continua...

2014-02-27

27 Feb 2014 | 1 min de leitura

É engraçado como mesmo as pessoas mais liberais vão ficando mais elitistas quando envelhecem. Como eu mesmo estou elitista há muito tempo, isso não é uma crítica.

continua...

2014-02-26

26 Feb 2014 | 1 min de leitura

Os EUA tem uma tradição lamentável de abandonar quem não lhes interessa mais. E, como eu publiquei aqui recentemente, o Reino Unido não fica atrás — vide o tratamento dispensado aos Gurkhas veteranos. https://medium.com/war-is-boring/ca5a6f7293df

continua...

2014-02-26

26 Feb 2014 | 1 min de leitura

Muito obrigado, sargento. Descanse em paz.

continua...

2014-02-26

26 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.umsabadoqualquer.com/1371-sac-celestial/

continua...

2014-02-26

26 Feb 2014 | 1 min de leitura

Acho lamentável que o Exército não mantenha as nossas fortalezas históricas. Um país sem passado…

continua...

2014-02-26

26 Feb 2014 | 1 min de leitura

Crianças e cachorros, esta combinação bombástica…

continua...

2014-02-25

25 Feb 2014 | 1 min de leitura

A great video game, Sid Meier likes to say, is a series of interesting decisions: a set of situations in which the player is constantly confronted with meaningful choices. Concordo. Mas eu tiraria a terceira palavra. http://kotaku.com/the-father-of-civilization-584568276

continua...

2014-02-25

25 Feb 2014 | 1 min de leitura

Meus parabéns ao mais novo Mestre em Design. Assisti à apresentação do Thiago Schaedler Uhlmann e pude cumprimentá-lo após o anúncio de sua aprovação pela banca. Os membros da banca fizeram colocações muito pertinentes para o trabalho do Thiago — e eu vou aproveitar estas lições na minha própria pesquisa… :) Aproveito para agradecer o carinho dispensado a mim pelo prof. André Battaiola e pelo Thiago. É muito bom sentir que pude contribuir de alguma maneira para este trabalho de sucesso.

continua...

2014-02-25

25 Feb 2014 | 1 min de leitura

That scientists often dont speak to the rest of us the way they would if we were standing there full of curiosity. They sometimes spray information at us without making that contact that I think is crucial. If a scientist doesnt have someone next to them, drawing them out, they can easily go into lecture mode. There can be a lot of insiders jargon. Eu atualmente estou no processo de redigir o que será a minha dissertação de mestrado. As primeiras versões estavam bastante herméticas e o problema era justamente este; é como se eu estivesse escrevendo para mim. Meus olhos se abriram quando @[100000108848676:2048:Adelaide Silva] me mostrou que eu tinha que escrever para outras pessoas, como se eu estivesse explicando as regras de um jogo. A qualidade do meu texto — do ponto de vista do seu propósito como um meio para transmitir um conjunto de ideias — melhorou consideravelmente depois disso. http://www.nytimes.com/2014/02/25/science/alan-alda-wants-to-make-science-accessible.html?_r=0

continua...

2014-02-25

25 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.dorktower.com/2014/02/24/9282/

continua...

2014-02-24

24 Feb 2014 | 1 min de leitura

Uma história sobre um pai formidável, que realmente entende de RPGs. http://www.boardgamegeek.com/thread/1127361/running-an-rpg

continua...

2014-02-24

24 Feb 2014 | 1 min de leitura

Uma pena. Harold Ramis era um grande talento. Ghostbusters, Groundhog Day, Analyze This foram excelentes filmes.

continua...

2014-02-24

24 Feb 2014 | 1 min de leitura

Por força da distância, não pude comparecer ao encontro do D30 RPG. Mas já estou vendo as fotos e fico extremamente feliz em ver que aquele evento que começou tão pequeno já está com um tamanho respeitável. Janary Damacena, Eugênio Cavalcante, Marcello Larcher, Marcela Scalon, Ricardo Mallen, meu querido filho Arthur Colombo Duarte e outros tantos amigos, vocês estão de parabéns.

continua...

2014-02-21

21 Feb 2014 | 1 min de leitura

More graphics, more sound, less gameplay. O lamento de um grognard dos jogos digitais a respeito das transformações destes jogos ao longo dos anos. Já ouvi queixas parecidas de vários jogadores experientes; parece que muitos jogos estão sendo imbecilizados. @[1787462330:2048:Guilherme Zaffari], quer comentar? http://www.kuro5hin.org/story/2003/7/9/33821/10218

continua...

2014-02-21

21 Feb 2014 | 1 min de leitura

O que significam aquelas aeronaves código M no Second Front. https://medium.com/war-is-boring/f826cfac42b

continua...

2014-02-20

20 Feb 2014 | 1 min de leitura

@[100002599117187:2048:Rafael Weibel], tome nota.

continua...

2014-02-20

20 Feb 2014 | 1 min de leitura

E você afundou com ele… :)

continua...

2014-02-17

17 Feb 2014 | 1 min de leitura

Para você que não sabe o que fazer com o que tem… http://www.youtube.com/watch?v=Xb9SAzWL3Bg

continua...

2014-02-17

17 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.flixxy.com/rc-jet-aircraft-world-cup.htm

continua...

2014-02-15

15 Feb 2014 | 1 min de leitura

https://medium.com/war-is-boring/69282ecbca00

continua...

2014-02-15

15 Feb 2014 | 1 min de leitura

https://medium.com/war-is-boring/29571e934e0c

continua...

2014-02-14

14 Feb 2014 | 1 min de leitura

Quem sabe vendo isso você aprende a derrotar o Sailor Malan. :)

continua...

2014-02-13

13 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.iwm.org.uk/history/weird-first-world-war-weapons-and-other-surprising-objects

continua...

2014-02-12

12 Feb 2014 | 1 min de leitura

Reiterando o convite… https://www.facebook.com/events/1385779278339581/

continua...

2014-02-12

12 Feb 2014 | 1 min de leitura

Onde estava o General Bigode Elétrico?

continua...

2014-02-11

11 Feb 2014 | 1 min de leitura

Nenhum contrato feito pelo BNDES no exterior é tornado público. O banco alega que cláusulas de confidencialidade entre os governos não permite que contratos ou informações detalhadas sobre as negociações transpareçam. De acordo com reportagem de Rubens Valente, da Folha de S. Paulo, o ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, determinou que os contratos com Cuba e Angola fossem secretos em junho de 2012. O ato foi assinado um mês depois de a Lei de Acesso à Informação ter entrado em vigor, e os documentos só poderão ser conhecidos a partir de 2027. Em bom português: licença para rapinagem. http://www.apublica.org/2013/11/bndes-para-exportacao/

continua...

2014-02-11

11 Feb 2014 | 1 min de leitura

Supostamente, os problemas serão resolvidos com obras financiadas com recursos do PAC e outros programas federais. Os problemas são antigos, e é de supor que outros governantes — locais e federais — no passado já prometeram resolvê-los com outras obras e outros recursos. A transposição foi muito debatida há anos, ainda durante o governo Lula. As obras principais não andam, seria de surpreender se as obras subsidiárias andassem. http://www.apublica.org/2014/02/na-contramao-da-transposicao/

continua...

2014-02-11

11 Feb 2014 | 1 min de leitura

Claro que o Brasil não é assim… claro que por aqui a Copa não vai ser desculpa para muita safadeza… claro.

continua...

2014-02-11

11 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.salon.com/2010/09/20/my_lie_maran/

continua...

2014-02-11

11 Feb 2014 | 1 min de leitura

Para ajudar a enfrentar as toupeiras.

continua...

2014-02-10

10 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.thelocal.de/20140131/charlemagne-bones-proven-genuine-1200-years-later

continua...

2014-02-10

10 Feb 2014 | 1 min de leitura

Uma reflexão muito boa sobre as lições que nós, pais, queremos passar a nossas filhas. http://geekdad.com/2014/01/disney-vs-miyazaki-rewind/

continua...

2014-02-10

10 Feb 2014 | 1 min de leitura

Faz sentido. http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/02/1409794-ex-governador-tucano-diz-que-e-inocente-como-lula.shtml

continua...

2014-02-10

10 Feb 2014 | 1 min de leitura

Viva a solidariedade latino-americana… http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2014/02/09/bolivia-chama-chile-de-pais-agressor-sobre-conflito-maritimo.htm

continua...

2014-02-10

10 Feb 2014 | 1 min de leitura

Elogiável.

continua...

2014-02-09

9 Feb 2014 | 1 min de leitura

In Sierra Leone after the war, I along with everyone else, desperately wanted aid to help fix our shattered nation. After five years I wanted to send the aid workers home. How so? Because aid is a scam of global proportions. A citação acima é um trecho da resenha que Aminatta Forna, uma respeitada autora serraleonesa, escreveu para dois livros que tratam de assuntos correlatos: a indústria multibilionária de ajuda humanitária, que frequentemente realimenta os problemas que pretende aliviar, e o saque mundial de recursos naturais. Não, ainda não li nenhum dos dois livros. Mas pretendo retificar isso em breve. Confesso que nunca tinha pensado muito no caso, mas na verdade não surpreende que a indústria da ajuda humanitária seja vitimada pela corrupção e pelo roubo puro e simples. Afinal, onde há dinheiro há crime. http://www.telegraph.co.uk/culture/books/7682264/War-Games-by-Linda-Polman-and-The-Plundered-Planet-by-Paul-Collier-review.html

continua...

2014-02-09

9 Feb 2014 | 1 min de leitura

Female PhDs still face a lot of discrimination in the marriage market, says Dr. To. Very traditional men and their families see highly accomplished women as a threat and therefore may prefer more docile, submissive women. Para retomar um tema de que tratei há alguns dias aqui: os estereótipos sexistas da China são uma manifestação de uma cultura multimilenar. E portanto têm que ser respeitados, em nome do multiculturalismo? Acho que não. http://www.telegraph.co.uk/women/womens-life/10607235/Chinese-New-Year-2014-Chinese-New-Years-dirty-little-woman-secret.-Kung-Hei-Fat-Choi.html

continua...

2014-02-08

8 Feb 2014 | 1 min de leitura

Muito importante. Ainda mais importante em nosso país, que tem tão poucas bibliotecas. Um país se faz com homens e livros .

continua...

2014-02-08

8 Feb 2014 | 1 min de leitura

Uma visão muito realista do quadro internacional e do papel dos EUA nele. Tanto melhor para o mundo que o atual ocupante da Casa Branca não se sente imbuído de uma missão divina, ao contrário de seu antecessor.

continua...

2014-02-08

8 Feb 2014 | 1 min de leitura

Origens secretas de superpoderes. http://www.dorktower.com/2014/02/07/secret-origins-dork-tower-07-02-14/

continua...

2014-02-07

7 Feb 2014 | 1 min de leitura

Ficam aqui registradas, portanto, algumas ferramentas básicas indicadas por Carl Sagan para serem ensinadas desde cedo às crianças e indispensáveis ao nosso kit pessoal de detecção da pseudociência: 1) esteja disposto a acolher fatos novos, mesmo que eles não se ajustem às suas preconcepções; 2) guarde hipóteses alternativas em sua mente, para ver qual se adapta melhor à realidade; 3) examine cética e rigorosamente as novas ideias e desconfie dos argumentos de autoridade. Ao contrário do que o artigo sugere, a preocupação com a pseudociência é mais antiga do que as manifestações de Sagan; lembro-me de livros do Martin Gardner neste sentido, já desde os anos 1950 ou 1960, e provavelmente houve manifestações anteriores. Mas isso não invalida a tese defendida, que é perfeita. http://cienciahoje.uol.com.br/alo-professor/intervalo/2014/02/antidoto-contra-pseudociencias

continua...

