40 anos da Confraria Lúdica

Não foi em um Dia das Crianças, e os três jovens já não eram crianças – embora não fossem ainda adultos. Reuniam-se quase todos os dias, à tarde, para jogar. No início, 1914 e War, com alguns dos jogos publicados na coleção Todos os Jogos para variar um pouco.

“Vamos fazer uma Confraria Lúdica?” “Vamos.” “Está criada.”

O início tão singelo não revelava o poder que aquela ideia teria. O repertório de jogos foi crescendo, e – mais importante – o grupo de amigos foi crescendo também.

O jogo é mais do que uma coleção de regras e componentes. Esta coleção só se torna jogo quando pessoas a transformam em uma maravilhosa atividade social.

Há quarenta anos, não imaginávamos o que teríamos pela frente. Hoje, apreciamos os quarenta anos que passaram, e a experiência nos permite imaginar muita coisa que poderá acontecer.

Mas, como em todo bom jogo, surpresas nos esperam, e são o melhor da partida.

Continuamos crianças. Sempre.

FB image

O Quartel-Mestre
O Quartel-Mestre
polímata
filomático
pesquisador
escritor

LUIZ CLÁUDIO, o Quartel-Mestre, the Rules Lawyer, conversa e escreve sobre jogadores e jogos de todos os tipos, sobre ludologia, narrativas, poesia, e mais.

Próximo
Anterior