2017-04-28

Nesta última quarta, dia 26, o ex-presidente Lula concedeu longa entrevista ao jornalista Kennedy Alencar. A entrevista foi exibida no SBT.

Para começar, a entrevista mais uma vez demonstra que Lula só tem coragem de falar com jornalistas amistosos ou amestrados.

Mas não é este meu principal ponto. A certa altura, o ex-presidente fala:

Você já foi à loja com sua mulher comprar sapatos? Você viu que às vezes ela pede para o cara da loja descer 40 caixas, ela bota os 40 no pé, depois ela fala que não quer nenhum, levanta e vai embora?

Em março do ano passado, muitas feministas fizeram grandes ginásticas verbais para dizer que, quando Lula falou nas ativistas de grelo duro do PT, não foi machista. À época, perguntei o que aconteceria se outra pessoa qualquer usasse a mesmíssima expressão.

Repito a pergunta. O que nossas feministas e as redes sociais da Internet diriam se o presidente Michel Temer falasse exatamente as mesmas palavras ditas pelo ex-presidente?

=======

Quero deixar claro que machismo e feminismo não devem ser as únicas réguas para medir a adequação ou capacidade de um político. Esta é uma questão por demais complexa — especialmente em se tratando de líderes nacionais — para ser resolvida com base em apenas um critério.

O que quero — exijo! —, em um debate que se pretenda sério, é que as mesmas regras se apliquem a todos.

O Quartel-Mestre
O Quartel-Mestre
polímata
filomático
pesquisador
escritor

LUIZ CLÁUDIO, o Quartel-Mestre, the Rules Lawyer, conversa e escreve sobre jogadores e jogos de todos os tipos, sobre ludologia, narrativas, poesia, e mais.

Próximo
Anterior