2014-02-07

7 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.utaot.com/2013/03/06/scientists-think-they-have-found-the-mythical-sunstone-vikings-used-to-navigate-warships/

continua...

2014-02-06

6 Feb 2014 | 1 min de leitura

Uma lua dos namorados para você, minha querida.

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Não se preocupe, Brasília. O Ministro Edison Lobão disse que o risco de apagões é zero. O que está acontecendo, portanto, não é um apagão. http://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2014/02/oito-quadras-da-asa-sul-centro-de-brasilia-estao-sem-luz-ha-2-horas.html

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Ok. Consta da decisão do juiz: O direito de acesso à Instituiçao de Ensino Superior deve prevalecer em relação à previsão do artigo 44 da Lei Federal nº 9.394/96… (a Lei de Diretrizes e Bases da Educação). Primeiro: de onde saiu este direito ? Justamente em razão da lei, um dos requisitos para poder ingressar em uma IES é a conclusão do ensino médio. Não existe um direito ao ensino superior , exigível por todos, independentemente de sua qualificação. É curioso que os meios de comunicação frequentemente noticiam os casos de pessoas que ganham o direito de cursar universidades (sempre públicas, por certo) sem cumprirem todos os requisitos para tanto. Mas nunca se noticia se estas pessoas conseguem acompanhar os cursos que pleiteiam. Mais um perfeito exemplo da série danem-se minhas obrigações, eu quero o meu direito . http://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2014/02/aos-15-anos-jovem-consegue-liminar-para-cursar-veterinaria-na-ufac.html

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.esa.int/Our_Activities/Human_Spaceflight/Concordia/The_storm_before_the_calm

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Claro, não vou pretender conhecer todos os aspectos do caso… mas ao menos em tese, eu sem dúvida teria feito o mesmo. México, Índia, Brasil, não faz diferença — muitas vezes a mulher vítima é culpada só por ser mulher.

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Notícia de ontem: sobrecarga não aconteceu. http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/02/ministerio-nega-relacao-de-apagao-com-alta-do-consumo-de-energia.html Notícia de hoje: sobrecarga aconteceu. Alguém quer por favor dizer aos nossos altos funcionários que tapar o sol com a peneira não convence? Ou, como diziam nossos avós, a mentira tem pernas curtas. http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/02/regiao-sul-teve-recorde-de-carga-3min-antes-do-apagao-diz-ons.html

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

O Cesare Battisti, criminoso condenado por um regime democrático, pode ficar. Uma médica transformada em serva de um regime ditatorial não pode. Vai ser interessante se a Itália propuser trocar o Battisti pelo Pizzolato… http://g1.globo.com/politica/noticia/2014/02/cardozo-diz-que-medica-cubana-perde-visto-se-sair-do-mais-medicos.html

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

E já que eu estou dando uma olhada no site da Forbes, uma reportagem bem reveladora sobre os donos do Brasil. http://www.forbes.com/sites/andersonantunes/2014/01/23/the-20-companies-that-own-brazil/

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://www.forbes.com/sites/andersonantunes/2014/01/11/how-brazils-poorest-state-minted-one-of-the-countrys-richest-and-most-controversial-political-clans/

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Recebi por e-mail uma diatribe contra o Lula afirmando que a revista Forbes o teria incluído na lista de bilionários. Fui conferir, é claro, e constatei que não é este o caso. Ainda assim, vale a pena ler a reportagem da Forbes — e especialmente os comentários sobre as fortunas do Lulinha. http://www.forbes.com/sites/ricardogeromel/2013/08/23/is-lula-brazils-former-president-a-billionaire/

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

Tudo bem, mas quero ver ele pousar em uma moeda de um dólar e voltar troco.

continua...

2014-02-05

5 Feb 2014 | 1 min de leitura

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/04/juiz-reintegrado-apos-criticar-justica-em-sc--ele-tera-de-desencalhar-5000-acoes.htm

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

O que mais escandaliza na reação do PT e afins às condenações do mensalão é precisamente o deboche às instituições. O Estado tem várias áreas de atuação: para citar algumas, existem a área política, a área científica e a área jurídica. Não se pode pretender utilizar o discurso peculiar a uma destas áreas nas demais. Imagine-se um astrônomo que tentasse publicar um artigo sobre planetas, defendendo que Júpiter deveria ceder massa aos demais planetas do sistema solar em nome da isonomia e da democracia. O discurso político simplesmente não tem lugar na ciência. Da mesma maneira, o discurso político não tem lugar no tribunal. Na política pode haver debate e não se supõe que um ponto de vista deva prevalecer sobre outro. Espera-se o oposto da atuação do Judiciário. Se fosse lícito a qualquer um discordar das decisões judiciais, de que serviria um processo? E isso fica tanto pior quando quem discorda — veementemente, acintosamente — é uma autoridade da República. Estas autoridades certamente exigem respeito às instituições que corporificam, mas negam este respeito às outras com as quais não concordam. Isso não é democracia, e obviamente não é sequer digno de respeito, mas de execração. http://g1.globo.com/politica/mensalao/noticia/2014/02/psdb-pede-apuracao-sobre-suposta-quebra-de-decoro-em-gesto-de-vargas.html

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Curioso. Marco Aurélio Carvalho, do PT, declara que o ministro se precipitou, afirmando que qualquer tipo de declaração que não seja consequência da análise profunda de documentos é inoportuna e precoce . Sim. Esse é o mesmo pessoal que condena os ministros do STF por terem examinado detidamente o gigantesco processo do mensalão e ao mesmo tempo exige que eles condenem incontinenti os corruptos do mensalão mineiro? Por fim: pedir que o MP examine o caso não é julgar, e como o ministro Gilmar poderia realizar uma análise profunda de documentos que não lhe foram apresentados? http://g1.globo.com/politica/mensalao/noticia/2014/02/ministro-do-stf-defende-apuracao-de-doacoes-para-multas-no-mensalao.html

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Especialmente para minha querida tia e madrinha, @[100007120692761:2048:Amalia Soter], que corresponde 110% a esta lista! http://www.justrealmoms.com.br/as-10-atitudes-que-esperamos-das-madrinhas-escolhidas-para-nossos-filhos/

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Especialmente para @[1658067924:2048:Camila Picheth]. @[100002190485436:2048:Philippe Moro], @[100000568346211:2048:Yan Dias], @[1024511051:2048:Tiago Oliveira], @[100000857425197:2048:Bruno Abu Hanna] e @[1640420595:2048:Luis Olavo Dantas], só para ficar no grupo atual. :)

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Para o país em que autoridades só se consideram como tais quando usam terno e gravata. http://extra.globo.com/noticias/rio/proibido-de-usar-bermuda-funcionario-publico-vai-trabalhar-de-saia-11499221.html

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Naturalmente, a larga experiência do ministro Edison Lobão com o setor elétrico — oriunda, sem dúvida, de seu bacharelado em direito e de sua extensa carreira política desde os tempos da Arena — lhe empresta credenciais para saber do que está falando quando diz que o risco de falta de energia é zero. Hoje houve um apagão sério na região Sul e na região Sudeste. Em minha casa, a energia ficou desligada por 100 minutos aproximadamente. Aparentemente, ou a definição de zero ou a definição de falta de energia que o ministro e eu usamos está em descompasso. Mas o mais interessante é o texto no final da notícia. No ano passado o governo prometeu não elevar a conta de energia elétrica e, mesmo não cumprindo a promessa, segurou como pôde o aumento, pagando os custos mais elevados da energia e apostando que em 2014 as chuvas evitariam a repetição do problema. Como as chuvas não vieram, o problema está estourando de novo na cara do governo e desta vez a solução pretendida é apelar para o cartão de crédito — cobrar do povo, sim, mas parcelando o aumento em 5 anos. Certo. E no ano que vem? Ah, mas 2015 não é ano de eleição…

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Franklin Martins defende que órgãos de comunicação com baixa audiência recebam verbas públicas para poderem funcionar. Certo. E padarias? Também devem receber verbas públicas se tiverem pouco público? Ou floriculturas? Ou… (insira aqui qualquer outro empreendimento privado). É verdade que, se o governo socorre bancos e empreiteirar, por que não padarias?

continua...

2014-02-04

4 Feb 2014 | 1 min de leitura

Muito bom. http://www.sensacionalista.com.br/2013/04/26/trotes-violentos-e-seus-respectivos-cursos/

continua...

2014-02-03

3 Feb 2014 | 1 min de leitura

Priceless. http://www.dorktower.com/2014/02/03/every-reason-to-be-a-fan-something-ever-dork-tower-03-02-14/

continua...

2014-02-02

2 Feb 2014 | 1 min de leitura

Não entendo de economia (alguém entende?), mas uma coisa que não faz qualquer sentido para mim é a ideia de que a economia (no país e no mundo) tem que crescer todo ano. Acho que não existe qualquer sistema que funcione com crescimento contínuo.

continua...

2014-02-01

1 Feb 2014 | 1 min de leitura

Filhos, esses folgados…

continua...

2014-02-01

1 Feb 2014 | 2 min de leitura

Os estupros sucedem pela vestimenta das mulheres, por seu comportamento ou por estar em lugares inapropriados . Sim, mulheres também podem ser machistas,como esta política demonstra. Os defensores do relativismo cultural, segundo o qual toda manifestação cultural deve ser respeitada, e que frequentemente condenam o imperialismo cultural das grandes potências, usualmente se calam ante notícias como estas. O desrespeito e o menosprezo à mulher têm raízes fortes em sociedades como a indiana e a paquistanesa (e muitas outras, claro). Quando o Império Britânico mandava nestas terras, estes homens teriam sido enforcados por seus crimes. Lembro que o Império conseguiu, a duras penas, erradicar a prática (também cultural) do suttee (sati), pela qual uma viúva devia ser queimada viva junto com o corpo do falecido marido. Nas palavras do General Sir Charles James Napier: Assim seja. Queimar as viúvas é seu costume; preparem a fogueira fúnebre. Mas minha nação também tem um costume. Quando homens queimam mulheres vivas nós os enforcamos, e confiscamos toda a sua propriedade. Portanto, meus carpinteiros também vão preparar patíbulos nos quais enforcaremos todos os envolvidos quando a viúva for imolada. Vamos todos agir conforme nossos costumes nacionais. Diga-se de passagem: o Império Britânico, assim como outros impérios seus contemporâneos, raramente procurava impor seus padrões culturais aos povos que dominava — principalmente por razões pragmáticas, evitando com isso resistência destes povos.

continua...

2014-01-31

31 Jan 2014 | 1 min de leitura

Nenhuma surpresa, não é mesmo?

continua...

