Um presente e um elogio

A generosidade e a gentileza de meus amigos.

Ontem, tive a alegria de encontrar meus queridos confrades Marcelo, Claudio e Theodoro. Encontros raros em tempo de pandemia, mas sempre preciosos. A conversa fluiu por horas – às vezes exasperante, verdade, mas isso não é novidade com meus amigos.

Em todo caso, ontem ganhei deles um outro presente, para além da sua companhia. A certa altura, referi-me a uma frase famosa de um papa – “Agora que somos papa, vamos aproveitar” – e a atribuí a Alexandre VI. Theodoro logo me corrigiu, dizendo que foi Leão X quem a proferiu.

Foi uma alegria para eles, dizendo que é raro terem oportunidade de me corrigir. E Marcelo atalhou, dizendo que isso era um elogio.

Concordo inteiramente, e fiquei muito feliz com o elogio e com o presente. Todos os meus confrades são pessoas estudadas, com muitos anos de experiência e com grandes conhecimentos em suas áreas. Já mencionei aqui, em meu blog, como fico feliz em aprender; é muito bom poder participar de um grupo de pessoas tão estimulante. Corrigido ou não, sempre aprendo em nossas conversas.

Obrigado, meus amigos.

O Quartel-Mestre
O Quartel-Mestre
polímata
filomático
pesquisador
escritor

LUIZ CLÁUDIO, o Quartel-Mestre, the Rules Lawyer, conversa e escreve sobre jogadores e jogos de todos os tipos, sobre ludologia, narrativas, poesia, e mais.

Próximo
Anterior