2014-01-31

31 Jan 2014 | 1 min de leitura

Há coisa de três semanas postei aqui no grupo algumas considerações sobre o problema que era um jogador violar as premissas de um jogo — especificamente, no caso do Diplomacia, a premissa que cada jogador tinha que buscar a sua vitória. Ora, ontem começou no BGG uma discussão muito boa sobre um tema análogo. A percepção de muitos dos participantes é a de que existe um conflito de expectativas. Alguns preferem abordar um jogo como uma tabula rasa e chegar a ele sem expectativas e sem planos preconcebidos. Outros empregam (consciente ou inconscientemente) o metajogo, ainda que contrariando as premissas do jogo escolhido. Este é um problema difícil. Creio que a melhor solução seja jogar com pessoas que compartilhem a mesma abordagem. Não é o caso de dizer que uma seja preferível a outra; o choque entre elas é que é o problema. http://www.boardgamegeek.com/thread/1113722/catharsis

continua...

2014-01-31

31 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.dorktower.com/2014/01/29/edition-bores-dork-tower-29-01-14/

continua...

2014-01-31

31 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.dorktower.com/2014/01/27/dungeon-draggin-dork-tower-27-01-14/

continua...

2014-01-27

27 Jan 2014 | 1 min de leitura

Armas de raios. Quem diria. http://www.army.mil/article/116793/Army_tests_vehicle_mounted_laser_against_multiple_targets/

continua...

2014-01-26

26 Jan 2014 | 1 min de leitura

Dispensa comentários.

continua...

2014-01-26

26 Jan 2014 | 1 min de leitura

Não conheço o desenrolar da trama da personagem. Mas as informações sobre o autismo são pertinentes.

continua...

2014-01-26

26 Jan 2014 | 3 min de leitura

Minha querida filha Thalia Duarte convidou-me a fazer parte de uma brincadeira que consiste em fazer uma lista com os 10 livros (ficção ou não-ficção) que tenham me marcado. A ideia não é gastar muito tempo, nem pensar muito. Não precisam ser grandes obras, apenas que tenham sido importantes pra mim. Depois, eu tenho que marcar 10 amigos que eu ache que vão gostar da brincadeira, pedindo-lhes que me incluam quando fizerem suas listas para que eu possa vê-las e conferir boas dicas. Asterix e o Caldeirão (Goscinny e Uderzo). Foi o primeiro álbum de Asterix que eu li, aí pelos 7 anos, e eu fiquei fascinado ao descobrir que os quadrinhos poderiam ser usados para contar histórias mais ricas do que as histórias de poucas páginas que se encontravam nas revistinhas de então. Sandman (Neil Gaiman). Para continuar nos quadrinhos. Já li muitas excelentes HQs, mas esta é uma obra-prima. Conhecê-la é uma necessidade para qualquer interessado em literatura de boa qualidade, seja em HQs ou não. Vinte Mil Léguas Submarinas (Júlio Verne). Verne foi o escritor que me abriu as portas do mundo da Ficção Científica, um gênero que me traz fascinação infindável.

continua...

2014-01-25

25 Jan 2014 | 1 min de leitura

Uma análise do papel da FAB na estratégia do Estado brasileiro. https://medium.com/war-is-boring/9eea17dedf55

continua...

2014-01-25

25 Jan 2014 | 1 min de leitura

Como sempre, a retórica é uma e a prática é outra. http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2014-01-23/senado-ignora-pedido-de-explicacoes-do-ministerio-publico-sobre-comissionados.html

continua...

2014-01-25

25 Jan 2014 | 1 min de leitura

Para o nosso querido General Bigode Elétrico.

continua...

2014-01-24

24 Jan 2014 | 1 min de leitura

Preparando a nossa próxima partida de CNA.

continua...

2014-01-24

24 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://xkcd.com/1321/

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

Muito, muito bom. Texto em inglês (garimpado pelo meu filho @[100003820468005:2048:Arthur Colombo Duarte]) explicando porque não é uma boa ideia vir para a Copa. Divulguem para seus amigos aqui e no exterior. http://imgur.com/a/8pAeh

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

Três séculos desta ferrenha repressão deixaram sequelas: o Brasil é destaque mundial em casos de abuso sexual, gravidez de adolescentes, altíssimos índices de contaminação pela Aids por relações sexuais, crimes homofóbicos. http://www.revistadehistoria.com.br/secao/capa/proibido-ter-prazer

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

Desde o fim do regime militar, as Forças Armadas estão em baixa. Muita gente parece achar que todo militar é perigoso, um ditador em potencial. Os salários são muito baixos e o respeito é nenhum. É de surpreender que a carreira militar atraia cada vez menos? http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/forcas-armadas-mais-250-oficiais-pediram-demissao-em-2013-e-e-preocupante-a-saida-de-engenheiros/

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.iwm.org.uk/history/15-photos-of-first-world-war-london

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

Obrigado, sr. Agra.

continua...

2014-01-23

23 Jan 2014 | 1 min de leitura

Esta é a luta que nunca acaba. Mas é a luta que vale a pena… to reach the unreachable star.

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

Certo, não li nem ouvi o discurso, apenas li o relato jornalístico… mas fica a impressão que o embaixador Eduardo dos Santos estava mais preocupado em insinuar que tudo se resolveria se ao menos o Conselho de Segurança da ONU fosse reformado — que é a quimera que a diplomacia brasileira voltou a perseguir, sonhando com a inclusão do país no clube das grandes potências. De qualquer maneira, a única das medidas propostas pelo representante do Brasil para o fim da guerra civil na Síria — o embargo de armas aos combatentes — realça a visão da diplomacia mundial: o que conta não é atender a qualquer princípio, e sim acabar com uma guerra que causa problemas para outros. Como os sírios vão se entender é irrelevante, desde que não façam marola. E é claro que não cabe ao povo sírio se manifestar, mesmo pela força das armas. http://g1.globo.com/mundo/siria/noticia/2014/01/inercia-do-conselho-de-seguranca-impediu-solucao-para-siria-diz-brasil.html

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

Parece que ninguém mais assume a responsabilidade por seus atos. E isto não é privilégio do governo — embora ver o poder público fazer isso seja mais doloroso do que ver o mesmo na esfera privada. http://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2014/01/oleo-que-atingiu-lago-paranoa-vazou-do-palacio-do-planalto-diz-secretaria.html

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

Um artigo escrito por Eleanor Roosevelt a respeito de Sir Winston Churchill, e publicado em 1965. http://www.theatlantic.com/magazine/archive/1965/03/churchill-at-the-white-house/305459/?single_page=true

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

Os Gurkhas são considerados uma força de elite no Exército Britânico… mas somente enquanto estão na ativa. Quando vão para a reserva, são soldados de terceira classe. Parece que o racismo vitoriano continua bem vivo. A notícia é de 2010, mas os Gurkhas ainda não conseguiram vitória neste campo de batalha. Atualmente, uma comissão de inquérito está avaliando o caso. http://www.bbc.co.uk/news/uk-10782099

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 3 min de leitura

Muito curiosa a análise do jornalista Carlos Tautz. A Portaria Normativa 3.461/MD, de 19 de dezembro de 2013, que aprova o documento Garantia da Lei e da Ordem - MD33-M-10 realmente leva a assinatura do Ministro da Defesa, como aliás seria de se esperar. Mas é pouco provável que o documento tenha sido escrito por ele. O mais provável é que tenha sido escrito por militares, quase certamente oficiais superiores ou mesmo oficiais generais. E, considerando esta hipótese, cabem algumas considerações. Primeiro, há que se notar que a fundamentação legal para a atuação das Forças Armadas em nosso ordenamento jurídico é a Constituição, em seu art. 142. É lá que se encontra, com todas as letras, a missão das Forças Armadas: destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem. A determinação constitucional foi regulamentada na Lei Complementar nº 97, de 1999 (promulgada por Fernando Henrique Cardoso), que por sua vez foi amplamente modificada pelas Leis Complementares 117, de 2004 e 136, de 2010 (ambas do governo Lula). Mais ainda. O art. 15, § 2º da LCP97 determina que o emprego das Forças Armadas na garantia da Lei e da Ordem depende unicamente de decisão do Presidente da República, mesmo quando provocado por outros poderes.

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

The idea that a 53 year data set is proof of something regarding a planet that is 4.54 billion years is the opposite of science. It’s junk science. A afirmação é tão sem sentido que chega a dar um nó no meu cérebro. Mas foi um comentário feito por um leitor da postagem abaixo.

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

O ponto-chave da história é o seguinte: mais uma vez o governo ( instituição financeira ligada ao governo do Estado ) pagou a conta com o nosso dinheiro. http://blogdoperrone.blogosfera.uol.com.br/2014/01/cotas-pagas-pela-globo-e-gelo-em-cartola-mantem-curitiba-viva-na-copa/

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/2014/01/1395945-assista-a-dez-anos-de-friends-em-quatro-quadrinhos.shtml

continua...

2014-01-22

22 Jan 2014 | 1 min de leitura

Lembro do Jaguar: Não dá para fazer humor a favor. http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2014/01/1400954-feliciano-quer-indenizacao-de-r-1-mi-do-porta-dos-fundos-por-video-de-natal.shtml

continua...

2014-01-21

21 Jan 2014 | 1 min de leitura

Lembra das mensagens que você recebia do cara de Brasília ?

continua...

2014-01-21

21 Jan 2014 | 1 min de leitura

Eu já tinha lido relatos das atividades de Raoul Wallenberg contra o Holocausto. Mas ainda desconhecia a história dos momentos finais de sua vida. Mais uma vida ceifada pelo regime soviético, tão ou mais assassino que o nazista. http://ww2db.com/person_bio.php?person_id=643

continua...

2014-01-21

21 Jan 2014 | 1 min de leitura

Eu já tinha visto a notícia antes (creio que na Folha de São Paulo). Mas certas coisas têm que ser sempre relembradas. http://www.bbc.co.uk/news/magazine-25815796

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Uma discussão bastante relevante para tempos em que a mediocridade é alçada à condição de virtude.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Sim, a sociedade brasileira é racista. Não é possível comparar os índices de desenvolvimento humano de brancos e negros em nosso país e discordar desta afirmação. Mas o que eu não aceito é o transplante de atitudes que não têm fundamento na nossa realidade. Felizmente, em nosso país nós nunca descemos à barbárie semi-institucional que caracterizou o racismo nos EUA, ou à barbárie institucional do racismo de Estado na África do Sul. Estes desafios da humanidade foram vencidos com a ajuda de grandes nomes — Gandhi, King, Mandela — e com o trabalho e o sofrimento de incontáveis anônimos. O que vemos no Brasil é a tentativa de trazer soluções de outros países para problemas que existiram nestes países, mas não em nosso. O resultado disso, paradoxalmente, é exacerbar o racismo. O que resta subjacente a estes movimentos — muitos deles patrocinados pelo Estado — é a noção de que o racismo contra os negros (ou índios, ou o que quer que seja) é condenável, mas o racismo contra os brancos é elogiável e desejável. Esta posição é logica e legalmente insustentável.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Outro maestro se vai. Pode não ter tido a projeção internacional de Claudio Abbado, mas sua influência sobre gerações de músicos foi muito relevante. Descanse em paz, maestro.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Esse trabalho nos conecta com nosso passado. É como uma âncora que nos ajuda a ficar no lugar certo durante uma tempestade . Mais marcas duradouras da guerra. O que mais impressiona é saber que o governo soviético, tão empenhado em difundir o papel decisivo da URSS na Grande Guerra Patriótica, ignorava a situação dos dependentes dos soldados caídos em ação. Imagino que este descaso era devido a uma ótica perversa: os relatos que eu já vi da Grande Guerra sob a ótica da URSS (alguns foram publicados em português) realçam o papel do Estado soviético, não das pessoas que o compunham — como se este Estado fosse algo dissociado dessas pessoas. Garimpado pelo meu confrade @[100002599117187:2048:Rafael Weibel]. http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2014/01/19/voluntarios-russos-escavam-em-busca-de-corpos-desaparecidos-na-2-guerra.htm

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Choque de culturas.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Faleceu, aos 80 anos, Claudio Abbado, um dos grandes regentes da música erudita. Descanse em paz, maestro. http://bravonline.abril.com.br/materia/claudio-abbado-depois-tempestade

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 2 min de leitura

Caros colegas do Sindilegis: Acabo de receber uma mensagem de e-mail do sindicato, informando que durante a conversa, o diretor do Departamento da PGU/AGU, que cuida do caso, informou que é necessária a confirmação dos valores devidos pelos servidores relacionados à Seguridade Social (PSS), em especial dos aposentados da Casa, para que não haja erros ou retenções indevidas no recebimento dos passivos da URV. O vice-presidente do Sindilegis, então, solicitou que a instituição dê celeridade ao processo e recebeu da autoridade o compromisso de agilizar a questão. Fica a questão. QUEM tem que confirmar estes valores? Certamente não são os funcionários, credores de uma Administração que ignora os direitos claros deles. Causa espécie que, nesta altura dos acontecimentos, e após tantos anos, ainda haja valores em discussão. Mais uma vez são necessárias informações que deveriam estar disponíveis facilmente — pois a folha de pagamento do Senado não está informatizada há décadas? Para que servem os computadores? Espanto-me ainda que o representante do Sindilegis tenha pedido à autoridade que agilizasse a questão — porque certamente não cabe ao diretor da PGU/AGU realizar estes cálculos, mas tão-somente encaminhar o pedido para que o órgão competente os realize. Sim, não há dúvida que o Sindilegis tem que ficar em cima da AGU para que eles não levem o caso com a morosidade que o tem caracterizado — mas o sindicato não pode achar que só com isso cumpriu o seu papel e pode ficar à espera dos resultados.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 2 min de leitura

Nevertheless, the Pentagon prefers to stress the defensive nature of the exercises aimed at blunting a North Korean provocation. But if Balance Knife is any indication, its not entirely defensive. Cabe a pergunta: se o exercício era secreto, porque está sendo divulgado e comentado até mesmo por um órgão do Exército dos EUA? Uma resposta possível: trata-se de uma peça de propaganda (não estou com isso implicando que seja falsa) dirigida aos serviços de informação da Coreia do Norte, para mostrar que os EUA e a Coreia do Sul estão prontos para levar a guerra até as últimas consequências. Outra resposta, que não conflita com a anterior: a mesma peça de propaganda se destina a conquistar corações e mentes dentro dos EUA, para mostrar que as forças armadas estão se preparando como devem. E mais outra: também serve para elevar o moral da tropa, tanto a que está na Coreia quanto a que está em suas bases nos EUA. E, paralelamente, mostrar a recrutas em potencial que eles podem participar de ações emocionantes quando vestirem o uniforme. Claro que nada disso conflita com a razão ostensiva para a publicação do artigo original, que é o estudo das lições do exercício realizado.

continua...

2014-01-20

20 Jan 2014 | 1 min de leitura

Military planners for the U.S. Army have decided not to ship back more than $7 billion of equipment about 20 percent of what the Army brought into Afghanistan because the shipping costs are too high and the need for the used equipment too low. Tenho certeza que muitos contribuintes americanos estão se perguntando por que raios os EUA foram para o Afeganistão e o que conseguiram lá. A resposta à segunda pergunta parece ser quase nada . E o custo? Mas isso não é de surpreender em um país que transformou o desperdício em uma verdadeira arte. http://www.npr.org/blogs/thetwo-way/2013/06/20/193978665/u-s-army-to-scrap-7-billion-in-equipment-in-afghanistan

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Que tal isto, @[100001370042195:2048:Gabriel Silva]?

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Há muito tempo não ouço rádio. Posso estar enganado, mas lembrando das reportagens sobre o domínio do jabaculê nas rádio comerciais permito-me pensar que isso não mudou e que as gravadoras continuam fabricando seus sucessos conforme a sua conveniência. Isto posto, é inegável que a lista parece representar o gosto majoritário do público. E o resultado não é surpreendente. Primeiro, porque música refinada — de Mozart a Pink Floyd — é, por definição, apreciada por poucos. Quem gosta de música assim continua a gostar, e não depende de rádios para apreciar estes gêneros. Segundo, porque — em que pese a continuada miséria de muitos brasileiros — é inegável que as últimas décadas viram melhorar a qualidade de vida de muita gente antes despossuída. Ora, se estas pessoas agora podem desfrutar de um padrão de vida um pouco melhor — e isso inclui o consumo de cultura — é claro que elas vão continuar seguindo os seus gostos, e não adquirir magicamente os gostos da elite cultural . Mas, como diz o autor do artigo aqui replicado, felizmente quem não gosta dos gêneros populares pode tranquilamente se refugiar no sem-número de opções que a tecnologia moderna nos oferece.

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Certo. Levanta a mão quem ficou surpreso com a denúncia de que os gastos com a Copa foram encampados pelo contribuinte brasileiro. http://esportes.br.msn.com/futebol/copa2014/noticias/jornal-comit%C3%AA-da-fifa-repassa-gastos-de-rdollar-870-mi-da-copa-a-governos

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Hoje em dia não interessam os fatos, mas as versões. Na versão de Roseana Sarney o Maranhão é um estado rico, na versão de seu pai ele representa galhardamente o Amapá no Congresso. Parece que foi Nelson Rodrigues quem disse, mas é adequado: Se os fatos são contra mim, pior para os fatos. http://oglobo.globo.com/pais/sarney-um-senador-do-amapa-que-quase-nunca-visto-por-la-11344050

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

As principais vertentes tanto do Islam quanto do Cristianismo pregam o respeito mútuo. O lamentável é que os extremistas de ambos os lados recebem a maior parte das atenções.

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Muitas feministas acusam os homens de serem falocêntricos. Pode ser, não sei. Mas junte aos que o são a permissividade e a ilusão de anonimato que permeiam a Internet, e o resultado é detestável. http://cantadaderua.com.br/onde-aprenderam-que-mulher-gosta-de-ver-pinto-1017/

continua...

2014-01-19

19 Jan 2014 | 1 min de leitura

Ok… não sou especialista em finanças (não entendo nem as minhas), então pode tranquilamente haver aí alguma coisa que me escapa. Mas que a história está mal contada, está. http://estadao.br.msn.com/ultimas-noticias/sp-repatria-15percent-do-dinheiro-de-jersey

continua...

2014-01-17

17 Jan 2014 | 1 min de leitura

Morte de um homem honrado. http://www.nytimes.com/2014/01/18/world/asia/hiroo-onoda-imperial-japanese-army-officer-dies-at-91.html?_r=1

continua...

2014-01-16

16 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://tapastic.com/episode/27997

continua...

2014-01-16

16 Jan 2014 | 1 min de leitura

Continuando a respeito da guerra nuclear… Weve steadily out-waited Armageddon for almost three generations. Theres no guarantee that the Bomb wont fall in our lifetimes or even in the next hour. The proliferation of ideas and technology, the geopolitical realities that states factor into their strategies, all point to a nuclear-armed future for some time to come. https://medium.com/war-is-boring/1f4fb063d7ef

continua...

2014-01-16

16 Jan 2014 | 1 min de leitura

Como mencionei ontem, mesmo quando as guerras acabam formalmente suas marcas continuam por muito tempo. Ultimately, Dayton has institutionalized a class of oligarchic, kleptocratic politicians who stovepipe ethnic suspicions in order to keep a dispossessed population passive. https://medium.com/war-is-boring/46b93d583435

continua...

2014-01-16

16 Jan 2014 | 1 min de leitura

@[100000108848676:2048:Adelaide Silva], um presente para o aniversário da Lalaith. http://www.huffingtonpost.com/2014/01/14/cat-battle-armor_n_4596792.html?ref=topbar

continua...

2014-01-16

16 Jan 2014 | 1 min de leitura

Tactical shooters have largely devolved into AAA console titles smoothing out the difficulty and intricacy that once made them special. (Nota: jogos AAA são jogos digitais desenvolvidos para plataformas populares e com grande orçamento, especialmente de propaganda). Há tempos não acompanho o mercado de jogos digitais, mas tenho visto já várias vezes comentários desairosos sobre os jogos mais recentes. Aparentemente a indústria de jogos digitais está cada vez mais preocupada em repetir fórmulas de sucesso do que criar jogos inovadores, ao contrário do que aconteceu nas décadas de 1980 e 1990. Isso passa também por simplificar ( dumb-down ) as mecânicas e narrativas dos jogos, para torna-los mais acessíveis ao grande público. É um movimento semelhante ao de outro grande ramo da indústria de entretenimento, o cinema. E, assim como no cinema, o que resta de inovação é produzido pelo pessoal independente . Já tive oportunidade de defender em outros lugares o papel importante que os modernos jogos de tabuleiro podem desempenhar para a renovação dos jogos digitais. Mas, como os próprios jogos de tabuleiro são (e sempre devem ser) majoritariamente um mercado de nicho, não creio que seus efeitos se façam sentir na grande indústria digital. @[1787462330:2048:Guilherme Zaffari], quer comentar?

continua...

2014-01-15

15 Jan 2014 | 1 min de leitura

Este artigo não é a análise original, mas é a continuação de uma discussão bastante relevante para os que pensam a estratégia. Ela procura responder à questão: é necessário ter uma Força Aérea separada das outras duas forças (Exército e Marinha)? As teorias estratégicas que historicamente embasaram a criação das forças aéreas no mundo remontam a entusiastas da aviação no início do século XX, como Douhet, Mitchell e Wever. Mas estruturas burocráticas tendem a encontrar razões para se perpetuar e crescer, como já foi apontado por Parkinson. Talvez seja a hora de repensar as formas de exercer o poder aéreo, à luz das necessidades presentes — pois preparar-se para lutar guerras do passado é um caminho rápido para problemas. https://medium.com/war-is-boring/1a7733c66b52

continua...

2014-01-15

15 Jan 2014 | 1 min de leitura

Quando eu era jovem o mundo vivia com medo de uma guerra nuclear. Os documentos citados neste artigo mostram que o medo não era infundado. https://medium.com/war-is-boring/1ecd1db17ff2

continua...

2014-01-14

14 Jan 2014 | 1 min de leitura

Guerras deixam suas marcas por muitos anos. A Europa sabe muito bem disso. http://www.telegraph.co.uk/history/world-war-one/10562017/Melting-glaciers-in-northern-Italy-reveal-corpses-of-WW1-soldiers.html

continua...

2014-01-14

14 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.makeuseof.com/tag/choose-your-side-are-you-a-geek-or-a-nerd/

continua...

2014-01-14

14 Jan 2014 | 1 min de leitura

You wanted to join – why should we change for you? Read more: http://www.cracked.com/article_20701_5-shockingly-outdated-problems-women-in-military-face.html

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Que tal um desses, Gabriel?

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

E segue a dança. http://oglobo.globo.com/pais/roseana-sarney-ja-gastou-274-milhoes-com-empresas-de-aliados-11276491

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Jogos de tabuleiro, como qualquer ferramenta, podem ser usados de maneira correta ou incorreta. Mas o autor deste texto mostra os benefícios do bom uso deles.

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Mães, se eles estiverem com fome, alimentem seus filhos, sem pensar duas vezes. Porque eles são as pessoas mais importantes aqui. Sempre achei inaceitáveis restrições à amamentação. O ato de aleitar não tem nada de obsceno e é uma grande prova de amor. O papa está de parabéns. http://g1.globo.com/mundo/noticia/2014/01/papa-francisco-pede-que-maes-alimentem-bebes-na-capela-sistina.html

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 3 min de leitura

Ao tempo em que eu crescia em Brasília, era comum ver qualquer talento local — em música, em literatura, em qualquer atividade — ser alardeado como alguém de expressão nacional, quando não internacional, por mais medíocre que fosse. Eu sempre atribuí este comportamento a dois fatos: primeiro, a expectativa criada por ser alguém cujo talento se manifestava na capital da República; e, segundo, pela história ainda muito recente de Brasília e pela busca de uma identidade própria. Mas isso caiu em desuso por lá. O curioso é que, desde que vim para Curitiba, tenho notado marcas deste mesmo comportamento por aqui. A impressão que fica é a de que Curitiba — ou ao menos alguns curitibanos — querem desesperadamente mostrar que a cidade é a flor do Brasil. Caso em tela: o movimento das Diretas Já em 1983-1984. O G1 publica notícia (abaixo) que afirma O comício de 1984, em Curitiba, é considerado um marco da luta pela redemocratização do país. De 40 mil a 60 mil pessoas se reuniram na Boca Maldita, com a presença de representantes e lideranças dos movimentos sindical e social e de autoridades políticas como Ulisses Guimarães, Tancredo Neves, o ex-governador do Parana José Richa e ex-prefeito de Curitiba Maurício Fruet.

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Hoje é o aniversário de minha querida filha Thalia Duarte. A distância física que hoje nos separa não reduz nem o amor nem o orgulho que eu sinto por ela. Thalia, embora jovem, é aquela combinação preciosa de sensibilidade e inteligência que dá origem ao melhor de nossa espécie. Minha filha, é um grande prazer para mim acompanhar seus passos. Um beijão.

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 2 min de leitura

Meu caro amigo @[100000542721723:2048:Vadim Arsky] — que tem mais credenciais como músico e professor universitário do que eu tenho como jogador — postou uma mensagem deplorando a situação de seus colegas da UFMA, referida no link abaixo. A situação enfrentada pelo curso de Música da UFMA já é ruim o bastante, e permite imaginar que esta bobagem se propague. Mas isso fica pior à luz de um comentário colocado na mensagem original, de um ex-aluno do curso de Música da UnB, e que se refere aos exames de habilidade específica — para Música e outros cursos — como uma violação da isonomia que deve se aplicar a todos os candidatos a um curso superior. Ora, este argumento cai por terra quando se verifica que não existe semelhante isonomia. Afinal, para começar somente quem pode pretender cursar uma universidade é quem já cursou com aproveitamento a educação secundária. Se o acesso à educação superior fosse isonômico (na acepção do termo aparentemente usada pelo autor do comentário), qualquer pessoa — mesmo um analfabeto — teria direito de ingressar na universidade. Não é assim. Mais: como outros comentaram, o curso universitário de Música é um curso superior — não um curso de iniciação musical.

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Na esteira dos meus comentários anteriores sobre a preocupação da Administração em agir conforme as crenças religiosas, chega esta notícia. Gostaria de saber se alguém tem argumentos para defender a posição dos alunos — e as de seus pais e pastores, que segundo a reportagem os incentivaram nesta decisão. http://acritica.uol.com.br/noticias/Amazonas-Manaus-Cotidiano-Polemica-alunos-professores-trabalho-escolar-afro-brasileiro-evangelicos-satanismo-homossexualismo-espiritismo_0_808119201.html

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Trotes agressivos. http://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/2014/01/imagens-mostram-trote-de-vestibular-com-brincadeiras-agressivas-no-pr.html

continua...

2014-01-12

12 Jan 2014 | 1 min de leitura

Garimpado por um amigo do meu caro confrade @[100002599117187:2048:Rafael Weibel]. Já teci considerações sobre a falácia que é querer aplicar as premissas da democracia, um sistema político, a aspectos da vida que não são políticos. Da mesma maneira, é outra falácia muito comum o aplicar das premissas do mercado a todas as áreas da atividade humana. O autor do artigo, corretamente, mostra os resultados extremos desta falácia. http://www.cartacapital.com.br/blogs/outras-palavras/201cestado-ineficiente201d-mito-mediocre-1246.html

continua...

2014-01-11

11 Jan 2014 | 1 min de leitura

Garimpado pelo meu filho @[100003820468005:2048:Arthur Colombo Duarte]. http://www.cracked.com/article_20775_7-horrifying-things-you-didnt-want-to-know-about-prison.html

continua...

2014-01-11

11 Jan 2014 | 1 min de leitura

Uma boa reflexão sobre os protestos do ano passado e a tentaiva de vários setores da política tradicional de encamparem a força das ruas. revistaforum.com.br/blogdorovai/2014/01/08/uma-outra-leitura-do-nao-vai-ter-copa-e-a-disputa-historica-das-jornadas-de-junho/

continua...

2014-01-11

11 Jan 2014 | 1 min de leitura

Ora, que notável. Apesar dos pedidos de ajuda e de providências a outras esferas de Federação, a administração do Maranhão não quer permitir que os membros do legislativo estadual possam realizar o seu trabalho. http://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/2014/01/deputados-vao-pedrinhas-mas-nao-conseguem-entrar-em-presidios.html

continua...

2014-01-11

11 Jan 2014 | 1 min de leitura

Já vi muitas pessoas agindo assim. Mas na verdade não deixa de ser um reflexo da atitude tão comum em nossos dias de jogar para outros a nossa responsabilidade.

continua...

2014-01-11

11 Jan 2014 | 1 min de leitura

Quer saber um pouco mais sobre o que está por trás de alguns dos wargames mais bem considerados do momento? http://www.washingtonpost.com/lifestyle/magazine/in-the-world-of-role-playing-war-games-volko-ruhnke-has-become-a-hero/2014/01/10/a56ac8d6-48be-11e3-bf0c-cebf37c6f484_story.html

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

If this guy is more interested in nubile beauties than gaming, he can’t be much of a gamer. I mean, I like women as much as the next guy, but come on. This is about priorities! Comentário do usuário Helmut Hohberger em uma thread no BGG. http://www.boardgamegeek.com/thread/1101596/confessions-of-a-grognard

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

A propósito de meu comentário recente sobre a homeopatia, um artigo de 2007. Garimpado pelo meu amigo @[100001538313482:2048:Udo Elimar Neumann Junior].

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Hoje foi postada uma geeklist muito interessante no BGG (link abaixo). Achei especialmente interessante devido aos comentários logo no primeiro item; eu concordo com o usuário Darrell Hanning, o espaço de decisões disponível em um jogo é um ponto de design crucial para ele. Não concordo com a premissa da geeklist, mas o seu criador (Butsudoka) e os comentadores criaram uma discussão muito rica. http://www.boardgamegeek.com/geeklist/167288/why-abstract-games-are-superior-to-all-other-games

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Para os amigos de Brasília… por favor, ajudem a achar a gatinha da minha amiga Lourdes.

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Meu filho @[100003820468005:2048:Arthur Colombo Duarte] apontou o caminho para as páginas de um novo partido em gestação (o Partido Novo ). Acho correta a posição dos fundadores do partido — em nossos sistema, este é o caminho. Mas não posso evitar a pulga atrás da orelha. Anos atrás, quando eu me filiei ao PV em Brasília, quando este partido ainda era bem nanico, lembro que tínhamos dificuldade para conseguirmos as coisas mais simples, por falta de recursos. Ora, o Novo apresenta páginas na Internet bem montadas, com uma programação visual consistente e um domínio próprio. Além disso, a ficha de apoio à formação do partido é um documento com porte pré-pago, o que só pode acontecer mediante contrato firmado com os Correios. Causa estranheza, ademais, o fato que o domínio novo.org.br não está registrado (conforme dados do Whois) em nome do partido, mas sim em nome de Fábio Luiz Ribeiro, identificado nas páginas do protopartido como Vice-Presidente e Secretário Nacional de Assuntos Institucionais e Legais . Fica a pergunta: de onde vêm os recursos para isso tudo? http://www.novo.org.br

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

A ideia de que a ficção científica é profética em relação à ciência e ao desenvolvimento [é uma] noção contestada por escritores e estudiosos do gênero . De fato. A FC não pretende ser uma profecia do que será o futuro, mas a melhor FC mostra as consequências humanas da tecnologia e da ciência. Muita gente, acostumada com o que o cinema e a TV americanos chamam ficção científica, torce o nariz para 2001: Uma Odisseia no Espaço ou Battlestar Galactica — mas o que atrai em produções como estas é justamente o fato de irem além do corriqueiro e mostrarem muito mais do que uma pistola de raios ou uma nave espacial. http://cienciahoje.uol.com.br/revista-ch/2011/279/a-ciencia-como-inspiracao

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/natureza/noticia/2014/01/zoo-no-canada-grava-filhote-de-urso-polar-dando-seus-primeiros-passos.html

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

A importância dos botões, ou, como um hobby pode ir longe demais. http://blogs.telegraph.co.uk/news/dickdelingpole/100206294/re-enacting-napoleon-the-crucial-importance-of-buttons/

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 3 min de leitura

Eu e meus amigos da Confraria Lúdica começamos nossa longa amizade em torno a mesas de 1914 - O Jogo da Diplomacia. Para quem não conhece, é um jogo inspirado na situação geopolítica da Europa às vésperas da Grande Guerra. Cada jogador representa uma das nações beligerantes do início do século passado e seu objetivo é dominar a Europa. O Diplomacia é um jogo no qual alianças e traições são o básico, e são explicitamente permitidas pelas regras. Contudo, um de nossos confrades sempre jogava Diplomacia disposto a não trair uma aliança, ainda que a traição lhe fosse mais benéfica que a aliança. Essencialmente, ele não se incomodava que o seu aliado vencesse, desde que a aliança não fosse rompida. Isso sempre me incomodou e tivemos discussões épicas sobre o assunto. Ler o artigo abaixo lembrou-me desta situação e decidi reabrir o tópico. O que caracteriza qualquer jogo é a existência do círculo mágico circunscrito pelas regras do jogo. Este círculo mágico é uma área cuidadosamente delimitada, dentro da qual as regras do jogo se aplicam e, talvez ainda mais importante, as regras do mundo real não se aplicam. A par desta característica, é necessário ter em mente que as regras do jogo definem completamente as atividades que podem ser realizadas.

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 3 min de leitura

Eu e meus amigos da Confraria Lúdica começamos nossa longa amizade em torno a mesas de 1914 - O Jogo da Diplomacia. Para quem não conhece, é um jogo inspirado na situação geopolítica da Europa às vésperas da Grande Guerra. Cada jogador representa uma das nações beligerantes do início do século passado e seu objetivo é dominar a Europa. O Diplomacia é um jogo no qual alianças e traições são o básico, e são explicitamente permitidas pelas regras. Contudo, um de nossos confrades sempre jogava Diplomacia disposto a não trair uma aliança, ainda que a traição lhe fosse mais benéfica que a aliança. Essencialmente, ele não se incomodava que o seu aliado vencesse, desde que a aliança não fosse rompida. Isso sempre me incomodou e tivemos discussões épicas sobre o assunto. Ler o artigo abaixo lembrou-me desta situação e decidi reabrir o tópico. O que caracteriza qualquer jogo é a existência do círculo mágico circunscrito pelas regras do jogo. Este círculo mágico é uma área cuidadosamente delimitada, dentro da qual as regras do jogo se aplicam e, talvez ainda mais importante, as regras do mundo real não se aplicam. A par desta característica, é necessário ter em mente que as regras do jogo definem completamente as atividades que podem ser realizadas.

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Confissões de um grognard. http://blogs.telegraph.co.uk/news/danhodges/100253892/confessions-of-a-grognard-why-i-am-an-unashamed-board-game-geek/

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.bbc.co.uk/portuguese/videos_e_fotos/2014/01/140110_galeria_horadourada_dg.shtml

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 2 min de leitura

No dia 26 de outubro de 2013 postei uma mensagem condenando a concessão feita aos chamados sabatistas , de realizarem a prova do ENEM em horário condizente com suas crenças religiosas. Na ocasião, alguns que comentaram o meu texto disseram que o Estado deve respeitar as diferenças individuais. Notem a situação análoga aqui. Em particular, o texto afirma que to grant a religious accommodation, the university must decide the beliefs are sincere . Ou seja, deve-se aceitar prima facie o argumento de que, se eu acredito sinceramente em alguma coisa, isso deve ser respeitado. Admita-se, por hipótese, que seja possível às autoridades administrativas averiguar se a crença é sincera (e não faço ideia de como fazê-lo). Cito algumas crenças religiosas atuais e históricas: A viúva deve ser queimada viva junto com o corpo de seu falecido marido. A teoria da evolução é falsa e o criacionismo é verdadeiro. Mulheres são perniciosas. Deve-se comer o cérebro de inimigos para adquirir as suas virtudes. Gays são perniciosos. Não se pode fazer qualquer atividade durante as horas do dia do sábado. Eu poderia me estender. Notem que, recentemente, o deputado Feliciano foi duramente criticado por defender públicamente (5).

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Há poucos dias mencionei uma frase do Stanislaw Ponte Preta, que dizia que para besteira e financiamento do Banco do Brasil sempre se dá um jeito. Nossos irmãos do norte continuam tentando ganhar do Brasil no quesito besteirol. Mas devo dizer que fiquei intrigado com a referência à Igreja do Monstro do Espaguete Voador… http://www.huffingtonpost.com/2014/01/06/satanic-temple-statue_n_4551499.html

continua...

2014-01-10

10 Jan 2014 | 1 min de leitura

Preocupante, e nada surpreendente. Garimpado pela @[100003379512395:2048:Josi Lopes]. http://infraestruturaurbana.pini.com.br/solucoes-tecnicas/leis-normas/artigo304156-1.aspx?fb_action_ids=457326064390040&fb_action_types=og.recommends&fb_source=other_multiline&action_object_map=%5B1395386030712860%5D&action_type_map=%5B%22og.recommends%22%5D&action_ref_map=%5B%5D

continua...

2014-01-09

9 Jan 2014 | 1 min de leitura

Comentários de observadores internacionais sobre a capacidade de projeção de força da Marinha do Brasil com o São Paulo (no fim do artigo). Curioso ver que quatro dos BRICS estão, por assim dizer, no mesmo barco. https://medium.com/war-is-boring/f3f52d299588

continua...

2014-01-09

9 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://www.pleated-jeans.com/2011/01/12/the-angry-travelers-guide-to-obscene-gestures/

continua...

2014-01-09

9 Jan 2014 | 1 min de leitura

Vale a oena ver as fotos (não clique no clique aqui , vá vendo as imagens mais abaixo…). http://vidadesuporte.com.br/suporte-a-serie/especial-macgyver-aprova/

continua...

2014-01-09

9 Jan 2014 | 1 min de leitura

17 sinais de que você é um chato à mesa de jogo… http://www.buzzfeed.com/justinabarca/signs-youre-a-board-game-monster

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Feliz aniversário!

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Confesso que nunca aceitei os fundamentos da homeopatia, e nem entendo por que raios o Conselho Federal de Medicina a reconhece como especialidade médica. Pena que esta página se aplica ao Reino Unido e não ao Brasil. http://www.quackometer.net/blog/2014/01/homeopathy-psa-accreditation.html

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Você vai? http://www.ggjcwb.com/

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Os segredos arquitetônicos de Brasília. http://vejabrasil.abril.com.br/brasilia/materia/os-segredos-dos-escombros-1403

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Recentemente, tive oportunidade de formular reclamações ao Correio em razão de entregas não efetuadas e em razão de encomendas desaparecidas no fluxo postal. Minha experiência com estas reclamações tem sido sempre a mesma: se a encomenda é encontrada e entregue, a empresa se dá por satisfeita e não procura saber o que aconteceu, dando a reclamação por resolvida. Seria de se esperar que uma empresa séria investigasse estes casos, procurando determinar a origem dos problemas para que eles pudessem ser sanados. Mas o Correio já não parece preocupado com qualidade, ao contrário de décadas passadas em que chegou a ser considerado o serviço público mais eficiente do Brasil. É verdade que, considerando o nível da concorrência, talvez ainda o seja… A título de ilustração: duas encomendas feitas nos EUA e com entrega no Brasil simplesmente não apareceram por meses no fluxo postal. É interessante ver pelo código de rastreamento o que aconteceu com elas: LN826934421US (enviada dos EUA em 3 de novembro de 2013) LJ909250447US (enviada dos EUA em 9 de outubro de 2013) PS: Eu gostaria de postar esta mensagem na página do Correio aqui no Facebook, mas por alguma razão misteriosa eles não habilitaram esta possibilidade…

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Falar mal é proibido.

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, o nosso contato no Hotel Estância Betânia (Geisa) já está de volta de suas férias, e já está pronta para receber as reservas. Lembrem-se: quanto mais cedo, maior o desconto. E para os desavisados: http://www.confraria-ludica.org/node/261

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, o nosso contato no Hotel Estância Betânia (Geisa) já está de volta de suas férias, e já está pronta para receber as reservas. Lembrem-se: quanto mais cedo, maior o desconto. E para os desavisados: http://www.confraria-ludica.org/node/261

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Pessoal, o nosso contato no Hotel Estância Betânia (Geisa) já está de volta de suas férias, e já está pronta para receber as reservas. Lembrem-se: quanto mais cedo, maior o desconto.

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Não entendo! Como é que um dos representantes maiores da imprensa golpista e reacionária pode publicar uma nota na qual fala do maquiavélico complô dos EUA contra o governo democrático brasileiro? (Nota: para os menos avisados, a frase acima é irônica…) http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2014/01/08/kennedy-a-deposicao-de-jango-por-elio-gaspari-520168.asp

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

Há poucos dias tomei conhecimento do disposto na Lei 12.891/2013 (a minirreforma eleitoral), que entre outros dispositivos proíbe publicações que contenham agressões ou ataques a candidatos em sítios da internet, inclusive redes sociais . E hoje leio que a página do PT na terça-feira foi usada para vilipendiar candidatos da oposição. Mais uma vez, constata-se que, para muitos partidários do governo, as leis são para os outros. http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/noticia/2014/01/pagina-do-pt-no-facebook-publica-texto-com-ataques-eduardo-campos.html

continua...

2014-01-08

8 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://xkcd.com/1314/

continua...

2014-01-07

7 Jan 2014 | 1 min de leitura

Para quem acha que safadeza e mentiras só acontecem no Brasil… https://medium.com/war-is-boring/4ce54d59124b

continua...

2014-01-07

7 Jan 2014 | 1 min de leitura

Gosto de acompanhar (de longe, por força das circunstâncias) as atividades de meus queridos filhos, no Facebook por exemplo. Hoje recebi a notificação que meu filho Arthur Colombo Duarte havia feito um comentário a uma notícia divulgada em uma das páginas que ele curte. Antes de ver o comentário, fui conferir a notícia e descobri que ela era falsa. Voltei para o Facebook… e descobri que o comentário dele justamente indicava que a notícia é falsa. Muito bem, meu filho! Como você demonstra bem saber, não é porque uma informação concorda com nossas ideias que ela não deve ser confirmada. Pensamento crítico sempre. Coisas assim aquecem o coração de um pai…

continua...

2014-01-06

6 Jan 2014 | 1 min de leitura

A iniciativa do prefeito Haddad é, presumivelmente, bem intencionada. Mas vamos nos colocar na posição de uma pessoa desempregada, que não se droga. Por que ela será preterida em favor de outra que se droga para conseguir um emprego na municipalidade? A política pretendida favorece quem erra em detrimento de quem não o faz. http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2014/01/haddad-quer-tirar-dependentes-da-cracolandia-com-oferta-de-emprego.html

continua...

2014-01-06

6 Jan 2014 | 1 min de leitura

Já tive oportunidade de comentar aqui no Facebook que uma coisa que me surpreendeu desagradavelmente em Curitiba foi a ausência de uma política municipal para os animais de rua. A notícia abaixo é apenas um caso mais extremo de uma situação que se repete por toda a cidade, longe das áreas nobres e turísticas da cidade. E, da mesma maneira que tantas outras esferas do poder público em nosso país, também aqui a prefeitura e seus órgãos aprenderam a bela arte de dizer que não podem fazer nada. http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2014/01/caes-fazem-correios-suspender-entrega-de-cartas-em-rua-de-curitiba.html

continua...

2014-01-06

6 Jan 2014 | 1 min de leitura

Interessante a postura de Fernando Haddad. Discorda do governo federal, reclama por mais verba, quer poder aumentar os impostos desigualmente, e diz que a culpa por São Paulo não evoluir é das classes dominantes (ele não usa esta expressão, mas refere-se à Casa Grande da capital paulista e parece equipará-la à FIESP). E não afirma, mas também não contesta a hipótese de o Judiciário não ter permitido o aumento do IPTU por razões políticas. Volto à velha questão: em um governo controlado pelo partido dele há dez anos, com o Estado completamente aparelhado politicamente, com magistrados majoritariamente indicados pelo PT e com o grande capital nacional apoiando este projeto de poder, como é que ainda se tem a coragem de atribuir culpa por fracassos a políticos (presumivelmente da oposição) e à luta de classes? É mais fácil acreditar nas forças ocultas de Jânio Quadros. http://brasil.elpais.com/brasil/2014/01/03/politica/1388787506_411833.html

continua...

2014-01-06

6 Jan 2014 | 1 min de leitura

Corretíssimo. http://www1.folha.uol.com.br/colunas/gregorioduvivier/2014/01/1393513-xingamento.shtml

continua...

2014-01-06

6 Jan 2014 | 1 min de leitura

Gamification na prática.

continua...

2014-01-05

5 Jan 2014 | 1 min de leitura

http://imgs.xkcd.com/comics/duty_calls.png

continua...

2014-01-05

5 Jan 2014 | 2 min de leitura

Estava lendo uma discussão no Boardgamegeek (no forum RSP — nada a ver com jogos) a respeito da falecida baronesa Margaret Thatcher. Quase todos os britânicos que participaram da discussão a condenaram, usualmente por coisas como ela acabou com o meu emprego . Obviamente os súditos britânicos são mais qualificados para avaliar o legado de Thatcher do que um simples observador brasileiro, pouco informado sobre o assunto. Mas não deixo de achar curioso que alguém tão condenada tenha sido tão relevante para o Reino Unido e para o mundo. Por outro lado, pesquisando um pouco a respeito encontrei um trecho de entrevista concedida por ela em 1987, quando já era primeira-ministra pela terceira vez. O trecho é particularmente atraente para quem quer pensar o futuro do Estado brasileiro: I think we have gone through a period when too many children and people have been given to understand I have a problem, it is the Government’s job to cope with it! or I have a problem, I will go and get a grant to cope with it! I am homeless, the Government must house me! and so they are casting their problems on society and who is society? There is no such thing!

continua...

2014-01-05

5 Jan 2014 | 1 min de leitura

Se um professor quiser investir tempo no debate filosófico, seja na escola pública ou na particular, haverá pressão até mesmo dos pais dos alunos para que a aula volte a ser dedicada à preparação para o vestibular. http://cienciahoje.uol.com.br/alo-professor/intervalo/2013/08/hora-de-modernizar

continua...

2014-01-04

4 Jan 2014 | 1 min de leitura

Chamem de antropomorfismo se quiserem… mas o Spirit merece a lembrança.

continua...

2014-01-04

4 Jan 2014 | 1 min de leitura

Garimpado pela @[1392640159:2048:Joanneliese Freitas]… Muito bom. www.revistabula.com/1236-etica-livro-13-mandamentos/

continua...

2014-01-02

2 Jan 2014 | 1 min de leitura

A frase de Isaac Asimov que consta nesta imagem continua particularmente relevante. Com efeito, hoje em dia existe uma triste falácia, disseminada em nossa sociedade, de que ser democrático é uma virtude que se aplica a todos os campos da experiência humana. Não é assim: a democracia é um bom sistema político, mas isso não implica que as mesmas características que dão a sua força neste campo sejam também virtudes em outros campos — da ciência à vida em sociedade, por exemplo. Todos são iguais perante a lei não pode ser interpretado como Todos são iguais — porque isso é manifestamente contrafactual. A isonomia legal, uma grande conquista de nossa sociedade, não pode servir como base para um igualitarismo rasteiro.

continua...

2014-01-02

2 Jan 2014 | 1 min de leitura

Excelente reflexão. http://www.observatoriodaimprensa.com.br/news/view/_ed779_dos_que_tanto_amam_odiar_a_imprensa

continua...

2014-01-01

1 Jan 2014 | 1 min de leitura

XKCD é sempre bom. O primeiro de 2014 mostra as expectativas de décadas passadas sobre o nosso presente. http://xkcd.com/1311/

continua...

2013-12-31

31 Dec 2013 | 1 min de leitura

Amigos de longe e de perto, quero aproveitar o fim do ano e estender a todos os meus votos de felicidades e o meu muito obrigado pelos muitos jogos discutidos e jogados em 2013. Espero poder encontrá-los à mesa de jogo em 2014, quem sabe no 3º Retiro Lúdico? https://www.facebook.com/events/1385779278339581/?ref=23 Um abraço!

continua...

2013-12-31

31 Dec 2013 | 1 min de leitura

Amigos de longe e de perto, quero aproveitar o fim do ano e estender a todos os meus votos de felicidades e o meu muito obrigado pelos muitos jogos discutidos e jogados em 2013. Espero poder encontrá-los à mesa de jogo em 2014, quem sabe no 3º Retiro Lúdico? https://www.facebook.com/events/1385779278339581/?ref=23 Um abraço!

continua...

2013-12-30

30 Dec 2013 | 1 min de leitura

Mais curiosa ainda é a afirmação de alguns segundo os quais haveria plena compatibilidade entre socialismo e democracia, quando isto não se verificou historicamente em nenhum lugar. O socialismo no Poder se caracterizou pela tirania totalitária. http://oglobo.globo.com/opiniao/o-embuste-ideologico-11167368

continua...

2013-12-30

30 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2013/12/negativos-fotograficos-de-100-anos-sao-encontrados-na-antartica.html

continua...

2013-12-30

30 Dec 2013 | 1 min de leitura

É evidente que não cabe apontar culpados com base em uma simples notícia. No entanto, o lamentável neste caso é que a acusação que pesa sobre o desembargador é verossímel, já que é comportamento lamentavelmente comum entre os que detêm algum poder. http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2013/12/vou-leva-lo-ao-cnj-diz-cliente-apos-confusao-com-desembargador-do-rn.html

continua...

2013-12-30

30 Dec 2013 | 1 min de leitura

Garimpado pela minha filha… http://www.youtube.com/watch?v=81QmtPKhmyc&hd=1

continua...

2013-12-29

29 Dec 2013 | 1 min de leitura

@[1640420595:2048:Luis Olavo Dantas], quer comentar? :) http://comicsalliance.com/10-best-marvel-movie-casting-actors/?utm_source=zergnet.com&utm_medium=referral&utm_campaign=zergnet_121514

continua...

2013-12-28

28 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www.bbc.co.uk/portuguese/videos_e_fotos/2013/12/131228_galeria_imagens_espaco_2103_rw.shtml

continua...

2013-12-27

27 Dec 2013 | 1 min de leitura

Que tal ver as predições do ano passado e ver quantas delas se cumpriram?

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Mais um para a minha wishlist…

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Felicidades, Gisele!

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Importante pesquisa histórica divulgada pela revista @[217295094966945:274:Ciência Hoje]. Especialmente relevante porque estes movimentos políticos não desapareceram da cena mundial em geral e da brasileira em particular. http://cienciahoje.uol.com.br/revista-ch/2013/300/infancia-roubada

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Um aviso muito relevante para designers de jogos: dont forget that the social interactions your game promotes are just as important as the actual game rules and mechanics. http://www.brasscastlegames.co.uk/?p=113

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Resposta à pergunta clássica: http://style.org/unladenswallow/

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Uma visão muito interessante dos desafios futuros da computação. É útil notar que, como o autor menciona, o maior desafio é desenvolver os algoritmos que possam processar estas grandes quantidades de dados. Por enquanto estão sendo adotadas estratégias de força bruta , como a computação distribuída, mas os algoritmos ainda são os mesmos de décadas atrás. Cada vez mais a matemática se mostra uma peça-chave para a evolução da ciência. http://cienciahoje.uol.com.br/revista-ch/2013/306/pdf_aberto/bigdata306.pdf

continua...

2013-12-26

26 Dec 2013 | 1 min de leitura

Poucos ainda devem se lembrar do ministro Hélio Beltrão, que foi ministro para a desburocratização durante o governo do presidente Figueiredo. Esta pasta foi responsável, à época, por uma série de medidas absolutamente necessárias e importantes. Mas infelizmente a ausência de uma política consistente nos governos subsequentes inviabilizou a continuação do projeto. Hoje o Brasil já não tem atestados de vida e outras barbaridades burocráticas do passado. Mas nada impede que o nosso Estado cartorial continue a criar montanhas de papel carimbado que entravam as atividades. http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2013/12/burocracia-dificulta-importacao-de-material-de-pesquisa-dizem-cientistas.html

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

Ah, essas empresas… http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/12/mcdonalds-tira-do-ar-site-que-aconselhava-evitar-fast-food.html

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www.bbc.co.uk/portuguese/videos_e_fotos/2013/12/131222_galeria_natgeo_dg.shtml

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 2 min de leitura

Como os canadenses gozam a cara de seus vizinhos ao sul. On behalf of Canadians everywhere I’d like to offer an apology to the United States of America. We haven’t been getting along very well recently and for that, I am truly sorry. I’m sorry we called George Bush a moron. He is a moron but, it wasn’t nice of us to point it out. If it’s any consolation, the fact that he’s a moron shouldn’t reflect poorly on the people of America. After all it’s not like you actually elected him. I’m sorry about our softwood lumber. Just because we have more trees than you doesn’t give us the right to sell you lumber that’s cheaper and better than your own. I’m sorry we beat you in Olympic hockey. In our defence I guess our excuse would be that our team was much, much, much, much better than yours. I’m sorry we burnt down your White House during the war of 1812. I notice you’ve rebuilt it! It’s Very Nice. I’m sorry about your beer. I know we had nothing to do with your beer but, we feel your pain. I’m sorry about our waffling on Iraq. I mean, when you’re going up against a crazed dictator, you want to have your friends by your side.

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

É essencial, por exemplo, que se aceite como premissa básica que a ciência é, antes de um corpo de conhecimento enciclopédico que a humanidade vem acumulando ao longo dos séculos, o modo de pensar e agir sobre o mundo que gerou esse conjunto de conhecimentos . http://cienciahoje.uol.com.br/alo-professor/intervalo/2013/09/o-cientista-no-imaginario-popular

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www.tudointeressante.com.br/2013/12/30-imagens-do-momento-que-antecede-um-fail.html

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

O aumento global da riqueza tem como consequência o aumento do poder de quem tem dinheiro. Como diz o autor do estudo, o grande problema é que as pessoas que detêm este poder não são responsabilizáveis (accountable) e o mais das vezes podem agir impunemente em razão de seus objetivos pessoais. Não é de surpeeender que o big business mande na ciência, pois já manda na política e na sociedade de consumo. http://www.theguardian.com/environment/2013/dec/20/conservative-groups-1bn-against-climate-change

continua...

2013-12-25

25 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2013/12/ajudou-gente-diz-mae-de-menina-que-fez-sinais-em-apresentacao.html

continua...

2013-12-24

24 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/rj/norte-fluminense/noticia/2013/12/veterinarios-alertam-para-os-perigos-de-fogos-de-artificios-para-os-animais.html

continua...

2013-12-24

24 Dec 2013 | 1 min de leitura

Correções póstumas de erros históricos sempre deixam um gosto amargo na boca. Mas nem por isso devem deixar de ser feitas. http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2013/12/pai-da-computacao-turing-recebe-o-perdao-real-59-anos-apos-morrer.html

continua...

2013-12-20

20 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2013/12/fab-afasta-controladores-apos-aviao-fazer-manobra-para-evitar-batida-no-ar.html

continua...

2013-12-20

20 Dec 2013 | 1 min de leitura

Meu querido pai estranhou quando eu coloquei aqui em meu perfil que eu sou de Brasília. Mas, conquanto eu tenha nascido no Rio, foi em Brasília que eu cresci e são de Brasília as minhas melhores recordações. Não foi com o coração leve que eu deixei para trás esta cidade, onde até hoje moram muitos de meus familiares e amigos. http://curiosidadesbrasilia.blogspot.com.br/2013/11/se-voce-e-de-brasilia.html

continua...

2013-12-20

20 Dec 2013 | 1 min de leitura

Um machismo que não se restringe àquele que posta a imagem: afinal, por que um vídeo de sexo ou mesmo uma cena de nudez parcial destrói a vida de meninas e mulheres e não dos homens, que não raro aparecem nas imagens? www.apublica.org/2013/12/como-um-sonho-ruim-adolescentes-sofrem-ciberbullying-suicidio/

continua...

2013-12-20

20 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://oglobo.globo.com/opiniao/direcao-perigosa-11119394

continua...

2013-12-20

20 Dec 2013 | 1 min de leitura

Um exemplo interessante dos problemas inerentes em decisões de grupo. Eu não conhecia o conceito, mas me interessei quando o vi mencionado em uma nota do blog do Noblat. http://en.wikipedia.org/wiki/Abilene_paradox

continua...

2013-12-19

19 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=sjI2_rOen4Q

continua...

2013-12-19

19 Dec 2013 | 1 min de leitura

O artigo do César Ades eu não achei, mas este é interessante: www5.usp.br/27064/estudo-do-ip-avalia-memoria-canina-e-atesta-vinculos-com-humanos/

continua...

2013-12-19

19 Dec 2013 | 1 min de leitura

Alguma surpresa com estes resultados? :) http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2013/12/cachorros-reconhecem-rostos-familiares-diz-estudo.html

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Fácil fazer economia sem pagar as contas. O Senado foi condenado anos atrás a pagar as URVs aos seus funcionários e eu (e muitos outros) ainda temos um resíduo a receber, que a casa enrola, enrola e não paga. Quais outras contas não foram pagas? http://g1.globo.com/politica/noticia/2013/12/senado-vai-devolver-r-275-milhoes-nao-gastos-em-2013-diz-renan.html

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Eu tive e tenho o prazer de conhecer várias mulheres sensacionais no lado geek da vida. É por isso que situações como a descrita na thread http://www.boardgamegeek.com/thread/1046536/women-in-wargaming chocam profundamente.

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Eu tive e tenho o prazer de conhecer várias mulheres sensacionais no lado geek da vida. É por isso que situações como a descrita na thread http://www.boardgamegeek.com/thread/1046536/women-in-wargaming chocam profundamente.

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/posts/2013/12/18/canada-promove-futebol-sem-gols-518548.asp

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://oglobo.globo.com/opiniao/a-sindrome-de-virginia-lane-11096275

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Uma interessante visão do passado sobre os jogos do futuro. http://www.gameology.org/blog/futures_of_video_gamings_past_part_1

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Há alguns anos eu tive uma conta no Facebook, e cometi Facebookcídio quando a quantidade de abobrinhas ficou muito maior que a de coisas úteis. Agora o problema é outro… parece que o Facebook está disposto a me convencer a desistir de novo. http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2013/12/facebook-lancara-videos-publicitarios-nos-perfis-de-usuarios-diz-jornal.html

continua...

2013-12-18

18 Dec 2013 | 1 min de leitura

Vejamos se o governador sanciona antes de comemorar. http://catracalivre.com.br/sp/muito-mais-sao-paulo/indicacao/alesp-proibe-testes-com-animais-para-fins-cosmeticos-e-de-higiene-pessoal/

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

A situação em si já é revoltante, mas o comportamento do policial (civil?) consegue ser pior.

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

Curioso. Nos EUA, a utilização de um número único (e facilmente memorizável) para todos os serviços de emergência remonta ao final da década de 1960. No Brasil, convivemos há décadas com uma multidão de números de emergência diferentes para as mais diversas situações — e agora o governo do Rio resolve criar mais dois, dedicados a apenas um bairro! g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2013/12/operacao-lapa-presente-no-rio-tera-disque-denuncia-exclusivo.html

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

Pergunta: se as concessionárias puderam pagar os grandes ágios que pagaram, para que precisam de empréstimo do BNDES? http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/2013/12/bndes-aprova-r-427-bi-para-aeroportos-de-guarulhos-e-de-brasilia.html

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www.buzzfeed.com/summeranne/60-comics-everyone-should-read

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://d24w6bsrhbeh9d.cloudfront.net/photo/aKzGPL1_700b_v1.jpg

continua...

2013-12-17

17 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://oglobo.globo.com/opiniao/a-morte-de-jk-acidente-a-farsa-11086283

continua...

2013-12-16

16 Dec 2013 | 1 min de leitura

E os roqueiros ainda se espantam quando o Rock in Rio traz tanta gente que não tem nada a ver com rock… http://g1.globo.com/musica/noticia/2013/12/rock-sai-do-top-30-de-radios-do-brasil-pela-1-vez-desde-2000-veja-lista.html

continua...

2013-12-16

16 Dec 2013 | 1 min de leitura

3o Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1385779278339581/?ref=22

continua...

2013-12-16

16 Dec 2013 | 1 min de leitura

3o Retiro Lúdico: https://www.facebook.com/events/1385779278339581/?ref=22

continua...

2013-12-15

15 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2013/12/mulheres-reagem-pornografia-da-vinganca-na-internet.html

continua...

2013-12-13

13 Dec 2013 | 1 min de leitura

Ah, o politicamente correto…

continua...

2013-12-13

13 Dec 2013 | 1 min de leitura

Há alguns anos meu caro amigo @[100003805085039:2048:Yvanov Beholder] participou de uma recriação da Batalha do Rio da Prata usando as regras do Command at Sea. Foi uma experiência muito interessante, e os resultados dela podem ser encontrados em http://www.luiz.claudio.nom.br/riverplate.shtml

continua...

2013-12-12

12 Dec 2013 | 1 min de leitura

Muito boa matéria de Cláudia Croitor. Um de seus comentários merece ser destacado: Não escolha gêneros. Tem coisa boa em qualquer um deles: o importante é ser bom. Gosto zero de ficção científica e não ligo a mínima para naves espaciais e ainda assim ‘Battlestar Galactica’ é uma das melhores coisa que eu vi na vida, para dar um exemplo. Justamente o melhor de Battlestar Galactica é ser uma série que escapa do feijão-com-arroz da ficção científica na TV ou no cinema, e joga no colo do espectador uma grande quantidade de perguntas inquietantes — ou seja, neste sentido corresponde ao melhor que a FC literária consegue produzir. g1.globo.com/pop-arte/legendado/platb/2013/12/11/um-guia-para-o-mundo-das-series-ou-como-ver-series/

continua...

2013-12-12

12 Dec 2013 | 1 min de leitura

Completamente inaceitável — e o mais surpreendente é que a justiça federal em primeira instância tenha negado o direito das vítimas. g1.globo.com/ap/amapa/noticia/2013/12/justica-vai-indenizar-ribeirinhos-usados-como-cobaias-humanas-no-ap.html

continua...

2013-12-11

11 Dec 2013 | 1 min de leitura

Muito bom.

continua...

2013-12-11

11 Dec 2013 | 1 min de leitura

Uma das piores decisões estratégicas de toda a história das guerras. ww2db.com/image.php?image_id=9273

continua...

2013-12-11

11 Dec 2013 | 1 min de leitura

Bonitas fotos. http://g1.globo.com/natureza/noticia/2013/12/alpinistas-escalam-cachoeira-de-gelo-para-ensaio-fotografico-na-noruega.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

Belo exemplo. http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2013/12/garoto-de-12-anos-e-agredido-por-policial-militar-em-curitiba.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

Nós pensávamos que estávamos no céu quando elegemos Dilma, elegemos Patrício [deputado distrital pelo PT], elegemos Agnelo… http://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2013/12/sargento-da-pmdf-diz-em-video-que-sem-aumento-troco-sera-na-copa.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

Mais fácil condenar a vítima do que procurar e condenar os culpados. http://g1.globo.com/mundo/noticia/2013/12/somalia-condena-vitima-de-estupro-e-jornalistas-por-divulgar-crime.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

E seguem os crimes virtuais, já não mais cometidos por criminosos contumazes, mas por pessoas comuns. http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/12/me-fez-muito-mal-diz-jovem-que-teve-perfis-falsos-criados-em-sites-adultos.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

A condenação foi em 1992, segundo a reportagem. Muito elogiável a velocidade da execução da pena. http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2013/12/leilao-de-imoveis-de-fraudadora-do-inss-vai-aceitar-lances-virtuais.html

continua...

2013-12-10

10 Dec 2013 | 1 min de leitura

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/12/1383206-brasil-e-o-lugar-mais-importante-para-o-narcotrafico-diz-estudo.shtml

continua...

2013-12-09

9 Dec 2013 | 1 min de leitura

Lamentável. http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2013/12/inpe-confirma-fracasso-no-lancamento-de-satelite-na-china.html

continua...

2013-12-09

9 Dec 2013 | 1 min de leitura

Febre de espionagem. Agora os espiões são pagos para jogar WoW. http://www.nytimes.com/2013/12/10/world/spies-dragnet-reaches-a-playing-field-of-elves-and-trolls.html?_r=0

continua...

2013-12-09

9 Dec 2013 | 1 min de leitura

Um dos meus deleites como aficionado por jogos é em demonstrar a sua riqueza para novos jogadores em perspectiva. A experiência abaixo mostra a receptividade que geralmente se obtém com isso. http://www.boardgamegeek.com/thread/1084089/a-particularly-regrettable-wargaming-regret

continua...

2013-12-09

9 Dec 2013 | 1 min de leitura

A velha polêmica. Parece indiscutível que os irmãos Wright voaram antes de Santos-Dumont. Mas a intenção dos Wright era comercial e por isso mantiveram o segredo. Já Santos-Dumont tinha o espírito que deseja expandir o conhecimento da humanidade e por isso seu trabalho era sempre aberto. Em particular, ele abriu para o público o projeto do Demoiselle, contribuindo imensamente para o progresso da técnica aeronáutica e para a difusão da alegria de voar. http://news.cnet.com/8301-11386_3-57592900-76/were-the-wright-brothers-really-first-not-in-brazil/

continua...

2013-12-09

9 Dec 2013 | 1 min de leitura

Nossos soldados, abandonados como sempre. E continuam cumprindo seu dever. http://g1.globo.com/brasil/noticia/2013/12/soldados-que-defendem-fronteiras-da-amazonia-vivem-na-idade-da-pedra.html

continua...

2013-12-05

5 Dec 2013 | 1 min de leitura

Esta foi inspirada no trabalho do usuário thelivekennedy do BGG. Serve para todas aquelas situações em que você quer explicar como é um jogo de tabuleiro moderno.

continua...

2013-12-05

5 Dec 2013 | 1 min de leitura

Isso é que é senso de propriedade… http://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2013/12/nos-eua-trailer-de-ninfomaniaca-e-exibido-antes-de-animacao-da-disney.html

continua...

2013-12-05

5 Dec 2013 | 1 min de leitura

Depois do Ministro do Esporte prestar declarações infelizes ontem, chega a vez das administrações locais fazerem suas burradas. Não sei se a Copa vai ser padrão Fifa , mas certamente está sendo tocada pelos políticos e empreiteiros padrão Brasil. http://globoesporte.globo.com/futebol/copa-do-mundo/noticia/2013/12/cidades-atrasadas-escondem-estadios-em-apresentacoes-no-sauipe.html

continua...

2013-12-04

4 Dec 2013 | 1 min de leitura

Completamente lamentável. http://negrobelchior.cartacapital.com.br/2013/12/02/shopping-vitoria-corpos-negros-no-lugar-errado/

continua...

2013-12-04

4 Dec 2013 | 1 min de leitura

Felicidades, meu amigo.

continua...